20.04.2021 Views

Tarot Grátis V1

You also want an ePaper? Increase the reach of your titles

YUMPU automatically turns print PDFs into web optimized ePapers that Google loves.

Apresentação

Objetivosdocurso

Explicarosfundamentosfilosóficos,psicológicoseespirituais

dascartasdoTarot.

Demonstrarcomocadapesoapodeevitarfracasos

comousopremonitóriodoTarot.

Ensinarmétodossimples,diretoseobjetivosparaprevisãoacertada.

Conhecerossegredospremonitóriosdosfaraósegípcios.

SomarculturaaosestudiososdoantigoEgito.

Ensinandom elhor

Desdede1986


DIREITOS AUTORAIS

© Copyright by Marcus Roberio M. Sá

Todos os direitos reservados. Proibida a reprodução total ou parcial, por

qualquer meio ou processo, especialmente por sistemas gráficos, microfílmicos,

fotográficos, reprográficos, fonográficos, videográficos e eletrônicos.

O material textual deste curso está registrado no MINISTÉRIO DA CULTURA

DA REPÚBLICA FEDERATIVA DO BRASIL.

Eventuais vídeos, marcas e materiais diversos aqui publicados são pertencentes

aos seus respectivos proprietários.


AUTOR

Prof. Marcus Roberio M. Sá

Diretor da VOPPUS STELLA MARIS, Projetista Industrial, Acadêmico em

Economia, Professor de Antropologia Holística há 25 anos, Professor e escritor

de mais de 28 cursos de Terapias Alternativas, Metafísica, Paraciências, Yoga e

outros, Atuante na área de Terapias Alternativas há mais de 20 anos, Escritor,

Conferencista, Acupunturista, Massoterapeuta, Terapeuta Holístico, Tarólogo,

Radiestesista, Quirólogo, Astrólogo.


Curso de Tarot Egípcio

LIÇÃO 1 ‐ TAROT: A ARTE DE PREDIZER

Segredo oculto no baralho comum ‐ Respostas às perguntas mais comuns sobre Tarot

Antecipações: guia pessoal para evitar o fracasso ‐Fundamento do Tarot ‐ Significado da divisão

ternária dos Arcanos ‐ O Segredo dos Números ‐ As 22 letras hebraicas

LIÇÃO 2 ‐ NOÇÕES DE NUMEROLOGIA

Escala numerológica cabalística de sua idade ‐ Potências numerológicas do nome pessoal e data de

nascimento ‐ Cálculos numerológicos: Urgência Interior, Talento natural , Tônica fundamental e

Tônica diária

LIÇÃO 3 ‐ ARCANOS MAIORES

Simbologia egípcia ‐ Topografia dos Arcanos ‐ Dez elementos fundamentais das lâminas ‐ Arcano

1: O Mago ‐ Arcano 2: A Sacerdotisa ‐ Arcano 3: A Imperatriz ‐ Arcano 4: O Imperador

LIÇÃO 4 ‐ ARCANOS MAIORES

Arcanos Maiores ‐ Minuciosas explicações dos significados dos Arcanos ‐ Arcano 5: O Hierarca ‐

Arcano 6: A Indecisão ‐ Arcano 7: O Triunfo ‐ Arcano 8: A Justiça

LIÇÃO 5 ‐ ARCANOS MAIORES

Arcanos Maiores ‐ Arcano 9: O Eremita ‐ Arcano 10: A Retribuição ‐ Arcano 11: A Persuasão ‐

Arcano 12: O Apostolado

LIÇÃO 6 ‐ ARCANOS MAIORES

Arcanos Maiores ‐ Em cada lâmina você encontrará grande quantidade de informações a respeito

da universalidade dos Arcanos ‐ Arcano 13: A Imortalidade ‐ Arcano 14: A Temperança ‐ Arcano

15: A Paixão ‐ Arcano 16: A Fragilidade


LIÇÃO 7 ‐ ARCANOS MAIORES

Arcanos Maiores ‐ Todo aquele que conhece os Arcanos, conforme explicado neste curso, será

capaz de entender muitos fenômenos de sua vida pessoal ‐ Arcano 17: A Esperança ‐ Arcano 18: O

Crepúsculo ‐ Arcano 19: A Inspiração ‐ Arcano 20: A Ressurreição

LIÇÃO 8 ‐ ARCANOS MAIORES

Arcanos Maiores ‐ Significado das lâminas ‐ Arcano 21: A Transmutação ‐ Arcano 22: O Regresso ‐

Preparo psicológico para a consulta ‐ Avisos e alertas ‐ Como usar o Método Amon‐Rá de predição

LIÇÃO 9 ‐ ARCANOS MENORES

Arcanos Menores ‐ Arcano 23: O Lavrador ‐ Arcano 24: A Tecelã ‐ Arcano 25: O Argonauta ‐ Arcano

26: O Prodígio ‐ Arcano 27: O Inesperado ‐ Arcano 28: A Incerteza ‐ Arcano 29: A Domesticidade ‐

Arcano 30: Intercâmbio ‐ Arcano 31: Impedimentos ‐ Arcano 32: Magnificência ‐ Arcano 33: A

Aliança

LIÇÃO 10 ‐ ARCANOS MENORES

Arcanos Menores ‐ Arcano 34: A Inovação ‐ Arcano 35: Desconsolo ‐ Arcano 36: A Iniciação ‐

Arcano 37: Arte e Ciência ‐ Arcano 38: Duplicidade ‐ Arcano 39: O Testemunho ‐ Arcano 40:

Pressentimento

LIÇÃO 11 ‐ ARCANOS MENORES

Arcanos Menores ‐ Filosofia iniciática do Tarot ‐ Arcano 41: Desassossego ‐ Arcano 42:

Preeminência ‐ Arcano 43: Alucinação ‐ Arcano 44: O Pensamento ‐ Arcano 45: Regeneração ‐

Arcano 46: O Patrimônio ‐ Arcano 47: Conjectura

LIÇÃO 12 ‐ ARCANOS MENORES

Arcanos Menores ‐ Visão psicológica e educativa dos ideogramas ‐ Arcano 48: Consumação ‐

Arcano 49: Versatilidade ‐ Arcano 50: Afinidade ‐ Arcano 51: Assessoramento ‐ Arcano 52:

Premeditação ‐ Arcano 53: Ressentimento ‐ Arcano 54: Exame ‐ Método Maat para previsão

LIÇÃO 13 ‐ ARCANOS MENORES

Arcanos Menores ‐ Arcano 55: Contrição ‐ Arcano 56: Peregrinação ‐ Arcano 57: Rivalidade ‐

Arcano 58: Recapacitação ‐ Arcano 59: Revelação ‐ Arcano 60: Evolução

LIÇÃO 14 ‐ ARCANOS MENORES

Arcanos Menores ‐ Arcano 61: Solidão ‐ Arcano 62: Proscrição ‐ Arcano 63: Comunhão ‐ Arcano 64:

Veemência ‐ Arcano 65: Aprendizagem ‐ Arcano 66: Perplexidade


LIÇÃO 15 ‐ OS ARCANOS MENORES

Arcanos Menores – Arcano 67: Amizade ‐ Arcano 68: Especulação ‐ Arcano 69: Azar ‐ Arcano 70:

Cooperação ‐ Arcano 71: A Avareza ‐ Arcano 72: Purificação

LIÇÃO 16 ‐ ARCANOS MENORES

Arcanos Menores – Arcano 73: O Amor e o Desejo ‐ Arcano 74: A Oferenda ‐ Arcano 75:

Generosidade ‐ Arcano 76: Dispensador ‐ Arcano 77: Desorientação ‐ Arcano 78: Renascimento

LIÇÃO 17 ‐ MÉTODOS DE PREVISÃO

Métodos de Previsão ‐ Tarólogos e charlatães ‐ Os 19 pontos fundamentais para uma eficiente

consulta ao Tarot ‐ Como manipular o Tarot ‐ Métodos de Thot, Kronos, Penta, explicados e

comentados ‐ Métodos Astrológicos para consultas sobre: saúde, negócios, afetos, karma,

realização profissional ou espiritual

LIÇÃO 18 ‐ CADERNO ESPECIAL: BARALHO

O objetivo deste caderno é proporcionar ao nosso estudante as lâminas dos Arcanos à fim de que

possa ter a ferramenta fundamental para o exercício deste sistema oracular egípcio ‐ Explicação

detalhada de como executar o Rito das Lâminas ‐ O objetivo fundamental do Rito das Lâminas é

criar uma sintonização pessoal e exclusiva das lâminas com seu possuidor. É claro que a pessoa

poderá utilizar as lâminas sem este rito, entretanto, ao praticá‐lo você estará injetando cargas

vibracionais personalizadas no baralho, facilitando a sua manipulação e eficiência.


LIÇÃO 01

TAROT: A ARTE DE PREDIZER


TAROT EGÍPCIO LIÇÃO 01

PREZADO ESTUDANTE:

Você, que se interessou por estes estudos, já deve ter ouvido muitas

coisas sobre este assunto. O baralho comum, o mesmo usado para jogos e

passatempos, na verdade é um fragmento degenerado do TAROT

genuíno. Evidentemente, todas as pessoas que já viram as cartas de jogo

possuem uma pálida idéia do que vem a ser o Tarot. Alguns o classificam como "baralho

para se ler a sorte".

O baralho tradicional compõe-se de 54 cartas, divididas em quatro naipes: paus, ouros,

espadas e copas, organizados sequencialmente, de 1 a 10, somando um total de 40

cartas. Acrescenta-se o Rei, a Dama e o Valete de cada naipe, o que perfaz um total de

12 cartas. Agrega-se mais 2 coringas. Total: 54 cartas. Na verdade, alguns baralhos

antigos tinham 56 cartas, entretanto, dependendo da época ou autor, ocorreram várias

alterações até chegar às características atuais.

SEGREDO OCULTO NO BARALHO COMUM

OS NÚMEROS

Como introdução veremos, de forma reduzida, as características esotéricas ocultas ou

metafísicas escondidas nas 54 cartas do baralho comum e que correspondem aos

ARCANOS MENORES do Tarot.

O ÁS corresponde ao número 1, símbolo do

surgimento da vida, a origem do Universo, o

ponto de partida de tudo o que existe. É a Luz, o

princípio ativo, masculino, gerador de toda

sucessão de fatos, eventos e fenômenos

universais.

O DOIS é o desdobramento do 1. Representa

as manifestações binárias da existência, como

dia-noite, sol-lua, céu-inferno, subir-descer,

dentro-fora, magia branca-magia negra, homemmulher,

calor-frio, úmido-seco, paz-guerra, etc.

Alegoriza a natureza feminina, terna ou suave da criação.

O TRÊS é a síntese harmônica entre o UM e o DOIS. Representa a LEI DO

TRIAMAZICANO ou a LEI DO TRÊS. Todo processo criativo possui três elementos

fundamentais: Homem, Mulher e o resultado da criação, isto é, o Filho. Na Teogonia

cristã, a Lei do Três está representada pela tríade Pai, Filho e Espírito Santo. Entre os

antigos egípcios correspondia a Osíris, Ísis e Horus.

O QUATRO corresponde à estabilização do que foi criado pelos três princípios

anteriores. O quatro pode ser observado nas diferentes manifestações da criação, como:

os quatro pontos cardeais, as quatro estações do ano, as quatro fases da Lua, etc.

O CINCO é a ordem ou hierarquia da estabilidade conferida pelo quatro. Esta potência

associa-se à busca de análise, indagações, implica ação correta e equilibrada. O cinco

também corresponde aos cinco sentidos, aos cinco dedos das mãos ou pés, etc.

2 VOPPUS STELLA MARIS


LIVRO DE THOT LIÇÃO 01

O SEIS alegoriza a conduta humana defrontando-se com a capacidade de escolha.

Indica dualidade, duplicidade, duas direções, dois caminhos. Pode ser representado pela

a estrela de seis pontas.

O SETE é o número da eficiência, integridade, clemência, busca de ascendência. No

Esoterismo, o sete alegoriza a LEI DO HEPTAPARAPARSHINOKH ou LEI DO SETE.

Corresponde a todas as manifestações setenárias da natureza e do homem.

O OITO é o número da moderação, o Caduceu de Mercúrio, a atuação da Justiça,

reflexão, o silêncio. Representado horizontalmente é o símbolo matemático do infinito.

O NOVE ressalta a emoção, a sabedoria, a generosidade, a genialidade. O nove é a

fusão das leis do Três e do Sete. É o limite da série, antes de retomar a unidade. Em

matemática, temos a PROVA DOS NOVE para descobrir se a operação está correta.

Associa-se às atividades de cura.

O DEZ simboliza o reinicio de uma nova ordem. No Esoterismo sexual representa o

pênis (1) e a vagina (0). Indica o casal na opulência espiritual, a força e o equilíbrio.

Alegoriza a totalidade do universo.

OS NAIPES

PAUS, OUROS, ESPADAS e COPAS são os quatro naipes que alegorizam a

estabilidade quadrática perpétua do Universo. Associam-se ao TETRAGRAMMATON ou

IOD-HÉ-VAU-HÉ, o nome de Deus em hebraico. Também relaciona-se com o simbolismo

das manifestações quádruplas em diferentes estados da evolução do homem.

O PAUS pode ser encontrado em vários baralhos representado como bastão, vara

mágica, trevo. É o símbolo do comando, o cetro de poder, a força. Associa-se aos

negócios, empreendimentos. Sob o ponto de vista social corresponde ao governo civil,

aos políticos, empregados, operários, camponeses. Relaciona-se ao elemento TERRA, ao

outono, aos gnomos e pigmeus. Esotericamente, representa ao PHALLUS egípcio ou ao

IOD dos hebreus.

O COPAS pode ser encontrado em vários baralhos representado pela ânfora, pote ou

coração. É símbolo do amor, dos ideais, da criação artística. Sob o ponto de vista social

corresponde aos artistas, intelectuais, sacerdotes e cientistas. Relaciona-se ao elemento

ÁGUA, ao inverno, às ondinas e nereidas. Esotericamente, representa o CTEIS ou o HÉ

hebraico.

http://www.voppus.com.br 3


TAROT EGÍPCIO LIÇÃO 01

O ESPADAS pode ser encontrado em vários baralhos representado pelas setas,

machados ou adagas. É símbolo de lutas, combates, guerras, sofrimentos. Sob o ponto

de vista social, corresponde aos militares, guerreiros, combatentes e lutadores.

Relaciona-se ao elemento AR, à primavera, aos silfos e sílfides. Esotericamente,

representa a união PHALLUS-ÚTERO ou ao VAU hebreu, antes do cativeiro.

O OUROS pode ser encontrado em vários baralhos representado pelas moedas,

estrelas, rodas, círculos ou pentáculos. É símbolo de inteligência, esforço, estudo,

vontade. Sob o ponto de vista social corresponde ao comércio, bens patrimoniais,

burguesia ou finanças. Relaciona-se ao elemento FOGO, ao verão e às salamandras ou

elementais do fogo. Esotericamente, representa a imagem do mundo ou o HÉ hebraico

que aparece no final do nome divino IOD-HÉ-VAU-HÉ ou JEOVÁ.

AS FIGURAS

No baralho comum encontramos as três figuras básicas: o Rei, a Dama e o Valete.

Estes três elementos correspondem à Trindade Criadora originadora de todo o existente.

Em baralhos primitivos havia o Cavaleiro como quarta figura, mas as antigas edições

francesas e espanholas o suprimiram. As quatro figuras dos baralhos primitivos

alegorizavam ao nome sagrado hebreu IOD-HÉ-VAU-HÉ.

O REI representa o Criador, o Pai, o Gerador, o Homem Universal. Relaciona-se, por

força de simbolismo, com o planeta Júpiter e o Sol.

A DAMA representa a Mãe, a criação, o elemento passivo, maternal, feminino, a

protetora. Relaciona-se, por força de simbolismo, com a Lua.

O VALETE representa a criatura, o Filho, o elemento equilibrante, a perpetuação da

fusão Pai-Mãe. Relaciona-se, por força de simbolismo, com o planeta Mercúrio.

Não entraremos nos detalhes do simbolismo das figuras com os naipes, porque o

nosso objetivo com esta explanação é demonstrar a relação existente entre o baralho

comum e o simbolismo oculto originário do conhecimento secreto do Tarot.

O QUE É O TAROT?

PERGUNTAS MAIS COMUNS SOBRE O TAROT

O TAROT é um conjunto de 78 lâminas ou cartas, divididas em dois grupos. As 22

primeiras são denominadas ARCANOS MAIORES e as 56 restantes, ARCANOS

MENORES.

4 VOPPUS STELLA MARIS


LIVRO DE THOT LIÇÃO 01

QUAL É A ORIGEM DO TAROT?

A verdadeira origem do Tarot é um enigma que até hoje nenhum estudioso ou

pesquisador conseguiu responder satisfatoriamente, com pleno conhecimento. Entretanto,

investigadores conscienciosos afirmam que o Tarot foi criado por ÍBIS DE THOT ou

HERMES TRIMEGISTO (na visão dos gregos).

Esta obra de sabedoria também foi denominada de LIVRO DE THOT, no antigo Egito.

Ela representa as leis e princípios universais, reguladores das atividades humanas e

cósmicas. O conjunto de símbolos, alegorias e imagens nos demonstram as

movimentações da energia cósmica em diversos níveis e sub-níveis de manifestações.

Baseados nesta última afirmação, podemos concluir que o TAROT surgiu quando DEUS

criou o mundo, portanto é ETERNO.

De fato, pode-se antever os acontecimentos

através do Tarot. Nele estão representadas todas

as leis cósmicas; é evidente que qualquer evento

tem que estar, necessariamente, dentro de uma

ou mais lâminas do Tarot. Entretanto, esta não é

a finalidade maior dos Arcanos. O Tarot é, acima

de tudo, um LIVRO DE AUTO-CONHECIMENTO.

Aquele que se detenha em estudá-lo somente

para previsões está deixando de extrair o maior

potencial desta portentosa obra eterna.

PODE-SE PREVER O FUTURO COM O TAROT?

De fato, pode-se antever os acontecimentos através do Tarot. Nele estão

representadas todas as leis cósmicas; é evidente que qualquer evento tem que estar,

necessariamente, dentro de uma ou mais lâminas do Tarot. Entretanto, esta não é a

finalidade maior dos Arcanos. O Tarot é, acima de tudo, um LIVRO DE AUTO-

CONHECIMENTO. Aquele que se detenha em estudá-lo somente para previsões está

deixando de extrair o maior potencial desta portentosa obra eterna.

É DIFÍCIL APRENDER A USAR O TAROT?

Não, não é difícil. Qualquer pessoa sensata pode aprender a manipulá-lo com relativa

facilidade. Entretanto, queremos alertar que é indispensável conhecer profundamente

cada lâmina, conforme sua descrição neste curso. É preciso sabê-la de memória e,

sobretudo, captar o seu conteúdo transcendental.

HÁ MUITOS MÉTODOS DE PREVISÃO?

Há muitos métodos para a utilização do Tarot. Através dos séculos foram ensinados

sistemas diferentes que variavam conforme a época e o autor. Há técnicas simples e há

técnicas complexas. Podemos até mesmo realizar antevisões precisas usando tão

somente uma lâmina para resposta. Posteriormente, vamos ensinar-lhe métodos

extremamente fáceis, utilizáveis por qualquer pessoa. Também descreveremos sistemas

onde se utilizam, simultaneamente, diversas lâminas dos Arcanos Maiores e Menores.

O QUE SIGNIFICA ARCANO?

A palavra arcano provém do latim "arcanu" e significa segredo, mistério, aquilo que

está oculto. Alguns autores atribuem-na ao grande médico, astrólogo, mago e ocultista

http://www.voppus.com.br 5


TAROT EGÍPCIO LIÇÃO 01

medieval PARACELSO. De forma mais objetiva, podemos definir o termo "Arcano do

Tarot" da seguinte forma: conjunto de símbolos, imagens, alegorias, cujos elementos

contêm, em si mesmos, manifestações ou indicações de princípios, leis e fenômenos

naturais e eternos que devem ser decodificados através do conhecimento, consciência ou

intuição.

POSSO USAR O TAROT PARA ORIENTAR A MINHA VIDA?

Você pode e deve aprender a manipular o Tarot para prever obstáculos, evitar erros,

saber se determinados negócios lhe trarão benefícios ou não, conhecer épocas mais

favoráveis para cirurgias ou tratamentos diversos, orientações para a vida conjugal,

viagens, assuntos legais, etc. Entretanto, lembramos a necessidade de se conhecer

profundamente os Arcanos para que as previsões sejam acertadas.

HÁ ALGUM PROBLEMA EM SE COLOCAR O TAROT PARA OUTRAS PESSOAS OU,

ATÉ MESMO, PARA GANHAR DINHEIRO COM ELE?

Neste ponto, lembramos a Sagrada Bíblia quando disse, em Mateus: " Com a vara com

que medirdes, sereis medidos". Em Gálatas, Cap. 6:7, encontramos: "...tudo o que o

homem semear, isso também colherá".

Você é livre para usá-lo da maneira que bem quiser, entretanto terá que assumir as

consequências de seus atos. Você é seu próprio juiz ou algoz. De suas ações brotarão

suas reações. Em certa etapa destes estudos, explicaremos detalhadamente a melhor

maneira de se usar o Tarot e como as energias se mobilizam quando o manuseamos.

EXISTEM MUITOS TIPOS DE TAROT?

Se você for a uma livraria especializada em obras esotéricas, místicas ou ocultistas,

encontrará grande variedade de autores e também diferentes tipos de cartas. Há o Tarot

espanhol, italiano, francês, egípcio (que é objeto deste curso), dos boêmios, cigano, etc.

O mais popular de todos é o francês, denominado TAROT DE MARSELHA, mas alguns

autores e pesquisadores consideram o TAROT EGÍPCIO como o mais antigo.

“A Kabala se perde na noite dos séculos. Ali onde o Universo foi

gestado, no ventre de MAHA-KUNDALINI, a GRANDE MÃE. A Kabala é a

Ciência dos Números. O autor do Tarot foi o Anjo METRATON, chefe da

Sabedoria da Serpente, o Profeta Enoch da Bíblia. O Anjo Metraton, ou

Enoch, nos deixou o Tarot, no qual está encerrada toda a Sabedoria

Divina, e este ficou escrito em pedra. Também nos deixou as 22 letras

do alfabeto hebraico. Este grande Mestre vive nos Mundos Superiores,

mundo de Atziluth, mundo da felicidade inconcebível que, segundo a

Kabala, é a Região de Kether, um sephirote bastante elevado"

SAMAEL AUN WEOR.

BREVE RESUMO HISTÓRICO DO TAROT

A história do Tarot é a própria história do mundo, conforme já explicamos. Entretanto

ignora-se onde e como se cristalizaram, pela primeira vez, as lâminas com suas imagens

altamente representativas. Para esta questão, até os dias de hoje, não há resposta que

satisfaça a todos.

O eminente antropólogo, filósofo e esoterista contemporâneo, Dr. SAMAEL AUN

WEOR, fundador das Instituições Gnósticas, nos relata o seguinte em sua obra intitulada

6 VOPPUS STELLA MARIS


LIVRO DE THOT LIÇÃO 01

"TAROT Y CABALA": A Kabala se perde na noite dos séculos. Ali onde o Universo foi

gestado, no ventre de MAHA-KUNDALINI, a GRANDE MÃE. A Kabala é a Ciência dos

Números.

“O autor do Tarot foi o Anjo METRATON, chefe da Sabedoria da Serpente, o Profeta Enoch da Bíblia.

“O Anjo Metraton, ou Enoch, nos deixou o Tarot, no qual está encerrada toda a Sabedoria Divina, e este ficou

escrito em pedra. Também nos deixou as 22 letras do alfabeto hebraico. Este grande Mestre vive nos Mundos

Superiores, mundo de Atziluth, mundo da felicidade inconcebível que, segundo a Kabala, é a Região de

Kether, um sephirote bastante elevado".

Respeitáveis pesquisadores asseveram que o Anjo Metraton, ou Enoch, é o mesmo

ÍBIS DE THOT egípcio, HERMES TRIMEGISTO para os gregos, DEUS MERCÚRIO para

os romanos, THOR para os nórdicos. Para os cabalistas é o mesmo gênio sideral

RAPHAEL, regente do planeta Mercúrio.

Em 1781, Antony Court de Gébelin conheceu o Tarot. Através de minucioso exame,

concluiu que as lâminas eram originárias do Egito, tendo cerca de 3.757 anos de

existência. Para este estudioso, a palavra TAROT nasceu da sílaba egípcia TAR, cujo

significado é caminho, senda ou estrada; e ROT ou RO, que se traduz como real,

autêntico. Portanto, TAROT quer dizer CAMINHO REAL. Gébelin deixou as suas idéias

sobre o Tarot transcritas na obra "LE MONDE PRIMITIF ANALYSÉE ET COMPARÉ

AVEC LE MONDE MODERNE".

Cartas do Tarot de Marselha

http://www.voppus.com.br 7


TAROT EGÍPCIO LIÇÃO 01

Há referências históricas que antecedem a 1781. Em 1227, viajantes franceses

disseram que crianças italianas eram orientadas por lâminas denominadas "carticellas".

Em 1240, o sínodo de Worchester proibiu terminantemente aos padres o uso de um jogo

de Rei e Rainha. Por esta época, o filósofo e alquimista espanhol Raymond Lull travou

conhecimento com as 22 letras do alfabeto hebraico, segundo afirma Oswald Wirth.

Entre 1310 e 1377, a História relata que os soldados de Henrique VII, de Luxemburgo,

durante as campanhas italianas utilizaram o jogo de cartas para passar o tempo.

Em 1423, em Bolonha, o clérigo São Bernardo de Siena desfechou um violento ataque

contra o jogo de cartas e dados. Cerca de cem anos mais tarde, em 1546, Guilaume

Postel, após longas viagens pelo oriente, publicou o livro "Clavis Absonditorum", onde

busca traçar uma relação esotérica entre as letras TARO, ROTA, ATOR com as quatro

letras IOD-HÉ-VAU-HÉ do sagrado nome de Deus em hebraico. Mais tarde, em 1622, a

obra "L'incredulité et Mescréance du Sortilége Plainement Convaincue...", de autoria de

Pierre de l'Acre, relata um sistema de previsão mediante cartas.

Em 1781, Antony Court de Gébelin conheceu o Tarot.

Através de minucioso exame, concluiu que as

lâminas eram originárias do Egito, tendo cerca de

3757 anos de existência. Neste desenho Gébelin

apresenta o Arcano 12 - O Enforcado, segundo sua

versão.

Eliphas Levi (1810-1875), cujo nome batismal era Alphonse Louis Constante, foi um

notável ocultista e autêntico mestre nos mistérios cabalísticos. Escreveu diversas obras,

dentre elas: "Dogma e Ritual de Alta Magia", "A Chave dos Grandes Mistérios", "História

da Magia", "Grande Arcano", etc. Levi, através de suas investigações, traçou uma relação

entre o Tarot e a Cabala. Associou os 22 Arcanos Maiores às 22 letras do alfabeto

hebraico. Para o mago, os 4 naipes correspondiam ao nome de Deus em hebraico (IOD-

HÉ-VAU-HÉ), escrito com quatro letras. Do ÁS até o 10, fez a correspondência com os 10

sephirotes da Árvore da Vida. Levi diz o seguinte sobre o Tarot:

“É uma obra monumental, extraordinariamente forte. É simples como a arquitetura das Pirâmides e resistente

como elas. Um livro que engloba todas as ciências e que, em virtude de suas infinitas combinações, pode

resolver todos os problemas. Sem dúvida, é uma das obras legadas pela Antiguidade: A CHAVE DO

UNIVERSO".

No final do século passado, o suíço Oswald Wirth, membro da Maçonaria e da

Sociedade Teosófica, escreveu a respeito dos Arcanos em sua obra "Os Vendedores de

Imagens da Idade Média", apresentando desenhos das cartas, segundo sua concepção.

Por esta época, Gérard Encausse (1865-1916), mais conhecido como Papus, se

interessou pelo Tarot. Em 1909, publicou o livro "Le Tarot Divinatoire", baseado nas idéias

e concepções de Wirth.

8 VOPPUS STELLA MARIS


LIVRO DE THOT LIÇÃO 01

Em 1910, A.E. Waite (1857-1940) publicou o livro "The Pictorial Key to the Tarot". As

ilustrações desta obra foram elaboradas pelo próprio autor.

Muitos outros personagens históricos célebres tiveram contato com o Tarot, como o

filósofo William James, o renomado psicólogo Carl G. Jung, Ouspensky (discípulo de

Gurdjieff), Manly Palmer Hall (fundador da Sociedade de Pesquisas Filosóficas de Los

Angeles), e vários outros.

Recentemente, o Dr. Samael Aun Weor, baseado nas lâminas do Tarot Egípcio

publicado pelo cabalista J. Iglesias Janeiro, procedeu a profundas interpretações do

simbolismo esotérico e prático destas. Caso você tenha interesse em estudar as diversas

versões e autores de Tarot, consulte a bibliografia no final desta publicação.

OS SINAIS REVELAM O DESCONHECIDO

Se aprendermos a interpretar corretamente os sinais que a Natureza nos dá, de

distintas formas, poderemos realizar predições. Vejamos uma velha lenda árabe.

Conta-se que quatro sábios iam caminhando pela margem do deserto e ao verem as pegadas de um

camelo na areia um deles disse:

- O camelo é aleijado.

- É cego do olho esquerdo - acrescentou o outro a

seguir.

- Não tem rabo - mencionou o terceiro sábio.

- Está doente do estômago - concluiu o último.

- Se tão bem conhecem o camelo que me roubaram,

também saberão onde está o ladrão - disse o mercador

que ouviu o que disseram os sábios. Eles falaram que

jamais haviam visto o camelo, nem tinham a menor idéia de quem poderia tê-lo roubado. O mercador os levou

até o rei a fim de explicarem o conhecimento tão minucioso que possuíam do animal.

Sem jamais terem visto o camelo - disse o rei - como sabem que o camelo é aleijado, que é cego, que não

tem rabo e que está enfermo do estômago?

- Observei as pegadas de só três patas e através desta observação concluí que era aleijado - disse o

primeiro sábio.

- Vi que as folhas do lado direito do caminho haviam sido comidas, enquanto que as do lado esquerdo

estavam intactas, o que me fez crer que era cego do olho esquerdo - afirmou o segundo.

- De trecho em trecho - disse o terceiro sábio - haviam pequenas gotas de sangue. Supus que se tratava

de picada de moscas e que o camelo carecia de rabo para afugentá-las.

- Observei - disse o quarto sábio - que as patas dianteiras eram muito mais profundas que as patas

traseiras, e por isto deduzi que o animal padecia do estômago.

Os diversos ramos da ciência das antecipações que servem, desde a mais remota

antiguidade, para averiguar os fatores desconhecidos por meio dos que se conhecem,

exigem uma técnica de indução e dedução similar à empregada pelos quatro sábios no

caso do camelo. Portanto, é necessário conhecer profundamente os símbolos dos

arcanos, tanto maiores como menores, para podermos predizer com precisão.

http://www.voppus.com.br 9


TAROT EGÍPCIO LIÇÃO 01

CRESO

FRAGMENTOS HISTÓRICOS SOBRE

PREVISÕES FAMOSAS

“Caso Creso cruze o Halys será destruído um grande império" - disse o oráculo quando o rei da Lídia o

consultou sobre se deveria avançar contra Ciro. O oráculo se cumpriu, mas não no sentido em que supôs

Creso, porque o império destruído foi o seu.

ALFONSO XIII (Espanha)

“Nasceste rei, mas não morrerás rei" - asseguraram que sentenciou uma vidente, ao nascer, em Madrid,

Alfonso XIII.

IMPERATRIZ DA ÁUSTRIA

“Já não pode haver perdão, porque a sentença foi executada" -

disse a imperatriz da Áustria à mãe de um nobre húngaro que lhe

pedia, de joelhos, indulto a seu filho.

“Tampouco haverá para ti e nem para os teus" - previu

exasperada a infeliz mãe, agregando: " O imperador viverá

bastante para vê-los cair a todos, derrubando o império",

prognóstico que teve plena confirmação. A imperatriz foi

assassinada. O irmão do imperador foi fuzilado no México. Mortos

por violência os dois herdeiros do trono, destrói-se o império

austro-húngaro, ao estar agonizando Francisco José.

LUÍS XVI (França)

“Meus funerais serão os da monarquia" - assegurou Mirabeau

dias antes de morrer, e pouco antes, também foi guilhotinado Luís

XVI.

RASPUTIN (Rússia)

LUÍS XVI (França)

“Minha morte anuncia a do Czar" - disse Rasputin aos nobres que o assassinaram. Passados alguns meses,

toda a família imperial era fuzilada e se estabeleceu um novo regime de governo na Rússia czarista.

SAINT GERMAIN (França)

“Todos aqui reunidos terão um encontro com a mesma dama" - disse, sorridente, o Conde de Saint Germain a

um grupo de nobres, em um banquete, um pouco antes da revolução. A dama era a guilhotina, em que

morreram mais tarde.

PRIMEIRA DAMA (EUA)

“Não desdenhe deste advogadozinho se quiser ser a Primeira Dama na Casa Branca" - a avó aconselhou a

sua neta, que mais tarde foi a esposa de Lincoln.

10 VOPPUS STELLA MARIS


LIVRO DE THOT LIÇÃO 01

Podemos comprovar que através da História sempre houve oráculos, adivinhos,

previsores, profetas, magos, etc.

Nas tribos mais primitivas, até nas gloriosas civilizações dos gregos, com os oráculos

de Delfos, Apolo, etc., os sacerdotes previsores de Saís, Tebas, Heliópolis, etc., no Egito,

são exemplos da busca do conhecimento futuro.

Os exemplos acima citados nos revelam que o homem e a mulher possuem a

faculdade inata de realizar previsões.

Todas as pessoas são capazes de predizer, mas o dom da profecia só os grandes

profetas o possuem.

A profecia engloba acontecimentos que envolvem uma nação, povo, império ou

civilização. Alcança dimensões inimagináveis.

PREDIÇÃO: UMA NECESSIDADE

Predizer é antecipar, prever resultados de um ato e, logicamente, anunciar suas

consequências. Podemos prever o tempo, os

movimentos planetários, os fluxos das marés,

a abundância de colheitas, o desenvolvimento

de enfermidades, a evolução de

acontecimentos, o êxito em negócios, as

consequências de nossas ações, a

praticidade do conhecimento que adquirimos,

os obstáculos no curso de nossa vida, o bem

e o mal resultante de nossas decisões, enfim,

os prováveis efeitos do que fazemos ou

deixamos de fazer.

Prever, antecipar o previsto e saber ver o

tempo em que terá o efeito antecipado são

três elementos que aparecem ao longo de

nossa vida quando atuamos. Vejamos alguns

exemplos: a profissão que um jovem escolhe

é, na verdade, uma antecipação do tipo de

vida que ele buscará viver; os cálculos da

resistência dos materiais que efetua um

engenheiro encarregado de construir uma

ponte são feitos em base à carga que esta

mesma ponte deverá suportar; a mercadoria

que o comerciante oferece é uma antecipação

da necessidade do consumidor e o vislumbre

do lucro que poderá ter com o negócio.

Prever, antecipar o previsto e saber ver o

tempo em que terá o efeito antecipado são

três elementos que aparecem ao longo de

nossa vida quando atuamos.

Não só na vida pessoal buscamos antecipar os resultados de nossas ações, como

também acontece com as grandes e pequenas empresas, instituições públicas ou

privadas, organismos do Estado, programas dos partidos políticos, ministérios

governamentais, etc.

Predizer é uma necessidade natural. Predizer os resultados de um ato é anunciar, de

alguma forma, suas consequências.

http://www.voppus.com.br 11


TAROT EGÍPCIO LIÇÃO 01

PREDIZER E PROFETIZAR

A grande diferença entre predizer e profetizar é a dimensão da antevisão. Qualquer

pessoa normal pode predizer, mas somente os profetas podem profetizar.

PREDIZER é anunciar, por revelação, ciência ou análise, algo que está por acontecer.

PROFETIZAR é predizer acontecimentos distantes ou futuros, em virtude do dom da

profecia.

Na verdade, tanto predizer como profetizar são, no fundo, a mesma coisa. Sucede que

no primeiro caso a antevisão é obtida por uma técnica, sistema, método, aptidão ou

sensibilidade intuitiva. No segundo caso, a antevisão deve-se a uma capacidade espiritual

superlativa ou a um dom de Deus. Quando mencionamos Deus não estamos nos

referindo ao deus antropomórfico criado pela concepção religiosa. O Deus a que nos

referimos é o Deus Íntimo, o Atman dos hindus, Chesed dos cabalistas, Odin dos

nórdicos, Osíris dos egípcios ou ao Mestre , segundo São Francisco de Assis. O dom da

profecia é dado pelo nosso autêntico e REAL SER PROFUNDO.

Existem muitos profetas verdadeiros. Dentre eles destacamos

SÃO JOÃO em suas surpreendentes previsões no

APOCALIPSE da Sagrada Bíblia. As profecias de Michael de

Nostradamus são fantásticas; previu com cerca de 400 anos de

antecedência as 1a. e 2a. Guerras Mundiais, além de vaticinar

uma terceira para estes tempos em que vivemos.

Existem muitos profetas verdadeiros. Dentre eles destacamos SÃO JOÃO em suas

surpreendentes previsões no APOCALIPSE da Sagrada Bíblia. As profecias de Michael

de Nostradamus são fantásticas; previu com cerca de 400 anos de antecedência as 1a. e

2a. Guerras Mundiais, além de vaticinar uma terceira para estes tempos em que vivemos.

Maomé, Buda, Krishna, Cagliostro, Saint Germain, Lao-Tsé, Fu-Hi, Quetzalcoatl, Jesus o

Cristo e muitos outros foram profetas de grande responsabilidade, Seres de profunda

inspiração divina.

Há um ditado que diz: " O todo é a soma das partes". Está claro que na sucessão das

gerações e na evolução da sociedade, o geral está composto pelo particular. Da mesma

maneira que o século é composto pela soma de horas. Não pode haver progresso do todo

se não houver progresso das partes. Vaticinar sobre o progresso da humanidade, de um

povo ou uma raça é uma profecia. Prever o progresso do indivíduo ou de uma família é

uma predição.

12 VOPPUS STELLA MARIS


LIVRO DE THOT LIÇÃO 01

Para realizar uma profecia é necessário ser um autêntico MESTRE da Sagrada Loja

Branca, como Jesus o Cristo, Maomé, Moisés, Cagliostro, etc. Mas, para fazer uma

predição modesta de um acontecimento comum, basta conhecer procedimentos que

ajudem a atualizar a inteligência primária existente em todos nós.

Em todos os rincões do planeta encontramos distintas formas de predizer. Existem

muitos oráculos, dentre eles citamos: RUNAS NÓRDICAS, I-CHING, TAROT, etc. Todos

são originários da mesma necessidade primária de prever do ser humano. Por tal fato, a

predição passa a ser uma CIÊNCIA DIVINA porque seus fundadores ou decodificadores

possuíam o dom de profetizar. Devido à diversidade de religiões, crenças e povos, cada

grupo sócio-cultural é guiado por um Ser Iluminado e desenvolve um sistema de previsão.

A ciência é única, mas os meios aplicados e os fins que a favorecem podem ser infinitos.

O princípio básico desta ciência é que tudo está em tudo. O grande e o pequeno se

interligam por fios invisíveis. Portanto, predizer e profetizar são, no fundo, a mesma coisa,

com a diferença da profundidade e extensão da antecipação.

ANTECIPAÇÕES: GUIA PESSOAL DE VIDA

Por observações e estudos, sabe-se que existem princípios universais em toda

manifestação humana ou cósmica. Há leis e forças que dão eficácia a esses princípios.

Quando se conhece o móbil evolutivo dessas leis e forças pode-se saber com

antecedência a que ponto se vai chegar. Sabe-se também que estão depositados em

nossa CONSCIÊNCIA e SUBCONSCIÊNCIA os elementos primários da sucessão de

eventos. O que necessitamos é de fórmulas ou instrumentos adequados para atualizar o

conhecimento elementar das leis e princípios existentes dentro de cada um de nós.

Os princípios, leis e forças que governam o Universo produzem uma evolução ou

transformação automática na maioria dos eventos. As partes integrantes do Universo,

praticamente, não podem modificar a marcha dos acontecimentos. Como exemplo,

citamos as ondas do mar que se rebentam nas areias. Elas obedecem, necessariamente,

à mecânica do Universo. Quando a maré sobe ou desce, as ondas são influenciadas sem

que se possa alterar seu automatismo. Tampouco as ondas podem impedir o fluir dos

ventos ou que alguma nuvem cubra o sol.

De forma análoga, o homem, como espécie, é

influenciado por forças, leis e princípios. Essas

manifestações da natureza impelem os

indivíduos em certa direção ou sentido. É

perfeitamente possível ao ser humano saber que

força o impulsiona e para onde o leva, uma vez

que essas mesmas forças seguem certa

mecanicidade. Convém alertar que a

mecanicidade ou o automatismo da natureza

jamais poderá libertar o homem ou a mulher.

De forma análoga, o homem, como espécie, é influenciado por forças, leis e princípios.

Essas manifestações da natureza impelem os indivíduos em certa direção ou sentido. É

perfeitamente possível ao ser humano saber que força o impulsiona e para onde o leva,

uma vez que essas mesmas forças seguem certa mecanicidade. Convém alertar que a

mecanicidade ou o automatismo da natureza jamais poderá libertar o homem ou a mulher.

http://www.voppus.com.br 13


TAROT EGÍPCIO LIÇÃO 01

A autêntica LIBERDADE começa a se manifestar no ser humano quando ele vai se

assenhorando da MECÂNICA DO UNIVERSO vibrante dentro de si mesmo. Tal fato

implica, indubitavelmente, no AUTO-CONHECIMENTO.

A sucessão de eventos que envolvem uma raça ou uma civilização segue uma linha de

continuidade inconfundível, adquirindo destaque nas artes ou ciências que representam

novos estados mentais. Guiam as civilizações e as raças a fim de que possam cumprir

certos propósitos, sem haver desvios. Algo como se fosse um tear onde cada fio é

tramado no momento certo e na coloração exata, para no fim produzir uma certa estampa.

Dentro do movimento desse tear cósmico, o homem passa a ser um fio seguindo a

mecânica do grande movimento. Querer evadir-se desse automatismo é REBELAR-SE

CONTRA A NATUREZA. Somente os autênticos rebeldes conseguem escapar da grande

mecânica e se auto-guiarem. Em nosso curso SABER É PODER fornecemos todas as

informações teóricas e práticas para se obter o triunfo sobre a natureza.

Você pode prever os acontecimentos de sua vida. Em muitos deles poderá alterar a

marcha dos eventos, mudando o resultado final. Em alguns deles a mudança será pouco

significativa. Em uma minoria, poderá prevê-los mas não conseguirá alterá-los, porque

estes eventos possuem ligações maiores no grande automatismo universal. Muitos sábios

do passado previram suas mortes. Alguns deles tiveram mortes terríveis e, mesmo

sabendo o dia e a hora, nada puderam fazer para evitála.

TEOGONIA EGÍPCIA

Segundo a Teogonia Egípcia, THOT era uma deidade

secundária, de caráter lunar. Morou na Terra, tendo

ensinado ao homem a escrita, divisão do tempo e os

mistérios escondidos nas medidas.

Thot era denominado, pelos antigos egípcios, de

DUAS VEZES GRANDE porque seus ensinamentos

envolviam os dois mundos: o visível e o invisível. Mais

tarde, os divulgadores de seus ensinamentos o

intitularam de TRÊS VEZES GRANDE, devido à relação

de seu saber com os três planos de manifestação.

Acredita-se que o conceito do ANO DIVINO e os

ciclos de evolução devam-se à doutrina que Thot,

pessoalmente, transmitia a um seleto grupo de

discípulos. Para eternizar os conhecimentos que

transmitia, lançou mão da simbologia, porque um relato

ou citação, com o tempo, seria distorcido pelas

gerações. Mas, a sabedoria gravada em símbolos e

alegorias poderia permanecer para sempre com o seu

conteúdo intacto para aqueles que penetrassem em

seus mistérios.

De acordo com as tradições, esse livro de deidades

representa princípios universais. Estes se expressam

por meio de símbolos. Os símbolos podem ser

interpretados através de números. Os números evocam

Segundo a Teogonia Egípcia,

THOT era uma deidade

secundária, de caráter lunar.

Morou na Terra, tendo ensinado

ao homem a escrita, divisão do

tempo e os mistérios

escondidos nas medidas.

14 VOPPUS STELLA MARIS


LIVRO DE THOT LIÇÃO 01

idéias que a mente passa a conhecer, não pela idéia em si mesma mas, sobretudo, pela

ligação que tem com o princípio universal com o qual se relaciona.

Thot, naquela época, percebeu que o momento dessa sabedoria vir a público ainda

não tinha chegado. Desta forma, ocultou o LIVRO dentro de uma caixa de ouro. Pôs tal

caixa dentro de outra, de prata, e esta em uma de marfim. A de marfim colocou dentro de

uma de bronze, a de bronze em uma de cobre e esta dentro de uma de ferro. Fechou

hermeticamente a caixa de ferro e a depositou no fundo do Rio Nilo.

Esta versão egípcia quer nos mostrar que a verdadeira sabedoria do TAROT ou LIVRO

DE THOT encontra-se oculta. O simbolismo das caixas umas dentro das outras

representa que o verdadeiro conhecimento deve ser alcançado pelo praticante. Tem-se

que mergulhar dentro de si mesmo e buscar decifrar o enigma. Outro ponto interessante

aparece na representação do valor do material das caixas, partindo do nobre ouro ao

grosseiro ferro. Esta mensagem quer nos mostrar que é necessário trabalhar na matéria

densa e dela extrair o mais sutil. Para os alquimistas medievais significava trabalhar no

chumbo da personalidade para convertê-lo no ouro do espírito.

Alguns historiadores afirmam que entre os vasos de ouro e prata do profeta bíblico

Moisés, encontravam-se algumas lâminas do LIVRO DE THOT. Essas lâminas, depois de

estudadas e analisadas pelos sábios hebreus, vieram a se constituir na KABALA.

O abade Anastasio Kircher, em sua viagem ao Egito, há cerca

de 300 anos atrás, parece que obteve essas lâminas, que mais

tarde pertenceram ao Cardeal Bembo. Kircher, baseado nas

lâminas, publicou um livro intitulado "A Língua Egípcia

Restituída". Apoiado no simbolismo das lâminas, conseguiu

decifrar numerosos hieróglifos, inclusive alguns afrescos e

murais de antiquíssimos templos.

O abade Anastasio Kircher, em sua viagem ao Egito, há cerca de 300 anos atrás,

parece que obteve essas lâminas, que mais tarde pertenceram ao Cardeal Bembo.

Kircher, baseado nas lâminas, publicou um livro intitulado "A Língua Egípcia Restituída".

Apoiado no simbolismo das lâminas, conseguiu decifrar numerosos hieróglifos, inclusive

alguns afrescos e murais de antiquíssimos templos.

Somente uma minoria de estudiosos do passado, como Court de Gébelin, Eliphas Levi,

etc., chegaram à conclusão de que os ARCANOS continham simbolismos equivalentes

aos elementos primários que formavam a inteligência humana.

http://www.voppus.com.br 15


TAROT EGÍPCIO LIÇÃO 01

Para a grande maioria de "estudiosos", materialistas insensatos e inescrupulosos, as

lâminas do LIVRO DE THOT eram uma simples sequência de cartas e naipes que

serviam para jogar e passar o tempo.

Sabemos que o LIVRO DE THOT ou TAROT é um conjunto de símbolos que, além de

ensinar as LEIS INVISÍVEIS, também possibilita a predição por inspiração psíquica ou

intuitiva. Tal operação é feita sob o ponto de vista de que os princípios universais estão

representados nessas lâminas por deidades, as deidades por signos, os signos por

números e os números por um equivalente, nos quais a inteligência humana pode

compreender o seu sentido global.

Cada lâmina do LIVRO DE THOT é todo um compêndio de ideogramas e de conceitos

universais. A compreensão humana pode captá-los e extrair os seus conceitos e

conteúdos. Nesta operação atualiza certas faculdades primárias que, ao por em

movimento, permite conhecer o que nos interessa em determinado momento.

ARCANOS: O ENIGMA

Denomina-se ARCANO ao conjunto de símbolos e alegorias que foram gravadas nas

78 lâminas, formando o LIVRO DE THOT ou TAROT.

Considera-se cada ARCANO como se fosse uma página de um livro, na qual a

linguagem é apresentada em imagens ideográficas, substituindo as palavras. Nas 78

lâminas encontramos três conceitos fundamentais:

1) Conceitos relacionados com a tarefa que cumprem determinados princípios

universais. São representados, na lâmina, na forma de uma deidade e seus atributos.

2) Conceitos associados à força cósmica através da qual os princípios universais

cumprem sua missão. Estão representados pelo símbolo astrológico.

3) Conceitos associados à ação dos processos naturais com as quais a força

cósmica se relaciona. No Arcano, estão simbolizados pela disposição da deidade e a

combinação de diferentes forças.

A tripla combinação dos conceitos produzirão a percepção do conteúdo da mensagem.

O Arcano, ou síntese, despertará a idéia, forças e processos que darão uma

representação da realidade. Além do mais, as deidades representam princípios e estes

ligam-se às forças. As forças associam-se aos signos, letras e números.

Simultaneamente, o Arcano mostra as etapas de transformação dos princípios até a

realização. É preciso estar muito atento à simbologia, caso contrário, não captaremos o

processo na íntegra.

Cada um dos símbolos que compõe um ARCANO compreende uma extensa variedade

de conhecimentos. Poderíamos estudar um só Arcano por toda a vida e não esgotaríamos

seu conteúdo.

O LIVRO DE THOT é uma síntese de todo o conhecimento que a humanidade pode

abarcar e intuir.

Diz o grande sábio Salomão: " NÃO HÁ NADA DE NOVO SOB O SOL". Claro está que

toda sabedoria que nos é revelada pelo TAROT, nos dias de hoje, é a mesma em todas

as épocas. Sendo a civilização egípcia a mais antiga da qual temos conhecimento,

herdeira de milenária sabedoria que se perde na poeira dos séculos, é de se supor que o

16 VOPPUS STELLA MARIS


LIVRO DE THOT LIÇÃO 01

LIVRO DE THOT, com suas 78 lâminas, contenha os mais preciosos ensinamentos

legados à humanidade.

Sob o ponto de vista psicológico, os ARCANOS SÃO PONTES por onde saem, do

nosso SUBCONSCIENTE para o CONSCIENTE, as informações desconhecidas.

A palavra ARCANO provém do latim ARCANU que significa SEGREDO, MISTÉRIO,

OCULTO. Para aclarar estes mistérios os sábios hebreus, herdeiros da sabedoria egípcia

e transmissores do Livro de Thot, dividiram as 78 lâminas em duas séries, denominadas

de ARCANOS MAIORES e ARCANOS MENORES.

Os ARCANOS MAIORES estão constituídos por 22 lâminas, as quais os já

mencionados sábios hebreus relacionaram com as 22 letras do seu alfabeto. Algumas

adaptações foram feitas ao longo da história, não se levando em consideração o sentido

da letra hebraica. A maior delas surge, justamente, no Arcano 22. Na verdade, temos 3

tríades de 7, ou seja, 3X7=21, sendo o Arcano 22 correspondente a "0" (zero), cuja

ligação encontramos com a letra hebraica THAU (a última do alfabeto).

Aqueles que quiserem realmente conhecer os mistérios do TAROT deverão estudar

meticulosamente cada Arcano, conforme será descrito mais adiante neste curso.

A descrição de cada Arcano Maior foi, basicamente, extraída do livro do Dr. SAMAEL

AUN WEOR, intitulado "TAROT Y CABALA", publicado em espanhol.

TRIGRAFIA DOS ARCANOS

ARCANO é o conjunto de símbolos que, originalmente,

foram representados nas 78 lâminas que formavam o

"Livro de Thot". A posição que ocupa cada lâmina no Livro

de Thot foi determinada pela letra do alfabeto egípcio com

que cada carta se relaciona. Esse alfabeto consta de 24

fonogramas e cada letra se expressa através de três

elementos representativos, simbolizando a ação dessa

letra nos mundos Físico, Mental e Espiritual do homem. Na

ordenação que os sábios hebreus deram ao dito livro, os

primeiros 22 Arcanos se associam a cada uma das letras

de que consta o seu idioma. Vejamos, sinteticamente, as 3

secções de cada lâmina:

1) SECÇÃO SUPERIOR: Base dos princípios

inteligentes, os poderes transcendentes, razões potenciais.

Mundo das causas. O conceito surge da soma dos signos

que se encontram na secção superior e central da lâmina.

2) SECÇÃO CENTRAL: Base dos princípios

coordenadores, poderes criadores, razões determinantes.

Mundo das causas em formação. O atributo, qualidade ou símbolo corresponde aos

signos que se encontram na parte inferior, denominado Mundo Físico.

3) SECÇÃO INFERIOR: Base dos princípios plasmadores, poderes executivos, razões

em ato. Mundo das causas materializadas. O axioma, verdade clara e evidente, se

comunica pela representação planetária e zodiacal situada no lado esquerdo da base,

assim como pela relação que o planeta e o signo têm com a letra hebraica e o número,

inscritos no lado direito.

http://www.voppus.com.br 17


TAROT EGÍPCIO LIÇÃO 01

Ao observar as lâminas, você verificará que várias imagens ou símbolos aparecem na

secção superior de um Arcano, em outros na secção inferior e, às vezes, na secção

central. A interpretação do mesmo ideograma é completamente diferente em cada parte

em que está representado.

Mesmo todos os Arcanos possuindo elementos similares, que os convertem em

compêndios de certo saber, os MENORES, se bem vinculados a determinados passos

iniciáticos, com os demais, representam mais aos elementos diferenciados, através dos

quais os princípios universais associados aos MAIORES atuam no Mundo Físico, motivo

pelo qual mesmo tendo símbolo e transcendência, se lhes confere menor importância

doutrinária e maior importância aplicativa. Os pontos básicos são os seguintes:

1) Na parte superior: Uma letra hebraica, uma mística, um signo egípcio e os atributos

de uma deidade, simbolismo de determinado dinamismo. Atua no Mundo Espiritual.

2) Na parte média: Uma grafia transformando em imagens o sentido deste dinamismo.

Atua no Mundo Mental.

3) Na parte inferior: Símbolos místicos, astrais, alfabéticos e cabalísticos, através dos

quais esse dinamismo cumpre sua finalidade no Mundo Físico.

A série de 78 lâminas do Livro de Thot encerra tudo o que é possível conhecer, do

mundo visível ao invisível, representando cada lâmina uma parte deste conhecimento e o

instante da eternidade em que toma forma objetiva e pode ser conhecida.

18 VOPPUS STELLA MARIS


LIVRO DE THOT LIÇÃO 01

ARCANOS MAIORES

Os Arcanos Maiores correspondem aos princípios fundamentais de maior importância

na vida de qualquer pessoa. Eles mostram os diversos estágios da energia cósmica em

sua ação predominante. Passaremos a descrevê-los resumidamente, a partir de uma

síntese apresentada pelo Dr. Samael Aun Weor em uma de suas obras.

- ARCANO 1( O MAGO):O Homem. Espada. Vontade. Poder.

- ARCANO 2( A SACERDOTISA): A Mulher do Mago. Ciência oculta,favorável.

- ARCANO 3( A IMPERATRIZ):A Mãe Divina. Produção material e espiritual.

- ARCANO 4( O IMPERADOR): Mando, progresso, êxito, misericórdia.

- ARCANO 5( O JERARCA): O rigor, a Lei, o karma, Marte, guerra.

- ARCANO 6( A INDECISÃO): O enamorado. Vitória, boa sorte.

- ARCANO 7( O TRIUNFO): O carro de guerra. Guerras, lutas, expiação, dor, amargura.

- ARCANO 8( A JUSTIÇA): O Arcano de Jó. Sofrimentos.

- ARCANO 9( O EREMITA): A Iniciação. Solidão, sofrimentos.

- ARCANO 10( A RETRIBUIÇÃO): Roda da Fortuna. Bons negócios, mudanças

- ARCANO 11( A PERSUASÃO): O leão domado. Favorece a lei. Não temer.

- ARCANO 12( O APOSTOLADO): Sacrifício. Provas e dor. Arcano AZF nos tira da dor.

- ARCANO 13( A IMORTALIDADE): Morte, ressurreição. Transformações. Mudança.

- ARCANO 14( A TEMPERANÇA): Matrimônio, associação, longa vida, estável.

- ARCANO 15( A PAIXÃO): Tifão Bafometo. Fracasso amoroso, anuncia perigos.

- ARCANO 16( A FRAGILIDADE):A Torre Fulminada. Castigo, queda sexual terrível.

- ARCANO 17( A ESPERANÇA): A Estrela da Esperança. Saber esperar.

- ARCANO 18( O CREPÚSCULO): Os inimigos ocultos atacam a qualquer momento.

- ARCANO 19( A INSPIRAÇÃO): O Sol Radiante. Êxitos, boa sorte.

- ARCANO 20( A RESSURREIÇÃO): Mudanças favoráveis, aproveite-as.

- ARCANO 21( A TRANSMUTAÇÃO):O louco, a insensatez. Desmoralização total.

- ARCANO 22( O REGRESSO):A verdade. A Coroa da Vida. Triunfo.

http://www.voppus.com.br 19


TAROT EGÍPCIO LIÇÃO 01

20 VOPPUS STELLA MARIS


LIVRO DE THOT LIÇÃO 01

Nas próximas lições descreveremos cada Arcano de maneira detalhada. Analisaremos

e decodificaremos os símbolos que aparecem nas secções superior, média e inferior.

http://www.voppus.com.br 21


TAROT EGÍPCIO LIÇÃO 01

O QUE É TAROPRAXIS

TAROPRAXIS é uma série de exercícios especiais que lhe serão ensinados para o seu

crescimento mental, material e espiritual, além de capacitá-lo a consultar o Tarot com

eficiência e precisão. Você deverá seguir as orientações correspondentes a cada um

deles. Busque esforçar-se e colocá-los em prática no decorrer de sua vida diária.

TAROPRAXIS é uma série de exercícios especiais que

lhe serão ensinados para o seu crescimento mental,

material e espiritual, além de capacitá-lo a consultar o

Tarot com eficiência e precisão. Você deverá seguir as

orientações correspondentes a cada um deles. Busque

esforçar-se e colocá-los em prática no decorrer de sua

vida diária.

TAROPRAXIS foi elaborado de forma didática e progressiva para que, cada vez mais,

você possa vivenciar os ensinamentos teoricamente ministrados. Não se permita deter-se

tão somente na teoria exposta. Pratique os exercícios que você só será beneficiado. Não

se esqueça: TEORIA SEM PRÁTICA É ESTÉRIL. Nada poderá mudar em seu interior

somente com teorias. O máximo que pode ocorrer é você estar mais informado. Portanto,

não permita o congelamento da teoria armazenada em seu cérebro. Pratique e extraia o

supra-sumo do ensinamento.

Desejamos, de todo coração, que você TRIUNFE NA VIDA. Muitos estudantes

obtiveram excelentes resultados, tanto a nível MATERIAL como MENTAL, SOCIAL e

ESPIRITUAL. Se outros puderam, você também pode, todavia é indispensável praticar os

exercícios propostos. Lembre-se, PRAXIS vem do grego e significa PRÁTICA, AÇÃO,

ATIVIDADE, portanto PRATIQUE! A sessão TAROPRAXIS tem o objetivo de ensiná-lo,

didaticamente, poderosas práticas mentais, fisiológicas, espirituais e psicológicas para o

seu crescimento pessoal e interior. Está dividida em 5 níveis.

1) RELAX

Este nível corresponde a exercícios especiais de relaxamento físico, psíquico e mental

para o bem-estar e alívio do estresse, melhorando a saúde, sendo básico para os

experimentos mais avançados. Divide-se em quatro estágios:

22 VOPPUS STELLA MARIS


LIVRO DE THOT LIÇÃO 01

1.1) RELAX I (Módulo 1 - lição 1);

1.2) RELAX II (Módulo 1 - lição 2);

1.3) RELAX III (Módulo 1 - lição 3);

1.4) RELAX IV (Módulo 1 - lição 4).

2) CONCENTRAÇÃO

Corresponde a exercícios especiais para desenvolver ou aumentar o seu poder de

atenção e concentração. Já sabemos que o nosso triunfo material, profissional, social ou

espiritual requer boa capacidade de concentração em determinado problema, situação ou

decisão. Neste nível serão ensinadas práticas de concentração deixadas por sábios,

filósofos, esoteristas e místicos, através dos tempos. Divide-se em quatro estágios:

2.1) CONCENTRAÇÃO I (Módulo 2 - lição 5);

2.2) CONCENTRAÇÃO II (Módulo 2 - lição 6);

2.3) CONCENTRAÇÃO III (Módulo 2 - lição 7);

2.4) CONCENTRAÇÃO IV (Módulo 2 - lição 8).

3) MEDITAÇÃO

Corresponde a exercícios especiais para colocá-lo num estado interior profundo,

possibilitando encontrar paz e melhores condições para o auto-conhecimento. A

meditação é um elemento básico para o crescimento espiritual e precisão na consulta do

Tarot. Divide-se em quatro estágios:

3.1) MEDITAÇÃO I (Módulo 3- lição 9);

3.2) MEDITAÇÃO II (Módulo 3 - lição 10);

3.3) MEDITAÇÃO III (Módulo 3 - lição 11);

3.4) MEDITAÇÃO IV (Módulo 3- lição 12).

4) MANTRALIZAÇÃO

Corresponde a exercícios especiais de articulação, verbal ou mental, de sons vocálicos

ou mantrans para criar estados interiores elevados. Através da emissão mental ou verbal

as vibrações criarão um ambiente mais favorável a nível pessoal, doméstico ou espiritual.

Os mantrans produzirão uma aura magnética para uma melhor saúde física e expansão

da consciência, estimulando eficientemente a INTUIÇÃO. Está dividida em quatro

estágios:

4.1) MANTRALIZAÇÃO I (Módulo 4 - lição 13);

4.2) MANTRALIZAÇÃO II (Módulo 4 - lição 14);

4.3) MANTRALIZAÇÃO III (Módulo 4 - lição 15);

4.4) MANTRALIZAÇÃO IV (Módulo 4 - lição 16).

http://www.voppus.com.br 23


TAROT EGÍPCIO LIÇÃO 01

5) HARMONIZAÇÃO

Corresponde a exercícios especiais de interiorização e harmonização com as

poderosas FORÇAS CÓSMICAS. Visa ensiná-lo a penetrar no anfiteatro da

CONSCIÊNCIA CÓSMICA, integrando-se com o todo. Você aprenderá a viver em perfeita

harmonia com seu SER ESPIRITUAL PROFUNDO e com todo o Universo ao seu redor.

Possui apenas um estágio:

5.1) HARMONIZAÇÃO I (Módulo 4 - lição 17).

DIDÁTICA DO CURSO

1) TEORIA:

O curso de TAROT EGÍPCIO foi elaborado em 17 lições progressivas, tendo a duração

básica de quatro meses, todavia, dependendo de sua escolha, poderá ser mais curto ou

mais longo. Leia atentamente os seguintes pontos:

1.1) ÚNICA REMESSA

Se você receber o curso em uma só remessa busque estudá-lo de forma progressiva,

lendo uma ou duas lições teóricas por semana. Evite saltar as lições, pois elas foram

elaboradas de maneira didático-progressiva e estudando-as de forma desordenada

poderá não compreender perfeitamente o tema abordado.

1.2) DUAS REMESSAS

Se você optou por receber o curso de TAROT EGÍPCIO em dois meses, procure

observar a descrição que fizemos acima, tanto para o estudo como para a prática.

1.3) QUATRO REMESSAS

Se você optou por receber o curso em quatro meses, deverá estudar uma ou duas

lições por semana e praticar o exercício proposto para aquele período.

2) PRÁTICA:

Para ter o máximo de proveito nos exercícios siga as seguintes orientações:

2.1) GRUPO DE PRÁTICA

A cada nova remessa de lições você receberá um novo grupo de TAROPRAXIS.

2.2) DURAÇÃO DA PRÁTICA

O TAROPRAXIS deverá ser praticado por CINCO DIAS CONSECUTIVOS,

descansando-se por dois dias. Não é possível obter resultados sólidos praticando-os

esporadicamente. Os exercícios produzem uma série de mudanças internas que só se

solidificam quando repetidos muitas vezes.

2.3) NOVAS PRÁTICAS

Ao receber a remessa de lições do mês abandone o TAROPRAXIS anterior e dediquese

a praticar os novos exercícios propostos. Caso você esteja obtendo bons resultados

com o TAROPRAXIS anterior, divida seu tempo de prática em duas partes. Na primeira,

faça o exercício de seu agrado; na segunda, pratique o experimento proposto. Não deixe

de praticar o novo PRAXIS, pois eles estão encadeados de tal forma a produzir

determinados resultados ao final de certo tempo. Os exercícios posteriores sempre têm

algo a ver com o anterior; é como se fossem elos de uma mesma corrente.

24 VOPPUS STELLA MARIS


LIVRO DE THOT LIÇÃO 01

TAROPRAXIS 1

Nos dias de hoje, a vida moderna nos impõe um ritmo tremendamente estressante. O

motivo da tensão emocional ou nervosa está no corre-corre diário, no trânsito, na

insegurança em casa, no trabalho, na rua, na carestia, na guerra, violências, poluição,

etc...

O nosso organismo pode suportar o estresse até certo nível. A partir daí ocorrem

danos somáticos ou psíquicos. O relaxamento visa reduzir a tensão a patamares mais

aceitáveis pelo nosso corpo e mente.

Aperfeiçoamos as técnicas apresentadas nesta série RELAX depois de estudar e

aplicar vários sistemas de treinamento autogênico de J.H. Shultz, relaxamento analítico

Jarreau-Klotz, relaxamento ativo gradual, etc. Nossa experiência soma-se a mais de

2.500 sessões práticas de relaxamento dirigido.

O relaxamento, praticado habitualmente, é capaz de reduzir a pressão arterial. Convém

lembrar que estatísticas feitas nos EUA comprovaram que em homens com mais de 35

anos de idade, com pressão acima de 150/90, a expectativa de vida diminui em 15 anos.

Sabe-se que as drogas e medicamentos, mesmo nas formas mais leves, produzem

efeitos indesejáveis.

Vejamos agora alguns pontos importantes que você deve observar para extrair o

máximo proveito desta prática.

O nosso organismo pode suportar o estresse até

certo nível. A partir daí ocorrem danos somáticos ou

psíquicos. O relaxamento visa reduzir a tensão a

patamares mais aceitáveis pelo nosso corpo e mente.

A postura é de importância fundamental. Deve-se manter a coluna vertebral ERETA,

na posição sentada ou deitada. O alinhamento postural traz benefícios fisiológicos, além

de aumentar os horizontes intelectuais e emocionais. Deve haver um esforço por parte do

praticante em seguir detalhadamente os comandos, passo-a-passo. Desta forma,

desenvolverá a auto-disciplina.

Vamos procurar unificar o que há de melhor no oriente e no Ocidente. Sabemos que a

respiração é importantíssima para o bom funcionamento do corpo e do cérebro. Se o

nosso corpo não receber a dose de oxigênio necessária poderemos ter diversos

problemas, sobretudo cansaço frequente, menor resistência a enfermidades,

pensamentos confusos, decisões precipitadas, etc. Nos dias de hoje, é raro encontrarmos

uma pessoa que respire corretamente, todavia nesta prática não vamos nos deter em

http://www.voppus.com.br 25


TAROT EGÍPCIO LIÇÃO 01

minúcias a respeito da respiração. Ensinar-lhe-emos o básico para você obter resultados

necessários ao seu desenvolvimento nestes estudos.

Quando inalamos o ar não é apenas o oxigênio que absorvemos, mas também

diversos outros componentes, entretanto o que mais nos interessa é o PRANA ou FORÇA

VITAL contido no elemento ar. Ao exalarmos, além do gás carbônico, também expelimos

outras substâncias. A inalação rítmica e consciente revigora os nervos, oxigena o sangue,

relaxa os músculos, tonifica o sistema cardiovascular e beneficia os pulmões. Os

exercícios que vamos ensinar são muito simples, mas se você tiver alguma enfermidade

GRAVE, a nível de CORAÇÃO ou PULMÕES, CONSULTE O SEU MÉDICO para ver se

você pode fazê-los.

Ao se dedicar à prática, peça para que ninguém o incomode. Busque um lugar ou um

cômodo de sua residência que seja o mais tranquilo possível, e dedique-se à prática. Se

puder ter um local somente para seus estudos será bem melhor porque convergirão

vibrações dedicadas somente para este fim. De qualquer maneira, O IMPORTANTE É

PRATICAR.

RELAX I

1) Você deverá realizar este exercício antes de ir para a cama dormir, após um dia de

rotina;

2) Sente-se confortavelmente em uma cadeira, poltrona, sofá, no chão ou na cama.

Busque manter a coluna ereta. Atenção: não faça esta prática deitado, porque poderá

adormecer antes de terminá-la. Lembramos que estes exercícios não devem ser feitos

com o estômago cheio;

3) Feche os olhos;

4) Solte todos os músculos do seu corpo, encha os pulmões

de ar profundamente e exale-o de forma curta e rápida;

5) Inspire o ar lentamente, pelas narinas, contando

mentalmente: 1,2,3,4,5,6;

6) Retenha o ar nos pulmões contando mentalmente: 1,2,3;

7) Exale o ar lentamente, pelas narinas, contando

mentalmente: 1,2,3,4,5,6;

8) Mantenha os pulmões vazios (não respire) enquanto conta

mentalmente: 1,2,3. A contagem deve ser pausada, todavia nem

rápida demais nem excessivamente lenta. A contagem equivale,

aproximadamente, a um segundo, cada número;

9) Repita este ciclo respiratório, do item 5 ao 8, por 7 vezes,

no total;

10) Esta prática deve durar, no mínimo, 15 minutos;

11) OUTPRAXIS

Consiste de sete pontos que devem ser observados para você finalizar esta e todas as

práticas que lhe ensinaremos no TAROPRAXIS:

a) Mova suavemente as articulações dos pés;

26 VOPPUS STELLA MARIS


LIVRO DE THOT LIÇÃO 01

b) Abra e feche as mãos com suavidade;

c) Sinta suas pernas, braços e tronco;

d) Sinta sua cabeça;

e) Abra suavemente os olhos;

f) Tome consciência do lugar em que se encontra;

g) Movimente-se como de hábito.

12) Aqui termina o TAROPRAXIS.

Fraternalmente,

SEU INSTRUTOR DE CLASSE.

http://www.voppus.com.br 27


LIÇÃO 02

O SEGREDO DOS NÚMEROS


TAROT EGÍPCIO LIÇÃO 02

PREZADO ESTUDANTE:

Prossigamos nos aprofundando neste fascinante campo de estudo. O Tarot, conforme

já explicamos, também é denominado LIVRO DE THOT. Estudiosos, pesquisadores,

magos, alquimistas, videntes, esoteristas e místicos verificaram, através da História, que

há íntima relação entre o Tarot e as 22 letras do alfabeto hebraico. Sabemos que estas

letras possuem estreita ligação com a Numerologia, ou seja, cada letra corresponde a

uma potência numérica. Conforme você verificou em nossa lição anterior, na parte de

baixo da secção inferior da lâmina encontra-se uma legenda e, ao lado, um número e uma

letra hebraica. É a respeito deste sinal gráfico que vamos discorrer, mesmo que

resumidamente.

Estudiosos, pesquisadores, magos, alquimistas, videntes, esoteristas e

místicos verificaram, através da História, que há íntima relação entre o Tarot e

as 22 letras do alfabeto hebraico. Sabemos que estas letras possuem estreita

ligação com a Numerologia, ou seja, cada letra corresponde a uma potência

numérica. Conforme você verificou em nossa lição anterior, na parte de baixo

da secção inferior da lâmina encontra-se uma legenda e, ao lado, um número e

uma letra hebraica.

Letra hebraica

LETRAS HEBRAICAS

O alfabeto hebraico é um dos mais antigos que se conhece. Consta de 22 letras que se

escreve da direita para a esquerda servindo, também, para exprimir números.

Encontramos uma ligação extremamente forte entre o hebraico e o grego. Tudo indica

que ambas tiveram origem comum. Vejamos alguns exemplos:

LATINO HEBRAICO GREGO

A ALEPH ALFA

B BETH BETA

G GHIMEL GAMA

D DALETH DELTA

Cada letra hebraica apresenta três significados:

a) Natural ou material;

b) Simbólico;

c) Espiritual.

2 VOPPUS STELLA MARIS


LIVRO DE THOT LIÇÃO 02

Para se saber o significado simbólico ou espiritual é preciso conhecer profundamente a

semântica de cada letra, entretanto este não é o objetivo deste curso. Apenas

apresentaremos algumas noções.

Mostraremos abaixo a representação de cada letra, segundo vários estudiosos da

matéria. Em segundo lugar, apresentaremos a versão dada por Eliphas Levi em seu livro

"Dogma e Ritual de Alta Magia" e, por último, transcreveremos a interpretação bíblica

encontrada em PROVÉRBIOS, Capítulo 31. Observe bem que cada letra hebraica possui

o valor correspondente ao número que se encontra ao lado. Você encontrará esta mesma

relação entre os 22 Arcanos Maiores do Tarot.

1) ALEPH (A)

I) Representa o homem como unidade coletiva, senhor e dono da terra, o homem universal ou a

humanidade. Esotericamente, é a unidade, o ponto central, o princípio abstrato de uma coisa. A grafia

expressa poder, estabilidade e continuidade; o superlativo.

II) " Tudo mostra uma causa inteligente, ativa" (Levi).

III) " Mulher virtuosa quem achará? O seu valor muito excede o de rubís" (vers. 10).

2) BETH (B)

I) A boca como órgão da palavra humana, seu interior e sua habitação. Indica virilidade, proteção paternal,

ação interna e reconhecimento. Expressa idéias de progresso e adiantamento gradual; o passo de um estado

a outro, a locomoção, a habitação, o objeto central.

II) " O número dá prova da unidade viva" (Levi).

III) " O coração de seu marido está nela confiado, e a ela nenhuma fazenda faltará" (vers. 11).

3) GHIMEL (G)

I) A garganta e tudo aquilo que for ôco. Demonstra toda classe de aberturas, orifícios e todo tipo de coisas

côncavas e profundas. Expressa a envoltura orgânica e serve para determinar toda a classe de idéias

derivadas do organismo corporal, de suas ações e funções.

II) " Nada pode limitar aquele que tudo contém" (Levi).

III) " Ela lhe faz bem, e não mal, todos os dias da sua vida" (vers.12).

4) DALETH (D)

I) Significa peito, seio, a nutrição. É o emblema do quaternário universal, isto é, a origem de toda a

existência física. Simboliza toda substância nutritiva e abundantes riquezas. Expressa a divisão, as

separações e as coisas divisíveis.

II) " Só, antes de qualquer princípio, está presente em toda parte" (Levi).

III) " Busca lã e linho, e trabalha de boa vontade com as suas mãos" (vers. 13).

http://www.voppus.com.br 3


TAROT EGÍPCIO LIÇÃO 02

5) HE (H,E)

I) Tudo o que vitaliza, como o ar, a insuflação, a vida, a existência. É o símbolo da vida universal e

representa o alento, o espírito, a alma do homem. Intensifica as coisas e pessoas. Pode também expressar a

veneração.

II) "Como é o único senhor, é o único adorável" (Levi).

III) " É como o navio mercante: de longe traz o seu pão" (vers. 14).

6) VAU (V,W)

I) Significa o olho do homem. É o símbolo da luz. Também representa o ouvido e é o símbolo do ar e do

vento. É o emblema da água e simboliza o sentido do paladar e do apetite. É também imagem do mais

profundo e incompreensível mistério, o símbolo do laço que une e do ponto que separa o ser e o não ser. Em

gramática serve para verbalizar todas as raízes.

II) "Revela aos corações puros seu dogma verdadeiro" (Levi).

III) "Ainda de noite se levanta, e dá mantimento à sua casa, e a tarefa às suas servas" (vers. 15).

7) ZAIN (Z)

I) Significa silvo e se aplica a todo o som estridente que penetra o ar e nele se reflete. Simboliza uma

flecha arrojadiça. Aplica-se a tudo o que tende a um ponto determinado. É a abstrata imagem de enlace de

umas coisas com outras. Indica esforço direcionado, causa final.

II) "Mas é preciso um só chefe às obras da fé" (Levi).

III) "Examina uma verdade e adquire-a; planta uma vinha com o fruto de tuas mãos" (vers. 16).

8) CHETH (CH)

I) Significa princípio vital, aspiração. Simboliza existência elemental. Representa o campo de trabalho do

homem e tudo quanto requer esforço, cuidado e solicitude de sua parte. Manifesta a vida absoluta e a vida

relativa. Também é imagem do equilíbrio e da igualdade da ação moral e legislativa e se aplica a todas as

idéias de esforço e ação normais.

II) " É por isso que só temos um altar, uma lei" (Levi).

III) "Cinge os teus lombos de força, e fortalece os seus braços" (vers. 17).

9) TETH (T)

I) Representa um asilo, um refúgio que o homem se proporciona para defender-se e proteger-se. Indica

resistência, proteção. Seu significado esotérico é uma muralha oculta edificada para guardar um tesouro e

cuidar de um objeto querido no meio dos perigos.

II) "E nunca o Eterno mudará a sua base" (Levi).

4 VOPPUS STELLA MARIS


LIVRO DE THOT LIÇÃO 02

III) "Prova e vê que é boa a sua mercadoria; e a sua lâmpada não se apaga à noite" (vers. 18).

10) IOD (I)

I) Representa todo o poder manifestado. Representa a mão do homem e o dedo indicador. Indica potência

em contraposição ao ato. Também expressa duração intelectual e eternidade. Enquanto vogal, alegoriza a

Divindade. Como consoante indica duração material.

II) "Dos céus e dos nossos dias regula cada fase" (Levi).

III) "Estende as suas mãos ao fuso, e as palmas das suas mãos pegam na roca" (vers. 19).

11) KHAPH (K,C)

I) Significa tudo o que é côncavo em geral e a mão meio fechada do homem em particular. Indica reflexão

e assimilação e representa a natureza assimiladora e a vida transitória. É uma espécie de molde ou modelo

que se adapta indistintamente a todas as formas. Expressa o movimento de similitude e analogia.

II) "Rico em misericórdia e enérgico no punir" (Levi).

III) "Abre a sua mão ao aflito, e ao necessitado estende as suas mãos" (vers. 20).

12) LAMED (L)

I) Expressa idéia de extensão. Simboliza o braço direito do homem e a asa da ave, e tudo o que se

estende ou se eleve por si mesmo, alargando sua particular e peculiar natureza. Demonstra movimento de

extensão e expressa reunião, coincidência, dependência, possessão, instrução e desenvolvimento.

II) "Promete a seu povo um rei no porvir" (Levi).

III) "Não temerás, por causa da neve, porque toda a sua casa anda forrada de roupa dobrada" (vers. 21).

13) MEM (M)

I) Significa a mulher. É a simbólica imagem da mãe e companheira do homem. Tudo o que é frutífero e

formativo. Indica maternidade, ação externa e passiva, água, líquido ou fluidez.

II) "O túmulo é a passagem para a terra nova. Só a morte acaba, a vida é eterna" (Levi).

III) "Faz para si tapeçaria; de linho fino e de púrpura é o seu vestido" (vers. 22).

14) NUN (N)

I) Expressa o filho do homem, o fruto, a geração, todo ser indistintamente individualizado. Indica aumento

ou extensão. Significa retirada e expansão.

II) "O bom anjo é aquele que acalma e tempera" (Levi).

III) "Conhece-se o seu marido nas portas, quando se assenta com os anciãos da terra" (vers. 23).

http://www.voppus.com.br 5


TAROT EGÍPCIO LIÇÃO 02

15) SAMEKH (S)

I) Expressa o beijo. É um tipo de um arco e esotericamente representa o grande arco cósmico cuja corda

está nas mãos da humanidade. Indica o movimento circular com definida relação à limitadora superfície de

cada esfera. Renovação cíclica, circunferência.

II) "O mau é o espírito de orgulho e cólera" (Levi).

III) "Faz panos de linho fino, e vende-os, e dá cintas aos mercadores" (vers. 24).

16) AIN (E,I,W)

I) Significa ouvir. Representa os órgãos do ouvido humano. Simboliza todos os ruídos e sons

indistinguíveis. Tudo o que carece de harmonia. Representa a cavidade torácica. Indica sentidos materiais, a

imagem do vazio e do nada.

II) "Deus manda no raio e governa o fogo" (Levi).

III) "A força e a glória são seus vestidos, ri-se do dia do futuro" (vers. 25).

17) PE (P,Ph)

I) Significa a boca aberta, a palavra, o ensino, a beleza da expressão. Tudo o que o homem dá a conhecer

de si mesmo no mundo exterior. Os visíveis e os externos meios de manifestação do espírito.

II) "Vésper e o seu orvalho obedecem a Deus" (Levi).

III) "Abre a sua boca com sabedoria, e a lei da beneficência está na sua língua" (vers. 26).

18) TZADE (Tz)

I) Expressa o peixe, anzol ou dardo. Relaciona-se, esotericamente, com fins cumpridos. Indica o duplo

caduceu hermafrodita. É signo protetor e guia no alto. É o favor de Deus mostrando ao discípulo a senda.

Simboliza o pensamento fixo em determinado objetivo.

II) "Coloca sobre nossas torres a Lua como sentinela" (Levi).

III) "Olha pelo governo de sua casa e não come o pão da preguiça" (vers. 27).

19) KOPH (K,Q)

I) Literalmente significa o macaco. É símbolo de compreensão, arma ofensiva, golpe, ferida, dano. Signo

do extrato submerso da natureza; a consciência sublimal. A etapa evolutiva que já transcendemos.

II) "O seu sol é a fonte em que tudo se renova" (Levi).

III) "Levantam-se seus filhos, e chamam-na bem aventurada, como também seu marido que a louva,

dizendo:" (vers. 28).

6 VOPPUS STELLA MARIS


LIVRO DE THOT LIÇÃO 02

20) RESH ®

I) Representa a cabeça humana, a unidade psíquica do Ser. Determinação, progresso e movimento

individual. Independência, auxílio próprio, esforço de iniciativa, centro de movimento gerado por impulso

autônomo, a reflexão, a origem, a repetição.

II) "O seu sopro faz germinar o pó dos túmulos" (Levi).

III) "Muitas filhas obraram virtuosamente, mas tu a todas és superior" (vers. 29).

21) SHIN (Ch, X)

I) Significa movimento rápido e sons suaves. Esotericamente simboliza a parte do arco da qual a flecha sai

silvando. Simboliza a duração relativa e o movimento a ela pertencente. Também assinala os reinos da

natureza.

II) "Aonde os mortais sem freio descem em multidão" (Levi).

III) "Enganosa é a graça e vaidade a formosura, mas a mulher que teme ao Senhor, essa será louvada"

(vers. 30).

22) THAU (Th)

I) Expressa reciprocidade, abundância, resistência. Os antigos egípcios simbolizavam com esta letra a

alma universal. É o emblema da simpatia e perfeição.

II) "Sua coroa cobriu o propiciatório" (Levi).

III) "Dai-lhe do fruto das tuas mãos, e, às Portas, suas obras proclamem seu louvor!" (vers. 31).

http://www.voppus.com.br 7


TAROT EGÍPCIO LIÇÃO 02

NOÇÕES DE NUMEROLOGIA

Conforme explicado, as letras do alfabeto hebreu possuem íntima associação com os

números, e estes com as lâminas do Tarot. Aproveitaremos está íntima ligação para

ensinar-lhe algumas noções de Numerologia. O nosso objetivo, neste curso de Tarot, não

é nos aprofundarmos nesta maravilhosa ciência dos números, mas tão somente fornecerlhe

dados úteis e sintéticos com os quais poderá realizar cálculos simples. Caso haja

maior interesse de sua parte, adquira os livros relacionados na Bibliografia ao final desta

publicação.

NUMEROLOGIA E CABALA

Dizia o grande sábio e matemático grego

Pitágoras: "OS NÚMEROS GOVERNAM O

MUNDO. A NOSSA VIDA ESTÁ MARCADA POR

VÁRIAS POTÊNCIAS NUMÉRICAS".

Predizer é antecipar uma coisa baseado em

fatores já existentes. Ao avançar, as causas e

efeitos trarão a realização do previsto. Para

antecipar-se a algum acontecimento, utilizando as

potências numéricas, é necessário ter INTUIÇÃO.

Afirma o Dr. Samael Aun Weor, em sua obra

"NOCIONES FUNDAMENTALES DE

ENDOCRINOLOGIA Y CRIMINOLOGIA", o

seguinte:

“O MUNDO DAS INTUIÇÕES É O MUNDO DAS

MATEMÁTICAS. O ESTUDANTE QUE QUEIRA SE ELEVAR

AO MUNDO DA INTUIÇÃO DEVE SER MATEMÁTICO OU,

PELO MENOS, TER NOÇÕES DE ARITMÉTICA. AS

FORMULAS MATEMÁTICAS CONFEREM O

CONHECIMENTO INTUITIVO".

Dizia o grande sábio e matemático

grego Pitágoras: "OS NÚMEROS

GOVERNAM O MUNDO. A NOSSA

VIDA ESTÁ MARCADA POR VÁRIAS

POTÊNCIAS NUMÉRICAS".

A CABALA E O ANO DE NASCIMENTO

Não existe CASUALIDADE na Natureza e nem no Universo. Todos os fenômenos que

sucedem são provocados por alguma força. Lembremo-nos do grande físico Sir Isaac

Newton quando dizia que "TODA AÇÃO PRODUZ UMA REAÇÃO". Logo, toda causa tem

um efeito e todo efeito terá, necessariamente, uma causa. Existe a LEI DE

CAUSALIDADE, ou seja, TODA AÇÃO TERÁ CONSEQUÊNCIAS.

Com base no exposto, concluímos que não nascemos em determinado ano, dia, mês

ou hora por ACASO. Há elementos motivadores de tal fenômeno.

Os cabalistas descobriram que através dos cálculos numéricos podiam traçar uma

relação de CAUSA-EFEITO para diversos fenômenos.

Folheando a obra do mesmo autor acima mencionado, cujo título é "TAROT Y

CABALA", extraímos o seguinte do Capítulo LXXX:

“Continuamos agora com as Matemáticas. Toda nossa vida se desenvolve com as matemáticas. A Lei do

Karma se desenvolve com os números.

8 VOPPUS STELLA MARIS


LIVRO DE THOT LIÇÃO 02

1o. Exemplo: EDUARDO DEL PORTILLO - Ano de nascimento: 1932.

“Ao ano de nascimento soma-se o mesmo ano:

1932

1

9

3

2

______

1947 = 1+9+4+7 = 21 (ver Arcano 21)

21 = 2+1 = 3 (ver Arcano 3)

1947

1

9

4

7

______

1968 = 1+9+6+8 = 24 (ver Arcano 24)

24 = 2+4 = 6 (O Enamorado. Conheceu sua namorada em 1968).

1968

1

9

6

8

______

1992 = 1+9+9+2 = 21 (ver Arcano 21)

21 = 2+1 = 3 (marca um triunfo espiritual e econômico. Não esqueça este ano).

2o. Exemplo: ARTURO AGUIRRE - Ano de nascimento: 1937.

1937

1

9

3

7

______

1957 = 1+9+5+7 = 22 = 2+2 = 4 (êxito no plano material).

1

9

5

7

______

1979 = 1+9+7+9 = 26 = 2+6 = 8 (provas e dores. Terá que ter a paciência de Jó).

http://www.voppus.com.br 9


TAROT EGÍPCIO LIÇÃO 02

3o. Exemplo: LUIS PEREZ - Ano: 1920.

1920

1

9

2

0

______

1932 = 1+9+3+2 = 15 = 1+5 = 6 (afeto ao coração, sentimento. O no. 6 se relaciona com a parte

moral. Nesse ano faleceu seu pai e isso foi muito grave).

1932

1

9

3

2

______

1947 = 1+9+4+7 = 21 = 2+1 = 3(produção material e espiritual).

1

9

4

7

______

1968 = 1+9+6+8 = 24 (a Tecedeira enredou-se em seu próprio tear,sofrimentos dos quais não saiu).

24 = 2+4 = 6 (O Enamorado)

4o. Exemplo: NICOLAS NARANJO - Ano: 1946.

1946

1

9

4

6

______

1966 = 1+9+6+6 = 22 = 2+2 = 4 (êxito, porque conheceu a Gnosis).

1

9

6

6

______

1988 = 1+9+8+8 = 26 = 2+6= 8 (continuará trabalhando com êxito).

Até aqui as palavras do Dr. Samael Aun Weor.

Você mesmo pode realizar tais cálculos. Faça-os e comprove a veracidade das

matemáticas esotéricas.

10 VOPPUS STELLA MARIS


LIVRO DE THOT LIÇÃO 02

Siga o esquema abaixo e calcule a soma cabalística de seu ano de nascimento:

_ _ _ _

_

_

_

_

---------

_ _ _ _ = _ + _ + _ + _ = _ _ = _ + _ = _

Observe que a soma final deverá ser um valor compreendido entre 1 e 9. Após

encontrar este número consulte a Lição 01 e leia a síntese correspondente ao número do

Arcano Maior que você encontrou. Entretanto, para maiores informações, estude a

descrição do Arcano nas lições seguintes, principalmente no item relativo aos Elementos

de Predição.

Lembramos que todas as pessoas que nasceram no mesmo ano possuem influências

similares. Da mesma forma que pessoas do mesmo signo zodiacal, manifestam

características gerais muito parecidas. As predisposições para os nativos do mesmo ano

poderão suceder em campos ou áreas humanas diferentes, como por exemplo:

casamento, emprego, saúde, profissão, estudo, familiar, social, amizades, econômico, etc.

Segundo nossa experiência, é preciso levar em conta que a influência pode se estender

por cerca de 6 meses antes e seis meses depois do ano de

nascimento do nativo.

ESCALA CABALÍSTICA

A progressão cabalística do tempo está determinada

pelas medidas do ANO DIVINO, através dos fluxos e

refluxos cósmicos que nos afetam periodicamente. Os

ciclos impulsionam o desenvolvimento físico, mental e

espiritual para que siga a linha de continuidade segundo os

ordenamentos matemáticos cósmicos.

Através das condições cósmicas, o ANO corresponde à

sucessão de tempo, segundo o signo místico que o rege.

O NOME, em virtude do automatismo que é produzido

pela ressonância de cada letra, vai imprimindo em cada um

de nós uma certa resposta física, mental e espiritual, de

acordo com as condições que nos rodeiam. Não

buscaremos analisar a correlação do nome pessoal e o

ano. Vamos nos deter apenas na Escala Cabalística do

Ano.

Para vermos mais claramente este assunto é necessário

saber que:

1) TODO TEMPO TEM UM RITMO, podendo ser

conhecido pelo número potencial que representa a data a

ser analisada;

O RITMO DO TEMPO está

representado pelo valor

potencial do ano de

nascimento. Progride em

ciclos, cuja duração é

determinada pelas datas

subsequentes.

http://www.voppus.com.br 11


TAROT EGÍPCIO LIÇÃO 02

2) TODO RITMO TEM UMA MEDIDA que engloba o lapso de tempo manifestado pelo

número potencial que lhe serve de expoente;

3) TODA MEDIDA TEM UM EQUIVALENTE MENTAL vibrando em uníssono ao tempo

em que está ativo o ritmo associado a esta medida.

Vejamos um exemplo: 1951 - valor potencial será: 1+9+5+1=16=1+6=7.

O ano de 1951 tem um retorno de 7 anos e as pessoas que nasceram durante os 365

dias que compreendem este lapso de tempo terão sintonizadas as suas naturezas com o

ritmo em questão. Atualizarão os equivalentes mentais (idéias, conjecturas, planos,

projetos, etc.) que os sustêm ativos até completar a mencionada medida, ou seja, 1958

(1951+7).

Da mesma forma procedemos com o ano de 1958 (1+9+5+8 = 23 = 2+3 = 5 ).

Substituirá o anterior e o atualizará com o equivalente à nossa vibração. Observe a figura.

Faça a sua tabela pessoal e procure lembrar dos anos correspondentes e quais os

principais acontecimentos de sua vida. Você verificará que na maioria dos casos, sua vida

passou por mudanças nos anos assinalados.

Os fatos observados no AMANHECER DA VIDA tenderão a acontecer, novamente,

com certas nuances, já que o NÍVEL e quase sempre a ESTAÇÃO são diferentes.

Com esta tabela você poderá realizar algumas antecipações de eventos em sua

própria existência.

O RITMO DO TEMPO está representado pelo

valor potencial do ano de nascimento. Progride

em ciclos, cuja duração é determinada pelas

datas subsequentes.

O RITMO DO TEMPO está representado pelo valor potencial do ano de nascimento.

Progride em ciclos, cuja duração é determinada pelas datas subsequentes. No exemplo

mostrado vínhamos trabalhando com o potencial 7, desde 1951. A este valor

denominamos RITMO e MEDIDA. Primeiro, porque esta frequência vibra no ano em si

mesmo. Segundo, porque representa o espaço de tempo em que esta vibração estará

ativa para uma pessoa que começou a vibrar com ela. Paulo dos Santos veio ao mundo

com a vibração 7 e terá equivalentes mentais que vibram com este ritmo até completar a

medida, ou seja, desde 1951 até 1958, ano em que esgota a vibração anterior e se

identifica uma nova, com o potencial 5. Este é o valor numérico do ano em curso,

sustentando seu ritmo até 1963, época em que muda a vibração de 5 para 1; mais tarde

para 2 (em 1964), para 4 em 1966 e, finalmente, para 8 em 1970, onde completa seu

PRIMEIRO CICLO DE 7 ANOS.

12 VOPPUS STELLA MARIS


LIVRO DE THOT LIÇÃO 02

NOME : PAULO DOS SANTOS

ANO DE NASCIMENTO: 1951

ESCALA CABALÍSTICA DE IDADE

1951 = 7 - 1958 PRIMAVERA

1958 = 5 - 1963 VERÃO

1963 = 1 - 1964 OUTONO PLANO FÍSICO

1964 = 2 - 1966 INVERNO

1966 = 4 - 1970 PRIMAVERA

1970 = 8 - 1978 VERÃO

SOMA 27 ANOS (1o. CICLO)

1978 = 7 - 1985 OUTONO

1985 = 5 - 1990 INVERNO

1990 = 1 - 1991 PRIMAVERA PLANO MENTAL

1991 = 2 - 1993 VERÃO

1993 = 4 - 1997 OUTONO

1997 = 8 - 2005 INVERNO

SOMA 27 + 27 = 54 ANOS (2o. CICLO)

2005 = 7 - 2012 PRIMAVERA

2012 = 5 - 2017 VERÃO

2017 = 1 - 2018 OUTONO PLANO ESPIRITUAL

http://www.voppus.com.br 13


TAROT EGÍPCIO LIÇÃO 02

2018 = 2 - 2020 INVERNO

2020 = 4 - 2024 PRIMAVERA

2024 = 8 - 2032 VERÃO

SOMA 27 + 27 + 27 = 81 ANOS (3o. CICLO)

O segundo ciclo começa outra vez com 7, do primeiro, repetindo-se a sequência

7,5,1,2,4,8 até 2005, onde terão passado 54 anos, transitando do AMANHECER DA VIDA

para o MEIO-DIA. O amanhecer tem relação com o PLANO FÍSICO, o meio-dia com o

PLANO MENTAL e o entardecer da vida com o PLANO ESPIRITUAL que culmina em

2032, ao completar-se 81 anos de idade.

Na prática desta ESCALA CABALÍSTICA, poderemos encontrar pequenas variações

entre as pessoas. Tal fato se deve a que não há dois entes iguais. Esta escala, como

método de previsão e predição é muito útil, assinalando as medidas naturais. Pode ser

empregada para o auto-aperfeiçoamento pessoal, em todas as atividades da vida, como

faziam os antigos egípcios. Não nos esqueçamos que as Sagradas Escrituras dizem: "

PARA TODAS AS COISAS HÁ MATURAÇÃO, E TUDO QUE SE QUER DEBAIXO DO

CÉU TEM SEU TEMPO".

O ANO DIVINO

Os antigos egípcios, através de seus estudos e investigações, conceberam uma

unidade básica universal denominada ANO DIVINO. Esta dimensão corresponde ao

mesmo DIA DE BRAHMA idealizado pelos hindus.

O ANO DIVINO é composto por 168 anos zodiacais, aproximadamente. O ANO

ZODIACAL é composto por 25.920 anos terrestres. Segundo estudiosos, o início desta

unidade começa na expansão do universo. De acordo com esta hipótese, houve uma

época em que todas as galáxias estavam condensadas. Este seria o momento ZERO.

Como o universo é dinâmico, a Grande Inteligência começou sua expansão. Esta

expansão é regida por valores. Alguns afirmam que o MAHANVANTARA hindu

corresponde a quatro YUGAS ou IDADES divididas em dois períodos: um de evolução e

outro de involução. Para alguns pesquisadores o ANO DIVINO ou MAHANVANTARA é o

tempo de manifestação da expansão e contração cósmica.

1) ANO DIVINO

SUBMÚLTIPLOS DO ANO DIVINO

O Ano Divino é composto por 3 TEMPOS DIVINOS DE TRABALHO. Os três tempos

equivalem a MANHÃ, TARDE e NOITE. Ao dividirmos os 168 anos zodiacais que

compõem o Ano Divino pelos três tempos já citados, obtemos 56 anos zodiacais cada um.

Esta cifra corresponde aos 56 Arcanos Menores do Tarot.

14 VOPPUS STELLA MARIS


LIVRO DE THOT LIÇÃO 02

2) TEMPO DIVINO DE TRABALHO

O Tempo Divino de Trabalho é composto por 4 ESTAÇÕES SEMINAIS, equivalentes a

PRIMAVERA, VERÃO, OUTONO e INVERNO. Ao dividirmos 56 anos zodiacais por 4,

obtemos 14. O 4 corresponde aos 4 naipes ou elementos do baralho.

3) ESTAÇÃO SEMINAL

A Estação Seminal é integrada por 2 SEMANAS DIVINAS DE GESTAÇÃO,

correspondendo ao dia e noite do nosso diário viver. Dividindo os 14 anos zodiacais por 2

teremos dois submúltiplos de 7 anos zodiacais, cada um.

4) SEMANA DIVINA DE GESTAÇÃO

A Semana Divina de Gestação é composta por 7 DIAS CRIADORES, correspondendo

à nossa semana cotidiana. Um ano zodiacal, ou seja, 1 DIA CRIADOR corresponde a

25.920 anos terrestres.

5) DIA CRIADOR

O Dia Criador é integrado por 12 HORAS DIFERENCIAIS que correspondem aos 12

signos zodiacais. Ao dividirmos 25.920 anos por 12, encontraremos o valor de 2.160

anos. Esta cifra define o tempo necessário para que a precessão equinocial ocorra no

mesmo signo.

Para entendermos o que vem a ser a Precessão Equinocial são necessárias algumas

noções de Astronomia.

Sabemos que a Terra tarda 24 horas para dar uma volta completa ao redor do seu

próprio eixo, ou seja, um dia. A Terra gira ao redor do Sol. Para o nosso planeta

completar uma volta em torno do Sol são necessários 365 dias, umas poucas horas,

minutos e segundos. Isto corresponde a um ano. Ocorre que o nosso planeta Terra

também "gira" ao redor das Constelações do Zodíaco: Áries, Taurus, Gêminis, Câncer,

Leo, Virgo, Libra, Scorpius, Sagitarius, Capricornius, Aquarius e Piscis. Para a Terra

realizar uma "volta" completa em torno das 12 Constelações gasta 25.920 anos terrestres,

aproximadamente. Para o nosso mundo "atravessar" cada setor de constelação são

necessários 2.160 anos. Quando a Terra está "cruzando" a Constelação de Áries,

dizemos que estamos na Era de Áries. Quando estiver "transitando" pela região zodiacal

de Piscis, afirmamos estar na Era de Peixes e assim sucessivamente. Esta é uma

explicação simples, entretanto o que mais nos interessa é entender o fenômeno

astronômico. Vejamos agora uma explicação mais precisa e técnica.

A precessão dos equinócios faz a Terra chegar, a cada ano, no ponto equinocial da

Primavera com retardo de 50 segundos em relação ao ano precedente. Isto ocorre devido

ao movimento giratório e cônico do eixo da Terra, mantendo o polo referencial Sul como

fixo. Este movimento é determinado pela atração do Sol sobre nosso mundo. O eixo do

equador terrestre muda de lugar a cada ano, completando uma revolução a cada 25.920

anos, aproximadamente. Como já explicamos, a cerca de 2.160 anos ele percorre uma

parte das doze divisões, representando um signo zodiacal de 30 graus, ou 1 grau a cada

72 anos. Este fenômeno permite seguir a evolução da História das ERAS da humanidade.

http://www.voppus.com.br 15


TAROT EGÍPCIO LIÇÃO 02

Ocorre que o nosso planeta Terra

também "gira" ao redor das

Constelações do Zodíaco: Áries,

Taurus, Gêminis, Câncer, Leo,

Virgo, Libra, Scorpius, Sagitarius,

Capricornius, Aquarius e Piscis.

Para a Terra realizar uma "volta"

completa em torno das 12

Constelações gasta 25.920 anos

terrestres, aproximadamente. Para

o nosso mundo "atravessar" cada

setor de constelação são

necessários 2.160 anos. Quando a

Terra está "cruzando" a

Constelação de Áries, dizemos que

estamos na Era de Áries. Quando

estiver "transitando" pela região

zodiacal de Piscis, afirmamos estar

na Era de Peixes e assim

sucessivamente.

6) HORA DIFERENCIAL

A Hora Diferencial é composta por 60 MINUTOS NATURAIS, equivalendo aos 30

graus de cada signo zodiacal. Dividindo 2.160 anos do Dia Criador pelos 60 minutos da

Hora Diferencial obteremos 36 unidades.

7) MINUTO NATURAL

Cada Minuto Natural possui 36 unidades denominadas TAREFAS ESPECÍFICAS que

correspondem às 36 décadas dos 12 signos zodiacais. Ao dividirmos 30 minutos da Hora

Diferencial pelas 36 Tarefas Específicas, chegamos à unidade que corresponde ao ano

civil comum, de 365 dias.

8) TAREFA ESPECÍFICA

A Tarefa Específica está constituída pelas radiações dos sete planetas tradicionais de

nosso Sistema Solar, denominadas CAPACIDADE CRIADORA. Ao dividirmos os 365 dias

pelas sete Tarefas Específicas encontramos 7 unidades de 52 dias, cada uma.

9) CAPACIDADE CRIADORA

A Capacidade Criadora está relacionada com as 7 virtudes humanas postas pelo

criador no momento da concepção do ser humano nos planos celestiais. Estas 7

manifestações podem se materializar na forma das sete notas musicais, sete cores, etc.

Ao dividirmos 52, ou seja, 1 Tarefa Específica, por 7 encontraremos 7 dias, que

corresponde à semana comum.

16 VOPPUS STELLA MARIS


LIVRO DE THOT LIÇÃO 02

Da mesma maneira que o ANO DIVINO possui as 4 ESTAÇÕES SEMINAIS e os 7

DIAS CRIADORES, o ano civil comum possui as quatro estações e os sete dias da

semana. Neste ponto, lembramos a máxima esotérica de Hermes Trimegisto: "Assim

como é acima, é abaixo". Caso você se interesse por este fascinante tema, sugerimos a

obra "La Cabala de Predicción", de autoria de J. Iglesias Janeiro. Confira na Bibliografia.

URGÊNCIA INTERIOR

O sol avança, a cada dia, pelo espaço a uma distância de cerca de 2,5 milhões de

quilômetros. Em seu curso recebe emanações de variados corpos celestes do espaço

cósmico, cruzando campos siderais que impregnam a atmosfera que respiramos de

eflúvios diferentes. A cada trecho e a cada dia, transfere às pessoas que nascerem neste

lapso de tempo e região sideral, certas disposições naturais que são próprias destes

campos.

Sabendo-se que todo o nosso sistema planetário de ORS se desloca a uma fantástica

velocidade na direção da CONSTELAÇÃO DE HÉRCULES, deduz-se que jamais a

TERRA cruzará duas vezes o mesmo ponto do espaço, mesmo conservando sua posição

original dentro do nosso sistema solar.

Com base no exposto, podemos realizar cálculos cabalísticos aproveitando o VALOR

POTENCIAL DO DIA, MÊS e ANO em que se nasce ou vive. O objetivo destes cálculos é

prestar um serviço benéfico e, ao mesmo tempo, ajudar o estudante a organizar, por si

mesmo, um guia que o oriente em suas atividades diárias, bem como alertá-lo dos valores

potenciais que estão se manifestando dentro do seu mundo pessoal.

Possivelmente, baseados nas medidas do ANO DIVINO e do movimento estelar que

efetua cada uma delas, os métodos de predição que chegaram até nós determinam um

fator potencial. Observando a concordância das potências do DIA, MÊS e ANO do nativo,

chegou-se a um valor potencial síntese que foi denominado URGÊNCIA INTERIOR.

A URGÊNCIA INTERIOR do nativo corresponde a um valor que assinala a missão que

constituirá em sua APTIDÃO, CAPACIDADE, IDÉIA CRIADORA.

Orientando-se pelo ANO DIVINO, os antigos sábios observaram que o valor potencial

da URGÊNCIA INTERIOR está dividido em nove classes. Veja a tabela das CLASSES DE

URGÊNCIA INTERIOR.

A Urgência Interior está intimamente associada aos ARCANOS MAIORES DO TAROT.

Na verdade, a tabela é apenas uma ampliação dos ARCANOS, objetivando a Urgência

Interior.

O Dr. Samael Aun Weor, em sua obra "Tarot y Cabala", no Capítulo LXXXI, explica e

fornece claros significados da Urgência Interior, aliados às lâminas. Vejamos:

“A Urgência Interior se calcula fazendo a soma cabalística da data de nascimento, o dia, o mês e o ano.

1o. Exemplo: VICTOR MANUEL CHAVEZ - 17 de Novembro de 1921.

dia: 17 = 1+7 = 8

mês: 11 = 1+1 = 2

ano: 1921 = 1+9+2+1 = 13 = 1+3 = 4

8(dia)+ 2(mês)+ 4(ano) = 14 = 1+4 = 5

http://www.voppus.com.br 17


TAROT EGÍPCIO LIÇÃO 02

5: O Arcano 5 do Tarot é o rigor, o estudo, a ciência, a análise, a investigação, o

intelecto. Essa urgência interior o faz raciocinativo.

2o. Exemplo: Sr. RODRIGUEZ - 5 de Junho de 1905.

dia: 5

mês: 6

ano: 1905 = 1+9+0+5= 15 = 1+5 = 6

5(dia)+ 6(mês)+ 6(ano) = 17+ 1+7 = 8

8: O 8 nos faz pacientes, passivos, enérgicos, justos, retos; houve sofrimentos, lutas,

estudo, teve que passar por muitas provas.

3o. Exemplo: EDUARDO DEL PORTILLO - 5 de Julho de 1932.

dia: 5

mês: 7

ano: 1932 = 1+9+3+2 = 15 = 1+5 = 6

5(dia)+ 7(mês)+ 6(ano)= 18 = 1+8 = 9

9: Nona Esfera. O Ermitão, em meio a todos buscando luz, chegará a produzir grandes

obras geniais. Desenvolver uma tremenda energia o fez ermitão no caminho da

existência".

Até aqui as palavras do Dr. Samael Aun Weor.

Caso você queira se aprofundar no tema recomendo esses dois livros.

18 VOPPUS STELLA MARIS


LIVRO DE THOT

LIÇÃO 02

CLASSES DE URGÊNCIA INTERIOR

URGÊNCIA 1

Símbolo: RESPONSABILIDADE

Elemento atuante:

CRIADOR, IMPULSIONADOR, ANIMADOR.

Capacidade: DIREÇÃO, ORIGINAL NO PENSAR, NOVIDADEIRO, UNIDADE DE PENSAMENTO E AÇÃO.

Aptidão: FORTALEZA DE ÂNIMO, CONFIANÇA EM SI MESMO, FÉ NOS RECURSOS USADOS E NOS

FINS

BUSCADOS.

Objetivo Secreto: DESENVOLVER A PRÓPRIA SUFICIÊNCIA PARA BRILHAR E IRRADIAR LUZ E CALOR

POR

MEIO DE OBRAS QUE CONTRIBUAM PARA O PROGRESSO MORAL E MATERIAL DE QUEM FAÇA

USO

DELAS.

Realização: EFICIÊNCIA EM TRABALHOS ARROJADOS, ATITUDE EXECUTIVA, ESPÍRITO INVENTIVO.

URGÊNCIA 2

símbolo: COOPERAÇÃO

Elemento atuante:

COORDENADOR, METODIZADOR, CONCORDANTE.

Capacidade: HARMONIA, FLEXIBILIDADE DE

ÂNIMO, INTERESSE NO ÚTIL, SUAVIDADE NAS AÇÕES,

DESEJO DE SERVIR.

Aptidão: SAGACIDADE, COMPREENSÃO, CORDIALIDADE, DETALHISTA, PACIENTE, COMPLACENTE.

Objetivo Secreto: DESENVOLVER A PRÓPRIA

SUFICIÊNCIA DE MANEIRA A HARMONIZAR OS FATORES

OPOSTOS, FAVORECE A CONCÓRDIA, BUSCA RELAÇÕES AMISTOSAS COM TODOS.

Realização: EFICIÊNCIA EM TRABALHOS QUE NECESSITAM ADAPTAÇÃO OU

IDÉIA EFICAZ E

ESPÍRITO COMPREENSIVO.

URGÊNCIA 3

Símbolo: EXPRESSÃO

Elemento atuante:

MODELADOR, HARMONIZADOR, REANIMADOR.

Capacidade: PARA INTERPRETAR, INTERESSE PELO

BELO E EMOÇÃO PARA APRECIÁ-LO E

DECLARÁ-LO.

Aptidão: DESFRUTE, BOM SENTIDO PARA AVALIAR, FÉ NOS IDEAIS QUE BUSCA, TÉCNICA ARTÍSTICA

PARA PLASMÁ-LOS.

Objetivo Secreto: DESENVOLVER A PRÓPRIA

SUFICIÊNCIA PARA CRISTALIZAR OBRAS OBJETIVAS DA

VIDA

EMOCIONAL QUE SE AGITA DENTRO DE SI.

Realização: EFICIÊNCIA EM QUALQUER TRABALHO QUE NECESSITE DE CAPACIDADE EMOTIVA,

FACILIDADE NA EXPRESSÃO

E CLAREZA NA CRIAÇÃO.

http://www.voppus.com.br

19


TAROT EGÍPCIO

LIÇÃO 02

URGÊNCIA 4

Símbolo: FUNDAMENTO

Elemento atuante: CONSTRUTOR, RECONSTRUÇÃO, DURAÇÃO.

Capacidade: PODER PARA EDIFICAR, CAPACIDADE PARA PLANEJAR, INTERESSE NA ECONOMIA E

PERSEVERANÇA.

Aptidão: PERÍCIA, TÉCNICA, FIRMEZA, AUTORIDADE E CONTROLE.

Objetivo Secreto: DESENVOLVER A PRÓPRIA SUFICIÊNCIA, FAVORECENDO A ECONOMIA UNIVERSAL.

BUSCA PLASMAR OBRAS PRÁTICAS

DE UTILIDADE IMEDIATA.

Realização: EFICIÊNCIA EM QUALQUER TRABALHO QUE NECESSITE MÉTODO, DISCIPLINA, SENTIDO

POSITIVO E PERSISTÊNCIA NO ESFORÇO.

URGÊNCIA 5

Símbolo: DIFERENCIAÇÃO

Elemento atuante: SELETOR, INVESTIGAÇÃO, EXPERIÊNCIA.

Capacidade: PODER PARA INQUIRIR, CAPACIDADE PARA AVALIAR, INTERESSE NO OCULTO E NO

VISÍVEL.

Aptidão: DESEJO DE

SABER, JUÍZO SERENO,

LIBERDADE DE AÇÃO, DISCIPLINA

NO

COMPORTAMENTO.

Objetivo Secreto: APRENDER POR EXPERIÊNCIA O MISTÉRIO DA VIDA E PLASMAR O APRENDIDO EM

OBRAS DE

FUNDO ESPIRITUAL, PRINCIPALMENTE COM O SEXO OPOSTO.

Realização: EFICIÊNCIA

EM QUALQUER TRABALHO QUE NECESSITE ATIVIDADE INDEPENDENTE DE

CRITÉRIOS E COMPREENSÃO RÁPIDA DA NATUREZA ALHEIA.

URGÊNCIA 6

Símbolo: OPÇÃO

Elemento atuante: SELETOR, QUALIFICADOR, AVALIADOR.

Capacidade: CAPACIDADE PARA ESCOLHER, INTERESSE NO BELO, ÚTIL E FÁCIL E AMOR ÀS TRÊS

COISAS.

Aptidão: DISCERNIMENTO, COMPREENSÃO PARA A TRANSCENDÊNCIA DOS ATOS, GOSTO

ARTÍSTICO

E MODERAÇÃO NOS IMPULSOS.

Objetivo Secreto: DESENVOLVER A PRÓPRIA SUFICIÊNCIA PLASMANDO OBRAS ÚTEIS E BELAS,

CONTRIBUINDO PARA MELHORAR A VIDA SOCIAL

E A BELEZA DOS LARES.

Realização: EFICIÊNCIA

EM CONCILIAÇÃO, DESEJO DE ESTABILIDADE, PREFERÊNCIA PELA

EDUCAÇÃO E GOSTO PELA DECORAÇÃO.

20

VOPPUS STELLA MARIS


LIVRO DE THOT

LIÇÃO 02

URGÊNCIA 7

Símbolo: SUPERAÇÃO

Elemento atuante:

DIVERSIFICADOR, EXPLICADOR, EXALTAÇÃO.

Capacidade: CAPACIDADE PARA GRANDES EMPRESAS, INTERESSEE PELO OCULTO E BUSCA DO

DESCONHECIDO.

Aptidão: BUSCA INTERNA, SERENIDADE DE

ESPÍRITO, GOSTO APURADO, ÂNIMO CONCILIADOR.

Objetivo Secreto: DESENVOLVER A PRÓPRIA SUFICIÊNCIA EM OBRAS QUE SUPEREM A CIÊNCIA E

APROFUNDE OS MISTÉRIOS.

Realização:

EFICIÊNCIA

EM

TRABALHOS

QUE NECESSITEM

INSPIRAÇÃO,

FIDELIDADE,

IDENTIFICAÇÃO

MENTAL E PERFEIÇÃO NOS DETALHES.

URGÊNCIA 8

Símbolo: ESTABILIDADE

Elemento atuante:

COOPERADOR, ASSOCIADOR, PERMANENTE.

Capacidade: REALIZAR IDÉIAS EM OBRAS PRÁTICAS, EFICIÊNCIA

EM DISTRIBUIR ELEMENTOS

MATERIAIS, INTERESSE NO AVANÇO TÉCNICO, CRIATIVO NAS IDÉIAS.

Aptidão: TOLERÂNCIA, DISTRIBUIÇÃO JUSTA, PREVISÃO, CONFIANÇA NO TEMPO E SENTIDO DE

PROPORÇÃO.

Objetivo Secreto: PLANEJAR GRANDE, BUSCAR PLASMAR OBJETIVOS

PERMANENTES E USAR SEUS

RECURSOS EM NOVOS EMPREENDIMENTOS.

Realização: EFICIÊNCIA EM TRABALHOS QUE NECESSITEM PRECISÃO, CÁLCULOS, TATO, ATITUDE

EXECUTIVA E DESEJO DE EXPANSÃO.

URGÊNCIA 9

Símbolo: CULMINAÇÃO

Elemento atuante:

IDENTIFICADOR, COMUNICADOR, INSPIRAÇÃO.

Capacidade: PARA INFLUIR NO

PRÓXIMO E NO DISTANTE, CAPACIDADE DE DESTAQUE, INTERESSE

PELAS COISAS DIFÍCEIS, ATRAÇÃO PELO DESAFIO.

Aptidão: INTELIGÊNCIA CLARA, GOSTO PELO MELHOR, SUAVIDADE NO TRATO, CAUTELAA NAS

DECISÕES E ALTRUÍSMO NA AÇÃO.

Objetivo Secreto: IDENTIFICAÇÃO COM O QUE EXISTE, DESENVOLVER A PRÓPRIA SUFICIÊNCIA EM

OBRAS GENIAIS,

REALIZAR OBRAS ÚTEIS E ADMIRADAS

POR MUITOS.

Realização: EFICIÊNCIA EM TRABALHOS QUE NECESSITEM IDENTIFICAÇÃO MENTAL, FACILIDADE DE

EXPRESSÃO, COMUNICAÇÃO

DE IDÉIAS E DESEJO DE SUPERAR OBSTÁCULOS.

http://www.voppus.com.br

21


TAROT EGÍPCIO LIÇÃO 02

TALENTO NATURAL

Talento Natural é um conjunto de disposições, energias e forças que agem na pessoa

com certo automatismo. Produz uma capacidade especial para desempenhar certas

funções. A URGÊNCIA INTERIOR caracteriza-se por uma aptidão natural relacionada

com as atividades. O TALENTO NATURAL fornece elementos de que essa aptidão

necessita para alcançar os resultados. Sinteticamente, poderíamos dizer que a Urgência

Interior corresponde à IDÉIA e o Talento à EXECUÇÃO.

O Talento Natural está escalonado em 9 classes. Veja a tabela.

Assim como a URGÊNCIA INTERIOR se associa a um ARCANO, o mesmo acontece

com o TALENTO NATURAL.

Associando um TALENTO NATURAL a uma URGÊNCIA INTERIOR, ou seja, um nome

a uma data, cada pessoa tem duas influências marcantes. Observando a tabela,

comprovamos que há um encadeamento de eventos. Na Natureza tudo está em perfeita

harmonia. Devemos compreender o nosso lugar nesta sequência e cumpri-lo da melhor

forma possível para melhor progresso pessoal e coletivo.

Qualquer que seja o objetivo a atingir, tanto no geral como no particular, está precedido

e acompanhado pelas nove etapas de realização vinculadas aos nove números e

disposições assinalados pelo Talento Natural e Urgência Interior. Observemos que o

NECESSÁRIO tem que se tornar POSSÍVEL; o possível, FÁCIL; o fácil,

CONCORDANTE; o concordante, ÚTIL; o útil, CONVENIENTE; o conveniente,

AGRADÁVEL; o agradável, PROVEITOSO; o proveitoso, ESTIMÁVEL; o estimável,

MERECÍVEL.

Para calcular o TALENTO NATURAL, veja o exemplo abaixo:

RICARDO SOUZA PEREIRA DE ESPINHO

1234567 12345 1234567 12 1234567

soma: 7+5+7+2+7 = 28 = 2+8 = 10 = 1+0 = 1

TALENTO NATURAL: 1

Tendo calculado a Urgência Interior e o Talento Natural, podemos avaliar qual o grau

de harmonia que há entre as duas potências numéricas.

Talento Natural é um conjunto de disposições, energias e forças que agem

na pessoa com certo automatismo. Produz uma capacidade especial para

desempenhar certas funções. A URGÊNCIA INTERIOR caracteriza-se por

uma aptidão natural relacionada com as atividades. O TALENTO NATURAL

fornece elementos de que essa aptidão necessita para alcançar os

resultados. Sinteticamente, poderíamos dizer que a Urgência Interior

corresponde à IDÉIA e o Talento à EXECUÇÃO.

22 VOPPUS STELLA MARIS


LIVRO DE THOT

LIÇÃO 02

CLASSES DE TALENTO NATURAL

TALENTO 1

Relação Planetária: SOL

Símbolo: NECESSIDADE

Ação:

a) Espiritual- INSPIRAÇÃO,

b) Mental- UNIDADE DE

PENSAMENTO,

c) Físicad)

Vulgar- INICIATIVA.

UNIDADE DE

AÇÃO,

Efeito: PENSADOR, INDEPENDENTE, ORIGINAL, FLEXÍVEL.

Paraa progredir é necessário: APLICAR AS CAPACIDADES NATURAIS PARA A CRIAÇÃO DE ELEMENTOS

MATERIAIS.

Missão na vida: FAVORECER PARA QUE O NECESSÁRIO SEJA POSSÍVEL.

TALENTO 2

Relação Planetária: LUA

Símbolo: POSSIBILIDADE

Ação:

a) Espiritual- EQUILÍBRIO NAS EMOÇÕES,

b) Mental- ORDENAÇÃO DE IDÉIAS,

c) Física- REGULA

A COOPERAÇÃO DE ESFORÇOS,

d) Vulgar- TRANSCENDÊNCIA DAS AÇÕES.

Efeito: ESPÍRITO ANALÍTICO, TATO, COMPREENSÃO, PRÁTICO, HARMONIZADOR.

Paraa progredir é necessário: APLICAR SUAS QUALIDADES DE ADAPTAÇÃO AO

PESSOAS COM QUEM CONVIVE.

Missão na vida: FAVORECER PARA QUE O POSSÍVEL SEJA FÁCIL.

MEIO E COM AS

TALENTO 3

Relação Planetária: JÚPITER

Símbolo: FACILIDADE

Ação:

a) Espiritual- INSPIRA DESFRUTE DAS EMOÇÕES,

b) Mental- IMAGINAÇÃO CRIADORA,

c) Física- ESTÍMULO PARA AUTO-SUPERAÇÃO,

d) Vulgar- SATISFAÇÃO PELO ESFORÇO REALIZADO.

Efeito: BOM HUMOR, TATO ORIGINAL, APEGO È FAMÍLIA E LIBERDADE.

Paraa progredir é necessário: SER GENEROSOO PARA COM OS DEMAIS, DISPONDO DO QUE QUER

QUE

SEJA PARA COM

OS DEMAIS.

Missão na vida: FAVORECER PARA QUE O FÁCIL SEJA CONCORDANTE.

http://www.voppus.com.br

23


TAROT EGÍPCIO

LIÇÃO 02

TALENTO 4

Relação Planetária: URANO

Símbolo: CONCORDÂNCIA

Ação:

a) Espiritual- PRODUZ ALENTO, ESTÍMULO,

b) Mental- MATERIALIZAA IDÉIAS,

c) Física- EXPERIÊNCIA,

d) Vulgar- PERFEIÇÃO DAS COISAS.

Efeito: MENTALIDADE ANALÍTICA, LÓGICA, PERÍCIA, PREVISÃO

E SENTIDO PRÁTICO.

Para progredir é necessário: DESPRENDER-SE DOS TRABALHOS E DA ECONOMIA QUE REGE OS

ATOS.

Missão na vida: FAVORECER QUE A CONCORDÂNCIA SEJA ÚTIL.

TALENTO 5

Relação Planetária: MERCÚRIO

Símbolo: UTILIDADE

Ação:

a) Espiritual- VOLIÇÃO,

b) Mental- IMAGENS,

c) Física- IMPULSO,

d) Vulgar- DESEJO DAS COISAS.

Efeito: NATUREZA SENSITIVA, RECEPTIVA, INQUIETA, OBSERVADORA, PREVISÃO DAS OPINIÕES

ALHEIAS ANTES QUE FALEM.

Para progredir é necessário: SABER SOLUCIONAR AS ASSOCIAÇÕES E ATIVIDADES.

Missão na vida: FAVORECER PARA QUE O ÚTIL SEJA CONVENIENTE.

TALENTO 6

Relação Planetária: VÊNUS

Símbolo: CONVENIÊNCIA

Ação:

a) Espiritual- ÂNIMO AO QUE É PRÓPRIO,

b) Mental- DISCERNIMENTO,

c) Física- OPORTUNIDADE DE ESCOLHA,

d) Vulgar- DECORAÇÃO.

Efeito: DEVOÇÃO, ESPÍRITO OBSERVADOR, APEGO È VIDA, RESPONSABILIDADES ASSUMIDAS.

Para progredir é necessário: PERSISTIR ATÉ ATINGIR A META PROPOSTA.

Missão na vida: FAVORECER PARA QUE O CONVENIENTE SEJA

AGRADÁVEL.

24

VOPPUS STELLA MARIS


LIVRO DE THOT

LIÇÃO 02

TALENTO 7

Relação Planetária: NETUNO

Símbolo: AGRADO

Ação:

a) Espiritual- INTUIÇÃO,

b) Mental- CAPACIDADE,

c) Física- APTIDÃO,

d) Vulgar- TORNAR AS COISASS AGRADÁVEIS.

Efeito: INDEPENDÊNCIA, AUTORIDADE, LEALDADE, RESERVA, METODOLOGIA CIENTÍFICA, DESEJO

DE AUTO-SUPERAÇÃO.

Paraa progredir é necessário: TRANSCENDÊNCIA DAS OBRAS ATRAVÉS DO APERFEIÇOAMENTO DO

RITMO DA VIDA.

Missão na vida: FAVORECER PARA QUE O AGRADÁVEL SEJA PROVEITOSO.

TALENTO 8

Relação Planetária: SATURNO

Símbolo: APROVEITAMENTO

Ação:

a) Espiritual- ILUMINA O ENTENDIMENTO,

b) Mental- ORDENA AS IDÉIAS,

c) Física- COORDENA ESFORÇOS,

d) Vulgar- ORGANIZA COOPERAÇÃO DE MÃO DE OBRA.

Efeito:

ESPÍRITO

CRÍTICO, CALCULISTA,

RACIOCINADOR,

PRÁTICO

NA CONSTRUÇÃO

DESTRUIÇÃO.

Paraa progredir é necessário: SABER TRANSFORMAR OS VALORES INTELECTUAIS EM

MATERIAIS.

Missão na vida: FAVORECER PARA QUE O PROVEITOSO SEJA ESTIMÁVEL.

E

TALENTO 9

Relação Planetária: MARTE

Símbolo: ESTIMAÇÃO

Ação:

a) Espiritual- CORREÇÃO,

b) Mental- VALORIZAÇÃO,

c) Física- SATISFAÇÃO,

d) Vulgar- SERIEDADE NA PROPOSTA DE VIDA.

Efeito: FACILIDADE DE EXPRESSÃO DE IDÉIAS E SENTIMENTOS, BUSCA CONHECER NOVAS TERRAS

E TIPOS DE VIDA, IMPULSO ÀS

AÇÕES.

Paraa progredir é necessário: SERVIÇO DESINTERESSADO

SEJA IMPULSIONADO PELA BOA VONTADE

NAS

IDÉIAS, PALAVRAS E OBRAS.

Missão na vida: FAVORECER PARA QUE O ESTIMÁVEL SEJA MERECÍVEL.

http://www.voppus.com.br

25


TAROT EGÍPCIO LIÇÃO 02

GRAU DE HARMONIA

URGÊNCIA INTERIOR É HARMONICA COM O TALENTO NATURAL

1 4 e 8

2 7 e 9

3 5, 6 e 7

4 1 e 8

5 3

6 3, 7 e 9

7 2 e 6

8 7 e 4

9 2, 3 e 6

Não há nada de grave se não ocorrer a harmonia entre a urgência Interior e o Talento

Natural. Estas duas potências, confrontadas, servem apenas para a verificação da

sintonia do nome com a data de nascimento.

TÔNICA FUNDAMENTAL

A acústica nos ensina que uma nota musical que emite uma corda em vibração é

proporcional ao comprimento da corda. A raiz quadrada de sua densidade é inversamente

proporcional à raiz quadrada de sua tensão. Além do mais, essa nota não está formada

por uma única vibração, mas sim por uma série de sons que são chamados de

harmônicos. Da mesma forma sucede com o som do nome de qualquer pessoa.

A nota fundamental ou TÔNICA FUNDAMENTAL de uma pessoa será a soma das

vibrações individuais das letras que compõe seu nome. Pode ser melódico ou não, de

acordo com a consonância da relação que existe separadamente entre as partes e estas

em relação ao conjunto.

CÁLCULO DA TÔNICA FUNDAMENTAL

No livro "Tarot y Cabala", Capítulo LXXXII, do mesmo autor já mencionado,

encontramos os seguintes exemplos de Tônica Fundamental:

“A Tônica Fundamental é a Urgência Interior mais a soma cabalística do número de letras do nome completo.

1o. Exemplo: Victor Manuel Chavez Caballero Urgência Interior: 5

VICTOR MANUEL CHAVEZ CABALLERO

(6) (6) (6) (9)

6+6+6+9 = 27 = 2+7 = 9 ->9+5(urgência interior)= 14 = 1+4 = 5

5: Tônica Fundamental

26 VOPPUS STELLA MARIS


LIVRO DE THOT LIÇÃO 02

2o. Exemplo: Federico Lauro Arce Heredia Urgência Interior: 8

FEDERICO LAURO ARCE HEREDIA

(8) (5) (4) (7)

8+5+4+7 = 24 = 2+4 = 6 -> 6+8(urgência interior)=14 = 1+4 = 5

5: Tônica Fundamental - vive pensando, raciocinando, analisando.

3o. Exemplo: Margarita Garcia Sancho Fernandez Urgência Interior: 5

MARGARITA GARCIA SANCHO FERNANDEZ

(9) (6) (6) (9)

9+6+6+9 = 30 = 3+0 = 3 -> 3+5 (urgência interior) = 8

8: Tônica Fundamental - provas e dor, número de reflexão, conselho, compreensão,

análise, paciência, provas".

Aqui terminam as palavras do Dr. Samael Aun Weor.

TÔNICA DO DIA

Podemos, também, determinar qual a potência numérica correspondente ao dia. Para

isto, é necessário calcular o número síntese da data (dia, mês e ano), conforme já

explicado e somá-lo com a TÔNICA FUNDAMENTAL. O resultado é a TÔNICA DO DIA

individualizada.

Conscientizando-nos dos cálculos anteriores, como a ESCALA CABALÍSTICA ANUAL,

URGÊNCIA INTERIOR, TALENTO NATURAL e TÔNICA FUNDAMENTAL o nativo pode

receber os benefícios imediatos, quando aplicados inteligentemente aos RITMOS,

TEMPOS e ESCALAS. O levantamento cabalístico de ESCALAS de referências permite

cultivar metodicamente um instrumento simples e eficaz como guia de orientação pessoal.

Com relação à TÔNICA DO DIA, no livro "TAROT Y CABALA", Capítulo LXXXIII, de

autoria do Dr. Samael Aun Weor, encontramos o seguinte texto:

“A Tônica do Dia se calcula somando a Tônica Fundamental mais a soma cabalística da data que

escolhemos.

“Por meio deste sistema podemos saber como agir neste dia.

1o. Exemplo: Victor Manuel Chavez - dia 30 de Abril de 1969. Tônica Fundamental: 5

3 (dia)+ 4 (mês)+ 7 (ano)= 14= 1+4= 5 ⇒ 5+5 (tônica fundamental)= 10= 1+0= 1 ⇒ 1:

tônica do dia 30/04/69

O 10 é a Roda da Fortuna, mudança. O 1 é iniciativa, o que começa, a originalidade, o

esforço.

2o. Exemplo: Sr. Guillermo Hicki - dia 01 de Maio de 1969. Tônica Fundamental: 8

1 (dia)+ 5 (mês)+ 7 (ano)= 13= 1+3= 4 ⇒ 4+8 (tônica fundamental)= 12= 1+2= 3 ⇒ 3:

tônica do dia 01/05/69.

http://www.voppus.com.br 27


TAROT EGÍPCIO LIÇÃO 02

O 3 é o artístico, as três forças primárias, produção tanto material como espiritual. A

produção, a multiplicação, o belo, o criador, harmonia, arte, beleza.

3o. Exemplo: Sr. Gil - dia 27 de Julho de 1969. Tônica Fundamental: 3

9 (dia 27=2+7=9)+ 7 (mês) + 7 (ano)= 23= 2+3= 5 ⇒ 5+3 (tônica fundamental)= 8 ⇒

8: tônica do dia 27/07/69.

O 8 representa provas, dores. Tem-se que multiplicar a paciência, a cooperatividade,

saber esperar, refletir, seriedade do pensamento, distinguir entre o mais útil e o menos

útil, entre o que é e o que não é. Não fazer as coisas loucamente, esquadrinhar os prós e

contras com paciência. Cada um dos números da Cabala tem que ser estudado a fundo".

Até aqui as palavras do Dr. Samael.

ACONTECIMENTO DO DIA

Prossegue o Dr. Samael, na mesma obra anteriormente citada, Capítulo LXXXIV:

“Tem-se que saber escolher com exatidão a hora do dia ou da noite, para se realizar com êxito qualquer

atividade da realidade.

“Alguém pode escolher uma hora, um dia, um mês, um ano para suas coisas particulares.

“Aqui não entram os convencionalismos, por exemplo, não se deve usar as 24 horas, senão as nove horas.

1o. Exemplo: Victor Manuel Chavez

Data de nascimento: 17/11/1921

Urgência Interior: 5

Tônica Fundamental: 5

Data a investigar: 14/05/69

Hora do acontecimento: 9:00 h

5 (dia 14= 1+4) + 5 (mês) + 7 (ano)=17= 1+7= 8

8+5 (tônica fundamental) = 13= 1+3= 4 ⇒ 4: tônica do dia 14/05/69.

“Com o 4 tem-se que saber enquadrar os negócios, os detalhes de qualquer atividade. A hora mais

interessante deste dia foi às 9 horas da manhã (4+9= 13= 1+3= 4).

“Ele, a essa hora, teve que tratar de um assunto de seu trabalho e se saiu bem. O 4 é a base, é saber

enquadrar os assuntos.

2o. Exemplo: Margarita Sancho Fernandez

Data de nascimento: 4/11/1943

Urgência Interior: 5

Tônica Fundamental: 8

Data a investigar: 13/06/69

Hora do acontecimento: 23:00 h

28 VOPPUS STELLA MARIS


LIVRO DE THOT LIÇÃO 02

4 (dia 13=1+3=4) + 6 (mês) + 7 (ano)= 17= 1+7=8 -> 8+8 (tônica fundamental)= 16=

1+6=7 -⇒ 7: tônica do dia 13/06/69.

“Tem-se que combater para não cair, a energia deve ser inteligentemente dirigida, lutar para levantar-se. O 16

é a Torre Fulminada. O acontecimento do dia é às 11 horas da noite (11=1+1=2).

7 (tônica do dia)+ 2 (horário)= 9 (acontecimento do dia)

“Seu acontecimento do dia é trabalhar com a Nona Esfera.

“Em relação às horas, tenho que discordar de muitos cabalistas porque eles crêem que a Urgência Interior

está governada pelos planetas tais, a tais horas, porém tenha-se em conta que a ordem do calendário está

alterada, porque assim foi conveniente para os Curas.

“O calendário atual foi adulterado. Os Curas da idade Média o alteraram com o fim de colocar o domingo

como sétimo dia.

“O calendário real é:

ATUAL REAL ASTROLÓGICO

domingo segunda-feira Lua

segunda-feira quarta-feira Mercúrio

terça-feira sexta-feira Vênus

quarta-feira domingo Sol

quinta-feira terça-feira Marte

sexta-feira quinta-feira Júpiter

sábado sábado Saturno

“Esta é a ordem antiquíssima, porque é a ordem dos mundos no

Sistema Solar.

“Os cabalistas fazem bolas sozinhos; se a isso se acrescenta um

calendário adulterado, ao escolher uma hora e determinado dia

para atuar não sai, não dá o resultado porque está adulterado.

“As matemáticas sim, são exatas. Devemos aprender a utilizar as

horas. Com este sistema se prova a exatidão dos fatos. É muito

importante isto das matemáticas na Cabala.

“Aplicar os 22 Arcanos às horas é o verdadeiro relógio astral".

Aqui terminam as palavras do Dr. Samael Aun Weor.

Conscientizando-nos dos cálculos

anteriores, como a ESCALA CABALÍSTICA

ANUAL, URGÊNCIA INTERIOR, TALENTO

NATURAL e TÔNICA FUNDAMENTAL o nativo

pode receber os benefícios imediatos, quando

aplicados inteligentemente aos RITMOS,

TEMPOS e ESCALAS. O levantamento

cabalístico de ESCALAS de referências permite

cultivar metodicamente um instrumento

simples e eficaz como guia de orientação

pessoal.

http://www.voppus.com.br 29


TAROT EGÍPCIO

LIÇÃO 02

CLASSES DE TÔNICA DO DIA

TÔNICA

1

Aptidão criadora: RESPONSABILIDADE

Noção realizadora: NECESSIDADE

Tendência:

INICIATIVA, ORIGINALIDADE, UNIDADE DE PENSAMENTO E AÇÃO, BOM EMPREGO DO

MORAL PARA REALIZAÇÃO MATERIAL

Convém: CULTIVAR INDEPENDÊNCIA DE CRITÉRIOS, CAPACIDADE

INVENTIVA, INICIATIVAS

CRIADORAS, FIRMEZA DE ÂNIMO, ASCENSO EM DIGNIDADE A PESSOAS E COISAS.

Neste dia: O NECESSÁRIO PODE TORNAR-SE POSSÍVEL.

TÔNICA

2

Aptidão criadora: COOPERAÇÃO Noção realizadora: POSSIBILIDADE

Tendência:

ASSOCIAÇÃO DE PESSOAS E INTERESSES, DUALIDADE DE PENSAMENTOS E AÇÕES,

BOM EMPREGO DE ATITUDES SUAVES E SIMPLES PARA RESOLVER PROBLEMAS E ATINGIR O

OBJETIVOO PROPOSTO.

Convém: ACUMULAR DADOS, ESCUTAR COM ATENÇÃO AS OPINIÕES CONTRÁRIAS E ESFORÇAR-SE

EM PRESTAR SERVIÇOS ÚTEIS PODE RESULTARR ALTAMENTE POSITIVO.

Neste dia: O POSSÍVEL PODE TORNAR-SE FÁCIL.

TÔNICA 3

Aptidão criadora: EXPRESSÃO Noção realizadora: FACILIDADE

Tendência:

MANIFESTAÇÃO DE VIDA

INTERIOR, OBJETIVOS ÍNTIMOS, IDÉIAS QUE REPRESENTAM O

NOSSO SENTIR, COISAS DE FAMÍLIA, ALEGRIA ESPIRITUAL, ARTE COMO EXPRESSÃO DO

BELO.

Convém: ESFORÇAR-SEE EM DAR FORMA PRÁTICA ÀS ASPIRAÇÕES MAIS

ÍNTIMAS, PLASMAR EM

IMAGENS AS IDÉIAS MAIS CONFUSAS, EXTERIORIZAR

OS SENTIMENTOS AGRADÁVEIS E

CONSERVAR BOM HUMOR.

Neste dia: O FÁCIL TORNA-SE CONCORDANTE.

TÔNICA 4

Aptidão criadora: FUNDAMENTO Noção realizadora: CONCÓRDIA

Tendência:

ESFORÇO ORDENADO, PERÍCIA, O CONHECIMENTOO APLICADO, MÉTODO NA

ECONOMIA,

IMPOSIÇÃO DE AUTORIDADE, PREVISÃO EM AÇÕES ALEATÓRIAS.

Convém: ESFORÇAR-SEE EM TER ATENÇÃO NOS DETALHES DO

QUE SE FAZ, ORDENAR O TRABALHO

E A VIDA, SEGURAR O QUE SE TENHA, AJUSTE NOS ELEMENTOS QUE NOS

RODEIAM.

Neste dia: A CONCÓRDIA PODE TORNAR-SE ÚTIL.

30

VOPPUS STELLA MARIS


LIVRO DE THOT

LIÇÃO 02

TÔNICA 5

Aptidão criadora: DIFERENCIAÇ

ÇÃO Noção realizadora: UTILIDADE

Tendência: SELEÇÃO, INVESTIGAÇÃO, NOVAS EXPERIÊNCIAS, PROCURAR NO OCULTO PARAA SER

REVELADO, ANELO POR DECIFRAR O DESCONHECIDO.

Convém: INQUIRIR SOBRE NOVOS ELEMENTOS DA VIDA, NOVAS FONTES DE

CONHECIMENTO,

NOVAS VIAS DE MELHORAR AS ATIVIDADES E A ECONOMIA, DESCOBRIR NOVOS VALORES EM SI

MESMO, NOS DEMAIS E EM TUDO.

Neste dia: O ÚTIL PODE TORNAR-SE CONVENIENTE.

TÔNICA 6

Aptidão criadora: OPÇÃO Noçãoo realizadora: CONVENIÊNCIA

Tendência: ORDEM NAS ATIVIDADES, DECORAÇÃO, FRUTIFICAÇÃO,

AFINIDADE CONJUGAL, COISAS

QUE

FACILITAM A VIDA EM COMUM.

Convém: MELHORAR O LAR, SUPRIR A FAMÍLIA, CONTRIBUIR PARAA A BELEZA DE ONDE SE VIVE,

FAVORECER SENTIMENTOS PRAZENTEIROS COM AS PESSOAS, ATINGIR OS OBJETIVOS ATRAVÉS

DA COMPLACÊNCIA.

Neste dia: O CONVENIENTE PODE TORNAR-SE AGRADÁVEL.

TÔNICA 7

Aptidão criadora: SUPERAÇÃO

Noção realizadora: AGRADO

Tendência: SUPERAR AS VITÓRIAS ANTERIORES, AUTO-SUPERAR-SE, ESTAR ACIMA DE SI MESMO,

ALCANÇAR AO QUE SE ASPIRA SER, MELHORAR O QUE SE TEM, SUBIR EM DIGNIDADE, CRESCER

EM EFICIÊNCIA.

Convém: MEDITAR, ABRIR-SE

AO ENTENDIMENTO DA

INSPIRAÇÃO, DEIXAR FLUIR A INTUIÇÃO,

ESFORÇAR-SE POR COMPREENDER OS MISTÉRIOS DA NATUREZA, REALIZARR OBRAS PARA O

FUTURO.

Neste dia: O AGRADÁVEL PODE TORNAR-SE

PROVEITOSO.

TÔNICA 8

Aptidão criadora: ESTABILIDAD

E Noção realizadora: PROVEITO

Tendência: ORGANIZAÇÃO E ESFORÇOS, COOPERAÇÃOO DE PESSOAS, EXPANSÃO DE ATIVIDADES,

PLANEJAMENTO

DE EMPRESAS E ASSOCIAÇÃO DE INTERESSES.

Convém: AMPLIAR O RAIO DE AÇÃO, BUSCAR COLABORAÇÃO COM OS OUTROS, CALCULAR AS

DECISÕES, SERVIR-SE DO TATO, DA SAGACIDADE LÓGICA COMO INSTRUMENTO

PARA ATINGIR A

META.

Neste dia: O PROVEITOSO PODE TORNAR-SE ESTIMÁVEL.

http://www.voppus.com.br

31


TAROT EGÍPCIO

LIÇÃO 02

TÔNICA

9

Aptidão criadora: CULMINAÇÃO Noçãoo realizadora: ESTIMAÇÃO

Tendência:

COMUNICAÇÃO

DE PENSAMENTO, IDENTIFICAÇÃO

DOS

SERES E COISAS,

COMPREENSÃO DOS MOTIVOS, TRANSCENDÊNCIA DAS CAUSAS, CONHECIMENTO INTUITIVO DO

PRÓXIMO E DO DISTANTE.

Convém; FAVORECER A MATERNIDADE, AÇÕES

ABNEGADAS, LIBERALIDADE, ALTRUÍSMO PARA

COM AS PESSOAS, A HUMANIDADE E A NATUREZA, AO FAZER OU FALAR BUSCA SATISFAZER,

MORAL OU

MATERIALMENTE, AS OUTRAS PESSOAS.

Neste dia: O ESTIMÁVEL

PODE TORNAR-SE MERECÍVEL.

SÍNTESE

À soma da data de nascimento (Urgência

Interior) estão incorporadas as vibrações do

DIA, MÊS

e ANO, juntamente com as propriedades que

estas vibrações podem produzir,

por sua associação com determinados princípios universais, forças cósmicas, noções

mentais, etc.

O valor potencial do nome completo (Talento Natural) é produto, em parte, da herança

que recebemos através das letras que compõem o nome do nativo. Considerando e

operandoo com os dois valores chegamos à Tônica Fundamental, onde encontramos a

síntese vibratória pessoal. Esta é a primeira base.

A segunda base está associada ao TEMPO. O tempo, como noção de continuidade, é

um conjunto de forças em movimento que, coexistindo simultaneamente

com elas,

cumpremm missões específicas na criação. Uma destass missões é atualizar as pessoas

com as disposiçõess recebidas por herança, nascimento. Reduzindo a um número os

valores que interpretam a soma de forças em movimento em determinada data,

chegamos à Tônica do Tempo, para este instante particular. De acordo com o exposto, a

observação da Urgência Interior, Talento Natural, mês em curso, o dia em que se vive e a

hora de trabalho, descanso ou lazer, são procedimentos simples para sintonizar,

metodicamente, o indivíduo ao

tempo e, logicamente, favorecê-lo em determinada

atividade.

Se fizermos minucioso estudo das normas de conduta que

guiaram os grandes

homens em suas obras, sem dúvida encontraremos estas normas, como foi explanado

até agora. A diferença entre os grandes homens e nós

é que eles as seguiram

de forma

intuitiva. Nós necessitamos de uma disciplina, da força de vontade

e muita perseverança

até alcançar os frutos do triunfo e a glória. Concluindo,

a Tônica do Tempo e o indivíduo

vibram harmoniosamente algumas vezes e, em outras, em dissonância, modelando o

progressoo pessoal.

Prezado leitor, nosso objetivo ao fornecer-lhe estas noções de Numerologia foi tão

somente para melhor embasar alguns cálculos numerológicos

simples que serão

ensinados mais adiante, quando estudarmos os métodos de previsão. Havendo maior

interessee de sua parte, prossiga estudando os livros

sobre o tema, mencionados na

Bibliografia.

Se você quer o TRIUNFO NA VIDA, estude atentamente tudo

o que foi explicado e

pratique, mas se você quer mesmo a CHAVE DE TODOS OS REINOS estude as obras

do Dr. Samael Aun Weor. Confira na Bibliografia.

32

VOPPUS STELLA MARIS


LIVRO DE THOT LIÇÃO 02

TAROPRAXIS 2

Esperamos que você tenha tido bons resultados com o RELAX I, explicado na Lição 1.

O relaxamento, praticado rotineiramente, produz efeitos notáveis, tanto na saúde como

no sistema nervoso. Toda e qualquer doença pode ser superada mais rapidamente se a

pessoa busca praticar os exercícios relaxoterápicos, aliados ao tratamento dirigido por um

médico competente.

Relaxar é livrar o organismo de todas as tensões desnecessárias e prejudiciais. Vamos

agora ao RELAX II.

RELAX II

1) Releia atentamente todos os pontos abordados no Relax I (Lição 1);

2) Proceda como explicado no Relax I,

itens 1 a 4;

3) Repita o ciclo respiratório indicado

nos itens 5 a 8 por 3 vezes, no total;

4) Concentre-se nas solas dos pés e

diga MENTALMENTE: "músculos dos

pés, relaxem, relaxem, relaxem";

5) Concentre-se na barriga das pernas

e repita mentalmente: "músculos da

barriga das pernas, relaxem, relaxem,

relaxem";

6) Concentre-se nas coxas e repita

mentalmente:" músculos das coxas,

relaxem, relaxem, relaxem";

7) Concentre-se na cintura e repita

mentalmente: "músculos da cintura, relaxem, relaxem, relaxem";

8) Concentre-se nos músculos do abdômen e repita mentalmente:" músculos do

abdômen, relaxem, relaxem, relaxem";

9) Concentre-se nos músculos do peito e ordene mentalmente: "músculos do peito,

relaxem, relaxem, relaxem";

10) Concentre-se nos músculos das costas e ordene mentalmente: "músculos das

costas, relaxem, relaxem, relaxem";

http://www.voppus.com.br 33


TAROT EGÍPCIO LIÇÃO 02

11) Concentre-se nos músculos dos braços e ordene mentalmente:" músculos dos

braços, relaxem, relaxem, relaxem";

12) Concentre-se nos músculos do pescoço e ordene mentalmente: "músculos do

pescoço, relaxem, relaxem, relaxem";

13) Concentre-se nos músculos do rosto e ordene mentalmente:" músculos do rosto,

relaxem, relaxem, relaxem";

14) Concentre-se nos músculos da cabeça e repita mentalmente:" músculos da

cabeça, relaxem, relaxem, relaxem";

15) Depois que você chegar à cabeça, repita novamente o exercício, começando pelos

pés;

16) Repita pela terceira vez todo o relaxamento, começando pelos pés;

17) OUTPRAXIS (veja Relax I, Lição 1);

18) Aqui termina o TAROPRAXIS 2.

Fraternalmente,

SEU INSTRUTOR DE CLASSE.

34 VOPPUS STELLA MARIS


LIÇÃO 03

ARCANOS MAIORES (1 a 4)


TAROT EGÍPCIO LIÇÃO 03

PREZADO ESTUDANTE:

Antes de nos aprofundarmos no estudo detalhado das lâminas do Tarot

procuraremos mostrar, sucintamente, alguns aspectos da vida egípcia no

tocante aos seus símbolos e deuses.

FARAÓS, RAINHAS E DEUSES

A raça dos antigos egípcios era forte e robusta, formada por homens de constituição

vigorosa, inteligentes, astutos, de idéias simples, porém professadas sem dúvida ou

vacilação.

As mulheres compartilhavam com os maridos os trabalhos e as penalidades da vida.

Muitas destas laboriosas companheiras foram retratadas ao lado de seus esposos. Nas

estátuas funerais do VALE DAS RAINHAS se pode notar a participação ativa da mulher

na vida civil do povo faraônico.

Uma prova impressionante é o retrato do príncipe RAHOTEP e da princesa NOFRIT,

da 4a. dinastia, assim como da rainha NEFERTITI e seu esposo AKENATON;

HATSHEPSUT; TITYIA, esposa de AMENÓFIS III e diversas rainhas e deusas do antigo

Egito.

A maioria das estátuas do Egito milenário mostrava um povo quase desnudo,

favorecido pelo clima e pela natureza do Nilo.

Nas cerimônias iniciáticas, o Grande

Sacerdote, ou Faraon, apresentava-se

vestido com os atributos de OSÍRIS, o BOM

SER , o MESTRE e SENHOR DA VIDA.

Cobria-se com a mitra do poder protegido

pelos chifres do TOURO APIS, no qual

estão postas, lateralmente, duas plumas,

emblema do ESPÍRITO SANTO, a

VERDADE, a JUSTIÇA e a RAZÃO.

Nas cerimônias iniciáticas, o Grande Sacerdote, ou Faraon, apresentava-se vestido

com os atributos de OSÍRIS, o BOM SER , o MESTRE e SENHOR DA VIDA. Cobria-se

com a mitra do poder protegido pelos chifres do TOURO APIS, no qual estão postas,

lateralmente, duas plumas, emblema do ESPÍRITO SANTO, a VERDADE, a JUSTIÇA e a

RAZÃO. Nas mãos portava o látego do poder, da vontade, do domínio interno e externo, e

o cetro da maestria, das faculdades superiores, a Vara dos Reis e Patriarcas.

Outras vezes era representado com uma serpente saindo da fronte, sua vestimenta

como uma couraça de guerreiro e seu mandil maçônico; na parte superior mostrava o

OLHO SOLAR OU RÁ, o invisível.

No tocante à Sacerdotisa, ou à representação de ÍSIS, a MÃE DIVINA ou RAINHA,

mostrava-se com duas asas abertas protegendo-a desde trás. Nas mãos levava a cruz

ansata, imagem da criação do universo pelo homem e pela mulher. Sentava-se em uma

pedra cúbica perfeita ou em uma cadeira com patas de leão, demonstrando seu poder

sobre a Natureza e a Lei.

2 VOPPUS STELLA MARIS


LIVRO DE THOT LIÇÃO 03

A MÃE ÍSIS era mostrada na forma de uma mulher muito bela, levando um véu sobre o

rosto e um livro no colo, significando a Sabedoria. A serpente na sua fronte indicava

maestria. Sobre sua cabeça se encontravam os chifres da VACA DIVINA, esposa do

TOURO SAGRADO. Não confundir os chifres de Lúcifer com os chifres do Pai. Por serem

os chifres símbolos da auto-realização é que foram colocados na cabeça de Moisés. A

adorada ÍSIS egípcia, às vezes, era mostrada dando de mamar ao menino HÓRUS, o

qual leva em seus braços. O menino deve nascer como fruto do PAI e da MÃE, símbolo

da terceira força, produto do AMOR CONSCIENTE.

O DEUS ANÚBIS, JERARCA DA LEI, levava sua roupagem de guerra, no peito o

báculo de poder e sempre se apresentava com uma balança. Era encarregado de pesar

nossas boas e más ações. Sua máscara era de chacal, demonstrando a astúcia e a

esperteza deste Jerarca, que tudo percebe e nada deixa passar.

SIMBOLOGIA EGÍPCIA

Os reis, hierofantes e os sacerdotes do Egito eram eleitos para estudar e respeitar a

ESCOLA DE SABEDORIA DOS MISTÉRIOS DO SABER ESOTÉRICO E EXOTÉRICO.

Os grandes mestres-sacerdotes davam ao povo uma religião, com a qual guiavam

seus passos até alcançarem o grau de DESENVOLVIMENTO INICIÁTICO. Ao que

parece, a toda população egípcia era permitido participar, de certo modo, dos Mistérios.

As provas do candidato à INICIAÇÃO eram de tal natureza que ninguém, sem um

considerável grau de perfeição, podia resistir.

Há motivos para se compreender porque somente aqueles que recebiam algum grau

iniciático eram mumificados. O corpo do iniciado era preservado depois da morte como

uma espécie de talismã ou base material para o seu regresso.

http://www.voppus.com.br 3


TAROT EGÍPCIO LIÇÃO 03

Estudando as magias e as deidades egípcias, sente-se desde logo uma enorme

satisfação ao comprovar seus aspectos práticos. Vejamos alguns deles:

KHAT ou KAT- corpo físico

APOPI- demônio do mau desejo

ANANDA- alma humana (masculina)

CHIT- alma espiritual (feminina)

PE- mundo do desejo (astral)

KA- corpo astral

KU- corpo causal

BA- corpo mental

DEP- mundo da mente

SHU- personalidade

HAI- demônio da má mente

NEBI- demônio da má vontade

SETH- representa os defeitos psicológicos (crocodilo)

APAP- serpente tentadora(representada com a cabeça para baixo)

SAT- representação do Íntimo ou Chesed

ÍBIS- a pomba, o Espírito Santo. Atribuíam-lhe propriedades mágicas

*MESTHA- terra

*HAPI- água

*DUAMUFT- fogo

*KEBHESENNUF- ar

* representam os quatro elementos como prova para os

candidatos.

Os Iniciados nas Escolas de Mistérios Egípcias

compreendiam que as deidades e atributos estavam

intimamente vinculados à trajetória que segue o Sol, a

Lua e demais astros em determinados momentos do

ANO DIVINO. Os profanos ou não-iniciados

reconheciam atributos, deidades e seus equivalentes

em seres e coisas de mais fácil compreensão.

Vejamos cinco deles:

1) ESCARAVELHO: Símbolo da eterna lei de

renovação vital e negação da morte. Imortalidade.

2) SERPENTE: Símbolo da trajetória do Sol no

Zodíaco e de seu percurso anual entre ambos trópicos

terrestres.

3) LEÃO: Símbolo da força dos raios do Sol e do

poder que exerce este astro rei sobre os planetas do

sistema solar.

4) OLHO: Símbolo do Sol como força vigilante que

vê, anima e circunda tudo quanto existe em nosso

mundo. É a onisciência de Deus.

4 VOPPUS STELLA MARIS


LIVRO DE THOT LIÇÃO 03

5) FLOR DE LÓTUS: Abrindo-se com a aurora e fechando-se com o cair do dia,

símbolo da constante ressurreição da luz e do triunfo da vida. O eterno fluxo e refluxo

vital.

PANTEÃO DE DIVINDADES EGÍPCIAS

O panteão de deuses egípcios é extremamente rico. Praticamente cada localidade ou

cidade possuía seu deus tutelar, embora também reverenciassem os deuses nacionais.

Os egípcios não concebiam as suas Divindades como seres distantes e abstratos. Viam

neles os mesmos desejos e necessidades de todos os organismos vivos e os

representavam como seres humanos, outras vezes como animais e às vezes como seres

híbridos de homem e animal. Os deuses estavam presentes em todas as facetas de suas

vidas. Nada ocorria se não era disposto por este ou aquele deus.

Muitas vezes os deuses se fundiam entre si quando mudava a política, a religião ou a

filosofia dos governantes. Por exemplo, durante o longo período em que o culto a Rá

desfrutou da aprovação oficial, as Divindades compostas de Amon-Rá, Khnum-Rá e

Sobek-Rá permitiram aos sacerdotes manter seus cultos locais e, ao mesmo, tempo eram

rendidas homenagens à Divindade do Estado. Como existiam tantos deuses, tinha que

haver entre eles rivalidade e contradições, porém a religião maleável do Egito absorveu a

todas. Adorava-se a Hórus, vingador do assassino de seu pai Osíris, mas também se

cultuava a Seth, o assassino. Apesar desta rivalidade, havia uma convivência pacífica

entre seus adoradores. Mostraremos, abaixo, as 10 principais Deidades:

1) AMON-RÁ: Símbolo do poder oculto, o mistério, o espírito invisível que se fez

plasmável através do visível. Na "Litânia de Rá" é chamado de " o Grande Senhor Criador

dos Deuses, o Mestre das Ocultas Esferas, o

Espírito que Fala às Divindades". Juntamente com

Ptah e Osíris ordena a geração dos seres visíveis.

2) PTAH: Símbolo do construtor cósmico, o

formador do ovo do qual nasceu o Universo. Era

chamado de "o que abre o dia", o plasmador dos

seres no barro primordial e conservador da vida na

"Divina Noite". Juntamente com Amon-Rá e Osíris

era um dos aspectos em que se manifestava a

divindade.

3) OSÍRIS: Símbolo da ressurreição, a

imortalidade, a esperança, a justiça final e a

plenitude final. Juiz benigno que julga e ensina, a

luz solar em seu duplo aspecto de elemento

gerador e regenerador. Juntamente com Amon-Rá

e Ptah governava o oculto e o imanifestado. Era o

próprio sol físico, animador da vida durante o Divino

Dia da Criação.

4) ÍSIS: Simboliza a fecundidade, Deusa do

amor maternal e da fé conjugal, a aurora, o sol da

manhã, a terra regada pelas águas mansas do Nilo,

Murais pintados sobre o túmulo de

Osíris e Anúbis , Hórus.

o espírito que fecunda as sementes e as inteligências. Os egípcios a denominavam de " a

que é todas as coisas". Era a esposa de Osíris.

http://www.voppus.com.br 5


TAROT EGÍPCIO LIÇÃO 03

5) SETH: Era o senhor do Alto Egito e o representavam como um animal imaginário de

grandes orelhas, semelhante ao asno ou burro. Estava associado ao deserto e às

tormentas. Seth era irmão de Osíris e seu assassino. Simboliza a noite, a criação em seu

duplo aspecto de obscuridade e repouso.

6) HÓRUS: Filho de Osíris e de Ísis, matador de Seth. Simboliza o sol nascente em

seu caráter de vencedor das trevas e elemento restaurador da vida. Era representado

com cabeça de falcão. Segurava na mão direita o Ankh, símbolo da vida. Os Faraós do

Egito se uniam a Hórus, filho de Ísis e Osíris.

7) NEPHTHYS: Irmã de Osíris e de Ísis, símbolo do sol da tarde, o sol que amadurece

as espigas e as inteligências. Era chamada de " a Senhora do Palácio". Foi uma deusa

das mulheres. Seu nome significa "Dama do Forte". Estava associada ao lar de Osíris, a

quem ajudou a ressuscitar.

8) RÁ: Deus solar de Heliópolis, foi a divindade do Estado durante a V Dinastia. Às

vezes é confundido com o Deus Atum, uma vez que este é o criador dos seres vivos e Rá

é engendrador do Universo. Os egípcios se intitulavam "o Rebanho de Rá".

9) ANÚBIS: deus chacal da mumificação, assistia aos rituais para que o morto fosse

recebido no além. Era portador do cetro divino dos reis e dos deuses. Filho adulterino de

Nephthys (a Terra) e Osíris, foi criado por Ísis.

10) THOT: É representado como um ÍBIS ou um mandril. Era o deus da sabedoria,

associado com a Lua. Quando o Sol se põe, procura dissipar as trevas com sua luz.

TOPOGRAFIA DOS ARCANOS

Nas lições 1 e 2 procuramos dar uma visão sintética do Livro de Thot ou Tarot.

Aproveitamos, também, para ensinar o fundamento da Numerologia, juntamente com

alguns cálculos simples que você mesmo pode realizar sem nenhuma complicação. Desta

publicação em diante, vamos estudar, de forma minuciosa, os Arcanos Maiores do Tarot.

Lembre-se que, se de fato você quiser dominar este maravilhoso veículo oracular e prever

com precisão os fatos futuros, deverá atentar bem para as explicações que se seguem

sobre a distribuição topográfica dos elementos de cada lâmina. Cada símbolo, onde

aparece, está fundamentado em princípios cósmicos.

OS ARCANOS MAIORES representavam os vários passos iniciáticos que o

discípulo deveria identificar para absorver seu conteúdo. No início, o

candidato identificava a lâmina e, à medida que avançava, ia extraindo as leis

ou princípios que ela continha. Desta forma, avançava passo a passo nos

estudos até conhecer o significado de todos os Arcanos, atingindo um

estado denominado de PREPARAÇÃO FUNDAMENTAL.

6 VOPPUS STELLA MARIS


LIVRO DE THOT LIÇÃO 03

ARCANOS MAIORES

O Egito antigo foi poderosíssimo. O império faraônico estendia-se por milhares de

quilômetros. A vida, neste império, estava estruturada sob a influência dos símbolos. A

simbologia era revelada segundo sua posição na escala social ou a missão que

desempenhava no reino. Para proporcionar o progresso na aprendizagem começavam

sempre por ensinar os PRINCÍPIOS UNIVERSAIS, que eram o fundamento que amoldava

o caráter e formava a personalidade.

OS ARCANOS MAIORES representavam os vários passos iniciáticos que o discípulo

deveria identificar para absorver seu conteúdo. No início, o candidato identificava a lâmina

e, à medida que avançava, ia extraindo as leis ou princípios que ela continha. Desta

forma, avançava passo a passo nos estudos até conhecer o significado de todos os

Arcanos, atingindo um estado denominado de PREPARAÇÃO FUNDAMENTAL. Esta

preparação estava intimamente relacionada com o conhecimento profundo e detalhado

dos ARCANOS MAIORES. O estudante deveria saber exatamente qual o conteúdo da

lâmina, não apenas no sentido intelectual, mas sobretudo no aspecto esotérico, místico

ou oculto. A seguir, o discípulo passava para uma segunda etapa, denominada de

PREPARAÇÃO DE SERVIÇO. Nesta preparação eram estudados os 56 ARCANOS

MENORES.

Neste sistema de estudos todos os Arcanos

possuíam os mesmos 10 elementos que deveriam ser

absorvidos e integrados na vida do estudante. Ao

serem compreendidos os princípios representados nas

lâminas, esse saber convertia-se num instrumento útil

para a vida prática de cada um.

OS ARCANOS MAIORES mostravam os passos

fundamentais ou as LEIS MAIORES DO COSMO. Os

ARCANOS MENORES ensinavam a operatividade das

LEIS MAIORES, por esta razão era-lhes dada uma

importância secundária.

http://www.voppus.com.br 7


TAROT EGÍPCIO LIÇÃO 03

OS DEZ ELEMENTOS DOS ARCANOS

Os 10 elementos fundamentais representados nas lâminas dos ARCANOS MAIORES

ou MENORES são os seguintes:

1) UMA GRAFIA - representa uma idéia em ação.

2) UMA DEIDADE E SEUS ATRIBUTOS - representa o princípio primário associado à

ação ou idéia.

3) UM FONOGRAMA MÍSTICO - representa a noção elementar em que a idéia ou sua

ação tem como princípio animador.

4) UM FONOGRAMA EGÍPCIO - representa o processo fundamental através do qual o

princípio animador cristaliza seus objetivos.

5) UM FONOGRAMA HEBREU - representa a potência cabalística coordenadora

desse processo.

6) UM SIGNO ASTROLÓGICO - representa a força planetária em que o processo

adquire eficácia.

7) UM VALOR NUMÉRICO - representa o momento cósmico particularizado em que o

processo está ativo.

8) UM PLANO MODELO - representa a causa convertida em imagem inteligível.

9) UMA PALAVRA CHAVE - representa a síntese verbalizada da imagem.

10) UM PLANO DE MANIFESTAÇÃO - representa a imagem inteligível configurada na

realidade plasmável.

8 VOPPUS STELLA MARIS


LIVRO DE THOT LIÇÃO 03

No mundo dos atos perfeitos, toda idéia tem a cooperação imediata de um princípio

elemental que lhe é próprio. Esse princípio apoia-se no processo que lhe corresponde. Do

processo segue a potência cabalística. A potência cabalística associa-se a uma força

planetária do momento cósmico adequado. O momento cósmico liga-se ao plano de

inspiração conveniente. O plano de inspiração conecta-se com o modelo. E o modelo, por

fim, cria o que é necessário para a manifestação da perfeita realidade.

O mundo em que vivemos é o mundo dos atos imperfeitos, pois só encarnando a

PERFEIÇÃO poderemos ter atos perfeitos. A PERFEIÇÃO é o nosso próprio Ser

Espiritual Profundo. Cada pessoa deve lutar tenazmente para chegar a encarná-lo. Mas,

para isso é necessário suprir-se de ferramentas adequadas. Se você prosseguir

estudando conosco, lhe daremos todos os instrumentos necessários para alcançar a

condição de gerar atos perfeitos.

No mundo dos atos imperfeitos em que vivemos, essa cooperação que mostramos

acima só se manifesta até certo grau, e por isto a realidade nunca é como a imagem

mental. Por sua vez, a imagem mental não é como a noção espiritual. Desta maneira, de

imperfeições em imperfeições as manifestações vão descendo desde o mundo mais

elevado até a cristalização física.

A missão dos diversos elementos contidos nos ARCANOS é justamente a de

DECLARAR o grau em que certo ato deve receber, e por soma daquilo que receba,

produzir certa possibilidade. Na verdade, podemos sintetizar os 10 elementos em três

aspectos.

1) UM CONCEITO - relaciona-se com a idéia em ação, representada pelos símbolos

que compõem a grafia.

2) UM ATRIBUTO - explica a ação do conceito nos três planos de manifestação.

3) UM AXIOMA - sintetiza o sentido a inclinar-se à ação do conceito nos três planos e

apresenta os seus prováveis resultados.

http://www.voppus.com.br 9


TAROT EGÍPCIO LIÇÃO 03

ARCANO 1 - O MAGO

A palavra mago, etimologicamente, originou-se do

iraniano, passando para o grego "magós" e o latim

"magu". Mago era um antigo sacerdote zoroástrico, entre

os medos e persas. Lembremos que ao nascimento de

Jesus concorreram os Três Reis Magos.

Na parte superior da lâmina vemos um tridente com

um pequeno círculo na parte inferior, representando a

Deus que, em hebraico, é YOD-HE-VAU-HE. Os olhos

alegorizam HÓRUS, o OLHO QUE TUDO VÊ, o olho de

Deus, a onisciência de Deus. Os dois olhos unidos

representam o infinito, o Santo Oito, o Caduceu de

Mercúrio ou os Oito Kabires que dirigem o planeta.

Na parte central destaca-se o MAGO de perfil. Exibe

o lado direito de seu corpo simbolizando a parte visível

ou manifestada de si mesmo. Em sua fronte sobressai a

serpente, símbolo do poder. Indica que é um MESTRE

AUTO-REALIZADO porque elevou a serpente dos órgãos

criadores até a cabeça.

Segura, com a mão esquerda, o báculo de poder. Este

elemento representa a coluna vertebral, por onde sobe a

ENERGIA DO KUNDALINI. O báculo aponta para o

infinito, o céu, o firmamento. A mão direita direciona-se

para a terra. O dedo indicador destaca-se dos outros. O indicador é o dedo de JÚPITER,

Pai dos Deuses. A mão direita apontando para a terra e a esquerda para o céu indicam

que para subir há que se baixar. Deve-se baixar à Nona Esfera, cujas representações

são:

1) O SEXO: A PEDRA CÚBICA

2) OS NOVE CÍRCULOS INFERNAIS

Sem o trabalho na Nona Esfera sexual não é possível a ascensão aos céus. O sexo é

a porta de entrada para o Éden, pois foi por ela que saímos.

Os nove círculos infernais correspondem aos mundos atômicos inferiores do ser

humano, é o AVITCHI dos hindus, o AVERNO grego, TÁRTARUS, ORCUS, os

CÍRCULOS DANTESCOS.

O Mago se veste com um avental triangular, cujo vértice aponta para cima,

representando as três forças primárias reunidas em KETHER, a MÔNADA, o PAI.

O Mago indica o começo, o início, o ponto de partida. Na Sagrada Bíblia, em João 1:1,

encontramos: " NO PRINCÍPIO ERA O VERBO, E O VERBO ESTAVA COM DEUS, E O

VERBO ERA DEUS".

O Arcano 1 é o VERBO, a MÔNADA, KETHER, ZEUS, JÚPITER, BRAHMA, OSÍRIS,

ODIN, o nosso PAI CÓSMICO, a UNIDADE, o ESPÍRITO DIVINO dentro de cada um de

nós. Tudo está contido dentro desta UNIDADE e retornará à mesma UNIDADE.

A mesa representa os quatro elementos da natureza: FOGO, TERRA, ÁGUA e AR.

Sobre a mesa encontramos diversos utensílios. A espada alegoriza a força, o poder, o

10 VOPPUS STELLA MARIS


LIVRO DE THOT LIÇÃO 03

LINGAM (órgão sexual masculino). O vaso simboliza o cérebro físico e também o YONI

(órgão sexual feminino). A lua indica as trevas, que deverão ser transformadas em luz e

sabedoria solares.

Embaixo da mesa está a imagem do ÍBIS IMORTAL, a AVE FÊNIX, o CISNE

KÂLAHAMSA, o ESPÍRITO SANTO que simboliza o AMOR, indicando que através do

FOGO SAGRADO DO TERCEIRO LOGOS deverá haver uma perfeita ordem dos

elementos que estão em cima.

Na parte inferior da lâmina destaca-se um cubo. Esta figura geométrica indica a

estabilidade e também a PEDRA CÚBICA DE JESOD. O cubo representa o sexo, a pedra

de tropeço e rocha de escândalo, segundo a Bíblia. Sem o sexo não pode haver criação.

Sem criação não há criador. Sem o sexo o criador não cria.

O Dr. Samael Aun Weor, filósofo, esoterista, humanista, sábio, Mestre de Mistérios

Maiores, em sua obra intitulada "Curso Esotérico de Cabala", diz o seguinte sobre o

Arcano 1:

“O primeiro arcano está representado pelo mago. Sobre a cabeça do mago aparece o Santo Oito, símbolo

sagrado do infinito. Este símbolo encerra, define e enlaça as correntes magnéticas da Mente Superior

(consciência no sono) com as da Mente Inferior (consciência em vigília). Tal signo junta ou separa todos os

elementos regidos pela energia atômica, quando traçado com os dedos médio, índice e polegar sobre a

superfície do plexo cardíaco.

PRÁTICA

“De acordo com a descrição anterior, sugerimos este exercício:

“Retirem da mente toda classe de pensamentos, aquietem-na, serenem o pensamento e imaginem depois o

Santo Oito na forma gráfica que se representa aqui:

“Deixem que esta figura se submirja em vossa

consciência e adormeçam. A seguir, ponham a

mente em branco, sem pensar em nada. Assim,

após algum tempo, despertarão a consciência

no corpo astral.

“Pois bem, ao se considerar a formação deste

signo, ressalta a continuidade de um mesmo

braço que fecha um duplo circuito no primeiro

risco, enquanto no segundo só fecha um,

desviando-se no outro para projetar-se para

fora, depois de cortar o signo no mesmo ponto de seu cruzamento central.

“Um fecha e o outro abre. Esta é a chave para abrir todas as portas e para cortar todas as correntes formadas

pela energia atômica, desde a que temos imaginado e depositado no fundo da consciência até a originária de

todas, a qual circula, da mesma forma, no centro da Nona Esfera.

“Portanto, suprimir com estes recursos os riscos próprios de toda experiência astral e obter uma saída rápida ,

às vezes, perfeita, é, entre outras, uma razão mais que suficiente para que a Ordem Sagrada do Tibete possa

afirmar seu lema: NADA RESISTE AO NOSSO PODER.

“O discípulo, momentos antes de deitar-se para fazer a prática, deve invocar com todo seu coração e com

toda sua alma o Grande Regente da Ordem Sagrada do Tibete. O nome do grande Guru é Bhagavân Aclaiva.

“Esta Ordem, a qual temos a alta honra de representar aqui no México, é a mais poderosa de toda tradição

oriental. Compõe-se de 201 membros, sendo que o Plano Maior está formado por 72 brâmanes.

http://www.voppus.com.br 11


TAROT EGÍPCIO LIÇÃO 03

“Papus, em seu 'Tratado Elementar de Ciência Oculta', diz que os verdadeiros Iniciados do oriente são os

inscritos nos Santuários Secretos do bramanismo porque são os únicos que dão a chave real do Arcano

A.Z.F., graças ao conhecimento da língua atlante primitiva, WATAH, raiz fundamental do sânscrito, do

hebraico e do chinês.

“A Ordem Sagrada do Tibete é a depositária genuína do real tesouro do Aryavarta. Este tesouro é o Grande

Arcano.

“Bhagavân Aclaiva vos ajudará a sair em corpo astral conscientemente, Invoquem-no quando estiverem

meditando com o Signo Sagrado do Infinito. Uma noite qualquer serão chamados desde o Templo do

Himalaia. Ali serão submetidos a Sete Provas. Ali aprenderão a Ciência Secreta.

“Agora, voltemos ao ponto inicial depois de nossa digressão.

“O Santo Oito simboliza o Caduceu de Mercúrio e representa os dois cordões ganglionares que

esotericamente se enroscam na medula espinhal e que são: Idâ e Pingalâ, as duas testemunhas, as duas

oliveiras, os dois castiçais que estão diante do trono do Deus da Terra.

“Pelo cordão da direita sobem os átomos solares e, pelo da esquerda os átomos lunares.

“Estes átomos solares e lunares levantam-se desde nosso sistema seminal. O fogo do Flagetonte e a água do

Aqueronte entrecruzam-se na Nona Esfera, formando o Signo do Infinito.

“F mais A igual a C. Fogo mais água é igual a consciência.

“Aquele que meditar no Signo do Infinito, utilizará o fogo e a água para despertar a consciência. Assim,

explicamos porque as duas testemunhas do Apocalipse têm o poder de profetizar.

“E darei poder às minhas duas testemunhas e elas profetizarão por 1260 dias, vestidas de saco.

“Estes são os dois castiçais e as suas olivas que estão diante do Deus da Terra, como dissemos. No entanto,

a quantidade 1260 adiciona-se cabalisticamente assim: 1+2+6+0=9. Símbolo da Nona Esfera.

“A Nona Esfera é o sexo. As duas testemunhas têm sua raiz no sexo. Estas duas testemunhas, Idâ e Pingalâ

são os finos canais ganglionares pelos quais ascendem os átomos solares e lunares de nosso sistema

seminal até o cálice. Este cálice é o cérebro.

“Enche teu cálice, irmão, com o vinho sagrado da luz.

“Assim, explica-se porque o Signo do Infinito aparece sobre a cabeça do mago. Diante dele estão as espadas,

as taças e os pentáculos. Ele empunha em suas mãos a varinha mágica que simboliza a medula espinhal.

“Quando os átomos solares e lunares fazem contato no osso do cóccix, desperta o Kundalini, a Serpente

Ígnea de nossos mágicos poderes. Então somos devorados pela serpente e nos convertemos em magos

excelsamente divinos".

Aqui terminam as palavras do V.M. Samael Aun Weor.

Planeta: Sol

Signo: Leão

Sephirote cabalístico: Kether

Letra hebraica: Aleph

Axioma Transcendente: "Sê em tuas obras como és em teus pensamentos".

Elementos de predição: promete domínio dos obstáculos materiais, novas relações sociais, felizes

iniciativas, concurso de amigos fiéis que ajudam no desenvolvimento de projetos e amigos ciumentos

que os obstacularizam.

12 VOPPUS STELLA MARIS


LIVRO DE THOT LIÇÃO 03

ARCANO 2 - A SACERDOTISA

Sacerdotisa: palavra de origem latina que

significava, entre os antigos, aquela que

tratava dos assuntos religiosos e tinha o

poder de oferecer sacrifícios à divindade.

Também representava aquela que tinha

poderes divinos ou dons sagrados, servindo

de intermediária entre Deus e os homens.

Na parte superior da lâmina, a imagem

de um círculo com dois chifres alegoriza ao

TOURO ÁPIS, esposo da VACA SAGRADA.

Os chifres, em seu aspecto positivo,

representam ao PAI CELESTIAL, ao NOSSO

SER. Negativamente, representam ao EGO,

aos nossos defeitos psicológicos. O círculo é

o próprio Universo; é a serpente que morde

sua própria cauda; é a MÃE CÓSMICA, a

MÛLAPRAKRITI dos hindus, TETEOINAM

dos astecas, NOSSA SENHORA do

Cristianismo, FRIGIA dos nórdicos, HERA

dos gregos.

Na parte central da lâmina vê-se uma mulher sentada entre duas colunas. O Arcano 2

é a Sacerdotisa, a Ciência Oculta. No Mundo Espiritual o UM é o PAI que está oculto; o

DOIS é a Mãe DIVINA, o desdobramento do PAI.

Eliphas Levi, extraordinário esoterista, em seu livro intitulado "DOGMA E RITUAL DE

ALTA MAGIA", diz o seguinte sobre o Arcano 2:

“O binário é gerador da sociedade e da lei; é também o número da gnose. O binário é a unidade

multiplicando-se por si mesma para criar; e é por isso que os símbolos sagrados fazem sair Eva do próprio

peito de Adão.

“O princípio criador é o PHALLUS ideal; e o princípio criado é o CTEIS formal.

“A inserção do PHALLUS vertical no CTEIS horizontal forma o STAUROS dos gnósticos ou a cruz filosófica

dos maçons".

O que Levi afirma neste último parágrafo é simplesmente a união do PHALLUS-

ÚTERO, chave de todo processo de criação, seja acima ou abaixo.

As duas colunas representam as entradas do Templo. A coluna da direita, de cor

branca, é JAKIN, O HOMEM, O PRINCÍPIO MASCULINO. A coluna da esquerda, de cor

negra, é BOAZ, a MULHER, o PRINCÍPIO FEMININO. Entre as duas colunas, J e B, está

o GRANDE ARCANO, o SEGREDO, o MISTÉRIO.

O Mago, arcano anterior, está em pé, ativo, com o perfil à direita. Na Sacerdotisa, o

perfil mostrado é o esquerdo. Estando sentada, indica passividade. Sobre suas pernas

vemos um livro aberto, coberto em parte com seu manto. O livro representa a sabedoria,

todavia nem tudo está desvelado. Próximo ao peito, segura a CRUZ ANSATA, símbolo da

imortalidade, representando também a união PHALLUS-ÚTERO. Os seios à mostra

http://www.voppus.com.br 13


TAROT EGÍPCIO LIÇÃO 03

revelam sua capacidade de nutrir, alimentar, simbolizando também as virtudes. A

serpente sobre a testa indica maestria, porque está levantada.

No antigo Egito só os autênticos mestres ou sacerdotes divinos podiam ser

representados com a serpente à testa. Nas paredes do antigo templo da deusa egípcia

Neith foram esculpidas, em letras de ouro, as seguintes palavras: EU SOU A QUE TEM

SIDO, É E SERÁ, E NENHUM MORTAL LEVANTOU MEU VÉU.

Na parte inferior da lâmina, a imagem das duas colunas representam as funções

binárias do cosmo: nascer-morrer, sim-não, branco-preto, yin-yang, subir-descer, ir-voltar,

positivo-negativo, imaginação-vontade, deus-diabo, luz-trevas, etc.

As quatro proeminências mostradas nas colunas revelam os quatro corpos do pecado

do homem e da mulher.

O Dr. Samael Aun Weor, em seu livro "CURSO ESOTÉRICO DE CABALA", diz o

seguinte sobre o Arcano 2:

“Agora, estudemos o equilíbrio mágico no Arcano 2 do Tarot.

“O corpo físico acha-se organizado com os elementos. O Íntimo emanou da Estrela Interior que sempre nos

sorriu e está polarizado positivamente. O corpo físico é a sombra negativa do Íntimo.

“O espírito e a matéria vivem em eterna luta. Quando o espírito vence a matéria, surge um Mestre. Maya, a

ilusão, não poderia existir sem a dualidade. Força e matéria são duas modalidades de uma mesma coisa:

energia.

“A matéria é energia determinada e determinadora de novas ondulações. A evolução é um processo de

complicações da energia, cujo resultado é o universo: macrocosmo e microcosmo. O universo é maya, ilusão.

O universo somente existe pelo karma e é uma massa de sombras flutuantes.

“A matéria é energia determinada e

determinadora de novas ondulações. A evolução

é um processo de complicações da energia, cujo

resultado é o universo: macrocosmo e

microcosmo. O universo é maya, ilusão. O

universo somente existe pelo karma e é uma

massa de sombras flutuantes.

“Quando o espírito, o Íntimo, se liberta de maya, retorna ao Ain Soph da Cabala. Em última síntese, cada Ser

é tão somente um átomo super divino do espaço abstrato absoluto. Esse átomo é o Ain Soph.

“Os deuses inefáveis do Ain Soph estão para nós muito além de toda compreensão. A mente humana é para

os deuses do Ain Soph o que as atividades do reino mineral são para nós. No Ain Soph reina apenas a

unidade da vida. Isso é felicidade suprema.

“O universo é maya, dor... Precisamos nos libertar do binário e voltar à unidade da vida. Urge passar para

além das manifestações dolorosas de maya. Existe uma ciência com a qual podemos rasgar o véu de maya e

retornar ao Ain Soph. Essa ciência é a Alquimia.

“O doutor Arnold Krumm-Heller disse: Um químico esqueceu, por acaso, um anel com uma esmeralda perto

de um tubinho que continha rádio e depois de algumas semanas viu que a esmeralda havia mudado por

completo; era agora uma outra pedra desconhecida para ele. Deixou de propósito algumas outras pedras

14 VOPPUS STELLA MARIS


LIVRO DE THOT LIÇÃO 03

como rubis, safiras, etc., em contato com o rádio. Grande foi sua surpresa ao ver que, depois de algum

tempo, haviam mudado de cor completamente. As azuis tinham se tornado vermelhas e as vermelhas,

verdes.

“Continua o Dr. Krumm-Heller: Senhores, isto que só menciono, pois não considero que esteja cientificamente

estabelecido, sabem que significa? Que Shakespeare tinha razão ao dizer: 'que existe muita coisa entre o céu

e a terra que nossa consciência escolástica não suspeita', e que a Alquimia renasce, comprovando-se a

transmutação dos metais.

“O homem e a mulher devem equilibrar suas forças. Devem ser alquimistas para retornar ao Ain Soph. Circe

oferece a taça tentadora e Ulisses a rechaça com a espada. No Signo Sagrado do Infinito, acham-se

representados o cérebro, o coração e o sexo do gênio planetário. A luta é terrível; cérebro contra sexo, sexo

contra cérebro e o que é mais terrível ainda, aquilo de coração contra coração. Tu o sabes.

“Sobre os altares dos templos da Grande Loja Branca, os Mestres

colocam três vasos de loria, três vasos de alquimia. Cada um dos

três vasos sagrados do templo contêm um bálsamo precioso.

“O bálsamo vermelho é o fogo, o azul é a água e o branco, o

Espírito Universal da Vida. Idâ e Pingalâ são os canais pelos quais

sobem os átomos do fogo e da água. O Espírito empunha a vara

de sete nós. Essa vara é a medula espinhal. Quando a mulher e o

homem sabem evitar o espasmo e a ejaculação do Ens Seminis,

desperta a Serpente Ígnea de nossos mágicos poderes. Se

quereis voltar ao Pai que está em um lugar secreto, deveis

regressar primeiro ao seio de vossa Divina Mãe Kundalini.

Necessitais levantar pelo vosso canal medular a serpente da vida:

isso é alquimia - AL-KIMIA.

“Tendes vos esquecido de vossa Divina Mãe Kundalini e precisais

adorar a divina e bendita deusa Mãe do Mundo. Tendes sido

ingratos para com vossa Mãe Cósmica.

“Ela é a Virgem dos cultos religiosos. Ela é Ísis, Maria, Cibeles,

Adonia, Insoberta, etc. A pedra da graça encontra-se rodeada por

nove montanhas deliciosas. Essa pedra é o sexo. Se vós quereis

voltar ao seio de vossa Divina Mãe, necessitais trabalhar com a

Pedra Filosofal, o sexo.

“Os maias dizem que no primeiro céu Deus, o Verbo, tinha

subjugada sua pedra, tinha subjugada sua serpente e tinha

subjugada sua substância. Apenas com o Arcano A.Z.F. pode o

“Tendes vos esquecido de vossa

Divina Mãe Kundalini e precisais

adorar a divina e bendita deusa

Mãe do Mundo. Tendes sido

ingratos para com vossa Mãe

Cósmica.

Verbo fazer-se carne para subjugar novamente a sua pedra, a sua serpente e a sua substância. Então,

retornamos ao Ain Soph, voltamos para a unidade da vida. Sois filhos da viúva, vossa Divina Mãe é agora

viúva. Quando ela se levanta pelo canal medular, desposa o Amado Eterno. Vossa Divina Mãe é o Arcano 2,

a Papisa do Tarot. Ela está coroada com a tiara e sua cabeça está rodeada por um véu. Deveis ser valentes e

levantar o véu de Ísis. A divisa dos gnósticos é THELEMA: VONTADE.

“A mãe leva seu filho (o Verbo) em seus braços e está sentada entre duas colunas que simbolizam o homem

e a mulher. Adorai a Virgem do Mar, irmãos meus.

“No Arcano 2 do Tarot, a Divina Mãe aparece fazendo com sua mão o signo do esoterismo sacerdotal.

Estudai no livro sagrado de vossa Mãe Divina. Pedi e se vos dará. Batei e se vos abrirá. A Divina Mãe pode

conferir todos os desejados poderes ocultos. Orai à Mãe Divina, praticai vossos exercícios esotéricos e

http://www.voppus.com.br 15


TAROT EGÍPCIO LIÇÃO 03

podereis pedir a ela a clarividência, a telepatia, a clariaudiência, as faculdades do desdobramento astral e

outros mais. Podeis estar seguros que vossa Divina mãe saberá escutar vossos rogos.

“Meditem profundamente todos os dias na Mãe Divina, orando e suplicando. Precisais ser devorados pela

Serpente. Um (1) é o homem. Dois (2) é a mulher. O homem é uma coluna do templo e a mulher é a outra

coluna. Ambas não devem estar nem muito perto e nem muito distante entre si. Deve haver um espaço como

que para a luz passar entre elas.

“Transmutemos o chumbo da personalidade no ouro puro do espírito. Alquimia é transmutar a lua em sol. A

lua é a alma e o sol é o Cristo Interno. Precisamos cristificar-nos. Nenhum ser humano pode retornar ao Pai

sem haver sido devorado pela Serpente. Ninguém pode ser devorado pela Serpente sem que haja trabalhado

nas Fráguas Acesas de Vulcano, o sexo.

“A chave da cristificação é o Arcano A.Z.F. O mantram do Grande Arcano é I.A.O.

“I (ignis), fogo.

A (aqua), água.

O (origo), princípio.

“Às Fráguas Acesas de Vulcano baixam: Marte para retemperar sua espada e conquistar o coração de Vênus;

Hermes para limpar os estábulos do rei Áugias com o fogo sagrado; e Perseu para cortar a cabeça da

Medusa.

“Amados discípulos, recordem que nossa Mãe Divina é Nuit e que sua palavra é 56, número que se

decompõe cabalisticamente assim:

“5+6 = 11 ... e 1+1 =2

“Um é o Pai, dois é Ela, Nuit, a Divina Mãe Kundalini.

“Vejamos agora uma prática para se trabalhar com a Mãe Divina.

“Trata-se de um exercício que deve ser feito com bastante fervor.

PRÁTICA

“1) Deite-se no leito, boca para cima, com o corpo todo relaxado;

“2) Adormeçam, meditando na Serpente de fogo que se encontra no chacra do cóccix;

“3) Orem com todo coração, meditando na seguinte passagem do Ritual Sagrado:

INVOCAÇÃO

“Sê tu, ó Hadith, meu segredo, o mistério gnóstico de meu ser, o ponto central de minha conexão, meu

coração mesmo, e floresce em meus lábios fecundos, feito Verbo. Lá em cima, nos céus infinitos, na altura

profunda do desconhecido, o resplendor incessante de luz é a nua beleza de Nuit. Ela inclina-se, curva-se em

êxtase deleitoso, para receber o ósculo do segredo de Hadith. A alada esfera e o azul dos céus são meus.

“O A O KAKOF NA KHONSA

O A O KAKOF NA KHONSA

O A O KAKOF NA KHONSA.

16 VOPPUS STELLA MARIS


LIVRO DE THOT LIÇÃO 03

“Estes mantrans têm poder de transmutar a energia sexual em luz e fogo dentro do laboratório alquimista do

organismo humano. A oração, com seus mantrans, pode ser utilizada também na Magia Sexual. Esta oração,

com seus mantrans, é uma chave onipotente para meditar na Mãe Divina.

“O Mestre Huiracocha disse, em sua 'Novela Rosa-Cruz':

“Quando um homem se une no ato secreto à mulher torna-se um Deus, pois nesse momento ele se converte

em um Criador. Os videntes dizem que nesse preciso momento do amor, do espasmo, vêem aos dois seres

envoltos em uma rajada de luz brilhante.

“Envolvem-se nas forças mais potentes e sutis que existem na natureza. Se sabem aproveitar o momento

(não ejaculando o Ens Seminis), se sabem reter sua vibração, com ela podem operar como o mago para se

purificarem e tudo conseguir. Se não sabem respeitar essa luz, ela os abandonará para recluir-se nas

correntes universais, porém deixando atrás de si as portas abertas por onde se introduz o mal. O amor

converte-se em ódio e a ilusão dá lugar à decepção.

“Com a oração mântrica que ensinamos neste capítulo, retemos a brilhante luz cósmica que envolve o casal

humano no instante supremo do amor. A condição é evitar a todo custo a ejaculação do Ens Seminis. Os

mantrans desta invocação têm o poder de transmutar as energias criadoras em luz e fogo.

“Os solteiros e solteiras podem transmutar e sublimar suas energias sexuais com esta prece e com estes

mantrans, levando-as até o coração.

“Urge sublimar as energias e levá-las até o coração. Saibam que no templo-coração estas energias criadoras

misturam-se com as forças do Cristo e sobem aos mundos superiores. No templo-coração vive o Cristo

Interno.

“A Cruz da Iniciação é recebida no templo-coração.

“Esta oração mântrica também é uma fórmula de poder sacerdotal que o mago utiliza em suas práticas de

meditação interna para chegar aos pés de sua Mãe Divina. Se a meditação é perfeita, a Mãe Adorável e

Divina escutará o chamado e virá até o invocador que aprenderá com ela coisas inefáveis do paraíso.

“Ela é Devi Kundalini. Ela é a Papisa do Tarot. A Mãe Divina sempre escuta seus devotos. Na sagrada terra

dos Vedas, o iluminado Ramakrishna foi um de seus maiores devotos.

“Quereis as alturas do Nirvikalpa Samâdhi? Precisais desenvolver a Anubaya (percepção de vosso Deus

interno, na meditação)? Quereis a ciência de Jinas?... Recordai que tendes uma Mãe Adorável. Pedí e se vos

dará. batei e se vos abrirá".

Aqui terminam as palavras do V.M. Samael Aun Weor.

Planeta: Lua

Signo: Câncer

Sephirote cabalístico: Chokmah

Letra hebraica: Beth

Axioma Transcendente: "O vento e as ondas vão sempre a favor de quem sabe navegar".

Elementos de predição: promete atrações e repulsões, perdas e ganhos, subidas e descidas,

inspirações favoráveis à iniciativa e a oposição de segundos para levar o Iniciado à meta.

http://www.voppus.com.br 17


TAROT EGÍPCIO LIÇÃO 03

O Ideograma

mostrado na

secção superior,

à esquerda da

lâmina,

corresponde ao

alfabeto mágico

variante das

letras hebraicas.

Cada letra

associa-se com

um número

cabalístico.

ARCANO 3 - A IMPERATRIZ

A palavra "imperatriz" origina-se do latim

"imperare" e significa ordenar, mandar. A

Imperatriz é a esposa do Imperador (Arcano

4). A Imperatriz tem o poder de mandar,

exercendo suas funções sobre seus súditos.

O Arcano 3 é a luz divina. A Lua em si

mesma é a MÃE DIVINA. A GRANDE MÃE

UNIVERSAL se desdobra em cinco aspectos:

1) IMANIFESTADA: a deusa Neith

egípcia;

2) MANIFESTADA: Ísis, Devi Kundalini;

3) MÃE MORTE: Prosérpina, Hécate,

Coatlicue;

4) MÃE NATURA: aquela que criou nosso

corpo;

5) MAGA ELEMENTAL: raiz de nosso

instinto.

O Arcano 3 corresponde, na Bíblia

Sagrada, àquela parte do Gênesis 1:3, que

diz:" E disse Deus: Haja Luz. E houve Luz",

desde o primeiro dia da Criação.

A Imperatriz corresponde ao TERCEIRO

LOGOS, a BINAH dos cabalistas hebraicos.

A MÃE CELESTE, no campo material, significa produção material; e no campo

espiritual, significa a produção espiritual.

O número 1 é o Pai, a MÔNADA. Do Pai nasce a MÃE, a dúade. Esta, por sua vez, se

desdobra no número 3, a tríade. Desta forma, temos o número 1, o PAI, OSÍRIS; o

18 VOPPUS STELLA MARIS


LIVRO DE THOT LIÇÃO 03

número 2, a MÃE, ÍSIS; e o número 3, o FILHO, HÓRUS. Na Teogonia Cristã estas três

forças são PAI, FILHO e ESPÍRITO SANTO. Para os hindus são BRAHMAN, VISHNU e

SHIVA.

O número 3 corresponde à LEI DO TRIAMAZICAMNO ou à LEI DO TRÊS. A Lei do

Três cria. Dentro da natureza vemos suas diversas manifestações. Vejamos algumas

delas:

1) As três cores básicas: vermelho, amarelo e azul;

2) As três energias: positiva, negativa e neutra;

3) As três dimensões: largura, comprimento e altura;

4) As três forças da matéria: ação, reação e inércia;

5) As três partes principais do átomo: próton, elétron e nêutron;

6) Os três reis magos: Gaspar, Baltazar e Melchior;

7) As três partes filosóficas do homem: Corpo, Alma e Espírito;

8) As três partes do corpo humano: cabeça, tronco e membros;

9) Os três princípios alquímicos: enxofre, sal e mercúrio;

10) Os três traidores de Cristo: Judas, Pilatos e Caifás;

11) Os três demônios da teogonia egípcia: Apopi, Hai e Nebi;

12) Os três princípios da Filosofia Chinesa: Tao, Yin e Yang.

Na Epístola I de São João 5:7 e 8, encontramos: " E TRÊS SÃO OS QUE TESTIFICAM

NO CÉU: O PAI, A PALAVRA E O ESPÍRITO SANTO; E ESTES TRÊS SÃO UM. E TRÊS

SÃO OS QUE TESTIFICAM NA TERRA, O ESPÍRITO, E A ÁGUA, E O SANGUE; E

ESTES TRÊS CONCORDAM EM UM". A Bíblia é muito clara nesta passagem, mostrando

a Trindade manifestando-se no Céu e na Terra. Por esta razão, este Arcano indica a

abundância celeste e terrestre.

Na parte superior da lâmina, a imagem das 12 estrelas (1+2=3) alegorizando os 12

Signos do Zodíaco. Basílio Valentin, alquimista da Idade Média, deixou uma obra onde

ensina as 12 Chaves da Alquimia Secreta. Representa, também, as 12 faculdades do

homem cósmico.

Em Apocalipse 12:1 e 2, encontramos o seguinte: " E VIU-SE UM GRANDE SINAL NO

CÉU: UMA MULHER VESTIDA DO SOL, TENDO A LUA DEBAIXO DOS SEUS PÉS, E

UMA COROA DE DOZE ESTRELAS SOBRE SUA CABEÇA". A Bíblia descreve

claramente esta lâmina, conforme o texto acima.

Na parte central da lâmina, nota-se uma mulher sentada buscando alcançar, com a

mão esquerda, o ABUTRE SAGRADO, símbolo do ESPÍRITO SANTO entre os egípcios.

Entre os cristãos, o Espírito Santo é representado pela POMBA. Sobre a cabeça, uma

coroa demonstra sua maestria. A mão direita segura o báculo de mando, instrumento da

realeza, do poder. Sua roupagem é solar, indicando que é uma alma cristificada e

glorificada nos céus.

A Imperatriz está sentada na pedra cúbica perfeitamente lavrada. Esta é a Pedra

Filosofal dos alquimistas. Heinrich Khunrath, esoterista e filósofo, afirma o seguinte: " A

pedra dos filósofos é também chamada vegetal, animal, mineral, porque é dela própria,

http://www.voppus.com.br 19


TAROT EGÍPCIO LIÇÃO 03

em substância e em ser, que os vegetais, animais e os minerais nasceram. A pedra é o

sexo e dele saíram os vegetais, os animais, os minerais e o próprio homem".

Na parte inferior da lâmina, a imagem da lua nos revela as regiões sub-lunares, os

mundos inferiores, as paixões, os nossos defeitos e imperfeições, o EGO. Este deve ser

dissolvido para que a lua seja convertida em sol, em luz.

O Dr. Samael Aun Weor, em seu livro "CURSO ESOTÉRICO DE CABALA", diz o

seguinte sobre o Arcano 3:

“Recordem que o Sepher Ietzirah descreve de maneira maravilhosa todos os esplendores do mundo e o jogo

extraordinário dos sefirotes pelas 32 Sendas da Sabedoria em Deus e no homem. No mistério do sexo ocultase

toda a ciência dos sefirotes.

“A alma tem três aspectos:

“1) Nephes, a alma animal;

2) Ruach, a alma pensante;

3) Meshamah, a alma espiritual.

“O substractum destes três aspectos da alma são os sefirotes, que são atômicos. O Zohar insiste nos três

elementos-princípios que compõem o mundo e que são:

“Fogo (schim);

Água (men);

Ar (aleph).

“Estes são os elementos-princípios, a síntese perfeita dos quatro elementos manifestados.

“O poderoso mantra I.A.O resume o poder mágico do triângulo de elementos-princípios:

“I (ignis) - fogo;

A (aqua) - água;

O (origo) - princípio.

“I...A...O... é o mantram supremo do Arcano A.Z.F.

“Quem quiser fazer subir pelo canal medular a alma do mundo, deve trabalhar com o enxofre (fogo), com o

mercúrio (água) e com o sal (terra filosófica). Somente assim se nasce em Espírito e Verdade.

“No Arcano A.Z.F. acham-se as doze chaves secretas do beneditino de Erfurt, Basílio Valentim. No

manuscrito do Azoth de Valentim, está encerrado todo o segredo da Grande Obra. O Azoth é o princípio

criador sexual da Natureza. Quando a rosa do Espírito floresce na cruz de nosso corpo, a Grande Obra se

realizou.

“Os três elementos-princípios manifestam-se nos quatro elementos da natureza. Existe o calor do fogo e do

ar, a umidade do ar e da água e a sequidão do fogo e da terra.

“Estes são os três elementos-princípios, o I.A.O. Eles são o enxofre, o mercúrio e o sal contidos nos quatro

elementos da natureza.

“Nos três elementos-princípios acham-se os paraísos elementares da natureza.

“O cabalísta-alquimista precisa aprender a usar o enxofre, o mercúrio e o sal. Fazendo uso de flor-de-enxofre

no calçado, dentro, se desintegram as larvas do corpo astral: íncubos, súcubos, dragões, basiliscos,

fantasmas... Os vapores invisíveis que se originam do enxofre, levantam-se desintegrando a essas larvas.

20 VOPPUS STELLA MARIS


LIVRO DE THOT LIÇÃO 03

Queimando-se enxofre em carvão em brasa desintegram-se as formas malignas do pensamento e as larvas

encerradas dentro de qualquer habitação.

“O azougue (mercúrio) serve para preparar a água lustral. O grande astrônomo Nostradamus passou noites

inteiras diante de um recipiente de cobre com água. Este grande vidente olhava as águas e nelas via os

acontecimentos futuros que deixou escrito em suas famosas profecias.

“Se a essa água acrescenta-se mercúrio e se no fundo do recipiente coloca-se um espelho, ter-se-á um

clariteleidoscópio maravilhoso. Aconselhamos usar qualquer recipiente de cobre, com exceção de caçarolas

ou frigideiras e caldeiras de cobre.

“O caldeirão de cobre é um símbolo da magia negra.

“O cobre está intimamente relacionado com a glândula pituitária e possui poder para despertar a clarividência.

“O sal também tem numerosos usos na magia branca. O sal deve ser combinado com o álcool.

“Colocando-se em um recipiente álcool e sal e

pondo-se fogo logo após, obtém-se uma

combinação maravilhosa, a qual, no entanto,

deve ser utilizada apenas para invocar os Deuses

da Medicina, quando se precisa curar algum

enfermo. Então, eles acudirão ao chamado.

“Colocando-se em um recipiente álcool e sal e pondo-se fogo logo após, obtém-se uma combinação

maravilhosa, a qual, no entanto, deve ser utilizada apenas para invocar os Deuses da Medicina, quando se

precisa curar algum enfermo. Então, eles acudirão ao chamado.

“O enxofre (fogo) arde totalmente e não deixa resíduos. O enxofre é o schim e a água é o men do Zohar. O

Ens Seminis, o fogo e a água, mediante sucessivas transmutações, fica reduzido ao Aleph da Cabala, que os

alquimistas denominam Alkaest. Assim, realiza-se o I.A.O. e assim abrem-se as doze faculdades da alma.

“A alma se cristifica. O kundalini floresce em nossos lábios fecundos feito Verbo. O ternário é a palavra, a

plenitude, a fecundidade, a natureza e a geração dos três mundos.

“O Arcano 3 da Cabala é uma mulher vestida de sol, tem a lua a seus pés e está coroada com doze estrelas.

O símbolo da Rainha do Céu é a Imperatriz do Tarot. Uma misteriosa mulher coroada, sentada e com o cetro

de mando, em cujo extremo aparece o globo do mundo. Eis a Urânia-Vênus dos gregos, eis a alma

cristificada.

“O homem é o Arcano 1 do Tarot. A mulher é o Arcano 2 do mesmo. A alma cristificada é o resultado da união

sexual de ambos. O segredo está no Arcano A.Z.F. A mulher é a mãe do Verbo. O Cristo é sempre filho de

Imaculadas Concepções. Impossível nascer sem mãe.

“Quando um Iniciado está para encarnar o Verbo, sua mulher aparece nos mundos superiores como se

estivesse prenha e sofrendo as dores do parto. Jesus, na cruz, disse à sua mãe: Mulher , eis aí o teu filho.

Dirigindo-se a João, diz ao discípulo: Eis aí a tua mãe. Desde aquela hora, o discípulo a recebeu consigo. A

palavra João decompõe-se assim: I.E.O.U.A.M., o Verbo, o Dragão de Sabedoria. Ela é realmente a mãe do

Verbo. A mulher oficia no altar da bendita deusa Mãe do Mundo.

“Agora, orem muito à Divina Mãe Kundalini, cuja venerável sacerdotisa é vossa mulher. Orem e meditem

assim:

http://www.voppus.com.br 21


TAROT EGÍPCIO LIÇÃO 03

INVOCAÇÃO

“Ó Ísis, mãe do cosmos, raiz do amor, tronco e botão, folha, flor e semente de tudo quanto existe. A ti, força

naturalizante, te conjuramos, chamamos a Rainha do Espaço e da Noite, e beijando teus olhos amorosos,

bebendo o orvalho de teus lábios, respirando o doce aroma de teu corpo, exclamamos: Ó Nuit, tu, eterna

seidade do céu, que és a alma primordial, que é o que foi e o que será, a quem nenhum mortal levantou o

véu, quando estás sob as estrelas irradiantes do noturno e profundo céu do deserto, com pureza de coração e

na chama da serpente, te chamamos.

“Orem e meditem intensamente. A Divina Mãe ensina a seus filhos. Esta oração deve ser feita combinando a

meditação com o sono. Então, como uma visão de sonhos surge a iluminação.

“A Divina Mãe chega ao devoto para instruí-lo nos grandes mistérios".

Até aqui as palavras do V.M. Samael.

Planeta: Júpiter

Signo: Sagitário

Sephirote cabalístico: Binah

Letra hebraica: Ghimel

Axioma transcendente: "Tecendo estás o teu tear, tela para o teu uso, e telas que não hás de usar".

Elementos de predição: promete ideação, produção, riqueza e abundância de bens materiais,

obstáculos a vencer e satisfação à medida que são vencidos.

ARCANO 4 - O IMPERADOR

O vocábulo "imperador" provém do latim "imperare"

e significa mando, ordem, conforme já vimos no Arcano

3.

O Imperador tem a regência de seus domínios. É

símbolo do princípio da unidade materializada. É o

poder e a autoridade representada na letra hebraica

DALETH.

O Imperador representa o QUATERNÁRIO ou as

manifestações quaternárias da natureza. Vejamos

algumas:

1) Os quatro elementos da natureza: Fogo, Ar, Água

e Terra;

2) As quatro manifestações da matéria: frio, calor,

seco e úmido;

3) Os quatro elementos fundamentais da Química:

Carbono, Oxigênio, Nitrogênio e Hidrogênio;

4) Os quatro pontos cardeais: Norte, Sul, Leste e

Oeste;

5) As quatro fases da Lua: Nova, Crescente, Cheia e

Minguante;

22 VOPPUS STELLA MARIS


LIVRO DE THOT LIÇÃO 03

6) As quatro raças típicas: branca, preta, amarela e vermelha;

7) Os quatro temperamentos: linfático, sanguíneo, nervoso e bilioso;

8) Os quatro componentes da Química: ácidos, bases, óxidos e sais;

9) As quatro idades do homem: infância, juventude, maturidade e velhice;

10) As quatro idades cosmogônicas: Ouro, Prata, Cobre e Ferro;

11) Os quatro Caminhos: Ciência, Arte, Filosofia e Religião;

12) As quatro estações: Primavera, Verão, Outono e Inverno;

13) Os quatro estados de consciência: Sono, Vigília, Auto-Consciência e Consciência

Objetiva;

14) Os quatro aforismos esotéricos: saber, ousar, fazer e calar;

15) As quatro Idades do Maha-Yuga: Krita-Yuga, Tretâ-Yuga, Dvâpara-Yuga e Kali-

Yuga;

16) Os Quatro Evangelhos: Mateus, Marcos, Lucas e João.

Na parte superior da lâmina sobressai uma áspide ou thermuthis, símbolo de Ísis, a

nossa Mãe Divina Kundalini. A serpente na testa indica maestria. A grafia com quatro

pontas alegoriza os princípios quaternários.

Na parte central vemos um homem sentado. Segura o báculo de poder na mão direita.

A pedra cúbida na qual está sentado alegoriza o quadrado na sua maior perfeição

tridimensional, ou seja, a figura geométrica do cubo. O cubo é perfeito porque é produto

do trabalho alquímico dos Arcanos precedentes. Dentro do cubo está a imagem do gato

de fogo. No antigo Egito, o gato era devotado à Deusa Ísis e também à Deusa Bast. Bast

era a Deusa do Matrimônio. A PEDRA CÚBICA é o próprio SEXO e o gato, o matrimônio.

O sexo deve ser usado no matrimônio para a grandeza e a supremacia do ESPÍRITO.

Infelizmente, nos dias de hoje, a sexualidade conjugal tem sido um verdadeiro caos.

Adúlteros, amantes, doenças venéreas, AIDS, triângulos amorosos, brigas, violências,

insatisfações, degenerações, enfim, a vida sexual da grande maioria dos casais é um

desastre total. Os cônjuges necessitam de espiritualidade na vida sexual. É necessário

compreender que há sexo carnal e sexo espiritual. O sexo é expressão de amor ou

paixão. A grande maioria opta pela paixão e o resultado é a tragicomédia humana, tão

conhecida por todos.

O Arcano 4 corresponde à CRUZ. A cruz sexual é o símbolo vivente do cruzamento do

LINGAM-YONI. A cruz é um hieróglifo antigo e alquímico de CRISOL (creuset), cuja

etimologia associa-se ao francês cross, crux, cruz, crowz, croaz, krois, krouz, cruzel,

crucible, croiset. Em latim, crucibulum crisol tinha por raiz crux, crucis, cruz. O crisol é a

matéria-prima da Grande Obra. O que enfatizamos é o fato da cruz simbolizar o

cruzamento dos órgãos sexuais (PHALLUS-ÚTERO). É nesta união que está a raiz da

cruz. A união sexual phallus-útero, em casais legalmente constituídos, buscando a

sexualidade transcendental, cósmica, divina, espiritualizante, é algo maravilhoso.

Deixemos de lado as paixões grotescas e pavorosamente dolorosas do EGO, do SI

MESMO, do MIM MESMO e alimentemos o amor ao SER. Desfrutemos da dita sexual do

amor, para o amor e com amor. Existe íntima ligação entre a letra "S" e o "TAU"; a "cruz"

e a letra "T" . O "T" é a própria cruz com a união dos princípios opostos.

http://www.voppus.com.br 23


TAROT EGÍPCIO

LIÇÃO 03

Carl G.Jung, renomado psicólogo, diz que em algumas tradições

a cruz aparece como

símbolo do fogo e do sofrimento existencial. A relação

com o fogo se deve ao atrito de

dois paus, que os nossos antepassados usavam paraa produzir a chama e, ao mesmo

tempo, a união dos órgãos sexuais masculino e feminino, para produzir a vida. O fogo

relaciona-se, esotericamente, com a energia

KUNDALINI. Com o cruzamento PHALLUS-

ÚTERO, com a exclusão radical

do orgasmo fisiológico, pode-se despertar o Kundalini, a

SERPENTE ÍGNEA de nossos mágicos poderes. A cruz

também revela a QUADRATURA

DO CÍRCULO, a chave do movimento perpétuo. Sem a força sexual do TERCEIRO

LOGOS não é possível o movimento perpétuo. Sem a energia criadora e procriadora do

Terceiro Logos (FORÇA SEXUAL), o Universo deixaria de existir. O Terceiro Logos

organiza o VÓRTICE FUNDAMENTAL de todo Universo nascente e o VÓRTICE

INFINITESIMAL do ultérrimo átomo de qualquer criação. Com o Arcano 4 do Tarot o SER

lança aos

ombros a CRUZ DA INICIAÇÃO.

O Arcano 4 representa, na Cabala Hebraica, o nome

e poder de

Deus: YOD-HE-VAU-

HE que, em hebraico, escreve-se assim , pronunciando-se "JEHOVA". Mouni

Sadhu, esoterista contemporâneo, em seu livro " EL TAROT" , diz o seguinte: " O princípio

ATIVO (masculino, expansivo)

(Iod), fecunda (vivifica) ao PASSIVO (feminino,

atrativo), o (Hé). Desta união surge, ou melhor, nasce o terceiro

elemento (Vau) que

é andrógino, NEUTRO, tomando emprestado e transmitindo o que foi recebido para o

seguinte ciclo. Quando se cumpre este primeiro modelo, aparece a concepção da primeira

família com um acabado ciclo de manifestação. Logo, usamos a quarta letra Hé (que é a

mesma segunda, ativa) como reconhecimento da criação aperfeiçoada da família criada.

Desta procede a simbolização de Hé, essencialmente passiva (algo feito ou surgido) que

imediatamente se converte em ativo porque começa o novo ciclo, com o filho Iod em

primeiro" ".

" O princípio ATIVO (masculino, expansivo)

(Iod),

fecunda

(vivifica) ao PASSIVO (feminino, atrativo), o

(Hé). Desta união surge, ou melhor, nasce o terceiro

elemento

(Vau) que

é andrógino, NEUTRO, tomando

emprestado e transmitindo o que foi recebido para o

seguinte ciclo.

Na esfera mental, o Arcano 4 corresponde às quatro concordâncias: AFIRMAÇÃO e

NEGAÇÃO; DISCUSSÃO e SOLUÇÃO.

Na parte inferior da lâmina, a imagemm do báculo

no estilo egípcio. O báculo, ou

bastão, com o extremo curvo, atributo da fé e da Igreja pela forma sigmóide, epresenta o

poder divino da comunicação e conexão. A sua forma indica o poder e a força criadora. O

báculo epresenta a coluna vertebral humana por onde deve subir a energia sexual

criadora do KUNDALINI.

24

VOPPUS STELLA MARIS


LIVRO DE THOT LIÇÃO 03

O Dr. Samael Aun Weor, em seu livro "CURSO ESOTÉRICO DE CABALA", diz o

seguinte sobre o Arcano 4:

“AUM. O Arcano 4 do Tarot é o misterioso e santo TETRAGRAMMATON. O nome sagrado do Eterno tem 4

letras: IOD,HE,VAU e HE.

“IOD é o homem, HE a mulher, VAU é o falo e HE é o útero. De outra maneira dizemos: IOD é o homem, HE

a mulher, VAU o fogo e HE a água. O profundo estudo das 4 letras do Eterno leva-nos inevitavelmente para a

Nona Esfera, o sexo. Devemos levantar nossa serpente pelo canal medular até levá-la ao seu santuário do

coração.

“A cruz da Iniciação recebe-se no templo-coração. O centro magnético do Pai acha-se entre as duas

sobrancelhas. O Santuário da Mãe encontra-se no templo-coração. As quatro pontas da cruz simbolizam: o

fogo, o ar, a água e a terra. O Espírito, a Matéria, o Movimento e o Repouso.

“Recorda, amado discípulo, os 4 elementos da alquimia: o sal, o mercúrio, o enxofre e o azoto (azoe). O sal é

a matéria, o mercúrio identifica o Ens Seminis e o azoto (azoe) é o raio misterioso do Kundalini.

“O enxofre deve fecundar o mercúrio da filosofia secreta para que o sal se regenere. Só assim poderemos

escrever o livro do Azoth. Se tu queres a Iniciação, escreve-a sobre uma vara. No lingam-yoni acha-se a

chave de nossa libertação.

“A cruz tem 4 pontas. A cruz da iniciação é fálica. A inserção do phalo vertical no cteis formal forma cruz. Esta

é a cruz da Iniciação que nós devemos lançar sobre os ombros.

“Os 4 animais sagrados da alquimia são: o leão que oculta o enigma do fogo, o homem que representa o

mercúrio da filosofia secreta, a águia que nos indica o ar e o touro que simboliza a terra. As esfinges do Egito

e de Ezequiel têm o simbolismo dos 4 animais sagrados da alquimia.

“A água contida no leito dos mares, rios e oceanos, esquentada pelo fogo do sol, transforma-se em nuvens

que ascendem até o céu e, depois de certo tempo de digestão, convertem-se em raios e trovões.

“O mesmo processo repete-se no laboratório sexual do alquimista. Nossa divisa é THELEMA, que significa

VONTADE.

“A entrada dos velhos templos arcaicos era comumente um furo de agulha escondido em alguma paragem

misteriosa da selva espessa. Nós saímos do Éden pela porta do sexo e apenas por essa porta podemos

retornar ao Éden. O Éden é o próprio sexo. O sexo é a porta apertada, estreita e difícil que conduz à Luz.

“No isolamento dos misteriosos santuários, os neófitos foram submetidos às 4 provas iniciáticas. As provas do

fogo, do ar, da água e da terra definiram sempre as diversas purificações dos neófitos.

“Comumente, esses santuários de Mistérios encontravam-se situados ao pés de algum vulcão.

“Os discípulos caíam sem sentidos ao solo. Nesses instantes, o hierofante tirava os estudantes de dentro do

corpo físico e, em astral, levava-os às profundezas do santuário. Ensinava-lhes os mistérios grandiosos da

vida e da morte. As emanações vulcânicas da terra produzem esse estado de morte aparente.

“Nos Lumisiais gnósticos, alguns discípulos caem nesse estado de morte aparente. A cerimônia de carregar a

cruz, como se costuma fazer nos Lumisiais gnósticos, serve para confirmar humildemente alguma Iniciação

esotérica interna.

“Cada um dos sete corpos do homem deve ser crucificado e estigmatizado. O estudante de Cabala deve

familiarizar-se com os elementos do fogo, do ar, da água e da terra. O homem não é rei da natureza ainda,

porém está convocado para ser rei e sacerdote segundo a ordem de Melquisedeque.

“O estudante precisa se familiarizar com as criaturas elementais dos quatro elementos.

http://www.voppus.com.br 25


TAROT EGÍPCIO LIÇÃO 03

“As salamandras vivem no fogo. As ondinas e as nereidas vivem na água. Os silfos vivem no ar e na terra

vivem os gnomos.

“O Evangelho de Marcos simboliza-se com o leão (fogo). O Evangelho de Mateus representa-se com um

jovem (água). Quanto ao Evangelho de João, representa-se com uma águia (ar) e o Evangelho de Lucas,

com um touro (terra). Os quatro evangelhos simbolizam os 4 elementos da natureza e a realização da Grande

Obra (Magnum Opus).

“Todo hierofante da natureza converte-se em rei dos elementais. Se queres ser admitido nos paraísos

elementais da natureza, não mates, não comas carne de espécie alguma, não bebas vinho que contenha

álcool, não destruas jamais uma planta e nem uma flor.

“Respeita toda a vida. Tu só necessitas de duas coisas na vida: sabedoria e amor. Assim, terás felicidade,

paz e abundância. Sê perfeito como o Pai é perfeito. O Iniciado deve trabalhar com os elementais na

Cordilheira Central: a medula espinhal. A matéria-prima da Grande Obra do Pai é o Ens Seminis. Tu o sabes.

“Os teus órgãos criadores são o recipiente

sagrado e o chacra Muladhara, o pequeno forno.

O canal medular é a chaminé e o cérebro, o

destilador. Quando trabalhamos no laboratório

do Terceiro Logos, transmutamos o chumbo da

personalidade no ouro do Espírito. A Grande

Obra não pode ser realizada sem a cooperação

dos elementais.

“Os teus órgãos criadores são o recipiente sagrado e o chacra Muladhara, o pequeno forno. O canal medular

é a chaminé e o cérebro, o destilador. Quando trabalhamos no laboratório do Terceiro Logos, transmutamos o

chumbo da personalidade no ouro do Espírito. A Grande Obra não pode ser realizada sem a cooperação dos

elementais.

“São os gnomos ou pigmeus que transmutam o chumbo em ouro. São eles os grandes alquimistas que

reduzem os metais a seu sêmen para transmutá-lo após no ouro puro do espírito. Esse labor seria impossível

se as ondinas não obedecessem ou se as salamandras do fogo não fizessem fecundas as voluptuosas

ondinas.

“As tentadoras ondinas, sem o fogo, apenas podem levar-nos ao naufrágio. Ulisses, o guerreiro astuto e

destruidor de cidadelas, fez-se amarrar a um madeirame do barço para evitar o perigo de cair no mar,

seduzido pela beleza sexual das ondinas.

“Os gnósticos de antigamente diziam: Todos vós sereis Deuses, se sairdes do Egito e atravessardes o Mar

Vermelho (o oceano das tentações).

“Os vapores da matéria-prima da Grande Obra não subiriam pela chaminé sem a ajuda dos inquietos silfos.

Os gnomos precisam destilar o ouro no cérebro, o que só se torna possível com a ajuda dos aéreos silfos. Os

gnomos transmutam o chumbo em ouro. Magnum Opus seria impossível sem os elementais. Precisamos nos

familiarizar com os elementais da natureza.

26 VOPPUS STELLA MARIS


LIVRO DE THOT LIÇÃO 03

PRÁTICA COM AS SALAMANDRAS

“FOGO - Acenda um fogo e vocalize em seguida o mantra INRI, em duas sílabas separadas: IN-RI, porém

alargando-se o som de cada letra.

“Concentra-te agora no fogo que acendeste: vela, carvões em brasa, etc. Medita profundamente no fogo.

Adormeça meditando no fogo. Invoca ao amigo que escreve este livro e serás ajudado nesta prática.

“Vocaliza a letra S como um silvo muito fino, como o zumbido da cascavel.

PRÁTICA COM OS SILFOS

“AR - Sentado em um cômodo sofá ou deitado de boca para cima, decúbito dorsal, com o corpo relaxado

deves meditar profundamente na seguinte oração:

“Spiritus Dei ferebatur super aquas et inspiravit in faciem hominis spiraculum vitae. Sit Michael dux meus et

Sabtabiel servus meus, in luce et per lucem. Fiat verbum halitus meus et imperabo spiritibus aeris hujus et

refrenabo equos solis voluntate cordis mei, et cogitatione mentis mei et nutu oculi dextri.

“Exorciso igitur te, creatura aeris, per Pentagrammaton et in nomine Tetragrammaton, in quibus sunt voluntas

firma et fides recta. Amen. Sela fiat.

“Sopre na direção dos quatro pontos cardeais da terra. Pronuncie a letra H muitas vezes como em um suspiro

muito fundo. Adormeça meditando nos gênios Michael e Sabtabiel e te colocarás em contato com os silfos.

PRÁTICA COM AS ONDINAS

“ÁGUA - Adormeça diante de um copo com água, meditando no seguinte exorcismo:

“Fiat firmamentum in medium aquarum et separe aquas ab aquis, quae superius sicut quae inferius, et quae

inferius sicut quae superius, ad perpetranda miracula rei unios. Sol ejus pater est, luna mater et ventus hanc

gestavit in utero suo, ascendit a terra ad coelum et rursus a coelo in terram descendit.

“Exorciso te, creatura aquae, ut sis mihi speculum Dei vivi in operibus ejus, et fons vitae, et ablutio

peccatorum. Amen.

“Em seguida, comece a dormir vocalizando a letra M, assim: MMMMMMMMMMMMM... Lábios

hermeticamente cerrados. Trata-se de um som semelhante ao mugido do touro, mas longamente sustentado

e sem aquele abaixar da voz próprio do touro.

“A letra M é o mantram das águas. Assim, te colocarás em contato com as criaturas das águas.

“Invoca também ao gênio das águas e que se chama Nicksa.

PRÁTICA COM OS GNOMOS

“Medita profundamente no templo-coração do centro da terra, medita no gênio da Terra, cujo nome é

Changam. Roga-lhe para que te ponha em contato com os gnomos que habitam as entranhas da terra.

Chama o gênio dos gnomos e que se chama Gob.

“Adormeça concentrado nesse gênio e vocaliza o mantram I.A.O.

“A meditação profunda combinada inteligentemente com o sono permite a entrada nos paraísos elementais da

natureza. O alquimista precisa trabalhar com os elementais da natureza.

“O Imperador é o hieróglifo do Arcano 4 do Tarot. O soberano aparece formando com seu corpo um triângulo

maravilhoso e com as pernas forma uma cruz. Realmente, essa é a imagem do atanor dos alquimistas. O

ligâmen da cruz com o triângulo só se possibilita mediante o ouro potável da Alquimia, o fogo sagrado.

“Com o Arcano 4 do Tarot, o Ser lança sobre seus ombros a Cruz da iniciação.

http://www.voppus.com.br 27


TAROT EGÍPCIO LIÇÃO 03

“Terminaremos este capítulo dizendo que se ordena aos elementais do fogo com o tridente de ferro ou com

uma varinha de ferro. Os elementais do ar são ordenados com uma pena de águia ou de qualquer ave. Aos

elementais da água se lhes ordena com um copo com água e aos elementais da terra com uma espada ou

com uma faca nova.

“O reino espacial dos gnomos está situado na região norte. O reino das salamandras situa-se no sul. Os silfos

encontram-se no oriente e as ondinas no ocidente. Estas 4 heirarquias elementais formam cruz. Eis aí o santo

e misterioso Tetragrammaton".

Aqui terminam as palavras do citado sábio.

Planeta: Urano

Signo: Aquário

Sephirote cabalístico: Chesed

Letra hebraica: Daleth

Axioma Transcendente: "Bendiga o trabalho de tuas mãos e no pensamento ponha o coração".

Elementos de predição: promete triunfos materiais, bases para os mais altos empreendimentos,

resultados favoráveis no esforço invertido e condições penosas para alcançá-lo; os amigos são,

simultaneamente, ajuda e obstáculos, sendo a sorte propícia e adversa ao mesmo tempo.

28 VOPPUS STELLA MARIS


LIVRO DE THOT LIÇÃO 03

TAROPRAXIS 3

Nesta prática, vamos ensinar-lhe o uso inteligente de sua imaginação criadora. O

exercício de visualização proposto é muito eficiente para as faculdades psíquicas.

Praticado habitualmente, lhe proporcionará boas condições de previsão com o Tarot,

conforme iremos explicando no decorrer do curso.

RELAX III

1) Releia atentamente todos os pontos abordados no Relax II

(Lição 2) e siga as instruções do item 1 ao 3;

2) Agora que seu organismo está oxigenado, imagine uma LUZ

AZUL CELESTE, azul da cor do céu ou do mar;

3) Visualize que do espaço, do céu, do infinito, desce um

poderoso raio de LUZ AZUL, que penetra pelo alto da sua cabeça;

4) Veja esta LUZ AZUL espalhando-se pelo seu cérebro,

acalmando a mente e tranquilizando os pensamentos;

5) A energia AZUL desce pelo seu rosto e pescoço,

distencionando os músculos;

6) A COR AZUL avança, tingindo os ombros, braços, antebraços,

punhos, mãos e dedos, distencionando completamente todos os

músculos;

7) Sinta a vibração AZUL banhando os músculos do peito, costas,

cintura e abdômen, afrouxando toda a musculatura;

8) Imagine a COR AZUL envolvendo os músculos das coxas, joelhos, pernas e pés,

relaxando cada vez mais;

9) Quanto mais forte e clara for sua visualização da COR AZUL maior será a eficiência

da mesma. Podem ocorrer dificuldades em ver a cor azul nas primeiras práticas, todavia

não desanime. Com a repetição você começará a vê-la claramente.

10) Esta prática deve durar, no mínimo, 20 minutos.

11) OUTPRAXIS (veja Relax I, Lição 1);

12) Aqui termina o TAROPRAXIS 3.

Fraternalmente,

SEU INSTRUTOR DE CLASSE.

http://www.voppus.com.br 29


LIÇÃO 04

ARCANOS MAIORES (5 a 8)


TAROT EGÍPCIO LIÇÃO 04

PREZADO ESTUDANTE:

Após ler e estudar atentamente os quatro primeiros Arcanos, descritos na lição

anterior, seguiremos descrevendo os Arcanos 5,6,7 e 8. Não se contente em fazer apenas

uma rápida leitura dos mesmos. Observe cada lâmina e procure associar as explanações

com as figuras. Capte a grafia, desvende o ideograma, para que suas antevisões sejam

eficazes e precisas.

ARCANO 5 - HIERARCA

Hierarca ou Jerarca provém do grego

"hierós" e significa "sagrado". Hierarca é um

indivíduo da HIERARQUIA, ou seja, tem o

poder, a ordem e autoridade divina. No

sentido estrito, significa a estrutura do

poder ou organização da autoridade de

uma instituição religiosa, não profana.

Na Era Cristã, o termo foi usado

essencialmente na Igreja Católica para

estruturar a linha de autoridade eclesiástica

em forma piramidal, desde o Papa até os

Padres. Em sentido geral, hierarquia

passou a significar a organização do poder

de qualquer instituição. Dentro do Tarot a

conotação usada refere-se ao PRINCÍPIO

SAGRADO ORGANIZATIVO, ou à LEI.

O Arcano 5 corresponde à Lei, ao Rigor,

à Marte, à Guerra. Indica também

ensinamento, karma. Simboliza as

manifestações quinquenais, como por

exemplo:

1) Os cinco primeiros livros de Moisés

(Pentateuco): Gênesis. Êxodo, Levítico,

Números e Deuteronômio;

2) Os cinco elementos da Filosofia Chinesa: Madeira, Fogo, Terra, Metal e Água;

3) Os cinco Tatwas ou vibrações do Éter: Akasha, Tejas, Vayú, Apas e Prithvi;

4) Os cinco dedos da mão: polegar, indicador, médio, anelar e mínimo;

5) Os cinco sentidos: visão, ouvido, olfato, paladar e tato;

6) As cinco raças cosmogônicas: Polar, Hiperbórea, Lemuriana, Atlante e Ariana;

7) Os cinco aspectos da Divina Mãe: Imanifestada, Devi Kundalini, Prosérpina, Mãe

Natura e Maga Elemental.

O Arcano 5 também corresponde ao PENTALFA, o PENTAGRAMA ESOTÉRICO, A

ESTRELA PENTAGONAL.

Na parte superior da lâmina, a grafia representa a balança ou o instrumento de

medição. A balança associa-se à Justiça ou àquilo que é justo, preciso, exato. Neste

2 VOPPUS STELLA MARIS


LIVRO DE THOT LIÇÃO 04

caso, vemos a Justiça partindo dos Mundos Espirituais. As Leis de Justiça Celestial são

as LEIS DO KARMA, que abordaremos posteriormente.

Na parte central da lâmina vê-se a figura de um homem com uma máscara de lobo ou

chacal segurando o báculo.

A imagem do Hierarca é ANÚBIS, Arconte do Destino, Senhor do karma, Supremo Juiz

Celestial. Anúbis é assessorado por 42 Juízes do Destino. Na Mitologia Egípcia, Anúbis é

filho de Osíris e Nefté (a Terra), mas foi criado por Ísis, a Mãe Divina. Acompanhou seu

pai na conquista do mundo, possuindo corpo de homem e cabeça de chacal.

A cabeça de lobo ou chacal é uma máscara que, nos mundos espirituais, é utilizada

por Anúbis para oficializar ou fazer Justiça. A máscara representa a SUPREMA PIEDADE

e a SUPREMA IMPIEDADE DA LEI. Da mesma forma que os juizes terrestres usam a

toga, quando estão julgando;

assim também, procedem os

juízes celestiais, usando a

máscara.

Aquele que aprende a usar o

seu KA (corpo astral) pode

visitar o Templo de Anúbis, na

Constelação de Libra, para

consultar seu LIVRO DO

DESTINO e fazer seus

negócios kármicos. Também

poderá solicitar um crédito, o

qual deverá ser pago com

trabalhos pela GRANDE OBRA

DO PAI. Ninguém pode escapar

da Justiça Cósmica, porque no

fundo de nossa consciência

existe o KAOM, a Polícia do

Karma, que toma forma cada

vez que registra uma ação

positiva ou negativa.

É necessário compreender que ninguém escapa das LEIS DO KARMA. Estas são em

número de quatro. Vejamo-las:

1) AO LEÃO DA LEI SE COMBATE COM A BALANÇA;

2) FAÇA BOAS OBRAS PARA PAGAR VELHAS DÍVIDAS;

3) QUANDO UMA LEI INFERIOR É TRANSCENDIDA POR UMA LEI SUPERIOR, A

LEI SUPERIOR ANULA A LEI INFERIOR;

4) QUEM NÃO TEM COM QUE PAGAR, PAGA COM DOR.

A palavra "karma" provém do sânscrito e significa AÇÃO. Toda ação produz uma

reação. Da mesma forma como você lança uma bola de borracha contra uma parede e

ela volta, assim é a Lei do Karma. Toda CAUSA tem um efeito e todo EFEITO tem que

ter, necessariamente, uma causa. A Lei do Karma se refere justamente a esta AÇÃO e

sua consequente REAÇÃO. Foi-nos dado a liberdade, o LIVRE ARBÍTRIO. Podemos

fazer o que quisermos, todavia teremos que responder perante DEUS por todos os

nossos atos. A Bíblia Sagrada, em Gálatas, Cap. 6:7, diz: " NÃO ERREIS: DEUS NÃO SE

http://www.voppus.com.br 3


TAROT EGÍPCIO LIÇÃO 04

DEIXA ESCARNECER; PORQUE TUDO O QUE O HOMEM SEMEAR, ISSO TAMBÉM

CEIFARÁ". Portanto, não podemos enganar à GRANDE INTELIGÊNCIA. Qualquer ato de

nossa vida, seja bom ou mau, terá suas consequências. A LEI DA AÇÃO E

CONSEQUÊNCIA governa o curso das nossas variadas existências e cada vida é o

resultado da anterior.

C. Jinarajadasa, filósofo e teósofo contemporâneo, em seu livro "FUNDAMENTOS DE

TEOSOFIA", diz:

“Cada ato nocivo equivale a uma força projetada no universo, a qual atua em detrimento de outrem; mas com

isso o equilíbrio do universo com esse outrem foi perturbado pelo ofensor, e tem que ser restabelecido às

suas expensas. Seu carma pelo dano causado é uma dor, a força que produz tal dor é descarregada na

vítima, tomada como ponto de apoio, restabelecendo-se assim o equilíbrio original. Com uma boa ação se dá

o mesmo; seu carma, reação, é uma força que ajusta as circunstâncias de maneira a produzir um conforto".

Compreender profundamente como opera a Lei do karma é importante para nos

guiarmos de forma positiva e edificante através das diversas escalas da vida. karma é

compensação e não vingança, como muitos equivocados supõem. O karma é um remédio

que nos é aplicado para o nosso bem. Reclamar, protestar, blasfemar contra o Karma

nada resolve, até pelo contrário, pode torná-lo mais duro, sofrido.

Cada um de nós, ao vir a este mundo, traz seu próprio destino. Uns nascem na

abundância e outros na miséria. Se em nossas vidas anteriores roubamos; agora nos

roubam. Se fomos adúlteros, agora nossa companheira nos é infiel. Se ferimos, agora nos

ferem. Reclamamos de tudo. Queremos ser compreendidos, mas nunca nos esforçamos

para compreender. Queremos melhoras econômicas, mas nunca dividimos o pouco que

temos com os outros. Queremos saúde, mas não lutamos pelo bem-estar alheio.

Queremos que nossos filhos nos obedeçam, mas nós não obedecemos aos nossos pais.

Irritamo-nos com a calúnia, mas quantas vezes caluniamos aos outros. Podemos mudar

tudo isto, depende total e unicamente de nós mesmos. Trabalhemos pelo bem do

próximo, amemo-los, ajudemo-los e assim estaremos colocando boas ações para

contrapor às más ações. É bom lembrar que não se paga Karma somente pelo mal que

se fez, mas também pelo bem que se deixou de fazer.

Na parte inferior da lâmina, a balança indica ações e reações, Karma e Dharma,

castigo e prêmio, dor e conforto, causa e efeito.

Este desenho que vemos é cópia de

antigas pinturas e baixos-relevos

deixados pela gloriosa civilização egípcia.

Nela vemos ANÚBIS pesando as ações.

4 VOPPUS STELLA MARIS


LIVRO DE THOT LIÇÃO 04

A LEI DA BALANÇA CÓSMICA, a Lei do Karma, não é uma lei cega. Pode-se solicitar

um crédito aos MESTRES DO KARMA, mas há que se pagá-lo com boas obras.

Podemos visitar o TEMPLO DE ANÚBIS, no Mundo Molecular ou Mundo Astral dos

esoteristas.

O Dr. Samael Aun Weor, em seu livro intitulado "CURSO ESOTÉRICO DE CABALA" ,

diz o seguinte:

“Estudemos agora o Arcano 5 do Tarot. Este Arcano é o Pentagrama Flamejante, a Estrela Flamígera, o signo

da onipotência divina, o símbolo inefável do Verbo feito carne, a estrela brilhante e terrível dos magos.

“Quando o pentagrama eleva para o ar seus dois raios inferiores, representa a Satã.

“Quando o pentagrama, feito luz, eleva para o ar um só de seus raios, representa o Cristo Interno de todo

homem que vem ao mundo.

“O homem com as pernas e os braços abertos, à direita e à esquerda, forma uma estrela de cinco pontas.

“O cérebro e o sexo vivem em eterna luta. O cérebro deve controlar o sexo. Quando o sexo vence o cérebro,

a Estrela de Cinco Pontas (o homem) cai no abismo com os pés para cima e a cabeça para baixo. Esta é a

Estrela Invertida, o Bode de Mendes. Uma figura humana com a cabeça para baixo e os pés para cima

representa, naturalmente, um demônio.

“Na Estrela Flamígera está resumida toda a ciência da Gnose. Muitos Boddhisattwas (almas humanas de

Mestres) caíram como a Estrela de Cinco Pontas Invertida, com o raio superior para baixo e os dois raios

inferiores para cima.

“Quando um desses Boddhisattwas se levanta, quando retorna à Senda, quando recapitula Iniciações, os

irmãos se surpreendem e dizem: Este recém está começando os estudos e já se declara Iniciado? Como

ignoram os grandes mistérios, os estudantes julgam muitas vezes 'a priori'.

“Devemos diferenciar entre uma pessoa que está começando estes estudos e um Boddhisattwa caído. No

Apocalipse de São João, o pentagrama cai do céu para a terra e as águas humanas tornam-se amargas,

convertem-se em absinto. O profeta Isaías disse: Como caíste do céu, estrela brilhante, que eras tão

esplêndida em teu nascimento (Isaías 14:12).

“Mas, o astro luciférico (o homem caído) brilhará um dia como a estrela da manhã na mão direita do Verbo.

“Muitas vezes, chega aos Lumisiais gnósticos um homem ou alguma mulher buscando o facho divino da

Verdade. Aparentemente, o recém-chegado parece um principiante, mas os irmãos ignoram quem seja a

alma daquele homem, a qual pode ser um Boddhisattwa (a alma de algum Mestre) que quer regressar a seu

Pai que está em lugar secreto.

“Os irmãos assombram-se quando algo superior sucede ao aparente principiante e então dizem: Nós que

somos mais velhos nestes estudos não passamos pelo que este está passando. E perguntam para si

mesmos: Como é possível fazer-se de Iniciado alguém que recém começou.

“Não julgueis a fim de não serdes julgados, porque com a vara que medirdes sereis medidos.

“Necessitamos ser humildes para alcançar a sabedoria e depois de alcançá-la, devemos ser ainda mais

humildes.

“Os Boddhisattwas dos Mestres caem devido ao sexo e levantam-se também devido ao sexo. O sexo é a

Pedra Filosofal. Seria impossível decapitar a Medusa (o Satã que levamos dentro) sem o precioso tesouro da

Pedra Filosofal. Recordem que a Medusa é a donzela do mal, o Eu Psicológico, cuja cabeça está coberta de

víboras sibilantes. A união do mercúrio sófico com o enxofre sófico dá como resultado a Pedra Filosofal. O

Ens Seminis é o mercúrio e o enxofre é o fogo sagrado do amor.

http://www.voppus.com.br 5


TAROT EGÍPCIO LIÇÃO 04

“Vivemos agora na idade específica de Samael. Vivemos na quinta Era. A vida iniciou seu retorno para a

Grande Luz e temos de nos definir nestes instantes por águias ou répteis, por anjos ou demônios.

“Estamos diante do dilema do Ser ou Não Ser da Filosofia. O Arcano 5 está representado pelo Hierofante. A

quinta esfera é a definitiva porque o homem toma em suas mãos as rédeas de seu próprio destino e convertese

em anjo ou demônio.

“O Grande Hierofante do Tarot aparece sentado entre as duas colunas do templo, fazendo o sinal do

esoterismo.

“O número 5 é grandioso, sublime. Recordem que o homem também é uma Estrela de Cinco Pontas. Essa

Estrela deve ser limpa constantemente, com os cinco perfumes. Se podemos elaborar um pentagrama

metálico e consagrá-lo, podemos também auto-consagrar-nos com os mesmos ritos e perfumes que

utilizamos para nosso pentagrama metálico, porque o homem é uma Estrela de Cinco Pontas.

“Todos aqueles que se sintam sujos, com larvas ou na miséria, devem utilizar os cinco perfumes para

banharem-se em seus vapores, com o propósito de pisar o caminho da Perfeita Santidade,

“Nos Lumisiais, deve-se estabelecer o costume de limpar os irmãos que estejam com larvas, assim eles

receberão benefício em suas almas e em seus corpos".

Planeta: Mercúrio

Signo: Virgem

Sephirote Cabalístico: Geburah

Letra hebraica: Hé

Axioma Transcendente: "De ouvidos te havia escutado, mas agora meus olhos te vêem e meu coração te

sente".

Elementos de predição: promete liberdade e restrição, novas experiências, aquisição de ensinamentos

proveitosos, amores e namoros, viagens de prosperidade malograda, amigos propícios e amigos de

sinistro augúrio, seres e coisas que vêm e se vão, os primeiros para ir e os segundos para regressar.

"1A. LEI: AO LEÃO DA LEI SE PAGA COM A BALANÇA.

6 VOPPUS STELLA MARIS


LIVRO DE THOT LIÇÃO 04

ARCANO 6 - A INDECISÃO

O vocábulo indecisão é composto pelo

prefixo "in" de negação, ausência, falta;

mais "decisão", cuja origem é latina -

decisio -, significando "cortar uma parte de

uma coisa, resolver, decidir". A indecisão

vem a ser a falta de capacidade para

avaliar os prós e contras de uma

determinada questão. O indivíduo não sabe

avaliar as vantagens e inconveniências das

ações que deve realizar. A indecisão está

intimamente ligada à insegurança,

mormente como trauma de infância.

Na parte superior da lâmina há um

Hierarca da Lei com o arco aberto,

apontando sua flecha para a figura que

representa a Medusa. Com o arco esticado,

forma um triângulo com a ponta para cima,

representando as três forças celestes:

Osíris (Pai), Hórus (Filho), Ísis (Espírito

Santo).

O Arcano 6 corresponde ao SELO DE SALOMÃO ou a ESTRELA DE SEIS PONTAS,

alegorizando as três forças positivas e as três forças negativas.

Na parte central da lâmina vemos um homem entre duas mulheres. O homem é o

Iniciado em seu caminho, defrontando-se com a Divina Mãe Ísis e a Medusa, os vícios, o

Ego. Esta lâmina alegoriza muito bem o SER ou NÃO-SER da Filosofia Iniciática.

Há uma luta entre o ESPÍRITO e a BESTA ANIMAL, entre Deus e o Diabo. A luta é

terrível entre o amor e o desejo. O candidato precisa se decidir pelo caminho da direita ou

pelo caminho da esquerda. A flecha do Hierarca aponta para a cabeça da Medusa no

caminho da esquerda. Esta é a luta de dois ternários: AFIRMAÇÃO DO CRISTO

INTERNO e a SUPREMA NEGAÇÃO DE SATÃ.

Na parte inferior da lâmina, o Iniciado está dentro de um triângulo negro,

representando as três forças negativas.

No Selo de Salomão, o triângulo superior representa a tríada imortal, eterna. O

triângulo inferior representa os três traidores que estão dentro de nós.

Na Bíblia, Apocalipse de São João, Cap. 16:13, encontramos: " E DA BOCA DO

DRAGÃO, E DA BOCA DA BESTA, E DA BOCA DO FALSO PROFETA VÊ SAIR TRÊS

ESPÍRITOS IMUNDOS, SEMELHANTES A RÃS". Estes espíritos são os três traidores do

Cristo Interno, de instante a instante. É o fundamento do EGO, do EU PSICOLÓGICO, de

SATÃ, de nossos defeitos psicológicos.

Estas três entidades são alegorizadas não somente na Bíblia, mas também em outras

versões. Exemplo:

http://www.voppus.com.br 7


TAROT EGÍPCIO LIÇÃO 04

VISÃO PSICOLÓGICA

1) Demônio do Desejo, apego;

2) Demônio da Mente, maus pensamentos;

3) Demônio da Má Vontade.

VISÃO CRISTÃ

1) Judas;

2) Pilatos;

3) Caifás.

VISÃO EGÍPCIA

1) Apopi;

2) Hai;

3) Nebi.

VISÃO MACÔNICA

1)Sebal;

2) Orteluth;

3) Stokin.

Os três traidores do Cristo que carregamos dentro:

Judas - Aquele que trai, aquele

que vende o Cristo

(demônio do desejo)

Pilatos – Aquele que lava as

mãos

(demônio da mente)

Caifás – Aquele que não

colabora

(demônio da má-vontade)

O Dr. Samael Aun Weor, em seu livro "CURSO ESOTÉRICO DE CABALA", diz o

seguinte sobre o Arcano 6:

“Lembrem-se do Selo de Salomão: os seus dois triângulos entrelaçados que juntam e separam o amor, sem

dúvida alguma, enlaçados (são as duas laçadeiras com que tece e destece o tear de Deus).

8 VOPPUS STELLA MARIS


LIVRO DE THOT LIÇÃO 04

“O triângulo superior simboliza a Kether, o Pai que se encontra em segredo; a Chokmah, o Filho; e a Binah, o

Espírito Santo de cada homem. O triângulo inferior representa os três traidores de Hiram Abif. Esses três

traidores estão dentro de nós mesmos.

“O primeiro traidor é o Demônio do Desejo e vive dentro do corpo astral. O segundo traidor é o Demônio da

Mente e vive no corpo mental. O terceiro traidor é o Demônio da Má Vontade, vivendo ele dentro do corpo da

vontade ou corpo causal.

“A Bíblia cita estes três traidores no Apocalipse de São João. Vejamos os versículos 13 e 14 do Capítulo 16:

E vi sair da boca do Dragão, da boca da Besta e da boca do Falso Profeta, três espíritos imundos,

semelhantes a rãs. Porque são espíritos de demônios que fazem sinais aos reis da Terra e de todo mundo,

para os congregar para a batalha daquele grande dia, do Deus Todo-Poderoso.

“Os três traidores são o Ego reencarnante, o Eu Psicológico, o Satã que deve ser dissolvido para

encarnarmos o Cristo Interno, constituído por Kether, Chokmah e Binah. O triângulo superior é o

resplandecente Dragão de Sabedoria. O triângulo inferior é o Dragão Negro.

“No centro dos triângulos, acha-se o Signo do Infinito ou a cruz Tau. Ambos signos são fálicos.

“A alma está entre os dois triângulos e necessita se resolver pelo Dragão Branco ou pelo Dragão Negro. O

problema é absolutamente sexual.

“A chave encontra-se na serpente. As patas do galo do Abraxas formam uma dupla cauda de serpente. Existe

a serpente tentadora do Éden e a serpente de cobre de Moisés, entrelaçada no Tau, isto é, no Lingam sexual

(Lingam é o falo e Yoni é o útero).

“A serpente, normalmente, está encerrada no chacra Muladhara, Igreja de Éfeso. Ela dorme nesse centro do

cóccix enroscada três vezes e meia e deve sair de sua Igreja inevitavelmente. Se subir pelo canal medular,

convertemo-nos em anjos, mas se baixar para os infernos atômicos do homem, transformamo-nos em

demônios.

“Agora compreendem porque a serpente do caduceu é sempre dupla. A força sexual é o FIO dos gnósticos.

Quando o estudante derrama o Vaso de Hermes durante suas práticas com o Arcano A.Z.F., comete o crime

dos Nicolaítas. Eles usavam este sistema para fazer baixar a serpente. Eis como o homem converte-se em

demônio.

“Somente trabalhando com a Pedra Filosofal dentro do laboratório sexual do alquimista prático, consegue-se

o desenvolvimento completo e positivo da serpente.

“O triângulo superior é o centro do microcosmo e do macrocosmo alquimistas. No centro do triângulo, não

pode faltar o signo do mercúrio da filosofia secreta: o Ens Seminis. O homem e a mulher devem trabalhar com

o sol e a lua, com o ouro e a prata (símbolos sexuais), para realizar a Grande Obra. Sem dúvida, o trabalho

sabe ser difícil porque o Bode de Mendes, o Dragão Negro, trata de fazer o alquimista cair sexualmente. No

entanto, urge trabalhar com os quatro elementos da alquimia para a realização da Grande Obra.

“O macrocosmos alquímico está iluminado pela luz, este é o triângulo superior do Selo de Salomão. O

microcosmos alquímico está em sombras na região onde as almas lutam contra o Dragão Negro.

“É precisamente no microcosmos, representado também pelo triângulo inferior, onde devemos realizar todo o

trabalho do laboratório alquimista. A gravura maravilhosa do microcosmos e macrocosmos alquimistas

(ilustração de Chimica Basilica Philisophica) representa o homem e a mulher trabalhando com o sol e com a

lua, símbolos do falo e do útero.

“Nesse quadro medieval, não aparecem duas mulheres nem tampouco dois homens. Esse crime contra a

natureza origina o vampiro imundo. Os tenebrosos justificam os crimes contra a natureza e a Lei os castiga,

separando-os do triângulo superior. Então, rodam ao Abismo.

http://www.voppus.com.br 9


TAROT EGÍPCIO LIÇÃO 04

“Os mistérios do Lingam-Yoni são terríveis e divinos, não podendo jamais ser alterados. O Lingam pode unirse

apenas com o Yoni. Esta é a lei da Santa Alquimia. As bodas alquímicas significam, de fato, Matrimônio

Perfeito. O alquimista não deve somente matar o desejo, como até a sombra da árvore horrível do desejo.

“Nos Mistérios de Elêusis, utilizavam-se as danças sagradas entre homens e mulheres. O amor e a música

sagrada servem para encantar e despertar a serpente. Os dançarinos do templo estavam limpos do veneno

asqueroso do desejo. Toda classe de pecados será perdoada, menos o pecado contra o Espírito Santo

(Aquele que fornica, peca contra seu próprio corpo - Coríntios 6:18). Não somente se fornica com o corpo

físico, como também com o pensamento, com a emoção, com a palavra e com as sensações animais.

“Nos mistérios de Elêusis, os casais dançavam para magnetizarem-se mutuamente. Os homens, bailando

com as mulheres, chegavam ao êxtase. O intercâmbio bio-eletro-magnético entre homens e mulheres não

pode ser substituído por nada.

“Que poder gigantesco, terrivelmente divino, grandioso!... Deus resplandece sobre o casal perfeito! Se tu

queres a Auto-Realização Íntima, recorda este aforismo alquimista: Há que se imitar a natureza em tudo. A

natureza gosta da natureza. A natureza domina a natureza.

“Buscar o saber antigo e oculto e realizar a Grande Obra em seu laboratório sexual, eis a tarefa do alquimista.

A Grande Obra é difícil, significa muitos anos de experimento, sacrifícios terríveis e tremendas dificuldades.

“Existe o agente transmutador (a Pedra dos Filósofos), uma influência celestial (religiosidade cósmica),

diversas influências astrais (astrologia esotérica), além de influências de letras, números e correspondências

de simpatias (Cabala).

“Os princípios sagrados da Alquimia são:

“Unidade.

Par de opostos: homem e mulher.

Trindade: ativo, passivo e neutro.

Elementos: fogo, ar, água e terra.

“No Selo de Salomão reúne-se todo o trabalho da Grande Obra. As seis pontas da estrela são masculinas e

as seis fundas entradas que existem entre ponta e ponta são femininas. A estrela de Salomão tem doze raios,

sendo seis masculinos e seis femininos. A estrela de Salomão é o símbolo perfeito do Sol Central.

“No Selo de Salomão reúne-se todo o trabalho da Grande Obra.

As seis pontas da estrela são masculinas e as seis fundas

entradas que existem entre ponta e ponta são femininas. A estrela

de Salomão tem doze raios, sendo seis masculinos e seis

femininos. A estrela de Salomão é o símbolo perfeito do Sol

Central.

“No Selo de Salomão acham-se resumidas as medidas zodiacais. Nele, esconde-se toda a gênese sexual do

zodíaco e ainda encontramos a íntima relação que existe entre o zodíaco e o invisível Sol Central. Os doze

raios da brilhante estrela cristalizam-se por meio da alquimia das doze constelações zodiacais.

10 VOPPUS STELLA MARIS


LIVRO DE THOT LIÇÃO 04

“Quando o estudante penetra no interior do Templo da Esfinge, pode estudar ali o grande livro da natureza,

onde estão escritas as leis cósmicas.

“Realmente, são muito poucos aqueles que podem abrir o livro e estudá-lo. A prova do Santuário aterroriza e

muito poucos seres humanos conseguiram passar por essa prova. Todo aquele que passa vitorioso a prova

do Santuário recebe uma jóia preciosa: o Selo de Salomão. Trata-se de um anel cheio de luz inefável. Perdeo,

inevitavelmente, o neófito que o toca com a mão esquerda.

“Outro significado do Selo de Salomão:

“Em cima, o Pai, o Filho e o Espírito Santo. Em baixo, o poder que governa (o Íntimo), o poder que delibera (a

mente) e o poder que executa (a personalidade). Quando o poder que delibera e o poder que executa se

insubordinam contra o governador, se rebelam contra o Íntimo, o resultado é o fracasso.

“Os três traidores sabem como se apoderar dos poderes que deliberam e executam. Os Boddhisattwas

sabem, muitas vezes, receber mensagens dos mundos superiores. Os ignorantes confundem os

Boddhisattwas com os médiuns do espiritismo.

“Existe o médium e o mediador. O médium é negativo e o mediador, positivo. O médium é o veículo da

serpente tentadora do Eden. O Boddhisattwa mediador é o veículo da Serpente de Cobre que curava no

deserto aos israelitas.

“Os Grandes Mestres sabem ditar mensagens com os lábios de seus Boddhisattwas. As pessoas não

entendem e confundem os medianeiros com os simples médiuns do espiritismo. As pessoas deixam-se levar

pelas aparências.

“No Selo de Salomão, estão representadas as forças positivas e negativas do magnetismo universal.

“Nos trabalhos de Alta magia, é necessário traçar um círculo ao redor, o qual seria totalmente fechado se não

estivesse interrompido pelo Selo de Salomão.

“Os irmãos gnósticos devem fabricar o Selo de Salomão com os sete metais. Pode-se fazer anéis e

medalhões com o Selo de Salomão. Deve-se utilizar o Selo de Salomão em todos os trabalhos de invocação

e em práticas com os elementais, como ficou ensinado no Arcano 4.

“Os elementais da natureza tremem diante do Selo do Deus Vivo. O anjo do sexto selo do Apocalipse está

agora reencarnado em um corpo feminino, sendo um especialista na ciência sagrada dos Jinas.

“O Arcano 6 é o Enamorado do Tarot. O homem entre o vício e a virtude. O Arcano 6 é encadeamento,

equilíbrio, união amorosa entre homem e mulher. Luta terrível entre o amor e o desejo, enlaçamento.

“No Arcano 6 estão os mistérios do Lingam e do Yoni, bem como a luta entre os dois ternários. O Arcano 6 é

a suprema afirmação do Cristo Interno e a suprema negação de Satã.

“Orai e vigiai".

Até aqui as palavras do Dr. Samael Aun Weor.

Planeta: Vênus

Signo: Touro

Sephirote cabalístico: Thiphereth

Letra hebraica: Vau

Axioma Transcendente: "Trabalho me dás, Senhor, mas com eles fortaleza".

Elementos de predição: promete privilégios e deveres nas relações com os sexos, antagonismo de

forças, separações e divórcios, possessão do que se persegue e ardentes desejos que se cumprem,

uns que satisfazem e outros que defraudam.

http://www.voppus.com.br 11


TAROT EGÍPCIO LIÇÃO 04

ARCANO 7 - O TRIUNFO

O termo "triunfo" originou-se do latim

"triumphu", significando triunfar, sair

vitorioso, levar vantagem, vencer. O triunfo,

na antiga Grécia, era a entrada solene e

aparatosa dos generais vitoriosos nas

batalhas pela conquista de novas terras e

territórios.

O número 7 era sagrado para Pitágoras,

o grande filósofo e matemático da Grécia

antiga.

Nos estudos esotéricos existe a LEI DO

SETE, também chamada de LEI DO

HEPTAPARAPARSHINOKH. A LEI DO

TRÊS cria e a LEI DO SETE organiza o que

foi criado. Portanto, a Lei do Sete é uma lei

organizativa. Vejamos algumas

manifestações da LEI DO SETE.

1) As sete notas musicais: DÓ, RÉ, MI,

FÁ, SOL, LÁ e SI;

2) As sete cores do espectro solar:

vermelha, amarela, alaranjada, verde, azul,

índigo, violeta;

3) Os sete corpos do homem: físico,

vital, astral, mental, causal, consciência e

Atman;

4) Os sete pecados capitais: luxúria, ira, orgulho, preguiça, cobiça, inveja e gula;

5) As sete virtudes principais: castidade, amor, humildade, diligência, liberalidade,

caridade e temperança;

6) Os sete planetas tradicionais: Sol, Lua, Mercúrio, Vênus, Marte, Júpiter e Saturno;

7) Os sete graus da hierarquia dos impérios: Imperador, Arquiduque, Duque, Marquês,

Conde, Visconde e Barão;

8) As sete glândulas endócrinas principais: pituitária, pineal, tireóides, paratireóides,

supra-renais, timo e gônadas;

9) As sete igrejas do Apocalipse de São João: Éfeso, Esmirna, Pérgamo, Tiátira,

Sardis, Filadélfia e Laodicéia;

10) Os sete chacras de energia: Muladhara, Swadishtana, Manipura, Anahata,

Vishuddha, Ajna e Sahasrara;

11) Os sete níveis da eletrosfera: K,L,M,N,O,P e Q;

12) Os sete Cosmos: Protocosmo, Ayocosmo, Deuterocosmo, Macrocosmo,

Mesocosmo, Microcosmo e Tritocosmo;

13) Os sete dias da semana;

12 VOPPUS STELLA MARIS


LIVRO DE THOT LIÇÃO 04

14) Os sete dias de cada lunação;

15) Os sete sábios da Grécia;

16) As sete cordas da lira de Apolo;

17) Os sete tubos da flauta de Pan;

18) As sete maravilhas do mundo antigo;

19) Os sete sacramentos do Cristianismo.

Um raio de luz solar ao tocar o

prisma se decompõe nas sete

cores básicas do espectro. Aí

está uma das manifestações da

LEI DO SETE.

Na Bíblia encontramos diversas referências ao número 7:

“E abençoou Deus o dia sétimo e o santificou; porque nele descansou de toda obra que Deus criara e fizera"

(Gênesis 2:3).

“E a arca repousou, no sétimo mês...." (Gênesis 8:4).

“Porém, ao sétimo ano haverá sábado de descanso para a terra..." (Levítico 25:4).

“Escolhei, pois, irmãos, dentre vós, sete varões de boa reputação..." (Atos 6:3).

“Também eu convosco andarei contrariamente em furor; e vos castigarei sete vezes mais por causa dos

vossos pecados" (Levítico 26:28).

Nos Evangelhos encontramos as sete últimas palavras de Jesus o Cristo na cruz do

calvário:

1) "Pai, perdoa-lhes, porque não sabem o que fazem" (S. Lucas 23:34).

2) "Tenho sede" (S.João 19:28).

3) "Mulher, eis aí o teu filho. Depois disse ao discípulo: Eis aí a tua mãe" (S.João 19:26 e 27).

4) "Em verdade te digo que hoje estarás comigo no Paraíso" (S.Lucas 23:43).

5) "Eloí, Eloí, lamá sabactani", que traduzido quer dizer: " Deus Meu, Deus meu, porque me

desamparaste?" (S. Marcos 15:34). Na verdade, esta tradução bíblica é equivocada. ELI LAMAH ZABACTANI

é linguagem maia e significa: " Oculto-me no amanhecer de tua presença". Documentações diversas

comprovam a presença de Jesus no Tibete, onde aprendeu o idioma sagrado maia.

6) " Pai, em tuas mãos entrego o meu Espírito" (S. Lucas 23:46).

7) " E quando Jesus tomou o vinagre disse: Está Consumado. E, inclinando a cabeça entregou o Espírito"

(S. João 19:30).

A oração PAI-NOSSO, deixada pelo Kabir Jesus, possui 7 partes:

1) Pai Nosso que estás nos Céus, santificado seja vosso nome.

2) Venha a nós o vosso Reino.

http://www.voppus.com.br 13


TAROT EGÍPCIO LIÇÃO 04

3) Seja feita a vossa vontade, assim na Terra como no Céu.

4) O pão nosso de cada dia nos dai hoje.

5) Perdoai as nossas dúvidas, assim como nós perdoamos aos nossos devedores.

6) Não nos deixeis cair em tentação.

7) Mas livra-nos de todo mal. Amém.

No Apocalipse de S. João encontramos diversas menções sobre o número 7:

“João às sete igrejas que estão na Ásia..." (1:4).

“E no meio de sete castiçais..." (1:3).

“E ele tinha na sua dextra sete estrelas;..." (1:16).

“...e tinha sete pontas e sete olhos..." (4:5).

“E os sete anjos, que tinham as sete trombetas" (8:6).

E muitas outras mais... Se você quiser saber mais, leia o Apocalipse de S. João, na

Sagrada Bíblia.

Só por curiosidade, citamos que o homem, ao pisar o solo, deixa sete sinais: os cinco

dedos, o calcanhar e a planta do pé.

Na parte superior da lâmina destaca-se a imagem do círculo alado, simbolizando ao

Deus RÁ.

Na Teogonia egípcia RÁ é o sol ou disco alado. O PAI (Pai, Filho e Espírito Santo) é

OSÍRIS ou RÁ. O Logos, com seus três aspectos, é RÁ. Osíris, Rá, Kether ou a Mônada

são, na verdade, o mesmo. O nosso Pai que está em segredo, ou seja, a nossa Mônada

Divina é imortal, onisciente, mas sem AUTO-REALIZAÇÃO. Não pode dominar o físico e

nem tem soberania sobre os ELEMENTOS.

Mas, o que é AUTO-REALIZAÇÃO? Um extraordinário sábio, mestre do conhecimento,

V.M. Samael Aun Weor, assim respondeu: " Entenda-se por auto-realização o

desenvolvimento harmonioso de todas as infinitas possibilidades humanas. Não se trata

de informações intelectuais, caprichosamente divididas, nem de meros palavrórios de

conversa ambígua, sem substância. Tudo o que aqui dissemos deve traduzir-se como

experiência autêntica, vívida, real. Em nome da verdade, declaro solenemente que o SER

é a única real existência, cuja transparência inefável é terrivelmente divina. O que se

chama EU, EGO, MIM MESMO é apenas trevas exteriores, prantos, ranger de dentes".

Necessitamos de nosso PAI ESPIRITUAL e, por incrível que pareça, ELE necessita de

nós para se auto realizar.

Na parte central da lâmina vê-se a figura do guerreiro em seu carro de guerra. O

guerreiro é o CHESED dos cabalistas ou ATMAN dos hindus. Porta na mão direita a

espada, simbolizando a luta, a batalha que deve ser travada em nosso mundo interno

contra os defeitos e imperfeições. O báculo ou cetro de poder indica que pode ordenar e

mandar na natureza porque alcançou a auto-realização.

As quatro colunas alegorizam os quatro corpos do pecado ou corpos corruptíveis:

CORPO FÍSICO, CORPO VITAL, CORPO ASTRAL e CORPO MENTAL. Atman domina

os quatro corpos, por isto pode mandar nos elementos naturais.

14 VOPPUS STELLA MARIS


LIVRO DE THOT LIÇÃO 04

Na parte inferior da lâmina, a imagem das esfinges branca e negra representam o

CORPO CAUSAL e o CORPO DA CONSCIÊNCIA, a ALMA HUMANA e a ALMA

ESPIRITUAL, o MANAS e o BUDHI. As esfinges também alegorizam as forças

masculinas e femininas.

O Dr. Samael Aun Weor, em seu livro intitulado "CURSO ESOTÉRICO DE CABALA",

diz o seguinte sobre o Arcano 7:

“Recordem que o número 7 representa o poder mágico em toda a sua força. O Santo Sete é o Sanctum

Regnum da magia sexual. O número 7 é o Íntimo servido por todas as forças elementais da natureza.

“Quem trabalha com o Arcano A.Z.F. recebe no Arcano 7 a espada flamejante. Em nome da verdade

afirmamos que a espada flamígera dos grandes hierofantes é puro sêmen transmutado. Este é o resultado da

magia sexual. Assim, nos transformamos em Deuses terrivelmente divinos. Nossos órgãos sexuais são o

legítimo Laboratorium Oratorium do Amphitheatrum Sapientia Aeternas.

“Este é o Sanctum Regnum onde o hierofante recebe a espada da justiça. No jardim dos prazeres da alquimia

encontramos a palavra VITRIOL, que vem a ser um acróstico da frase: Visita interiora terrae rectificantur

invenies ocultum lapidum (Visita o interior da terra que retificando encontrarás a pedra oculta).

“Este é o Sanctum Regnum onde o

hierofante recebe a espada da justiça.

No jardim dos prazeres da alquimia

encontramos a palavra VITRIOL, que

vem a ser um acróstico da frase: Visita

interiora terrae rectificantur invenies

ocultum lapidum (Visita o interior da

terra que retificando encontrarás a pedra

oculta).

“Devemos procurar no interior de nossa terra filosófica (o organismo humano) que, retificando, trabalhando

com o Arcano A.Z.F., acharemos a Pedra Filosofal. O sol (falo) é o pai da pedra. A lua (útero) é a mãe. O

vento levou o Filho em seu seio e a terra o alimentou. O sol e a lua, os princípios masculino e feminino,

combinam-se dentro do cálice, símbolo da mente. O sol é o pai da pedra (fogo), a lua é a mãe (água), o vento

(vapores seminais) levou o Filho em seu seio alquimista, e o alimentou a terra filosófica.

“O cálice está apoiado sobre o Caduceu de Mercúrio: o sistema central, coluna espinhal com os dois cordões

simpáticos conhecidos no oriente com os nomes de Idâ e Pingalâ. Na geração da Pedra Filosofal, atuam duas

influências: uma de caráter masculino e outra de caráter feminino.

“Toda a obra realiza-se com o Grande Arcano. A estrela de sete pontas faz parte inseparável do VITRIOL

acróstico. As sete serpentes da alquimia se relacionam com os sete planetas e as sete grandes realizações

cósmicas.

http://www.voppus.com.br 15


TAROT EGÍPCIO LIÇÃO 04

“O acróstico VITRIOL com suas sete letras e suas sete palavras simboliza toda a Grande Obra. Os mistérios

do arcano 7 são terrivelmente divinos.

“As sete pontas da grande estrela da alquimia têm as assinaturas sagradas dos sete planetas. As sete

palavras do VITRIOL e o duplo círculo das forças masculinas e femininas rodeiam a grande Estrela Setenária

que resplandece como um sol no templo da ciência.

“O sol e a lua, o fogo e a água, o rei e a rainha, são parte integrante do trabalho do pombo alquimista.

“O pombo tem de fazer sete grandes trabalhos que culminam na coroação da Grande Obra.

“No centro da Estrela Setenária da alquimia aparece gravado o rosto de um venerável ancião, de acordo com

a ilustração do Viridarium Chymicum.

“Este rosto venerável da Estrela Setenária simboliza o mercúrio sófico, o Ens Seminis. Escutem pombinhos

da alquimia, escutem Estolsio explicando este emblema:

“Aquilo que antes estava encerrado em muitas formas, o vês incluído em

uma só. O começo é nosso velho e ele tem a chave. O enxofre com sal e

mercúrio dão riqueza. Se nada vês aqui, não há razão para que sigas

buscando, pois serás cego ainda que no meio da luz.

“Os estudantes de ocultismo que pensam em se realizar a fundo sem o

Arcano A.Z.F. encontram-se absolutamente equivocados.

“A Grande Mestra Irmã Secreta diz que todos os estudantes que queiram

conhecer os mistérios de Chiram (o fogo) devem buscar aos alquimistas

medievais. A Grande Mestra foi uma verdadeira ioguina, discípula de Kouth

Humi e, sem dúvida, depois de ter enviuvado do conde Blavatsky casou-se

com o coronel Olscott para trabalhar com o arcano da magia sexual.

Somente assim conseguiu realizar-se a fundo.

“O grande iogue e avatara, senhor Lahiri Lahasaya, foi chamado para a

Iniciação pelo imortal Babaji, quando já tinha esposa. Assim, realizou-se o

iogue-avatara. No Indostão, a magia sexual é conhecida com o termo

sânscrito de Urdhavaratus e os iogues que a praticam denominam-se

Urdhavaretas Yogues.

“Os iogues autênticos praticam magia sexual com suas esposas. O

Brahmachârya (abstenção sexual absurda) serve unicamente para ocasionar

poluções noturnas asquerosas com todas as suas consequências nefastas.

(...)

“Há três raios de Auto-Realização Íntima, de Iluminação: do iogue, do místico

e do matrimônio perfeito. Contudo os três necessitam, inevitavelmente, da

magia sexual. Tudo que não seja pelo sexo é inútil perda de tempo. Saímos

do Éden pela porta do sexo e apenas por essa porta podemos entrar no

Éden, porque o Éden é o próprio sexo.

“O arcano 7 do Tarot está representado por um guerreiro coroado que leva o

triângulo sobre sua coroa e está parado sobre a pedra cúbica de Jesod, o

sexo. As duas esfinges, branca e negra, que arrastam o carro simbolizam as

forças masculinas e femininas. A couraça é a ciência divina que nos torna

poderosos. O guerreiro deve aprender a usar o báculo e a espada. Assim,

conseguirá a vitória.

“Nossa divisa é THELEMA: vontade.

“O arcano 7 do Tarot

está representado por

um guerreiro coroado

que leva o triângulo

sobre sua coroa e está

parado sobre a pedra

cúbica de Jesod, o sexo.

As duas esfinges,

branca e negra, que

arrastam o carro

simbolizam as forças

masculinas e femininas.

A couraça é a ciência

divina que nos torna

poderosos. O guerreiro

deve aprender a usar o

báculo e a espada.

Assim, conseguirá a

vitória.

16 VOPPUS STELLA MARIS


LIVRO DE THOT LIÇÃO 04

“Recordem haver sete vícios que precisamos transmutar em sabedoria e amor.

“O orgulho é transmutado na fé solar e na humildade do Cristo.

“A avareza lunar transforma-se em esperança e altruísmo.

“A luxúria fatal de Vênus transmuta-se na castidade de Vênus e na caridade do Espírito.

“A cólera de Marte transmuta-se na força maravilhosa do amor.

“A preguiça transmuta-se na atividade prudente de Mercúrio.

“A gula vem a transformar-se na temperança de Saturno.

“Somente com a ciência das transmutações poderemos desintegrar os defeitos e dissolver o Ego Psicológico.

Transmutem os 7 vícios nas sete grandes virtudes, assim dissolverão o Eu Psicológico.

“Trabalhem com o Arcano A.Z.F. para receber a espada.

“Os governadores dos sete planetas são:

“Gabriel (Lua);

Raphael (Mercúrio);

Uriel (Vênus);

Michael (Sol);

Samael (Marte);

Zachariel (Júpiter);

Orifiel (Saturno).

“As sete notas da lira de Orfeu correspondem aos sete planetas. Uma nota planetária corresponde a cada cor

do prisma solar. A alquimia encontra-se intimamente relacionada com a música.

“ATALANTA é a Voz que Foge, HIPÓMENES é a Voz que Persegue e MANZANA é a Voz que Demora.

“IAO é o mantram supremo da magia sexual. IAO é o nome da serpente e deve ser cantado durante as

experiências no laboratório. Eis como a serpente se alegra e se move. Cantem o IAO no Laboratorium

Oratorium sete vezes. Bendito seja o IAO.

“O mantram INRI tem poder absoluto sobre o fogo. Cantem-no no Laboratorium Oratorium para levar o fogo a

cada um dos sete chacras. Cantem-no em suas cinco divisões: INRI, ENRE, ONRO, UNRU e ANRA.

Dividam-nos em sílabas assim:

“IIIIIIIIIIIIIIINNNNNNNNNNNNRRRRRRRRRRRRIIIIIIIIIIIIIII...

EEEEEEEEEEEEEEENNNNNNNNNNNNRRRRRRRRRRRREEEEEEEEEEEEEEE...

OOOOOOOOOOOOOOONNNNNNNNNNNNRRRRRRRRRRRROOOOOOOOOOOOOOO...

UUUUUUUUUUUUUUUNNNNNNNNNNNNRRRRRRRRRRRRUUUUUUUUUUUUUUU...

AAAAAAAAAAAAAAANNNNNNNNNNNNRRRRRRRRRRRRAAAAAAAAAAAAAAA...

“A vocalização destes sons despertam-nos os seguintes poderes:

“INRI - clarividência

ENRE - clariaudiência

ONRO - intuição

http://www.voppus.com.br 17


TAROT EGÍPCIO LIÇÃO 04

UNRU - telepatia

ANRA - recordação de vidas passadas

“O grande hierofante Jesus, o Cristo, cantava estes mantrans no Laboratorium Oratorium da pirâmide de

Kéfren.

“Os sete signos cabalísticos dos planetas são:

“- Para o Sol: uma serpente com cabeça de leão;

- Para a Lua: um globo cortado por duas meias luas;

- Para Marte: um dragão mordendo as guardas de uma espada;

- Para Vênus: um lingam sexual;

- Para Mercúrio: um caduceu e o cinocéfalo;

- Para Júpiter: o pentagrama flamejante ou o bico da águia; e

- Para Saturno: um velho levemente coxo ou uma serpente enlaçada na pedra helíaca.

“Os sete talismãs têm o poder de atrair as sete forças planetárias.

“Os metais relacionados com os sete planetas são:

“Sol - ouro

Lua - prata

Marte - ferro

Vênus - cobre

Mercúrio - mercúrio

Júpiter - estanho

Saturno - chumbo

“Talismãs perfeitos podem ser preparados com as pedras e os metais.

“O Pai-Nosso é a oração mais perfeita porque tem sete petições mágicas.

PRÁTICA

“Deite-se o estudante no chão sobre um tapete grande. Abra bem as pernas e os braços, à esquerda e à

direita. Relaxe o corpo e não pense em nada. Ponha a mente em branco. Concentre-se em seu Deus Interno

e comece a rezar o Pai-Nosso bastante lento, pensando no sentido de cada palavra, meditando

profundamente no sentido de cada petição.

“Adormeça até chegar ao mais profundo sono, meditando em cada palavra, em cada frase, adorando...

adorando... adorando...

“Quando o estudante despertar de seu sono, não se mova... Pratique um exercício retrospectivo para recordar

suas experiências internas.

“Onde esteve? Por onde passou com seu corpo astral? Que fez? Que viu?

“Este exercício deve ser feito diariamente sem nunca se desistir. Assim, chegarão a ouvir e a ver as grandes

realidades internas".

Até aqui as palavras do Dr. Samael.

18 VOPPUS STELLA MARIS


LIVRO DE THOT LIÇÃO 04

Planeta: Netuno

Signo: Peixes

Sephirote Cabalístico: Netsah

Axioma Transcendente: "Quando a ciência entrar em seu coração e a sabedoria for doce à tua alma, pede e

te será dado".

Elementos de Predição: promete poder magnético, intelecção acertada, justiça e reparações, honra e

desonra, êxito no que se persegue com empenho, satisfações e contrariedades.

ARCANO 8 - A JUSTIÇA

O termo justiça origina-se do latim

"judex", "judicare", significando julgar. A

justiça é a característica ou virtude de dar a

cada um o que é seu. Pesar atos e fatos e

dar o resultado desta avaliação.

Há a Justiça dos homens e a Justiça

Cósmica. A justiça humana pode falhar,

mas a Justiça Cósmica nunca. A Justiça só

pode operar quando há leis. O ARCANO 5

corresponde, justamente, à LEI. Por esta

razão o Arcano 5, a LEI, antecede ao

Arcano 8, a JUSTIÇA.

Na Mitologia grega, TEMIS era a deusa

da Justiça. Conta a lenda que ela era filha

do Céu e da Terra, ou de Urano e Titéia,

irmã mais velha de Saturno e a tia de

Júpiter. Casou-se com Júpiter, por

obrigação, do qual teve três filhas, a

EQUIDADE, a LEI e a PAZ.

No Olimpo, sentava-se ao lado de Júpiter auxiliando ao deus com seus conselhos, que

são todos inspirados pela PRUDÊNCIA e pelo AMOR À JUSTIÇA. Entre os gregos e

romanos seus atributos eram: a BALANÇA e a ESPADA ou um feche de machados,

cercados de varas, simbolizando a autoridade entre os romanos. Às vezes era

representada com os olhos fechados para designar a imparcialidade que convém ao

caráter do juiz.

Na verdade, praticamente toda Teogonia greco-romana foi copiada da egípcia. Os

gregos e romanos a adaptaram às suas características, todavia mantiveram elementos

simbólicos básicos.

Na parte superior da lâmina vemos um círculo adornado. Esta figura representa ao

Deus RÁ, da mesma forma como o disco alado já visto no Arcano 7. RÁ é a Suprema

Consciência Universal e, portanto, deve presidir a Justiça. Para os gregos RÁ era ZEUS

ou JÚPITER e a seu lado estava TEMIS ou a JUSTIÇA.

Na parte central da lâmina, a figura da Temis grega ao estilo egípcio. Na cabeça está

a coroa ou símbolo da RÁ, o poder divino. Na testa está a serpente simbolizando a

http://www.voppus.com.br 19


TAROT EGÍPCIO LIÇÃO 04

maestria. A mão direita da mulher tenta alcançar a balança. Podemos ver a balança como

símbolo dos pesos de nossas ações e reações, conforme mostrado no Arcano 5. Também

podemos observá-la como representação da MENTE, CORAÇÃO e SEXO. Deve haver

EQUILÍBRIO entre estes três elementos, caso contrário surgirão muitos problemas de

diversas ordens e intensidades.

O Arcano 8 é o JUÍZO, o número de JOB, indicando provas, dores e dificuldades,

representadas pela espada na mão esquerda da mulher. Qualquer esoterista autêntico

sabe que só se pode alcançar a ESPADA, nos mundos espirituais, através do trabalho

com a mulher. Somente operando na FORJA ACESA DE VULCANO, ARCANO AZF ou

ALQUIMIA SEXUAL, o Iniciado pode receber a espada. Podemos representar a mulher

como VÊNUS. Desta forma teremos quatro classes de mulheres:

1) EVA-VÊNUS: mulher instintiva, comum, vulgar;

2) VÊNUS-EVA: mulher do lar, a mãe, a esposa;

3) VÊNUS-URÂNIA: mulher iniciada nos Grandes Mistérios;

4) URÂNIA-VÊNUS: mulher adepto, mulher auto-realizada.

Os três degraus em que a mulher se encontra ajoelhada alegorizam os três princípios

cósmicos (veja Arcano 3). Podemos também representá-lo como o ARCANO AZF (Água +

Fogo = Consciência). A Água é a água espermática. O Fogo é a voluptuosidade sexual a

ser transmutada. O Z é a união PHALLUS-ÚTERO que produzirá a CONSCIÊNCIA

exaltada e elevada.

Na parte inferior da lâmina, o círculo formado pela serpente que morde a própria

cauda indica o cosmo. Tradições esotéricas sérias nos mostram que qualquer ADEPTO

da Grande Fraternidade Branca pode ser representado por uma grande SERPENTE. A

serpente é o símbolo da sabedoria, além de alegorizar o aspecto feminino do LOGOS.

Deus-Mãe, esposa de SHIVA, é ADONIA, TONANTZIN, REA, MARIA, RAM-IO, CIBELES,

OPIS, DER, IO, etc. Podemos simbolizar a GRANDE MÃE CÓSMICA como uma

serpente. Em nós, este poder elétrico-serpentino está alojado próximo às glândulas

sexuais.

O Dr. Samael Aun Weor, filósofo, esoterista, Mestre em Mistérios maiores, em seu livro

intitulado "CURSO ESOTÉRICO DE CABALA", diz o seguinte sobre o Arcano 8:

“Vamos estudar neste capítulo a oitava chave de Basílio Valentim, uma ilustração do Viridarium Chymicum.

“A oitava chave é uma alegoria alquímica, clara e perfeita, dos processos da morte e ressurreição que se

sucedem, inevitavelmente, na preparação esotérica da Pedra Filosofal.

“Toda a transmutação metálica e a preparação íntima da pedra acham-se representadas nesta alegoria. Todo

material humano empregado neste trabalho morre, apodrece, corrompe-se e se enegrece no Ovo Filosofal,

para logo em seguida branquear maravilhosamente.

“Todo o trabalho da Grande Obra está contido no ovo Filosofal. Os princípios sexuais masculino e feminino

estão contidos no ovo. Assim como do ovo sai o pombinho, como do Ovo de Ouro de Brahma sai o Universo,

assim também do Ovo Filosofal sai o Mestre.

“Um cadáver representa a morte na ilustração do Viridarium Chymicum. Alguns corvos representam a

putrefação, um humilde agricultor a semeadura, uma espiga de trigo o crescimento e a ressurreição está

representada por um morto que se levanta da sepultura e por um anjo que toca a trombeta do Juízo Final.

20 VOPPUS STELLA MARIS


LIVRO DE THOT LIÇÃO 04

“Os gnósticos sabem que o cadáver, a morte da oitava chave de Basílio Valentim, representa as duas

testemunhas do Apocalipse que agora estão mortas. Mediante a putrefação alquimista, representada pelos

corvos, mediante os trabalhos da alquimia, ressuscitam as duas testemunhas.

“Nossa divisa é THELEMA. Todo poder acha-se encerrado na semente, cujo símbolo é a espiga de trigo. O

anjo sagrado que levamos dentro toca sua trombeta e as duas testemunhas levantam-se da sepultura.

“Dois arqueiros, um que acerta o cisne branco e outro que o erra, simbolizam as duas interpretações

alquímicas que se pode dar: a correta e a errônea, a magia sexual branca e a magia sexual negra, a alquimia

de ouro e o satanismo erótico.

“Os gnósticos sabem que o cadáver, a morte

da oitava chave de Basílio Valentim,

representa as duas testemunhas do

Apocalipse que agora estão mortas. Mediante

a putrefação alquimista, representada pelos

corvos, mediante os trabalhos da alquimia,

ressuscitam as duas testemunhas.

“Na alquimia de ouro não há a ejaculação do Ens Seminis, enquanto que no satanismo erótico há ejaculação

do Ens Seminis.

“Os iogues negros da Índia (Asura Samphata) ejaculam o Ens Seminis (Shuhsra) para misturá-lo

criminosamente com o raja feminino na vagina. A seguir, o reabsorvem mediante o uso negativo do Vajroli, já

mesclado com o raja feminino.

“Os iogues negros (bhonz e dugpas) crêem que assim conseguirão a sábia união dos átomos solares e

lunares a fim de despertar o Kundalini. O resultado do tantrismo negro sempre será o despertar negativo da

serpente que, ao invés de subir, baixará para os infernos atômicos do homem e se converterá na cauda de

Satanás.

“Eis como os iogues negros terminam por fim separados do Deus Interno para sempre. Esses são os

demônios. Essa é a magia negra. Por esse caminho as duas testemunhas do Apocalipse jamais ressuscitarão

porque ele conduz ao abismo e à segunda morte.

“Todo aquele que ejacule o seu licor seminal afasta-se do seu Deus Interno. Os iogues que praticam a

Urdhavaratus Yoga (magia sexual positiva) não ejaculam o Ens Seminis. Neste caso, a combinação de

Shuhsra (átomos solares) e Raja (átomos lunares) realiza-se dentro do ovo Filosofal, ou seja, dentro do

próprio laboratório sexual do alquimista.

“Eis como ressuscitam as duas testemunhas. Estas são as duas olivas e os dois candeeiros que se

encontram diante do Deus da Terra. Se alguém quiser causar-lhe dano sai fogo da boca deles e devora a

seus inimigos.

“Elas têm poder para fechar o céu (aos que praticam a magia sexual com ejaculação do sêmen) a fim de que

não chova nos dias de sua profecia e têm poder sobre as águas (humanas) para convertê-las em sangue,

bem como para ferir a terra (filosófica, o organismo humano dos fornicários) com toda praga, quantas vezes

quiserem (de acordo com a lei). Se alguém as quiser danar, torna-se necessário então que seja morto.

http://www.voppus.com.br 21


TAROT EGÍPCIO LIÇÃO 04

DISPOSIÇÃO DAS TESTEMUNHAS

“As duas testemunhas são um par de cordões simpáticos, semi-etéricos e semi-físicos, que se enroscam na

medula espinhal, formando o Santo Oito, o Oito Sagrado, o Signo do Infinito. No varão, as duas testemunhas

saem dos testículos direito e esquerdo e na mulher, dos ovários.

“As duas testemunhas estão situadas nos lados direito e esquerdo da espinha dorsal. Elas sobem da

esquerda para a direita, alternadamente, formando um nó maravilhoso no espaço compreendido entre as

duas sobrancelhas e prosseguem pelas fossas nasais.

“As duas testemunhas ligam os órgãos sexuais com as narinas. O cordão ganglionar que procede do lado

direito é quente, solar, enquanto que o cordão procedente da narina esquerda é frio, lunar. Este par de

cordões nervosos atam-se graciosamente no osso do cóccix. Os átomos solares e lunares do sistema

seminal, quando fazem contato no tribeni, bem perto do cóccix, despertam o Kundalini.

“As duas testemunhas ligam os órgãos sexuais com as

narinas. O cordão ganglionar que procede do lado direito é

quente, solar, enquanto que o cordão procedente da narina

esquerda é frio, lunar. Este par de cordões nervosos atam-se

graciosamente no osso do cóccix. Os átomos solares e

lunares do sistema seminal, quando fazem contato no

tribeni, bem perto do cóccix, despertam o Kundalini.

“A união sexual entre Iniciados objetiva apenas estabelecer o contato de pólos opostos para despertar o

Kundalini. Multiplica-se o mercúrio da filosofia secreta com o contato sexual e aumenta o licor seminal. O Ens

Seminis transmuta-se em vapores seminais quando não é ejaculado.

“Por sua vez, os vapores seminais vêm a se converter em energias que se bipolarizam em positivas e

negativas. As positivas são as forças solares e as negativas são as forças lunares. As energias solares e

lunares sobem pelo interior dos cordões simpáticos conhecidos como as duas testemunhas: Idâ e Pingalâ.

“O canal medular tem um orifício interno que nas pessoas comuns normalmente está tapado. Os vapores

seminais desentopem esse orifício a fim de que a Serpente entre por ali e atinja o interior do canal medular.

“Advertimos aos irmãos gnósticos-rosacruzes que precisam aprender a polarizar o fogo sagrado do Kundalini.

Alguns devotos comem carne diariamente, bebem álcool e com o pretexto de trabalhar na Grande Obra

gozam bestialmente da paixão carnal. Ainda quando não gastem o Ens Seminis, sentem com gozo a luxúria.

Como resultado, esses devotos polarizam o fogo sagrado totalmente nos chacras do baixo ventre, perdendo a

felicidade de gozar a alegria do lótus das Mil Pétalas.

“Esse lótus está situado na glândula pineal. Ele é a coroa dos santos que brilha na cabeça dos grandes

iniciados.

"O lótus das Mil Pétalas converte-nos em Mestres do Samadhi (êxtase).

“O trabalho no Laboratorium Oratorium é uma verdadeira cerimônia que não devemos profanar com o desejo

animal e nem com maus pensamentos. O sexo é o Sanctum Sanctorum do Templo e antes de entrar no

Sanctum Sanctorum purifica tua mente de todo pensamento impuro.

22 VOPPUS STELLA MARIS


LIVRO DE THOT LIÇÃO 04

PROVAS ESOTÉRICAS

“As provas iniciáticas estão encerradas no Arcano 8. Cada iniciação, cada grau, tem as suas provas. As

provas iniciáticas tornam-se cada vez mais exigentes, de acordo com o grau iniciático. O número 8 é o grau

de Jó, cujo significado é provas e dores. As provas iniciáticas realizam-se nos mundos superiores e no mundo

físico.

CARTA OITO DO TAROT

“No Arcano 8 do Tarot aparece uma mulher com uma espada na mão, diante da balança da justiça cósmica.

Realmente, só ela pode entregar a espada ao mago. Sem a mulher nenhum Iniciado consegue receber a

espada. Existe a Eva Vênus, a mulher instintiva e a Vênus-Eva, a nobre mulher do lar. Existe ainda a Vênus

Urânia, a mulher iniciada nos grandes mistérios e, por último, afirmamos a existência da Urânia-Vênus, a

mulher adepto, a mulher realizada a fundo.

FOGO FLAMEJANTE

“O fogo flamejante abre as sete Igrejas do Apocalipse, que são sete centros magnéticos da medula espinhal.

Conquistamos todos os poderes da terra com o primeiro centro, o qual está situado na altura dos órgãos

sexuais.

“Conquistamos as águas com o segundo centro e o encontramos situado na altura da próstata.

“Conquistamos o fogo universal com o terceiro e o encontramos situado na altura do umbigo. Conquistamos o

ar com o quarto centro. Ele localiza-se na altura do coração, que é o Santuário de Séfira, a mãe dos sefirotes,

a Divina Mãe Cósmica.

“Recebemos o ouvido sagrado e dominamos o Akasha, com o qual podemos conservar o corpo vivo até

durante as noites cósmicas, com o quinto centro que se situa na altura da laringe criadora. Conquistamos o

centro magnético do Pai ao atingirmos o sexto centro, localizado entre as duas sobrancelhas e nos tornamos

clarividentes. Ganhamos a polividência, a visão intuitiva, o êxtase, com o sétimo centro, situado na glândula

pineal.

EQUILÍBRIO DA BALANÇA

“A mulher do Arcano 8 tem em uma das mãos a balança e na outra a espada. Precisamos equilibrar as

forças, urge que nos santifiquemos absolutamente e pratiquemos o Arcano A.Z.F. As forças do homem e da

mulher equilibram-se no amor e na sabedoria. A dupla cruz dos pentáculos de Pitágoras e Ezequiel

representa o Arcano 8. Vênus equilibra as obras de Marte, Mercúrio equilibra e realiza as obras do Sol e da

Lua, em cima e em baixo.

“No macrocosmo e no microcosmo-homem, as obras do Sol e da Lua, do homem e da mulher, sempre são

equilibradas e realizadas pelo mercúrio da Filosofia Secreta, o Ens Seminis.

“Nenhum iogue ou ioguina jamais poderá se realizar sem o Arcano A.Z.F.... aqueles que quiserem excluir o

Arcano A.Z.F. da sua yoga estarão violando a lei do Arcano 8. Esses são os fracassados. O velho Saturno

pesa a Júpiter Tonante, o Pai dos Deuses. Esta é a lei do equilíbrio. Isto é, Saturno contrabalança a Júpiter".

Planeta: Saturno

Signo: Capricórnio

Sephirote Cabalístico: Hod

Letra hebraica: Leth

Axioma Transcendente: "Edifica um altar em teu coração, mas não faças do teu coração um altar".

http://www.voppus.com.br 23


TAROT EGÍPCIO LIÇÃO 04

Elementos de Predição: promete retribuições e restituições, castigos e recompensas, gratidões e

ingratidões, compensações por serviços prestados equivocadamente, falta de compensação aos

serviços prestados com plena certeza do bem que fazia.

24 VOPPUS STELLA MARIS


LIVRO DE THOT LIÇÃO 04

TAROPRAXIS 4

Este é o último exercício da Série RELAX. Se você não praticou os anteriores é

conveniente que os faça antes de se dedicar a este. Lembre-se que as práticas propostas

seguem uma didática para se obter os melhores resultados possíveis.

RELAX IV

1) Releia atentamente todos os pontos abordados no Relax II (Lição 2) e siga as

instruções do item 1 ao 3;

2) Repita o exercício de visualização da LUZ AZUL CELESTE, do item 2 ao 9 (veja

Relax III, Lição 3);

3) Agora você vai imaginar uma LUZ AMARELA, um amarelo ouro brilhante;

4) Mentalize que a LUZ AMARELA sai do solo na forma de uma diáfana nuvem;

5) Veja esta nuvem AMARELA penetrando pela sola de seus pés, relaxando todos os

músculos;

6) Imagine a calmante energia AMARELA subindo pelos tornozelos, barriga das

pernas, joelhos e coxas, banhando-os completamente e distensionando os músculos

destas áreas;

7) Visualize a energia AMARELA penetrando nos músculos da cintura, abdômen,

coluna vertebral e costas, afrouxando profundamente todos os músculos;

8) Veja a nuvem AMARELA banhando os braços, antebraços, punhos, mãos e dedos,

relaxando-os totalmente;

9) Mentalize as vibrações AMARELAS envolvendo o pescoço, queixo, lábios, olhos,

rosto e cabeça, distensionando-os cada vez mais;

10) Pare de visualizar e desfrute de agradáveis momentos de relaxamento e paz

interior, por alguns instantes;

11) Esta prática deve durar, no mínimo, 25 minutos;

12) OUTPRAXIS (veja Relax I, Lição 1);

13) Aqui termina o TAROPRAXIS 4.

Fraternalmente,

SEU INSTRUTOR DE CLASSE.

http://www.voppus.com.br 25


LIÇÃO 05

ARCANOS MAIORES (9 a 12)


TAROT EGÍPCIO LIÇÃO 05

PREZADO ESTUDANTE:

Ao final desta publicação lhe ensinaremos um método elementar de

previsão que utiliza apenas os Arcanos Maiores. Entretanto, as orientações

mais profundas e detalhadas sobre os MÉTODOS DE PREVISÃO serão

amplamente discorridas na Lição 17 deste curso.

Em nossa vasta experiência no ensino do Tarot, adquirida em dezenas de cursos

ministrados, temos comprovado que o problema crucial do iniciante, nesta ciência, radicase

em dois fatores principais: 1) a formulação da pergunta; 2) a interpretação da resposta.

Não cabe, nesta oportunidade, entrarmos em detalhes sobre o tema, contudo convém

alertar sobre os equívocos que podem ocorrer em nosso próprio psiquismo.

ARCANO 9 - O EREMITA

A palavra "eremita" provém do grego

"eremités". O eremita ou ermitão é a

pessoa que vive, por penitência, isolado, no

ermo, solitário.

Eliphas Levi diz que o Iniciado é aquele

que está de posse da lâmpada de

Trimegisto, o manto de Apolônio e o bastão

dos Patriarcas. A lâmpada de Hermes é a

consciência superlativa alcançada pela

transmutação das energias criadoras. O

manto de Apolônio é a Prudência. O bastão

é a representação da sabedoria alcançada

pela transmutação das energias criadoras.

H.P. Blavatsky, extraordinária sábia, em

seu livro "A Doutrina Secreta", Volume I,

afirma: " O sete era um número sagrado em

todas as nações; mas nenhuma lhe deu

uso tão fisiológico e materialista quanto os

hebreus. Para estes, 7 era por excelência

um número gerador, e o 9 o número

masculino, e o da causa...".

Na parte superior da lâmina destaca-se

o círculo com três raios e em cada raio 3

nós.

O círculo alegoriza o sol, a luz, a vida. Os três raios demonstram as três forças

primárias do universo (positiva, negativa e neutra). Os três nós de cada raio, somados,

formam o número 9, alegorizando os nove céus ou regiões paradisíacas.

Na parte central da lâmina surge a imagem de um eremita vestido com um manto,

segura o báculo na mão direita e a lâmpada de Hermes na esquerda. Atrás do ancião

aparece uma palmeira.

2 VOPPUS STELLA MARIS


LIVRO DE THOT LIÇÃO 05

O manto que recobre o eremita simboliza a PRUDÊNCIA. Foi chamado pelos

esoteristas de MANTO DE APOLÔNIO. Apolônio de Tiana, grande mago e taumaturgo

grego do século I, deixou um importante tratado sobre Cabala, intitulado NUCTEMERON,

onde figuram as doze horas do Relógio do Destino. Devido à grande sabedoria de

Apolônio, o manto passou a ter seu nome.

A lamparina ou lâmpada que o ermitão carrega na mão esquerda é a LÂMPADA DE

HERMES. Já mencionamos que Hermes Trimesgisto é o mesmo Íbis de Thot, ou aquele

que revelou os segredos das lâminas do Tarot. A lâmpada representa a LUZ ou a "LUX

OCCULTA" (Luz Oculta). Refere-se, naturalmente, não à luz comum, mas sobretudo à

LUZ ESPIRITUAL que o neófito vai alcançando à medida que segue a SENDA

INICIÁTICA. No sentido mais velado, a lâmpada simboliza a energia sexual transmutada e

transformada em LUZ INTERIOR.

O báculo, cajado ou bastão na mão direita, alegoriza o instrumento de apoio do ermitão

ou Iniciado em seu caminho. O elemento arquitetônico básico do nosso esqueleto é a

coluna vertebral. O bastão é a representação da coluna vertebral, por onde sobe a

energia luminosa e libertadora do Kundalini.

Na parte inferior da lâmina vê-se um círculo. O círculo simboliza a Lua, os corpos

lunares, o Ego, as fraquezas e debilidades humanas que devem ser vencidas pela Luz e a

sabedoria do Iniciado.

O Arcano 9 indica a CRIAÇÃO porque o 9 é o círculo. Há um círculo acima (o Sol),

indicando os 9 céus. Há um círculo abaixo (a Lua) indicando os 9 infernos atômicos.

O Dr. Samael Aun Weor, em seu livro intitulado "CURSO ESOTÉRICO DE CABALA",

diz o seguinte sobre o Arcano 9:

“Neste capítulo estudaremos a nona chave de Basílio Valentim (uma ilustração do Viridarium Chymicum).

“A nona chave ilustra o velho Saturno caindo e a deusa elevando-se vitoriosa. O primeiro é o chumbo e a

segunda a prata. O Adão terrenal, o Eu Psicológico, deve cair e morrer para que em nós nasça o Adão Cristo.

Necessitamos transmutar o chumbo em ouro. O chumbo da personalidade deve ser transmutado no ouro do

Espírito.

“A Lua, o mercúrio sófico, o Ens Seminis, deve levantar-se e retornar para dentro e para cima. Desencarnar

significa perpetuar o erro.

“O Eu Psicológico, o Adão terrenal, nasce milhares de vezes, reencarna para satisfazer desejos. Os

nascimentos terrenais são a perpetuação da ignorância. Nascer em espírito e em verdade significa a morte do

Adão terreno.

“O Adão Cristo nasce da semente, do grão. A semente necessita de THELEMA (vontade) para que o superhomem

germine heroicamente. O nascimento deles não é resultado da evolução, porque ele não precisa de

aperfeiçoamento como supõem muitos estudantes de ocultismo. A evolução é simplesmente o movimento da

vida universal, de acordo com os conceitos de tempo, espaço e movimento. Dentro da natureza evolucionante

estão contidas todas as possibilidades. Uns tornam-se muito bons e outros tornam-se muito maus, contudo o

super-homem não resulta de qualquer evolução. Ele é o produto de uma tremenda revolução da consciência.

“O Adão Cristo distingue-se tanto do Adão terrenal como o raio da negra nuvem. O raio nasce da nuvem,

porém não é a nuvem. O raio é o super-homem e a nuvem é o homem. Nascer é um problema sexual e o

caminho é a transmutação sexual.

“Um retângulo representativo dos quatro elementos da alquimia aparece na nona chave. Estudando

cuidadosamente este retângulo, descobrimos um duplo círculo que simboliza sabiamente a matéria mercurial

http://www.voppus.com.br 3


TAROT EGÍPCIO LIÇÃO 05

com suas duas propriedades: geração e regeneração. O duplo círculo contém três serpentes que emergem

de três corações.

“Verdadeiramente, precisamos trabalhar com o mercúrio, o enxofre e o sal para levantar a serpente de metal

sobre a vara. Apenas trabalhando com a matéria prima tríplice - mercúrio, enxofre e sal - nasce em nós o

Adão Cristo.

“A ave Fênix apoia-se sobre o duplo círculo da matéria mercurial, nascendo das próprias cinzas. Devemos

imitar esta ave mitológica, porém isto só o conseguiremos trabalhando com o grão.

“A águia da volatilidade no Adão terrenal está dominada pelo corvo da putrefação. A deusa Lua leva sobre a

sua cabeça um cisne branco. Através da transmutação sexual devemos branquear o corvo até convertê-lo no

cisne imaculado da ascensão. Todo o simbolismo da Grande Obra encontra-se na nona chave.

“Não se pode trabalhar com a árvore sefirótica sem que se seja alquimista e cabalista. O sábio do Arcano IX

busca o tesouro na Nona Esfera. Há que se estudar as teorias e trabalhar com o grão. Não pode existir

prática sem teoria.

A NONA ESFERA

“Uma sentença oculta afirma que: Nada pode sair, senão pela mesma porta por onde entrou.

“Nós saímos do Éden; sendo o Éden o próprio sexo, apenas pela porta do sexo podemos retornar ao Éden. O

feto sai pela mesma porta por onde entrou o seu germe, depois de haver cumprido todo seu processo de

gestação e de haver chegado seu tempo. Esta é a lei.

“O corpo físico humano resulta de nove meses de gestação no claustro materno. Pela lei das analogias

filosóficas, deduzimos também que a espécie humana permanece, em gestação, por nove idades no claustro

materno da Divina Mãe Cósmica: Ísis, Réa, Cibeles, Maria, Adonia, Insoberta, Kali, etc.

“Na autêntica Iniciação, este retorno ao ponto de partida não é outra coisa que a descida à Nona Esfera, ato

de prova para a suprema dignidade do grande hierofante de Mistérios.

“A forja acesa de Vulcano, o sexo, acha-se na Nona Esfera. Ali baixa Marte para retemperar sua espada

flamejante e conquistar o coração de Vênus, a Iniciação Venusta, Hércules para limpar os estábulos de

Áugias (os baixos fundos animais) e Perseu para cortar a cabeça da Medusa (o Eu Psicológico, o Adão

terrenal) com sua espada flamejante.

“O resplandecente Signo do Infinito acha-se no coração da Terra. O Signo do Infinito é o Santo Oito.

Neste signo estão representados o coração, o cérebro e o sexo do Gênio da Terra. O nome secreto

desse gênio é Changam.

“Todos os grandes Mestres da humanidade, tais como: Hermes, Buda, Jesus, Dante, Zoroastro... tiveram de

passar pela prova máxima. No terrível pórtico da Nona Esfera está escrita aquela frase que fecha o passo aos

profanos: LASCIATE OGNI SPERANZA VOI CHE ENTRATE.

4 VOPPUS STELLA MARIS


LIVRO DE THOT LIÇÃO 05

“O Zohar adverte-nos enfaticamente que no fundo do Abismo vive o Adão Protoplastos, o princípio

diferenciador das almas. Com esse princípio, temos de disputar a vitória em luta de morte. Luta terrível:

cérebro contra sexo, sexo contra cérebro, e o que é mais terrível,

o que é mais doloroso, aquilo de coração contra coração. Tu o

sabes.

“O resplandecente Signo do Infinito acha-se no coração da Terra.

O Signo do Infinito é o Santo Oito. Neste signo estão

representados o coração, o cérebro e o sexo do Gênio da Terra. O

nome secreto desse gênio é Changam.

“O Signo do Infinito está no centro da Nona Esfera. A terra tem

nove estratos atômicos e no nono estrato está o signo do Infinito.

As nove Iniciações de Mistérios Menores correspondem-se,

escalonadamente, com cada um destes nove estratos terrestres.

Logo, cada Iniciação de Mistérios menores nos dá acesso a cada

um desses nove estratos terrestres.

“Só aqueles que receberam as nove Iniciações de Mistérios

Menores podem chegar ao coração da Terra. Cada estrato

terrestre está guardado por terríveis guardiões. Caminhos

secretos conduzem o discípulo ao coração da Terra. A dupla

corrente vital do Gênio da Terra acha-se representada no Signo

do Infinito.

“A dupla corrente vital sustenta e nutre a todo o planeta Terra,

sendo que todos os seres vivos estão organizados sobre este

arquétipo divino.

“No centro do Signo do Infinito, existe um átomo divino. As nove

esferas de vibração atômica enfocam-se concentricamente neste

átomo do Gênio da Terra. O Santo Oito resplandece de glória no

centro do planeta.

Lilith, em gravura de John

Collier (1892).

“No centro deste Santo Oito está o átomo central onde enfocam-se as nove esferas de vibração universal.

Esta é a lei.

TRADIÇÕES CABALÍSTICAS

“As tradições cabalísticas dizem que Adão tinha duas esposas: Lilith e Nahemah.

“Lilith é a mãe dos abortos, homossexualismo e, em geral, de todos os crimes contra a Natureza.

“Nahemah é a beleza maligna e fatal. Nahemah é a mãe do adultério e da fornicação passional. Todo

matrimônio violatório da lei facilmente se reconhece porque no dia das bodas a noiva aparece calva. Sendo o

cabelo o símbolo sagrado do pudor na mulher, nesse dia está proibida de usá-lo, então cobre com o véu seu

cabelo instintivamente, como se o guardasse.

“O abismo divide-se em duas grandes esferas infrassexuais que são as esferas de Lilith e Nahemah. Os

habitantes da esfera de Lilith não dão esperanças de salvação, mas os habitantes da esfera de Nahemah

ainda dão esperanças de redenção.

“ESFERA DE LILITH - Nela encontramos pessoas que aborrecem o sexo: anacoretas, monges, místicos e

espiritualistas de distintas organizações de pseudo-ocultismo. Todas estas pessoas infrassexuais odeiam o

sexo e julgam-se superiores às de sexo normal. Os infrassexuais odeiam mortalmente o Arcano A.Z.F., mas

dão a si mesmos licenças especiais. Assim pois, não é difícil encontrar o homossexualismo metido em muitas

http://www.voppus.com.br 5


TAROT EGÍPCIO LIÇÃO 05

escolas dedicadas a estudos espiritualistas de cunho pseudo-ocultista ou pseudo-esotérico, bem como em

muitos conventos. Todos os crimes contra a Natureza encontram-se na esfera infrassexual de Lilith .

“ESFERA DE NAHEMAH - Ela seduz com o encanto de sua beleza maligna. O adultério nasce desse fatal

encanto. Encontramos na esfera de Nahemah as cruéis delícias do reino da infrassexualidade. Nas regiões

atômicas da esfera infrassexual de Nahemah vivem os 'João Tenório' e as 'Dona Inês' ou ainda as belas

hetarias (cortesãs), algumas doces e outras cruéis.

“As pessoas de sexo normal, se não se mantêm alertas e vigilantes, podem se converter em prosélitos fatais

dos infrassexuais. Eles vestem-se de santos, apóstolos, anacoretas... crendo-se mesmo superiores e

enganam as pessoas de sexo normal para as converter em seus sequazes. Entende-se por pessoa de sexo

normal quem não tem conflito sexual de espécie alguma.

“A sexualidade nas pessoas de sexo normal está em perfeito equilíbrio com as esferas de pensamento,

sentimento e vontade. Essas pessoas não abusam do sexo e nem têm aberrações de espécie alguma.

“Todo pimpolho da ALQUIMIA, depois de haver sido coroado, vai se afastando pouco a pouco do ato

sexual. O conúbio secreto vai se distanciando cada vez mais, de acordo com certos ritmos cósmicos

marcados com o GONGO oriental. Assim é como se sublimam as energias sexuais até transmutaremse

absolutamente para produzir o ÊXTASE CONTÍNUO.

“A esfera da suprassexualidade é a esfera da iluminação interna. O gozo sexual precede ao êxtase místico.

As sensações sexuais vão se transmutando em sensações de êxtase inefável. A idade do gozo sexual

precede sempre a idade do êxtase místico.

“A IDADE DO ÊXTASE MÍSTICO COMEÇA ONDE A IDADE DO GOZO SEXUAL TERMINA.

“Depois de havermos recebido a Iniciação Venusta, depois de ter nascido em nós o Adão Cristo, devemos

tirar o Ovo Filosofal da podridão da matéria e entregá-lo ao Filho do homem, o que significa um transplante

total das energias sexuais.

“Devemos entregar a totalidade das energias sexuais ao Adão Cristo, o qual assim se robustece

absolutamente. O caminho intitula-se TRANSMUTAÇÃO E SUBLIMAÇÃO SEXUAIS. Todo aquele que chegar

a estas alturas é um Mestre do Samâdhi.

“A mesma energia que produz as sensações do sexo, quando transmutada produz o êxtase místico.

“Cristo, Buda, Hermes, Quetzalcoatl e muitos outros Avataras foram suprassexuais.

6 VOPPUS STELLA MARIS


LIVRO DE THOT LIÇÃO 05

VULCANO

“A energia sexual manifesta-se de três formas diferentes.

“A primeira forma de energia sexual está relacionada com a reprodução da espécie. A segunda com as

esferas do pensamento e da vontade. O terceiro tipo relaciona-se com o mundo do Espírito Puro.

“Todos os processos ligados à transmutação sexual são possíveis devido à intervenção do corpo vital. Ele é o

princípio primitivo (arqueo) que elabora o sangue e o sêmen no organismo humano. Ele é o Vulcano que

transmuta o licor seminal em energia crística.

“O veículo da Alma-Consciência no ser humano é o corpo vital. A consciência é a chama e o corpo vital o

pavio. Vulcano existe no homem e na natureza; no microcosmos e no macrocosmos. O Grande Vulcano da

Natureza é o Éden, sendo ele o próprio plano etérico.

RITMOS CÓSMICOS

“Todo pombinho alquimista vai se afastando do ato sexual pouco a pouco, depois de haver sido coroado. O

conúbio secreto vai se distanciando cada vez mais, de acordo com certos ritmos cósmicos marcados pelo

GONGO oriental.

“Assim sublimam-se e transmutam-se em êxtase contínuo as energias sexuais.

“O pombinho da alquimia, o discípulo, que em precedentes reencarnações trabalhou no magistério do Fogo,

realiza este trabalho de laboratório em um tempo relativamente curto. Aqueles que pela primeira vez

trabalham na Grande Obra precisam de, pelos menos, vinte anos de trabalho intensivo para entrar em sua

segunda etapa, que dura também vinte anos. A partir de então vai se retirando lentamente do trabalho: 40

anos. Quando o alquimista derrama o Vaso de Hermes, apaga-se o fogo do pequeno forno do laboratório e se

perde todo o trabalho.

MANTRANS DA MAGIA SEXUAL

“Vocalizem os seguintes:

“IAO - OU - AOAI - OUO - OUOAE - KORE.

“Continuem depois com os poderosos mantrans:

“KAWLAKAW - SAWLASAW - SEESAR.

“KAWLAKAW é o Deus Interno. SAWLASAW, o homem terrenal, e SEESAR é o corpo astral. Estes

poderosos mantrans desabrocham todos os nossos poderes internos. Já falamos do INRI e suas

modificações. O alquimista não deve esquecer nenhum destes mantrans.

“O Arcano IX do Tarot mostra o ermitão, sábio e prudente, envolto no manto protetor de Apolônio que

simboliza a prudência. Ele apóia-se no bastão dos Patriarcas e ilumina-se com a lâmpada de Hermes (a

sabedoria).

“O alquimista deve fazer sempre a vontade do Pai. Deve ser humilde para alcançar a sabedoria e depois de

consegui-la deve ser ainda mais humilde do que ninguém. Melhor é calar e morrer. Morrendo o Adão do

pecado, nasce o Adão Cristo".

Até aqui as palavras do Dr. Samael.

Planeta: Marte

Signo: Áries

Sephirote Cabalístico: Jesod

Letra Hebraica: Teth

http://www.voppus.com.br 7


TAROT EGÍPCIO LIÇÃO 05

Axioma Transcendente: "Sobe ao monte e contempla a terra prometida, mas não te digo que entrarás nela".

Elementos de predição: promete ciência para fazer descobrimentos, ordem ao realizá-los e cautela

para servir-se deles, associações próprias e associações duvidosas, amigos que ajudam e amigos

que obstacularizam, luz da razão e luz da intuição, a primeira para o imediato, a segunda para o que há

de ser.

ARCANO 10 - A RETRIBUIÇÃO

"Retribuição" vem do latim "retributione",

ou seja, o ato ou efeito de retribuir,

remunerar, pagar. Retribuição é a

recompensa, prêmio, compensação,

pagamento.

O número 10, ou a década, possui suas

características e manifestações próprias.

Vejamos algumas:

1) Os Dez Mandamentos que Deus

entregou a Moisés. No livro do Êxodo, Cap.

20, encontramos o seguinte:

a) "Eu sou o Senhor teu Deus... Não

terás outros deuses diante de mim. E faço

misericórdia em milhares aos que me

amam e guardam os meus mandamentos"

(Vers. 2,3 e 6).

b) "Não tomarás o nome do Senhor teu

Deus em vão" (Vers. 7).

c) "Lembra-te do dia sábado, para o

santificar" (Vers. 8).

d) "Honrar o teu pai e a tua mãe..." (Vers. 12).

e) "Não matarás" (Vers. 13).

f) "Não adulterarás" (Vers. 14).

Na verdade, o sexto mandamento é NÃO FORNICARÁS. Fornicar é o ato de perder

energia sexual através da ejaculação seminal ou orgasmo.

g) "Não furtarás" (Vers. 15).

h) "Não dirás falso testemunho..." (Vers. 16).

i) "Não cobiçarás a mulher de teu próximo" (Vers. 17).

j) "Não cobiçarás a casa do teu próximo nem coisa alguma de teu próximo" (Vers. 17).

2)" Era diferente de todos os animais que apareceram antes dele e tinha dez pontas"

(Daniel 7:7).

3) "... era um grande dragão vermelho, que tinha sete cabeças e dez chifres..."

(Apocalipse S. João 12:3).

8 VOPPUS STELLA MARIS


LIVRO DE THOT LIÇÃO 05

4) Os dez sephirotes da Cabala Hebraica: Kether, Chokmah. Binah, Chesed, Geburah,

Tiphereth, Netsach, Hod, Jesod e Malchuth.

5) Dez são os dedos das mãos.

6) Dez foi o número de perseguidores romanos contra o Cristo.

7) Dez foram os povos bárbaros que atacaram o Império Romano.

8) Dez foram as pragas lançadas por Moisés contra o Egito.

Na parte superior da lâmina aparece a esfinge.

No Egito existe uma esfinge milenária, com 70 metros de altura. Os esoteristas dizem

que foi construída pelos atlantes, mas os historiadores datam sua edificação em 2.800

a.C., sob o reinado do Faraó Kefren.

A Esfinge representa a MÃE NATUREZA. A Esfinge é o INTERCESSOR ELEMENTAL

da bendita Deusa do Mundo. No peito do monumento egípcio há uma porta que dá

acesso a um pequeno templo. Esta entrada está coberta por uma lápide posta por Tutmés

IV, há cerca de 3.400 anos. Possui quatro metros de altura, tendo a seguinte inscrição:

“Um mágico mistério reinou neste lugar desde o princípio dos tempos, porque a figura da Esfinge é o

emblema de Kepara (Deus da Imortalidade), o maior dos espíritos, o ser venerável que aqui repousa. Os

habitantes de Mênfis e de todo território lançam suas mãos ante ela para implorar sua proteção".

A Esfinge representa a MÃE NATUREZA. A Esfinge é

o INTERCESSOR ELEMENTAL da bendita Deusa do

Mundo. No peito do monumento egípcio há uma porta

que dá acesso a um pequeno templo. Esta entrada está

coberta por uma lápide posta por Tutmés IV, há cerca

de 3.400 anos.

A Esfinge representa as quatro provas que o candidato aos Mistérios Egípcios deveria

se submeter:

1) GARRAS DE LEÃO (dianteira) - força, nobreza. Severidade ante as provas do

FOGO;

2) PATAS DE BOI (traseira) - tenacidade e constância ante as provas da TERRA;

3) ASAS DE ÁGUIA - não sucumbir ante os fracassos da vida. Não entregar-se,

elevando-se como a ave Fênix de Heliópolis, diante das provas do AR;

4) ROSTO HUMANO- A inteligência e poder do homem. A adaptabilidade às diferentes

circunstâncias da vida, diante das provas da ÁGUA.

Além dos quatro elementos correspondentes às provas iniciáticas há o BASTÃO

(quinto elemento) que representa o ÉTER (veja Arcano 5).

Na parte central da lâmina está a imagem de uma roda com seis carros. A figura de

Hermanúbis sobe e a de Tifón desce.

http://www.voppus.com.br 9


TAROT EGÍPCIO LIÇÃO 05

A roda ao centro é a "ROTA FORTUNAE", a Roda da Fortuna, Roda do Samsara.

Roda dos Nascimentos e Mortes, Roda Cosmogônica de Ezequiel. Também representa o

Selo de Salomão ou a Estrela de Seis Pontas (veja Arcano 6).

A roda alegoriza a evolução e involução da ESSÊNCIA, CONSCIÊNCIA ou ALMA

HUMANA.

Os sábios esoteristas nos ensinam que a ESSÊNCIA, a ALMA, sai do ABSOLUTO ou

AIN. Passando por transformações, toma a forma de um ELEMENTAL. Este elemental

encarna-se no MUNDO MINERAL, depois evolui para o MUNDO VEGETAL e ANIMAL.

Por fim, ingressa no REINO HUMANO. São conferidas 108 vidas ou oportunidades para

que a ESSÊNCIA, encarnada na forma humana, se auto-realize e comece a retornar

TRIUNFANTE ao ABSOLUTO. Caso não se auto-realize terá de descer aos mundos

inferiores para a purificação dos pecados ou eliminação dos defeitos, imperfeições ou

egos. Depois de passar milhares e milhares de anos nas INFRA-DIMENSÕES da

Natureza, a Essência, outra vez, encarna-se nos mundos mineral, vegetal, animal e

alcança, novamente, o estado humano. Outra vez, lhe são conferidas 108 vidas para se

auto-realizar. Caso não consiga, desce novamente aos INFERNOS ATÔMICOS da

Natureza. A Essência pode dar 3.000 voltas nesta RODA DO SAMSARA, depois disto,

caso não tenha se auto-realizado, retorna FRACASSADA para o ABSOLUTO.

HERMANÚBIS, representado à direita, é a ESSÊNCIA EVOLUINDO. TIFON

BAFOMETO, à esquerda, é a ESSÊNCIA INVOLUINDO, revestida do Ego.

Na parte inferior da lâmina vê-se duas serpentes, representando a luta entre o VÍCIO e

a VIRTUDE, a MAGIA BRANCA e a MAGIA NEGRA, a LUZ e as TREVAS, o CÉU e o

INFERNO.

O Dr. Samael Aun Weor, em seu livro "CURSO ESOTÉRICO DE CABALA", diz o

seguinte sobre o Arcano 10:

“Precisamos estudar a roda cosmogônica de Ezequiel e vamos fazê-lo neste capítulo. Nesta roda acha-se o

batalhar das antíteses.

“Hermanúbis sobe pelo lado direito da roda fatal e Tifão desce pela parte esquerda. Eis a roda dos séculos,

das reencarnações e do Karma. Sobre a roda está o mistério da esfinge, empunhando em suas garras de

leão a espada flamígera.

“Esta é a roda das antíteses: da Serpente de Bronze que curava os israelitas no deserto e da serpente

tentadora do Éden; ambas combatem-se mutuamente. Todo o segredo da árvore do conhecimento está na

roda.

“Os quatro rios do Paraíso saem do manancial único. Um deles corre pela selva espessa do sol regando a

terra filosófica do ouro de luz. O outro circula tenebroso e turvo pelo reino do abismo. A luz e as trevas, a

magia branca e a magia negra, combatem-se mutuamente. Eros e Anteros, Caim e Abel, vivem no centro de

nós mesmos em intenso batalhar e continuarão até que descubramos o mistério da esfinge e empunhemos a

espada flamejante para nos libertarmos da roda dos séculos.

CONSCIÊNCIA LUNAR

“A consciência lunar dorme profundamente. Ela é o produto da infiel memória.

“O ser humano tem consciência apenas daquilo que recorda e ninguém pode ter consciência de coisas que

não recorda.

10 VOPPUS STELLA MARIS


LIVRO DE THOT LIÇÃO 05

“O Adão do pecado é memória, é consciência lunar e é o próprio Eu desencarnante. Os clarividentes afirmam

que está constituído pelos átomos do inimigo secreto, sendo um remanescente tenebroso de nosso passado

lunar (a larva do umbral).

“Os discípulos gnósticos devem compreender que este tipo de consciência lunar significa algo diferente 'de

ser consciente e de alguém que seja consciente disso'. A consciência lunar está submetida a toda classe de

limitações, qualificações, reações, restrições... Trata-se de um produto da matéria, o resultado da

hereditariedade, da raça, da família, dos hábitos, costumes, preconceitos, desejos, medos, apetites, etc.

“O Adão do pecado, com sua consciência lunar, reencarna-se 'diz que' que para ganhar experiência na escola

da vida. As experiências complicam e robustecem o Adão do pecado. A inocente humanidade do Éden agora

transformou-se na terrível e perversa humanidade da bomba atômica e da bomba de hidrogênio.

“O menino inocente, com as experiências, se converte no ancião astuto, desconfiado, malicioso, avarento e

medroso. Isto é a consciência lunar. O diabo é diabo e não se aperfeiçoa jamais. A grande Mestra

H.P.Blavatsky disse: Fortalece a tua alma contra as armadilhas do Eu e fá-la merecedora do nome ALMA

DIAMANTE.

CONSCIÊNCIA SOLAR

“Existem mudanças na consciência e mudanças de consciência. Todo desenvolvimento da consciência

provoca mudanças nela. As mudanças na consciência são superficiais e inúteis. Necessitamos de uma

mudança de consciência. Quando dissolvemos a consciência lunar, nasce em nós a consciência solar.

“O Adão do pecado precisa morrer em nós para que em nós nasça o Adão Cristo. Quando libertamos a

matéria eletrônica (solar) encerrada nos átomos seminais, empunhamos a espada flamígera.

“Perseu baixa à Forja Acesa de Vulcano para decapitar o Adão do pecado (a Medusa) com sua espada

flamejante. João Batista é decapitado e Cristo crucificado para salvar o mundo.

“O degolamento dos meninos inocentes (os Iniciados) é repetição da Iniciação. Então nasce em nós a

consciência solar, a qual contém em si mesma o conhecedor, o conhecimento e a coisa conhecida. Três em

um e um em três.

“A consciência solar é onipresente e inopenetrante. Ela liberta o ser humano da roda fatal dos séculos.

PÓLO POSITIVO DIONISÍACO: deleite sexual

sublime, transmutação voluntária da entidade

do sêmen, consciência desperta,

conhecimento objetivo, intuição superlativa,

música transcendental dos grandes mestres

clássicos, etc.

"PÓLO NEGATIVO DIONISÍACO: degeneração

sexual, infra-sexualismo de toda classe -

homossexualismo, lesbianismo..., prazeres

demoníacos nos mundos infernais através de

drogas químicas, fungos, bebidas alcóolicas...,

música infernal como esta da onda nova, etc...

O campo magnético de Urano conforme observado

pela Voyager 2 em 1986. S e N são os pólos magnéticos

sul e norte

http://www.voppus.com.br 11


TAROT EGÍPCIO LIÇÃO 05

CICLOS SEXUAIS

“Urano é a oitava de Vênus e governa as fases masculinas e femininas do sexo. Tem um ciclo sexual de 84

anos, o qual se divide em períodos de 42 anos: positivos masculinos e negativos femininos. Urano apresenta

sempre seus pólos para o Sol. Durante 42 anos apresenta o pólo positivo e por 42 anos o pólo negativo (para

o Sol). Agora, compreendemos de onde nasce o estímulo alternado dos dois eixos. O biorritmo maravilhoso

dos 84 anos.

“A roda dos séculos gira em períodos de 40. Durante a metade impõe-se o sexo masculino e na outra metade

impõe-se o feminino. O ciclo sexual de Urano está de acordo com o tempo médio da vida humana. Isto

significa que na idade madura vibra em nós a antítese do ciclo sexual em que nascemos e sentimo-nos

sexualmente estimulados.

“Agora compreendemos porque os homens e as mulheres de quarenta anos estão, de fato, maduros para

trabalhar na Grande Obra. Os sentimentos sexuais são mais vigorosos nesta idade.

LUZ E CONSCIÊNCIA

“Luz e consciência são dois fenômenos de uma mesma coisa. Ao maior grau de consciência crística,

corresponde maior grau de luz. A Consciência-Cristo do Sol está sendo absorvida pelos planetas de forma

gradual. Quando os planetas de nosso sistema solar hajam absorvido integralmente a Divina Consciência

Solar, a vida, a luz e o calor já não ocuparão unicamente o

posto astronômico do Sol e todos resplandecerão como sóis.

“Este é o caso do girante sol Antares, um milhão de vezes mais

rarificado que o nosso sol. No sistema solar de Antares a luz

não está focalizada exclusivamente no sol central, cada um dos

planetas tornou-se um sol. As humanidades planetárias podem

gozar da consciência solar. O resultado dessa sorte são os

esplendores do sistema solar de Antares.

OS DEZ SEFIROTES

“Fala-se de dez sefirotes e, na verdade, os sefirotes são doze.

O décimo primeiro sefirote é o AIN SOPH, sendo que sua

antítese tenebrosa, o abismo, é o décimo segundo sefirote.

“São doze esferas ou regiões universais que se penetram e

compenetram mutuamente sem confundirem-se. As doze

esferas gravitam em torno do átomo central do Signo do Infinito.

A humanidade solar desenvolve-se nessas doze esferas.

“Já dissemos que o Signo do Infinito acha-se no centro da

Terra, em seu coração. Os dez sefirotes de vibração universal

emanam do Ain Soph, a Estrela Microcósmica que guia nosso

interior, o Ser Real de nosso Ser. Dele desprendem-se os dez

sefirotes , assim:

“Primeiro sefirote: KETHER, o Ancião dos Dias;

“Segundo sefirote: CHOKMAH, a região da sabedoria;

“Terceiro sefirote: BINAH, a inteligência divina;

“Quarto sefirote: CHESED, o mundo do Íntimo;

“Quinto sefirote: GEBURAH, o mundo da alma-consciência. A

região do rigor e da justiça;

12 VOPPUS STELLA MARIS


LIVRO DE THOT LIÇÃO 05

“Sexto sefirote: TIPHERETH, o mundo causal, a região da vontade, do equilíbrio e da beleza;

“Sétimo sefirote: NETSACH, o mundo do homem mental, a região da vitória. Todo aquele que consegue

libertar-se dos quatro corpos do pecado torna-se um Buda;

“Oitavo sefirote: HOD, o esplendor, a região do corpo astral;

“Nono sefirote: JESOD, o fundamento, o sexo, o plano etérico;

“Décimo sefirote: MALCHUT, o reino em geral, o mundo físico. Malchut é um filtro supremo. Desta região

saímos para o Ain Soph ou para o Abismo. Essa é a lei.

“Os dez sefirotes são atômicos e podem ainda se reduzir a três tábuas:

“1) Tábua dos Quanta de energia radiante que vem do Sol;

“2) Tábua de pesos atômicos dos elementos da natureza;

“3) Tábua dos pesos moleculares dos compostos.

“Esta é a escada de Jacó, que vai da Terra até o Céu. Todos os mundos da consciência cósmica se reduzem

a três tábuas. Os dez sefirotes conhecidos provêm de Séfira, a Mãe Divina, que reside no templo-coração.

CHAVE PARA O CONHECIMENTO DIRETO

“Os discípulos gnósticos precisam aprender a sair do corpo físico em seus veículos interiores, com plena

consciência, para penetrarem nas distintas regiões sefiróticas. Necessário conhecer diretamente as doze

esferas de vibração universal, onde todos os seres do universo vivem e se desenvolvem.

“Concentrem-se no chacra do coração, onde mora a Divina Mãe Cósmica. Supliquem a Séfira, a Mãe dos

sefirotes, rogando para que ela vos tire de seu corpo físico e vos leve aos distintos departamentos do reino

para estudar diretamente os sefirotes da Cabala. Rezem muito e meditem na Mãe Divina, enquanto vocalizam

mentalmente os seguintes mantrans:

“LIFAROS - LIFAROS - LICANTO - LIGORIA.

“Vocalizem estes mantrans dividindo-os em sílabas. Se observarem cuidadosamente a inteligente fonética

destes mantrans, verão ressaltadas as três vogais IAO dos grandes mistérios. Nestes sagrados mantrans da

Cabala esconde-se e combina-se o IAO.

“Os discípulos devem dormir vocalizando com a mente estes quatro mantrans cabalísticos. Quando

despertarem do sono normal, pratiquem um exercício retrospectivo para recordar o que viram e ouviram no

período de sono.

http://www.voppus.com.br 13


TAROT EGÍPCIO LIÇÃO 05

A INICIAÇÃO

“Fujam daqueles que vendem iniciações.

“Recorda, bom devoto, que a Iniciação é a tua própria vida. Se queres a Iniciação, escreve-a sobre uma vara

(aquele que tiver entendimento que entenda porque aqui há sabedoria).

“O caminho da libertação está representado pela vida, paixão, morte, ressurreição e ascensão de nosso

Adorável Salvador.

“Recordem que o Ego não recebe Iniciações, portanto não se presumam de Iniciados. Não digam: Eu tenho

tantas iniciações. Eu tenho tais poderes, porque isso é soberba e vaidade.

“Só o Íntimo recebe Iniciações. Nós, pobres homens, nada mais somos do que a sombra pecadora de quem

nunca pecou.

“Devemos procurar morrer cada vez mais em nós mesmos para que nasça em nós o Filho do Homem".

Até aqui as palavras do Dr. Samael.

Planeta: Plutão

Signo: Escorpião

Sephirote Cabalístico: Malchuth

Letra hebraica: Iod

Axioma Transcendente: "Custoso é saber o que compras com a experiência, e mais custoso é o que te falta

comprar".

Elementos de Predição: promete boa e má fortuna, elevações e descensos, possessões legítimas e

possessões duvidosas, reconsiderações de passadas contingências e circunstâncias que se repetem

de diferentes formas.

14 VOPPUS STELLA MARIS


LIVRO DE THOT LIÇÃO 05

ARCANO 11 - A PERSUASÃO

"Persuasão" provém do latim

"persuasione", significando o ato ou efeito de

persuadir, convencer, levar a crer, aceitar,

induzir, persistir.

É preciso lembrar a você, querido leitor,

que cada lâmina possui um SEGREDO

MÁGICO. Não é possível, dentro de uma

linguagem humana, descrevê-la em sua

totalidade. O simbolismo da lâmina é críptico,

devendo você mesmo lê-lo e entendê-lo

pessoalmente. A VERDADE deve ser

vivenciada e não apenas observada, como se

fosse algo fora de nós mesmos. Agindo assim

nunca a alcançaremos. O simbolismo das

cartas do Tarot está dentro de nós mesmos.

Se você fracassou em alguma coisa, está

vivendo o Arcano 16. Se você está passando

por uma situação muito dolorosa, sofrida, está

vibrando com o Arcano 5.

Se obteve um sucesso esplêndido, tanto material como espiritual, está sendo

influenciado pelo Arcano 3. Se está enfrentando uma batalha duríssima, porém está

vencendo, o Arcano 7 tem o predomínio. E assim sucessivamente. Cada situação de

nossa vida material ou espiritual pode ser relacionada com uma lâmina do Tarot.

Na parte superior da lâmina, o triângulo equilateral com a ponta para baixo indica as

três forças celestes descendo harmoniosamente (veja Arcano 3).

Na parte central da lâmina, destaca-se a figura de uma mulher fechando a boca do

leão. Sobre a cabeça feminina há uma coroa terminando com uma serpente à testa,

demonstrando que tem o poder e a maestria.

O leão é o símbolo da realeza, do ouro, do sol. No Egito, acreditava-se que o leão

presidia às inundações anuais do Rio Nilo por causa do relacionamento deste fenômeno

com a entrada do Sol no signo zodiacal de Leão. O leão vitorioso representa a virilidade

exaltada e o leão domado a expressão existencial.

O número 11 é o mais multiplicável que existe porque "1" representa a mulher e outro

"1" representa o homem. Logo, 1+1=2. 1 é masculino e 2 é feminino. O homem é uma

unidade e a mulher é outra unidade. As duas unidades juntas formam o Arcano 11 do

Tarot. Somente o homem, trabalhando com a mulher na Grande Obra, poderá criar os

CORPOS DE OURO.

Na parte inferior da lâmina há uma pomba ou falcão sobre a serpente, dentro de um

quadrado.

A serpente que caminha representa a força da sexualidade ou energia contida no

Kundalini (veja Arcanos 1,2 e 3). A pomba ou falcão alegoriza o TERCEIRO LOGOS, o

ESPÍRITO SANTO, HORUS.

http://www.voppus.com.br 15


TAROT EGÍPCIO LIÇÃO 05

O Dr. Samael Aun Weor, em seu livro "CURSO ESOTÉRICO DE CABALA", diz o

seguinte sobre o Arcano 11:

“O Hieróglifo do Arcano 11 do Tarot é uma mulher formosa, coroada com o Signo do Infinito, que tranquila e

com uma serenidade olímpica, fecha com as próprias mãos as fauces de um furioso leão. Os tronos dos Reis

Divinos sempre foram adornados com leões de ouro maciço. O ouro significa o fogo sagrado do Kundalini.

Isto nos faz lembrar de Horus: ouro.

“Precisamos transmutar o chumbo da personalidade no ouro do Espírito, trabalho que só se torna possível no

laboratório do alquimista.

“Quando o pombinho alquimista é coroado, se transforma em um Deus do fogo e fecha com as próprias mãos

as fauces terríveis do furioso leão.

“O ouro potável da alquimia é o fogo sagrado do Espírito Santo. Seria impossível o ligamento da Cruz-Homem

no Triângulo-Espírito sem o ouro potável.

O NÚMERO 11

“Este número consta de duas unidades que Henry Kunrath traduz nestas duas palavras: COAGULA e

SOLVE.

“Precisamos acumular o fogo sagrado e depois aprender a projetá-lo. A chave está na conexão do membrum

virile com o genitalia mulieris. Aquietamento do membrum virile e do genitalia mulieris e de quando em

quando suave movimento. Transmutar os instintos animais em vontade, a paixão sexual em amor, os

pensamentos luxuriosos em compreensão e assim vocalizar os mantrans secretos.

“O número 11 decompõe-se cabalisticamente assim: 1+1 = 2 (1 masculino e 2 feminino).

OS PARES DE OPOSTOS DA SANTA ALQUIMIA

“POSITIVO - NEGATIVO

ATIVO - PASSIVO

OSÍRIS - ÍSIS

BAAL - ASTARTE

BEL - ASHTAR

SHIVA - PARVATI

ESPOSO - ESPOSA

PAI - MÃE

SOL - LUA

FOGO - ÁGUA

CALOR - FRIO

VOLÁTIL - FIXO

ENXOFRE - MERCÚRIO

ALQUIMIA CHINESA

“O céu é masculino como Yang e seu elemento é o fogo. A terra é feminina como Yin e seu elemento, a água.

Na doutrina taoísta encontramos o tantrismo branco.

16 VOPPUS STELLA MARIS


LIVRO DE THOT LIÇÃO 05

“O Yin-Yang, o Dragão e o Tigre, são o eixo do taoismo. Segundo a interpretação taoista, o Yin-Yang é o

produto do T'Ai Chi, a matéria-prima do universo, da união sexual deste par de opostos vem a criação. No

tantrismo branco da Índia e do Tibete existe o maithuna (magia sexual).

“O budismo tântrico branco, o taoismo chinês e a legítima yoga tibetana praticam o Arcano A.Z.F. Apenas os

pseudo-iogues infrassexuais, que abundam tanto na América e na Ásia, odeiam o Arcano A.Z.F.

“A alquimia chinesa é a base das autênticas escolas de yoga. As lojas amarelas são escolas de regeneração.

Os infrassexuais odeiam mortalmente as escolas de regeneração.

ESCOLAS DE REGENERAÇÃO

“Regenerar-se significa gerar-se novamente, criar-se de novo, tornar a criar-se. Nascer de novo é um

problema absolutamente sexual.

“As escolas de regeneração estão governadas por Netuno. Este planeta tem um ciclo de 165 anos que

controla as épocas de atividades públicas e secretas destas escolas.

“O esoterismo das escolas de regeneração é o Arcano A.Z.F. Os Mestres destas escolas ensinam aos

discípulos a ciência que lhes permite a dissolução do SI MESMO. O NÃO EU precisa nascer em nós. Algo

velho deve morrer no homem e nascer-lhe algo novo.

“Regeneração significa criar dentro de nós mesmos um novo

cosmos. Apenas o trabalho com o Leão do Fogo possibilita

esta criação. Os Chacras das glândulas sexuais estão

controlados por Urano, porém as escolas de regeneração

são de tipo netuniano.

“Os grandes astrólogos afirmam que a glândula pineal está

influenciada por Netuno. A potência da glândula pineal

depende da potência sexual.

“Regeneração significa criar dentro de nós mesmos um novo cosmos. Apenas o trabalho com o Leão do Fogo

possibilita esta criação. Os Chacras das glândulas sexuais estão controlados por Urano, porém as escolas de

regeneração são de tipo netuniano.

“Os grandes astrólogos afirmam que a glândula pineal está influenciada por Netuno. A potência da glândula

pineal depende da potência sexual.

“Grandes escolas de regeneração existiram no transcurso da história. Basta recordar a Escola Alquimista dos

Rosacruzes que se fez secreta no ano de 1620. Outras escolas vêm chegando à memória como a Aryabarta

Ashrama do Tibete, a seita dos maniqueus de origem persa, os famosos sufis com suas sagradas danças, os

Templários, etc. Todas elas foram escolas de regeneração e em todas elas praticava-se o coitus reservatus.

As escolas de regeneração constituem a Cadeia de Ouro da Loja Branca.

PROJEÇÃO DO FOGO

“O Kundalini pode ser projetado para qualquer chacra ou para qualquer lugar distante. Nas vértebras

cervicais, o Kundalini toma a forma do Quetzal (esta é a Ave de Minerva). No momento supremo da cópula

http://www.voppus.com.br 17


TAROT EGÍPCIO LIÇÃO 05

sagrada, podemos enviar a Ave de Fogo para cada um dos sete chacras a fim de despertá-los totalmente. O

pássaro Quetzal, tanto do varão como da mulher, se nutre com a água do poço, o Ens Seminis.

“O homem e a mulher podem ordenar ao Quetzal e a Ave de Fogo obedecerá. O poderoso mantran JAORI é

a chave secreta que nos confere o poder de mandar no Quetzal. Esta Ave Milagrosa pode transformar-nos o

rosto em caso de perigo, pode fazer-nos invisíveis e pode despertar qualquer chacra do corpo astral. Ela pode

também curar um enfermo distante.

IMAGINAÇÃO

“Existem dois tipos de imaginação: IMAGINAÇÃO MECÂNICA (fantasia); IMAGINAÇÃO CONSCIENTE

(clarividência).

“Os estudantes gnósticos precisam aprender a utilizar a imaginação consciente. Eis uma prática muito boa.

“1) Sentado em uma confortável poltrona ou deitado em decúbito dorsal, o discípulo deve aquietar sua mente

e suas emoções.

“2) Imagine agora, flutuando sobre sua cabeça, o Quetzal maravilhoso.

“3) Vocalize mentalmente o mantram de poder PROWEOA. Com este mantram atrairá para sua imaginação a

imagem divina do Quetzal, esplêndida ave de formoso penacho e grande cauda.

“O discípulo deve se familiarizar com essa ave e aprender a manejá-la, pois com ela despertará seus poderes

internos.

“O mantram PROWEOA, tão usado pelas escolas da Grande Cadeia de Ouro, permite-nos trazer para a

imaginação consciente qualquer imagem das dimensões superiores e ver clarividentemente. O alquimista

deve utilizar este mantram durante o transe da magia sexual para ver o Quetzal".

Até aqui as palavras do Dr. Samael Aun Weor.

Planeta: Sol

Signo: Áries

Letra hebraica: Khapah

Axioma Transcendente: "Gozoso na esperança, sofrido na tribulação, seja constante na oração".

Elementos de predição: promete controle da direção que se segue, domínio dos elementos, vitalidade,

rejuvenescimento, aquisição e perdas de amigos por coisas da família, penas, obstáculos, ciúmes,

traições e resignação para superar as contrariedades.

18 VOPPUS STELLA MARIS


LIVRO DE THOT LIÇÃO 05

ARCANO 12 - O APOSTOLADO

"Apostolado" provém do grego

"apóstolos", significando enviado. O

apostolado vem a ser a missão do apóstolo:

pregar uma doutrina, evangelizar, propagar

um credo.

O número 12 possui muitos

desdobramentos e significados. Vejamos

alguns:

1) Os 12 apóstolos de Cristo: Pedro,

Tiago (o Maior), João, André, Felipe, Tomé,

Bartolomeu, Mateus, Tiago (o Menor),

Simão, Judas e Matias.

2) As 12 Constelações do Zodíaco: Áries,

Touro, Gêmeos, Câncer, Leão, Virgem,

Libra, Escorpião, Sagitário, Capricórnio,

Aquário e Peixes.

3) Os 12 pares de nervos cranianos:

olfatórios, óticos, motores oculares comuns,

patético, trigêmeos, motores oculares

externos, faciais, acústicos, glossofaríngeos,

pneumogástricos, espinhais e hipoglossos.

4) Os 12 pares de meridianos da Acupuntura: pulmão, intestino grosso, estômago,

baço-pâncreas, coração, intestino delgado, bexiga, rins, circulação-sexo e triploaquecedor,

vesícula e fígado.

5) Os 12 pares de costelas dorsais que protegem o coração.

6) Na Bíblia, no Apocalipse de S. João, Cap. 21, encontramos diversas menções sobre

o 12. Destacamos algumas:

“E tinha um grande e alto muro com doze portas e nas portas doze anjos..." (vers. 12).

“E o muro da cidade tinha doze fundamentos, e neles os nomes dos doze apóstolos do Cordeiro" (Vers. 14).

“E as doze portas eram doze pérolas..." (Vers. 21).

7) As 12 tribos de Israel.

8) AS 12 Horas de Apolônio de Tiana.

9) As 12 Chaves da Alquimia, de Basílio Valentim.

Na parte superior da lâmina, o círculo com a cruz simboliza a suástica, conforme

explicado no Arcano 4. Agregamos que a cruz, ao deslocar-se, forma a suástica. Existe a

suástica positiva e a suástica negativa. Adolf Hitler usou a suástica negativa como

símbolo do nazismo. A suástica é o cruzamento das energias masculinas e femininas em

movimento.

Na parte central da lâmina surge a figura de um homem de cabeça para baixo,

pendurado por um pé e com as mãos amarradas.

http://www.voppus.com.br 19


TAROT EGÍPCIO LIÇÃO 05

As duas colunas laterais possuem nove divisões, simbolizando a NONA ESFERA (o

sexo). Existem nove céus e nove infernos. Através do sexo se pode ir ao céu ou ao

inferno, depende do uso que lhe é dado.

Entre as duas colunas, o homem pendurado pelo pé esquerdo. Forma, com a perna

direita atravessando a esquerda, o símbolo da cruz. As mãos, atadas sobre a cabeça,

sugere um triângulo com a ponta para baixo. Esta imagem indica o sexo dominando a

razão. É necessário inverter o símbolo.

O Arcano 12, simboliza as 12 faculdades do homem. Há uma faculdade para cada

signo zodiacal. As 12 faculdades são os 7 CENTROS MAGNÉTICOS, as 7 Igrejas do

Apocalipse ou os 7 Chacras somados com os 5 sentidos (veja Arcano 5 e 7).

Os 7 Chacras da tradição hindu são:

CHACRA IGREJA LOCALIZAÇÃO PÉTALAS

MULADHÂRA ÉFESO BASE DA COLUNA 4

SWADICHTÂNA ESMIRNA ALTURA DA PRÓSTATA 6

MANIPÛRA PÉRGAMO ALTURA PLEXO SOLAR 10

ANAHÂTA TIÁTIRA CORAÇÃO 12

VISHUDDA SARDIS LARINGE 16

ÂJNA FILADÉLFIA ENTRECENHO 2

SAHASRÂRA LAODICÉIA PINEAL 1.000

Os 7 chacras, mais os 5 sentidos, formam as 12 faculdades capazes de investigar as

ultra-dimensões da natureza.

Na parte inferior da lâmina vê-se o Pentáculo de

Salomão, variante da estrela de seis pontas. As três

pontas superiores representam os três traidores de Hiram

Abbif (o Cristo Íntimo): Judas, Pilatos e Caifás (veja

Arcano 6).

O Dr. Samael Aun Weor, filósofo e esoterista

contemporâneo, em seu livro "CURSO ESOTÉRICO DE

CABALA", diz o seguinte sobre o Arcano 12:

“A tradição chinesa fala dos dez troncos (shikan) e dos doze galhos

que vêm a ser os dez sefirotes e as doze faculdades do ser humano.

“Os sete chacras e os cinco sentidos são as doze faculdades.

Os 7 Chacras da tradição

hindu

“O universo saiu do Hoel-Tun chinês, o caos primordial. Os dez

troncos e os doze galhos sairam do caos. Em alquimia, ele é o Ens Seminis, o Lapis Philosophorum ou Pedra

Filosofal.

“Todo o Misterium Magnum acha-se encerrado nessa Suma Materia.

20 VOPPUS STELLA MARIS


LIVRO DE THOT LIÇÃO 05

“O alquimista deve extrair deste Menstrum Universal o ouro potável para conseguir o ligamento da Cruz com

o Triângulo. Antes deste ligamento, não temos existência real. Os quatro corpos do pecado, físico, etérico,

astral e mental, estão controlados pelo Eu.

“O Eu não é o Ser Divino do homem. Realmente, o Eu é uma soma de Eus sucessivos. João guloso, João

embriagado, João intelectual, João religioso, João conquistador amoroso, João jovem, João velho, João

maduro, João negociante... são uma sucessão de Eus, uma sucessão de fantasmas que estão condenados à

morte, inevitavelmente.

“O Eu não constitui o todo do homem. João brigou na cantina, João tornou-se religioso, João tornou-se

bandido... É uma dança de muitos Joãos. Qual o verdadeiro? Enquanto não escaparmos da multiplicidade de

todos esses Eus enganadores, não poderemos assegurar que temos existência real.

“O homem ainda não encarnou sua alma imortal (seu Divino Ser). Deste ponto de vista, podemos assegurar

que o homem não tem existência real ainda. O aniquilamento de todos esses falsos e mal chamados centros

da consciência só é possível com a negação de nós mesmos.

“Assombra-nos ver tantos estudantes de ocultismo intitulando-se com belos e sonoros nomes e vestindo-se

com túnicas de Grandes Mestres, quando ainda nem sequer têm existência real.

“É necessário aniquilar o Eu para adquirir existência real. Desejas beber? Não bebas. Desejas fumar? Não

fumes. Ferem-te na face direita. Ofereças a esquerda.

“A suprema negação do Mim Mesmo acha-se no coito. Não ejacular o Ens Seminis, negar-se no momento

supremo, é absoluto sacrifício do Eu e o resultado de semelhante sacrifício é o despertar do Kundalini.

“O fogo queima as escórias do mal e dissolve o Eu totalmente. O fogo é o ouro potável.

A GRANDE OBRA

“A Grande Obra está representada pelo Arcano 12 do Tarot. Nesta carta vemos um homem dependurado por

um pé. As mãos dele estão atadas nas costas, de modo que seu corpo forma um triângulo com a ponta para

baixo e suas pernas, uma cruz por cima do triângulo.

“Todo o trabalho tem por objetivo adquirir alma, quer dizer, alcançar o ligamento da Cruz com o Triângulo:

esta é a Grande Obra. A décima segunda carta do Tarot é alquimia sexual. A Cruz-Homem deve se ligar com

o Triângulo-Espírito mediante o fogo sexual.

“Segundo os chineses, o Deus Fu-Ji (o Adão Cristo) nasce à meia-noite, no dia 4 da décima lua e aos 12

anos precisos. A Virgem Hoa-Se, passeando pela margem do rio (o licor seminal), concebe em seu ventre ao

Cristo, quando põe seu pé sobre a pegada do Grande Homem. As quantidades 4,10 e 12 devem ser

estudadas à luz dos capítulos 4, 10 e 12 do presente livro.

TANTRISMO BRANCO E NEGRO

“Existe duas classes de tantrismo no oriente. No tantrismo positivo ensina-se a não ejaculação do Ens

Seminis e no tantrismo negativo pratica-se a sua ejaculação.

“Há também um tantrismo cinza no qual não se dá importância à questão da ejaculação seminal. Este último

é perigosíssimo porque pode conduzir os estudantes ao tantrismo negativo, tantrismo negro.

“A yoga sexual positiva pratica-se sem a ejaculação do licor seminal.

“Existe uma Sadhana tântrica para a conexão do Membrum Virile e da Genitalia Mulieris. A conexão realizase

depois de um intercâmbio de carícias entre o homem e a mulher.

“O casal permanece quieto e com a mente em branco para que o Eu não intervenha. Assim chegam ao

êxtase durante esta Sadhana tântrica.

http://www.voppus.com.br 21


TAROT EGÍPCIO LIÇÃO 05

“Os iogues tântricos realizam todo o trabalho sob a direção de um Guru. O único movimento sério que existe

na Índia é o tantrismo branco e ele proíbe a ejaculação do Ens Seminis.

A DÉCIMA SEGUNDA CHAVE DE BASÍLIO VALENTIM

“O Arcano 12, o Apostolado, é profundamente estudado na chave no. 12 de Basílio Valentim. Importa

compreendê-la.

“Do mesmo modo como o Leão transforma a Serpente em sua própria carne quando a devora, assim também

a Pedra Filosofal ou pó de projeção (Leão Vermelho ou Fogo Vivo) tem o poder de transformar ou transmutar

os metais imperfeitos em sua própria substância ígnea.

“Os metais vís são os falsos valores que constituem o Eu. O fogo transmuta-se e o Eu dissolve-se a fim de

adquirirmos alma. Ser é ser diferente. Sem o fermento do ouro (o fogo) ninguém pode compor a Pedra

Filosofal ou desenvolver a Virtude Tintórea. A Tintura do Fogo tem o poder de penetrar em todos os corpos

internos para transformá-los radicalmente. O semelhante une-se ao semelhante para transformá-lo. O fogo

transforma o chumbo da personalidade no ouro do Espírito.

“A síntese da Grande Obra está representada por três serpentes que simbolizam o mercúrio, o sal e o

enxofre. A ave Fênix levanta-se de suas próprias cinzas. Os alquimistas devem trabalhar durante doze horas

para conseguir o fermento do ouro. Eis aqui o Arcano 12 da Cabala.

“Quem possua Ouro Fermentado poderá ter a sorte de Ser realmente.

NÃO IDENTIFICAÇÃO

“O homem é uma máquina adormecida.

“Se tu queres despertar do sono profundo em que vives, não te identifiques com os desejos, dramas,

prazeres, emoções, passagens de tua vida, etc. A cada passo, chama-te à vigilância. Recorda, bom discípulo,

que as pessoas estão sonhando. Analisa todos estes sonhos em que vive a humanidade, porém para que

venhas a despertar não te identifiques com eles. As pessoas acreditam estarem despertas por não estarem

no leito e, no entanto, possuem sua consciência profundamente adormecida. Sonham.

“Tudo que vês entre as pessoas são simples sonhos. Recorda que Não-Identificação não significa abandonar

teus deveres como pai, mãe, filho, etc.

“Não te identifiques e assim despertarás do sono profundo em que vives".

Até aqui as palavras do Dr. Samael.

Planeta: Lua

Signo: Touro

Letra Hebraica: Lamed

Axioma Transcendental: "Mesmo que o Sol te fatigue de dia, e a Lua te entristeça à noite, não leves teus pés

ao escorregadouro nem durmas enquanto estejas em guarda".

Elementos de predição: promete contrariedades, angústias, quedas, perdas materiais em certas

condições de vida e ganhos em outras, pressentimentos que animam e pressentimentos que

desencorajam.

22 VOPPUS STELLA MARIS


LIVRO DE THOT LIÇÃO 05

TAROPRAXIS 5

CONCENTRAÇÃO: PODER DINÂMICO

Desta lição em diante, vamos lhe ensinar várias práticas para o desenvolvimento do

poder da concentração. Aquele que quiser ser eficiente nas consultas do Tarot terá,

inevitavelmente, que possuir determinada capacidade concentrativa.

Saiba que a concentração é um poder fantástico, quando inteligentemente dirigido. Um

homem ou uma mulher de inteligência normal, com uma concentração altamente

desenvolvida, pode realizar mais trabalhos do que um intelectual que possua uma fraca

atenção.

O maior empecilho ao nosso

triunfo pessoal, social, mental ou

espiritual deve-se, principalmente, à

falta de atenção. Se você prestar

atenção em uma só coisa por vez,

poderá conhecer os seus vários

aspectos e características. A pessoa

comum do mundo, sem nenhum

treinamento, realiza várias

atividades ao mesmo tempo,

permitindo que muitas coisas entrem

pelas portas de sua mente. Devido a

isto, seu pensamento é confuso,

nublado ou desordenado. Não há clareza no pensamento. A pessoa é incapaz de analisar

e sintetizar. Está confusa, perplexa com a multidão de idéias e pensamentos. Não pode

expressar-se claramente.

Em contraposição, uma pessoa disciplinada pode ater-se a um único assunto pelo

tempo que julgar necessário, extraindo dele informação completa e detalhada, passando

então para outro. Um indivíduo buscador do AUTO-CONHECIMENTO deve desenvolver a

faculdade da CONCENTRAÇÃO.

Você não pode prestar atenção em duas coisas, dois assuntos ao mesmo tempo.

Embora a mente seja muito rápida, ela só pode cuidar de um assunto por vez. Devido à

velocidade tremenda com que a mente se desloca, para frente e para trás, passa a falsa

sensação de poder prestar atenção em vários assuntos ao mesmo tempo. Você só pode

ouvir ou ver uma coisa de cada vez.

http://www.voppus.com.br 23


TAROT EGÍPCIO LIÇÃO 05

Trataka, na Índia, significa "fixação do olhar em um ponto". Trataka é concentração.

Infelizmente, todos nós somos muito dispersos. Nosso pensamento é inconstante.

Estamos, a cada instante, pensando em pontos diferentes.

Preparamos esta série justamente para que você desenvolva a sua capacidade de

concentração. A DISCIPLINA MENTAL, nos dias de hoje, é por demais negligenciada. A

disciplina regular de CONCENTRAÇÃO ajuda na organização psicológica e mental,

favorece no melhor desempenho profissional, alivia a tensão emocional ou nervosa,

capacita a restauração do poder curativo do corpo, melhora as condições de estudo e

aprendizagem, etc.

CONCENTRAÇÃO consiste em focalizar a MENTE em determinado objeto físico ou

abstrato, numa parte do corpo, num som, etc. A concentração da mente rompe as vias

psicossomáticas prejudiciais, dissipa a ansiedade, favorece ao relaxamento. Pode ser

praticada em grupo ou individualmente.

A posição do corpo é de vital importância. A coluna vertebral deve ser mantida ERETA,

quer você esteja sentado ou deitado. O alinhamento postural traz benefícios fisiológicos e

psicológicos notáveis. Sugerimos que o praticante siga os comandos a seguir até se autodisciplinar.

Antes de iniciar sua prática, providencie para que o Módulo 1 deste curso esteja ao

alcance de suas mãos. Caso você possua o baralho do Tarot egípcio ponha os Arcanos

1,2,3,4,5 e 6 ao seu lado, de maneira que possa alcançá-los facilmente.

CONCENTRAÇÃO I

1) Releia atentamente todos os pontos abordados no Relax IV (Lição 4) e siga as

instruções do item 1 ao 10;

2) Abra os olhos. Pegue o Arcano 1 estampado na lição ou a carta do baralho, caso o

tenha, e olhe-o atentamente. Não permita que seu pensamento fuja para outra coisa.

Mantenha-se concentrado somente no Arcano 1 por cerca de 1 minuto e meio;

3) Feche os olhos e procure relembrar,

por uns 2 minutos, de todos os elementos

observados no Arcano 1;

4) Repita os itens 2 e 3 para o Arcano 2;

5) Repita os itens 2 e 3 para o Arcano 3;

6) Idem para o Arcano 4;

7) Idem para o Arcano 5;

8) Idem para o Arcano 6;

9) Esta prática deve durar, no mínimo,

35 minutos;

10) OUTPRAXIS (veja Relax I, Lição 1);

11) Aqui termina o TAROPRAXIS 5.

Fraternalmente,

SEU INSTRUTOR DE CLASSE.

24 VOPPUS STELLA MARIS


LIÇÃO 06

ARCANOS MAIORES (13 a 16)


TAROT EGÍPCIO LIÇÃO 06

PREZADO ESTUDANTE:

Os princípios descritos nas lâminas do Tarot são eternos. Povos, em distintas épocas e

culturas, tiveram seus símbolos. Quanto mais elevada for a cultura espiritual de um povo,

maior será sua riqueza simbólica retratando as leis cósmicas eternas e imutáveis.

ARCANO 13 - A IMORTALIDADE

Imortalidade origina-se do latim "morte",

ou seja, perda da vida, da existência. O

prefixo "I" indica negação. Imortalidade é a

qualidade ou condição de imortal, eterno,

perpétuo, imorredouro, que nunca terá fim.

O grande poeta do passado, Horácio,

dizia o seguinte: "Pallidamors aequo pulsat

pede pauperum tabernas/ Regium turres"

(A pálida morte tanto bate à porta do

casebre dos pobres, como também dos

palácios dos reis). A vida e a morte são

aspectos de um mesmo todo. Quando algo

morre, algo nasce.

O glorioso povo Maia, que habitou a

região mexicana e parte da América

Central, era possuidor de riquíssima cultura

ideográfica e precisão matemática

assombrosa para os dias de hoje. Os maias

floresceram há milênios antes de Cristo.

Vejamos alguns pequenos fragmentos da

Numerologia, intimamente associados aos

Arcanos do Tarot.

SIMBOLOGIA NUMÉRICA MAIA

Os maias possuíam cálculos precisos e sumamente complexos. Dentro da numerologia

maia destacam-se os números 5,9,13 e 20, mais os adjacentes que, dentro de uma

escala básica vão de 1 a 22. È luz do Esoterismo Gnóstico podemos compreender uma

parte da intrincada sequência numérica maia.

Vamos nos deter na compreensão das características da cifra 13, já que este número é

encontrado com muita frequência na matemática astronômico-esotérica maia.

O 13 pode ser desdobrado em 1+3=4. Analisemos estes quatro valores.

O número 1 representa a Divindade Única e Existente, denominada pelos maias de

HUNAB KU. Por sua sagrada natureza, nunca o representaram nem o adoraram em

nenhum templo. É o PRINCÍPIO CRIADOR E SUSTENTADOR por excelência. Hunab Ku

(o número 1) se desdobra nas três forças primárias. Hunab Ku é o único doador do

movimento e da medida. Abstratamente, era representado pelo círculo e o quadrado.

O 3, unido ao 1, representa a trindade dentro da UNIDADE DA VIDA, que soma 4. A

cruz é a esquematização do número quatro, onde cada ponta da cruz indica os

respectivos 4 elementos da natureza.

2 VOPPUS STELLA MARIS


LIVRO DE THOT LIÇÃO 06

A concepção e a representação das divindades maias, em certos casos, são

individuais e quádruplas, simultaneamente.

CHAAC, deus da chuva, estava perfeitamente diferenciado, mesmo assim aparecia em

4 formas distintas, de acordo com os quatro pontos cardeais.

CHAC XIB CHAAC, de cor vermelha, é o Chaac do Este.

SAC XIB CHAAC, de cor branca, é o Chaac do Norte.

EK XIB CHAAC, de cor negra, é o Chaac do Oeste.

KAN XIB CHAAC, de cor amarela, é o Chaac do Sul.

Nesta mesma ordem de conceitos encontramos os PAUAHTANES, as 4 divindades

encarregadas de manejar o vento. Eram colocadas nos quatro pontos cardeais:

CHACPAUAHTUN era encontrada no Leste, tendo a cor vermelha.

SACPAUAHATUN era encontrada no Norte, tendo a cor branca.

EKPAUAHTUN era encontrada no Oeste, tendo a cor negra.

KANTAUAHTUN era encontrada no Sul, tendo a cor amarela.

Os BACABES eram os quatro deuses que sustentavam o mundo desde os pontos

cardeais. O sagrado livro maia, denominado CHILAM BALAM, diz o seguinte sobre estes

deuses:

“A Cabaça Vermelha se derrama na terra do Oriente. A rosa vermelha é seu depósito. A flor encarnada é sua

flor.

“A Cabaça Branca se derrama, inunda a terra do norte. A rosa branca é seu depósito. A flor branca é sua flor.

“A Cabaça Negra se derrama sobre a terra do poente. O lírio negro é seu depósito. A flor negra é sua flor.

“A Cabaça Amarela rega a terra do sul. O lírio amarelo é seu depósito. A flor amarela é sua flor".

TRINDADE NA UNIDADE DA VIDA (1+3=4)

O 1 representa, de acordo com o Tarot, a unidade, o Espírito Divino que é universal,

mas que se individualiza em cada ser humano. O 1 é a mãe de todas as unidades.

O 1 se desdobra no 2 e, logo a seguir, no 3. O Arcano 2 é a manifestação da unidade.

O Pai que está em segredo, o PRINCÍPIO UNIVERSAL DA VIDA (masculino) se desdobra

no ETERNO PRINCÍPIO UNIVERSAL FEMININO. Simultaneamente é universal e

particularizado em cada ser humano ou em cada forma daquilo que se conhece como

MÃE DIVINA. A DÚADA produz o 3, o FILHO.

O 1 é a MÔNADA, o Espírito Divino Particular. O 2 é a Mãe Divina, derivada da

Mônada, o Pai. O 3 é o Filho.

Entre os egípcios, Pai, Mãe e filho eram Osíris, Ísis e Horus, constituindo os três

aspectos do ESPÍRITO DIVINO E IMORTAL de todo ser humano.

No Popol Vuh, estes três aspectos são denominados de "O CORAÇÃO DO CÉU". Esta

obra maia diz que Deus criou o homem de barro e depois de madeira (raça atlante), mas

eles se esqueceram do "coração do céu", isto é, de seus pais e mães celestiais. Por tal

atitude, veio o grande dilúvio e todos pereceram.

http://www.voppus.com.br 3


TAROT EGÍPCIO

LIÇÃO 06

O 4 simboliza a cruz, cujas quatro pontas representam os quatro pontos cardeais da

Terra: norte, sul, leste e oeste.

A cruz

é um símbolo muito antigo. Na concepção dos nahuas

e maias é a suástica

sagrada dos grandes

mistérios, a cruz em movimento. Para os astecas era NAHUI-OLLIN,

o símboloo sagrado do

movimentoo cósmico.

Não podemos limitar a cruz a uma única religião ou civilização, visto que a

encontramos em diferentes povos e em diferentes épocas. Nos templos de PALENQUE,

região maia mexicana, encontramos a cruz representada em seus altares

e baixos

relevos.

Este é o HUNAB-KU,

símbolo sagrado

dos maias.

Observe a grande

semelhança com TAO

chinês.

Narrações de cronistas espanhóis, da época da conquista mexicana, dizem: "Quando

nossa gente descobriu o reino de YUCATAN, ali encontrou cruzes. Em destaque havia

uma, fabricada em pedra e argamassa, com

altura de dez palmos , erguida em

um pátio...

junto a um suntuoso templo. Está na ilha

de COZUMEL. Afirma-se que esta cruz foi

adorada, de fato, como o Deus

da água e da chuva.. . Quando foi perguntado onde ou

quem havia ouvido falar pela primeira vez deste símbolo, responderam que um homem

muito gentil, no passado, percorreu a região

e que ele a deixou para que se lembrassem

dele".

Recordemos que Hunab Ku ( o UM) era concebido através do círculo e do quadrado. O

1+3 origina o 4, cujo símbolo (a cruz) revela a "quadratura do círculo" ou a chave do

movimento perpétuo, o Arcano

AZF, localizado na Nona Esfera, ou 9. Estes pontos

estudaremos em futuras lições.

13: TRANSFORMAÇÃO

Prosseguindo com

o número 13, vemos que os maias o epresentavam em sua

cronologia como um elemento ligado ao TEMPO.

Somando-se 13+9

encontramos 22. A cifra 22 corresponde aos

22 Arcanos do Tarot

Egípcio, cujos conceitos podem ser encontrados nos ensinamentos

ocultos maias.

Somando-se 13+20 encontramos 33. A cifra 33 corresponde às 33 vértebras de nossa

coluna vertebral. No campo esotérico sabe-se que as vértebras da espinha dorsal formam

o caminho pelo qual o iniciado deve percorrer para alcançar sua

AUTO-REALIZAÇÃO

ÍNTIMA DO SER.

O Arcano 9 (ou a cifra 9 maia), dentro do Tarot, representa a nona esfera ou o SEXO.

O Arcano 13 (ou

a cifra 13

maia), no Tarot, representa a MORTE. Não estamos

tratando tão somente da morte física, mas também nos referindo à MORTE

PSICOLÓGICA. A morte mística é a eliminação de nossos defeitos e imperfeições,

4

VOPPUS STELLA MARIS


LIVRO DE THOT LIÇÃO 06

indispensável para a RESSURREIÇÃO DA ALMA. Desta forma podemos associar o 13 à

IMORTALIDADE.

Os maias concebiam o nosso sistema solar

organizado em 13 céus, dispostos em níveis, onde

a Terra era o mais baixo. Também acreditavam

que abaixo da crosta planetária haviam 9 esferas

inferiores, distribuídas em níveis até atingir o

centro da massa terrestre.

A visão maia dos 9 círculos inferiores da Terra

é a mesma do poeta florentino Dante Alighieri em

sua obra gnóstica "A Divina Comédia", onde

descreveu os 9 círculos infernais.

Em cada uma das regiões superiores, ou céus,

presidia um dos 13 deuses cósmicos,

denominados OXLAHUNTIKU. O termo maia

OXLAHUN significa 13, a sílaba TI=de, o sufixo

KU=deus. Oxlahuntiku quer dizer DEUS DO

TREZE.

Nas regiões inferiores o mesmo se repetia com

os 9 círculos infernais. Sobre cada região abismal

presidia um dos nove deuses da região submersa.

O termo maia BOLONTIKU origina-se de

BOLON=9, TI=de e KU=deus. Bolontiku significa DEUS DO NOVE. A diferença é

encontrada no último círculo infernal, que se denomina MITNAL, cujo governo estava sob

a regência de AH PUCH, o Deus da Morte.

O Arcano 13 nos revela, justamente, este elemento tão forte na vida, ou seja, a própria

morte.

Todos nós, consciente ou inconscientemente, tememos a morte. Entretanto, o temor à

morte não evitará que ela nos alcance. Necessitamos, pois, compreender o processo da

Morte.

Na parte superior da lâmina vemos a representação de flores, correspondendo ao

brotamento, florescimento, nascimento, a vida em todo seu esplendor surgindo nas

esferas superiores do Cosmo.

Na parte central da lâmina destaca-se um Hierarca com sua gadanha ou foice,

ceifando o trigo.

O raio eletrônico da morte é tão poderoso que reduz o corpo humano a cinzas. A

energia da morte, ao circular pelo corpo humano, o destrói completamente, da mesma

forma que um raio de uma tempestade pulveriza uma árvore quando a atinge. Diz o Dr.

Samael Aun Weor, em sua obra "O Livro dos Mortos": "... quando a essência (ALMA) se

desprende do velho corpo, sob o impacto terrível do raio da morte, se produz uma tensão

elétrica tremenda e uma nota chave, cujo resultado automático é o movimento e

combinação dos genes determinantes do futuro corpo físico. Assim é como os sutis

constituintes do óvulo fecundado se acomodam em disposição correspondente, tendo

como base a tensão elétrica e a chave da morte".

http://www.voppus.com.br 5


TAROT EGÍPCIO LIÇÃO 06

Como o assunto morte é LEI DO UNIVERSO, vamos estudá-la judiciosamente,

baseados em investigações de esoteristas autênticos, místicos iluminados, homenssábios

e livros antigos.

O BARDO-THODOL é um livro milenar dos tibetanos, também denominado "O LIVRO

TIBETANO DOS MORTOS". A gloriosa cultura egípcia possuía seu livro sagrado dos

mortos, intitulado "O LIVRO DOS MORTOS EGÍPCIO". As duas seculares obras, egípcia

e tibetana, contêm hinos, letânias, orações, mensagens do mundo ultra-tumba e as

orientações para que o moribundo a atravessasse de forma natural.

Existem quatro regiões cósmicas:

1) MUNDO MINERAL - Localizado nas infra-dimensões da natureza, abaixo da crosta

terrestre. É o inferno das tradições religiosas;

2) MUNDO CELULAR - Localizado na superfície do planeta, em nossa biosfera. É a

região em que agora vivemos;

3) MUNDO MOLECULAR - Localizado nas regiões supra-dimensionais da atmosfera.

Corresponde ao paraíso religioso;

4) MUNDO ELETRÔNICO - É a região mais elevada. Corresponde ao céu das

religiões. É os mundos da Lua e do Espírito Puro.

Necessitamos compreender alguns conceitos e definições para nos adiantarmos neste

assunto intrigante que é a Morte.

CORPO FÍSICO - É o nosso corpo material, físico, tridimensional. Resulta da fusão da

semente feminina (óvulo) com a masculina (esperma). Sustenta-se com os alimentos

sólidos, líquidos e gasosos.

CORPO VITAL - Também é chamado de Duplo Etérico ou Corpo Bioplasmático,

segundo pesquisas russas. O corpo vital é energético, composto de éteres ou "plasma".

Vive na quarta dimensão. Encontra-se dentro do corpo físico e não se separa jamais dele.

Nos canais de energia do corpo vital se fazem aplicações de acupuntura, moxabustão,

do-in, etc.

6 VOPPUS STELLA MARIS


LIVRO DE THOT LIÇÃO 06

PERSONALIDADE - É um veículo formado durante os sete primeiros anos de vida.

Sua constituição é atômica e energética, produto da educação recebida e fortalecida

através da idade.

EGO - Soma de todas as imperfeições, defeitos psicológicos, apegos, medos,

orgulhos, vaidades, invejas, luxúrias, etc., que carregamos dentro de nós. O ego provém

de vidas anteriores, sendo a base de todo o nosso sofrimento, infortúnio, amargura e

fracasso na vida. O Ego pode ser robustecido ou eliminado. Robustecer o Ego é se

candidatar ao ingresso no MUNDO MINERAL. Eliminar o Ego é aspirar à vida no MUNDO

ELETRÔNICO ou no MOLECULAR. O Ego relaciona-se à quarta e, principalmente, à

quinta dimensão.

ESSÊNCIA DE ALMA - A essência de Alma é o Buddhata do Zen Budismo, é a

Consciência, é a Chispa Divina dentro de nós, é o princípio anímico que nos conecta com

o infinito. A Essência de Alma vibra na sexta dimensão.

ANJOS DA MORTE - Seres divinos encarregados de desconectar o cordão eletrônico

(Cordão de Prata) que liga os Corpos Físico e Vital com a Alma. Quando estão

trabalhando, adotam a forma espectral do esqueleto, pois este é o seu traje de serviço,

assim como o médico veste-se de branco, o juiz usa a toga, o mecânico o seu macacão,

etc. A foice ou gadanha é o seu instrumento de trabalho, da mesma forma que o médico

usa o bisturi ou o mecânico a chave de fenda. Os Anjos da Morte são belíssimas

criaturas. Fora de seu trabalho assemelham-se a formosas crianças, damas respeitáveis

ou veneráveis anciãos. Os Anjos da Morte operam de acordo com a GRANDE LEI ou a

LEI DO KARMA (veja Arcano 5).

ANJOS DA VIDA - São os seres celestiais encarregados de religar a Alma e o Ego

com um óvulo fecundado. Trabalham de acordo com a LEI DO KARMA, que

detalharemos mais a frente.

Quando morremos, três aspectos vão ao sepulcro:

1) CORPO FÍSICO; 2) CORPO VITAL; 3) PERSONALIDADE.

O Corpo Físico vai se decompondo juntamente com o Corpo Vital.

A ex-Personalidade do morto também vai perdendo energia, todavia de forma mais

lenta. A ex-personalidade são os fantasmas que assombram os cemitérios. Não têm a

mínima condição de fazer mal a ninguém. A ex-personalidade não se reencarna nunca.

Não há futuro para ela, pois é filha do tempo e morre a seu tempo.

O que resta da operação da morte são dois aspectos:

1) A ESSÊNCIA DE ALMA; 2) O EGO REEENCARNANTE.

http://www.voppus.com.br 7


TAROT EGÍPCIO LIÇÃO 06

Comprimento, largura e espessura formam as três dimensões do MUNDO CELULAR

em que vivemos. O TEMPO é a quarta dimensão. A ETERNIDADE é a quinta dimensão.

Aquilo que está além do tempo e da Eternidade corresponde à sexta dimensão.

A Essência de Alma vai à SEXTA DIMENSÃO e o Ego reencarnante à quinta

dimensão. Como a Alma não possui o SER encarnado (veja Arcanos 1,2 e 3) é

violentamente expulsa, voltando a reencarnar-se trazendo junto o Ego, ou adentrando-se

no MUNDO MINERAL definitivamente, quando já for caso perdido.

Na lâmina 13, o Hierarca ceifa as espigas de trigo, indicando a suspensão daquilo que

já deu vida, frutificou. E as flores representam o renascimento. A morte e a vida estão

ligados por um fio muito tênue.

A superstição que se tem sobre o 13 deve-se, justamente, a este arquétipo mostrado

neste Arcano. Através dos séculos esta imagem penetrou no inconsciente coletivo, sendo

muitíssimo difícil a sua compreensão real. Temer à morte é tão absurdo como temer à

vida.

Na parte inferior da lâmina, a imagem da gadanha nos lembra o instrumento que corta

a vida. Devemos compreender que vida e morte são verso e reverso de uma mesma

medalha.

O Dr. Samael Aun Weor, em seu livro "CURSO ESOTÉRICO DE CABALA", diz o

seguinte sobre o Arcano 13:

“O Arcano 13 do Tarot é o Arcano da Morte.

“Realmente, a morte é o regresso à matriz. A vida e a morte são dois fenômenos de uma só e mesma coisa.

A morte é o resto de uma operação com números inteiros. Finda a operação, ficam apenas os valores da

consciência, os quais, vistos com a clarividência, parecem legião de fantasmas que continua.

“A reencarnação destes valores corresponde à mecânica da natureza. Verdadeiramente, a alma não se

reencarna porque o homem ainda não encarnou sua alma. Somente os valores reencarnam-se.

EMBRIÃO DE ALMA

“O homem possui apenas um embrião de alma. Este embrião pode desenvolver-se e robustecer-se com a

magia sexual. Às vezes, o embrião julga ser o todo e esquece-se de sua origem. Quando isto acontece,

fracassamos totalmente.

“O homem deve alcançar a imortalidade, que ainda não possui. Apenas aqueles que encarnaram sua alma

são imortais.

MENTE

“Diz-se que o homem tem uma mente. O homem tem muitas mentes, dizemos nós. Cada fantasma do Eu

Pluralizado tem sua mente e sua auto-independência. O homem é uma máquina adormecida manejada pela

legião do Eu. Necessitamos engendrar a Mente Cristo.

ASTRAL CRISTO

“Quem cria o Astral Cristo pode se imortalizar. O Astral Cristo nasce somente com a magia sexual. Aquelas

pessoas que em reencarnações passadas deram origem ao Astral Cristo, conservam a memória de suas

vidas passadas e sabem entrar e sair do corpo à vontade. Essas pessoas são imortais.

“O homem comum e vulgar não tem identidade verdadeira porque através dele apenas se expressam os

fantasmas do Eu Pluralizado. Depois da morte, o homem é legião.

8 VOPPUS STELLA MARIS


LIVRO DE THOT LIÇÃO 06

“Quem encarna a alma, adquire identidade verdadeira. Já É. O homem , no entanto, é um ser que não a

conseguiu ainda.

VONTADE

“O homem confunde a força do desejo com a vontade. Precisamos engendrar a Vontade Cristo.

LABORATORIUM ORATORIUM

“O Adepto e sua mulher devem trabalhar no Laboratorium Oratorium juntos. Na câmara nupcial, o Rei e a

Rainha realizam combinações alquimistas; fora da câmara real os corvos da putrefação devoram o Sol e a

Lua (enegrecimento e putrefação dos corpos do pecado ou crisálidas internas).

“Em uma tumba de vidro, apodrecem os corpos do pecado. A tumba de vidro é o Vaso da Alquimia. As almas

levantam vôo (símbolo da borboleta que sai da crisálida. Símbolo dos veículos cristificados que saem da

crisálida).

“Um corpo hermafrodita (Sol e Lua) vem à vida com a influência celestial do orvalho (o Ens Seminis). O corpo

hermafrodita representa os veículos crísticos internos que foram criados com a magia do sexo. Todos os

veículos crísticos se penetram e compenetram sem se confundirem. Quando o homem possui estes veículos,

encarna a sua alma. Ninguém, nenhum homem é verdadeiramente homem enquanto não possua a estes

corpos crísticos.

“Realmente, a morte é o regresso à matriz. A vida e a

morte são dois fenômenos de uma só e mesma coisa.

A morte é o resto de uma operação com números

inteiros. Finda a operação, ficam apenas os valores da

consciência, os quais, vistos com a clarividência,

parecem legião de fantasmas que continua.

“A reencarnação destes valores corresponde à

mecânica da natureza. Verdadeiramente, a alma não

se reencarna porque o homem ainda não encarnou

sua alma. Somente os valores reencarnam-se.

A RETORTA DA ALQUIMIA

“A matéria-prima da Grande Obra está dentro da retorta. Esta matéria venerável é muito volátil e não está

fixa. Suas características especiais são a instabilidade e a variabilidade. Acendendo o fogo sexual debaixo da

retorta da alquimia, a venerável matéria esquenta e se funde.

“Ao chegar a esta parte do trabalho, a matéria venerável converteu-se em um formosíssimo menino de

radiante beleza: o Soma Puchicon, o corpo de ouro. Com este precioso veículo podemos, conscientemente,

visitar todos os departamentos do Reino.

“Dando novas propriedades a esta liga de metais da Alquimia, aparece dentro do fantasma astral o Astral

Cristo: preciosíssimo menino que nos confere a imortalidade. Quando este segundo corpo está formado, vem

o problema de compreender, integralmente, todo poder e todo conhecimento adquirido, o que se torna

possível dando a esta liga de metais a Inteligência Crística. O precioso veículo da Mente Cristo eleva-se feliz

da retorta do laboratório e sai do interior do fantasma mental.

“Completado este trabalho, ainda falta algo. Falta a Vontade Cristo. Esquentando intensamente a retorta do

laboratório, vem à vida um menino divino: a Vontade Cristo, o corpo divino da alma. Aqueles que conseguem

criar todos estes veículos crísticos dentro da retorta da alquimia, encarnam a alma totalmente, integralmente.

Somente quem consegue encarnar a Alma merece o precioso título de HOMEM. Apenas esta classe de

http://www.voppus.com.br 9


TAROT EGÍPCIO LIÇÃO 06

homens pode se elevar ao reino do Super-Homem. Apenas esta classe de homens verdadeiros pode receber

o Elixir da Longa Vida.

“Nenhum esboço de homem pode encarnar a alma. Nenhum desalmado pode receber o Elixir da Longa Vida.

Temos de criar os veículos crísticos para encarnar a alma e somente aqueles que encarnam a alma têm

direito a receber o maravilhoso elixir que nos leva ao reino do Super-Homem.

ESCAMAS DE SERPENTES - CRISÁLIDAS DE BORBOLETAS

“Os fantasmas do etérico, astral, mental e causal, depois de cada uma das grandes Iniciações de Mistérios

Maiores, são semelhantes a crisálidas de borboletas, abandonadas depois que elas voaram; ou a escamas de

serpentes, também abandonadas.

“Dissolver o Ego Pluralizado e desintegrar cascões é precisamente o trabalho de homens, anjos e deuses,

depois das grandes iniciações (Ahamsara).

“Os resíduos cármicos dos deuses são estes fantasmas do Eu Pluralizado.

“Todo homem que encarna a alma pode pedir o Elixir da Longa Vida, o qual é um gás de imaculada brancura

que, no fundo vital do organismo, fica depositado.

“Quem recebe o Elixir da Longa Vida torna-se um Mestre Ressurrecto.

RESSURREIÇÃO

“O Iniciado comparece em corpo astral diante de seu Santo Sepulcro, no terceiro dia, acompanhado pelas

hierarquias divinas. O Iniciado invoca seu corpo e este, com a ajuda das hierarquias divinas, levanta-se

penetrando no hiperespaço. Assim, consegue escapar da sepultura.

“As Santas Mulheres tratam o corpo físico do iniciado com drogas e unguentos aromáticos, nos mundos

supra-sensíveis do hiperespaço. Obedecendo a ordens supremas, o corpo penetra em seguida dentro da

alma do Mestre pela cabeça sideral. Assim, o Mestre volta a ficar de posse de seu corpo físico. Esta é a

dádiva de Cupido.

“O Mestre, depois da ressurreição, não morre mais, torna-se eterno. O Cristo yogue da Índia, o imortal Babaji,

e sua irmã Mataji, vivem com os seus corpos físicos há milhões de anos. Estes imortais são os vigilantes da

Muralha Guardiã que protege toda a humanidade.

“Os imortais podem aparecer e desaparecer instantaneamente. Fazem-se visíveis no mundo físico à vontade.

Cagliostro, Saint Germain, Quetzalcoatl e muitos outros imortais têm feito grandes obras no mundo.

“Primeiro devemos ser homens completos para, mais tarde, depois da ressurreição, nos elevarmos até o

reino do Super-Homem. O homem atual nada mais é do que um fantasma de homem".

Aqui terminam as palavras do Dr. Samael Aun Weor.

Planeta: Mercúrio

Signo: Gêmeos

Letra hebraica: Men

Axioma Transcendente: " A noite passou e chegou o novo dia. Veste-te, pois, com as armas da luz".

Elementos de predição: promete desenganos, desilusões, mortes de afetos, negativas no que se

solicita, colapso, gozos puros gratos da alma, melhoras de doloroso desfrute, ajuda de amigos,

renovação de condições, as boas para pior, as más para melhor.

10 VOPPUS STELLA MARIS


LIVRO DE THOT LIÇÃO 06

ARCANO 14 - A TEMPERANÇA

O vocábulo temperança origina-se do latim

"temperantia", significando moderação. É o

hábito da moderação. A temperança

caracteriza a pessoa senhora de si mesma,

capaz de dominar-se e usar os bens da

vida, não como fins mas, sobretudo, como

meio para atingir objetivos mais elevados.

Na parte superior da lâmina destaca-se

a imagem do Sol projetando 7 raios visíveis

e sete invisíveis, formando a unidade 14.

Aclaramos que dentro da matemática

cabalística cada número é uma unidade.

Portanto, o Arcano 14 não é uma soma de

valores inferiores a si mesmo, como 8+6 ou

10+4, etc. O Arcano 14 é uma unidade cuja

base está nas características que lhe são

próprias, da mesma forma que o Arcano 5

representa a LEI ou o Arcano 7 o

TRIUNFO, a luta, a batalha.

O Sol, com suas 7 pontas projetivas e 7 receptivas, representa os sete corpos ou

princípios do homem e os sete corpos da mulher. Os sete princípios masculinos, somados

aos sete princípios femininos, formam a base do Arcano 14. As sete pontas visíveis

também alegorizam os sete planetas, e as sete pontas invisíveis os sete chacras ou

vórtices de energia cósmica do ser humano.

Na parte central da lâmina destaca-se uma mulher com uma indumentária altamente

simbólica, portando às mãos duas ânforas em atitude de mesclagem de dois elixires.

Mouni Sadhu, sério esoterista contemporâneo, diz o seguinte em seu livro "El Tarot":

“O nome científico do Arcano é INGENIUM SOLARE, e o vulgar TEMPERANÇA. Que idéia está incorporada a

esta carta? É a sinteticamente entendida influência do Sol, personificado como o Gênio Solar, o hieróglifo, um

feto deve finalmente nos conduzir à síntese".

A mulher, ao centro da lâmina, alegoriza ao anjo solar que já incorporou os sete

princípios. A Tríade Superior é mostrada na sua roupa na forma de um triângulo com a

ponta para cima, e o Quaternário Inferior é simbolizado no quadrilátero logo abaixo do

triângulo.

A TRÍADE SUPERIOR é o Íntimo, a Alma Espiritual e a Alma Humana (veja Arcano 3).

O QUATERNÁRIO INFERIOR são os quatro corpos do pecado: Físico, Vital, Astral e

Mental (veja Arcano 4 e 7).

O anjo segura dois jarros: um é de ouro e o outro é de prata. O jarro de ouro contém o

ELIXIR VERMELHO. O jarro de prata contém o ELIXIR BRANCO. Os dois elixires, unidos,

formam o ELIXIR DA LONGA VIDA.

No simbolismo dos antigos alquimistas medievais, o ELIXIR VERMELHO é a Árvore da

Vida, o nosso REAL SER, o mercúrio macho. O ELIXIR BRANCO é a Árvore da Ciência

http://www.voppus.com.br 11


TAROT EGÍPCIO LIÇÃO 06

do Bem e do Mal, é a força sexual do Éden, o sexo, o mercúrio fêmea. O ELIXIR DA

LONGA VIDA é a própria imortalidade.

Na parte inferior da lâmina destacam-se três flores e uma serpente que sobe por uma

delas. As três flores alegorizam as três forças: Atman, Buddhi e Manas da Teosofia,

Osíris, Ísis e Horus dos Mistérios Egípcios, Íntimo, Alma Espiritual e Alma Humana . A

serpente é o fogo sagrado do Terceiro Logos.

O Dr. Samael Aun Weor, esoterista, filósofo, humanista, em sua obra "CURSO

ESOTÉRICO DE CABALA", diz o seguinte sobre o Arcano 14:

“Convém saber que a profunda sabedoria do Arcano 14 divide-se, classicamente, em três partes:

“1) TRANSMUTAÇÃO;

2) TRANSFORMAÇÃO;

3) TRANSUBSTANCIAÇÃO.

“Estudemos cada uma delas em separado.

TRANSMUTAÇÃO

“Um anjo, trazendo o signo do sol na testa, aparece no Arcano 14.

Observando o peito do anjo, veremos o quadrado e o triângulo do

esoterismo gnóstico. O anjo tem duas taças que mistura entre si. Em uma

delas está o Elixir Branco e na outra o Elixir Vermelho. O Elixir da Longa

Vida origina-se da mistura inteligente destas duas substâncias.

“Quando o setenário homem se une sexualmente com o setenário mulher,

faz-se uma soma que dá como resultado o Arcano 14 do Tarot. Não é

demais informar, de passagem, que o homem tem sete princípios, a

mesma coisa que a mulher.

“O centro mais importante e mais rápido do ser humano é o sexo. O

processo de criar um novo ser realiza-se dentro da lei das oitavas. As sete

notas da escala musical são a base de toda a criação. Se transmutarmos

a energia criadora, iniciaremos uma nova oitava no mundo etérico cujo

resultado será o nascimento do Soma Puchicon, o traje de bodas da Alma.

Com este veículo, podemos penetrar conscientemente em todos os

departamentos do Reino.

“A terceira oitava permite-nos enegendrar o verdadeiro astral: o Astral

Cristo. Ao chegar a estas alturas, o velho astral fantasma fica reduzido a

um cascão vazio que vai se desintegrando pouco a pouco.

“A quarta oitava permite-nos gerar a Mente Cristo, veículo que nos dá

verdadeira sabedoria e unidade de pensamento. Somente quem engendra

a Mente Cristo tem o direito de dizer: Tenho corpo mental. O corpo mental

atual é apenas um fantasma de fachada. Realmente, ele converte-se em

um cascão oco, quando nasce a verdadeira mente, depois se desintegra e

se reduz a poeira cósmica.

“Um anjo, trazendo o

signo do sol na testa,

aparece no Arcano 14.

Observando o peito do

anjo, veremos o quadrado

e o triângulo do

esoterismo gnóstico. O

anjo tem duas taças que

mistura entre si. Em uma

delas está o Elixir Branco

e na outra o Elixir

Vermelho. O Elixir da

Longa Vida origina-se da

mistura inteligente destas

duas substâncias.

“A quinta oitava musical produz o verdadeiro corpo causal. Ao chegarmos a estas alturas, encarnamos a alma

e já temos existência real. Antes desse instante não temos existência real.

12 VOPPUS STELLA MARIS


LIVRO DE THOT LIÇÃO 06

TRABALHO COM O CHACRA PROSTÁTICO

“Depois de terminar o trabalho diário com o Arcano AZF, o alquimista deve se deitar em decúbito dorsal (boca

para cima) e trabalhar com o chacra prostático, chacra deveras importante no trabalho da alta magia.

“O alquimista inala o ar vital, retém o alento enquanto dirige a corrente nervosa para baixo, até a próstata,

com a intenção de fechar aqueles esfíncteres que existem entre as vesículas seminais e a uretra. O esforço a

ser feito para enviar as correntes eletro-nervosas deve ser semelhante ao esforço que faz a mulher, quando

se esforça para parir. Nesses momentos, a mulher age com pujança e de sua laringe sai o som da letra M.

Krumm-Heller diz que pelas letras M e S deve começar a Iniciação. Nós queremos nascer nos mundos

internos, portanto devemos usar também a letra M, como quem age com pujança. Trata-se de nascer e

devemos nascer.

“A seguir, exalamos lentamente. Aguardamos que a respiração volte ao natural. Sempre, ao inalar,

bombeamos mentalmente, fazemos subir a energia sexual pelos canais Idâ e Pingalâ até o cálice, o cérebro.

Repetimos o esforço e continuamos.

IMAGINAÇÃO E VONTADE

“A imaginação é feminina e a vontade, masculina. Quando trabalhamos com o chacra prostático, devemos

unir estes dois poderes em bodas alquímicas para promover o ascenso da energia criadora.

“Em primeiro lugar, pelos canais simpáticos do corpo físico. Depois, pelos canais simpáticos do corpo etérico.

Mais tarde, pelos canais simpáticos do corpo de desejos e pelos canais simpáticos do corpo causal. Os

estudantes avançados devem levar a energia criadora até o Ain Soph.

“O estudante tem que aprender a conduzir a energia criadora do cérebro até o coração, depois de algum

tempo de prática. O Arcano 14 é o Arcano da Temperança.

TRANSFORMAÇÃO

“Um corpo em estado de Jinas pode assumir qualquer aparência. Circe transformava os homens em porcos.

A lenda diz que Apuleio converteu-se em um asno.

“Os mantrans latinos para a transformação são os seguintes: EST SIT, ESTO FIAT, porém somente em

estado de Jinas podemos nos transformar.

“A seguir, daremos uma chave para sair em estado de Jinas.

“O estudante senta-se diante de uma mesa, mantendo os braços cruzados sobre ela. Normalmente,

adormece com a cabeça apoiada nos braços. Relaxa bem a mente. Esvazia-a de todo pensamento até que

fique em branco, assim estará relaxado. Depois, imagina a sensação de sopor que antecede o sono,

identifica-se com ela e dorme. Quando o estudante sentir que está dormindo, levanta-se da cadeira, porém

conservando o sono, tal qual um sonâmbulo. Em seguida, deverá dar um longo salto com o propósito de que

o corpo físico se submirja no hiperespaço.

“Marca com um lápis (giz) o local exato onde terminou o salto. Em outro dia repetirá o mesmo experimento e

marcará com um lápis (giz) o local onde pousou o pé.

“Conforme for praticando, notará que o salto ficará cada vez maior, chegando o dia em que dará um salto

além do normal. Isto o alegrará muito porque indicará que seu corpo já está penetrando no espaço superior. A

constância, a paciência, a vontade e a tenacidade farão o estudante triunfar.

“Um dia qualquer, poderá sustentar-se dentro do hiperespaço definitivamente. Depois de penetrar com seu

corpo físico nos mundos internos, achar-se-á em estado de Jinas e poderá se transportar a qualquer lugar da

Terra em poucos instantes. Será então mais um investigador dos mundos superiores.

“Antes de iniciar a sua prática de Jinas, invoque os gênios Jinas. Invoque muitas vezes a Oguara, assim:

http://www.voppus.com.br 13


TAROT EGÍPCIO LIÇÃO 06

“Creio em Deus. Creio em Oguara e em todos os gênios da ciência Jinas. Levai-me aos templos da ciência

Jinas com meu corpo. Oguara! Oguara! Oguara! Levai-me!

“Esta invocação repete-se milhares de vezes, antes de adormecer.

“Agora, estudemos rapidamente o terceiro aspecto do Arcano 14 do Tarot.

TRANSUBSTANCIAÇÃO

“A última ceia do Adorável Salvador do mundo data de épocas arcaicas. O Grande Senhor da Atlântida

também a praticou como o Cristo Jesus.

“Ela é uma cerimônia de sangue, um pacto de sangue. Os apóstolos trouxeram, cada um, seu sangue em

uma taça e o misturaram depois com o sangue real do Adorável no cálice da última ceia, o Santo Graal.

Assim, os corpos astrais dos apóstolos uniram-se ao Astral Cristo mediante o pacto de sangue.

“Os apóstolos beberam do sangue contido no cálice e Jesus também bebeu.

“A Santa Unção Gnóstica está unida à última ceia pelo pacto de sangue. Quando os átomos crísticos descem

ao pão e ao vinho, eles convertem-se, de repente, na carne e no sangue do Cristo.

“Esta é a transubstanciação".

Até aqui as palavra do Dr. Samael.

Planeta: Júpiter

Signo: Câncer

Letra hebraica: Nun

Axioma Transcendente: " Não seja como uma palha diante do vento, e nem como o vento diante da palha".

Elementos de predição: promete amizades, afetos recíprocos, obrigações, combinações químicas e de

interesses, amores aflitos, amores devotos, amores traiçoeiros, coisas que permanecem e coisas que

se vão, as primeiras para irem-se e as segundas para voltarem.

ARCANO 15 - A PAIXÃO

Etimologicamente, o termo Paixão provém do latim

"patior", significando padecer, ser afetado por um objeto e

reagir por um movimento. No aspecto que nos toca tratar,

refere-se ao movimento de um desejo ou apetite sensorial.

Este é o conceito de paixão de acordo com a tradição da

Filosofia Escolástica. Os psicólogos vêem a paixão sob o

aspecto de uma inclinação tornada predominante e que

rompe o equilíbrio da vida psíquica. Sob o ponto de vista do

Tarot, a paixão é o apego, o desejo, o materialismo

insaciável. Por este motivo, em diversos tarots encontramos

a paixão representada pelo demônio ou DIABO.

Mas, o que é o Diabo? Carl G. Jung, conceituado

psicólogo de nosso século, em seu livro "Psychological

Reflection" assinala a figura clássica do Diabo como meio

homem, meio fera, afirmando o seguinte: "... descreve

exatamente o lado grotesco e sinistro do inconsciente, pois,

na verdade, nunca nos envolvemos diretamente com ele,

logo, permaneceu em seu estado selvagem original".

14 VOPPUS STELLA MARIS


LIVRO DE THOT LIÇÃO 06

Eliphas Levi, autêntico esoterista e ocultista do século passado, em seu livro "Dogma e

Ritual de Alta Magia", afirma:

“Existe um diabo? Que é o diabo? È primeira pergunta, a Ciência cala-se; a Filosofia nega ao acaso, e só a

religião responde afirmativamente. È segunda, a religião diz que o diabo é o anjo caído; a Filosofia Oculta

aceita e explica esta definição".

Vemos o diabo representado em todas as culturas da face da Terra. O diabo é uma

imagem arquetípica cuja origem, direta ou indireta, se perde na poeira dos milênios. Na

Bíblia, é citado pela primeira vez na forma de uma serpente. Diz Levi, no livro já

mencionado: " A antiga serpente da lenda nada mais é do que o agente universal, é o

fogo eterno da vida terrestre, é a alma da terra e o fogo vivo do inferno".

Existem duas serpentes:

1) A Serpente que sobe, a serpente de luz, da vida, o Kundalini ascendente;

2) A Serpente que desce, a serpente das trevas, do desejo, da paixão, o contrakundalini,

a cauda de Satã.

Qual é a origem primordial do diabo? Quem o criou, sem dúvida, foi Deus, porque

Deus é o criador de todas as coisas. O que afirmamos está solidamente embasado na

Sagrada Bíblia. Em Isaías, encontramos as seguintes passagens:

“Para que saiba desde o nascente do sol, e desde o poente, que fora de mim não há outro: eu sou o Senhor,

e não há outro" (45:6).

“Eu formo a luz, e crio as trevas; eu faço a paz, e crio o mal; Eu, o Senhor, faço todas as coisas" (45:7).

Nos Evangelhos vemos que Jesus foi tentado pelo diabo. Vejamos em Lucas:

“E disse-lhe o diabo: Dar-te-ei a ti este poder e a sua glória, porque a mim me foi entregue, e dou-o a quem

quero" (vers.6).

“E Jesus, respondendo, disse-lhe: Vai-te, Satanás, porque está escrito: Adorarás o Senhor teu Deus, e só a

Ele servirás" (vers. 8).

“... Não tentarás ao Senhor teu Deus" (vers. 12).

O diabo se apresenta a Jesus como tentador e instrutor. O diabo é a sombra de Deus.

Não pode haver luz sem sombra. O Dr. Samael Aun Weor, em sua obra "A Doutrina

Secreta de Anahuac", diz o seguinte:

“Xolotl-Lúcifer, como preceptor, educador, mentor, resulta certamente insólito, inusitado, extraordinário...

“Há, na tentação luciferina, didática inimitável, pedagogia portentosa, atração que assombra, incentivo

inconfundível, instigação oculta com propósitos divinos, secretos, sedução, fascinação...

“Disso tudo, podemos inferir que, dentro de nossas profundas intimidades, podemos e devemos lutar contra o

Dragão e suas hostes tenebrosas (os defeitos psicológicos) se é que, de verdade, queremos nos converter

em Filhos da Sabedoria e em Deuses Imortais".

Na parte superior da lâmina vemos o símbolo de Osíris, ou o poder sobre a cabeça da

besta. Esta alegoria simboliza que Deus deu poder ao diabo e também um reino nas

profundezas dos Infernos ou Abismo.

Na parte central vemos Tifón ou Seth. Este era a representação do diabo entre os

egípcios.

http://www.voppus.com.br 15


TAROT EGÍPCIO LIÇÃO 06

Dizem os alquimistas medievais que devemos roubar o fogo do diabo. Só podemos

roubá-lo trabalhando com o Arcano AZF, que estudaremos posteriormente. Se não

roubarmos o fogo do diabo seremos queimados pelas vis paixões humanas.

Cada um de nós possui seu próprio Tifón, Seth, Lúcifer ou Diabo interno. Sabemos

que, além dos afetos, do corpo e da mente está o LOGOS INTERIOR, Divino, o Real

dentro de nós. Ele projeta seu próprio reflexo, sua sombra particular, dentro de nós

mesmos, aqui e agora. Esta sombra é o LÚCIFER, o tentador particular de cada um de

nós.

Destaca-se na cabeça de Tifón os dois chifres, e sobre eles duas serpentes. Os chifres

tanto representam ao Diabo como a Deus. O pintor Miguelângelo, artista responsável pela

pintura da Capela Santa Cistina, no Vaticano, representou

Moisés com dois chifres divinos. Os chifres alegorizam

dois vórtices ou chacras energéticos.

As serpentes indicam o poder associado ao sexo. A

energia do sexo nas mãos do Diabo é aterradora. A

energia do sexo nas mãos de Deus é divina. A energia

sexual não é boa nem má, depende da direção que

damos a ela. Se fizermos mal uso dela, o diabo se

fortalecerá dentro de nós e cairemos nas profundezas do

Abismo. Se fizermos bom uso dela, as virtudes divinais

serão fortificadas e nos dirigiremos a Deus.

O rosto de Tifón Bafometo está deformado pelo

acúmulo de maldades, perversidades, erros, defeitos e

pecados. O Bafometo é representado como o latão que a

humanidade enegreceu com a degeneração. Bafometo ou

BAPHOMET é a figura do Arcano 15, na tradição dos

antigos Templários. Para se compreender o profundo

simbolismo da palavra BAPHOMET deve-se lê-la ao

contrário, da direita para a esquerda, como no hebraico.

Assim, teremos: TEMOHPAB, cujo significado em latim é

TEMPLI OMNIUM HOMINUM PACIS ABBAS. Sua

tradução é: PAI DO TEMPLO, PAZ UNIVERSAL DOS

HOMENS ou O SACERDOTE DO TEMPLO DA PAZ PARA TODOS OS HOMENS. O

mistério do Bafometo é a transmutação da energia sexual.

Os seios demonstram que a figura é andrógina. Na mão direita leva uma serpente,

símbolo da energia sexual. Na mão esquerda segura o báculo, indicando que tem o

poder. Usa um avental que cobre os órgãos sexuais. O próprio avental forma uma cauda.

Esta é o rabo do diabo, a cauda de Satã. A cauda alegoriza o CONTRA-KUNDALINI ou

ÓRGÃO KUNDARTIGUADOR. A energia sexual, quando é desperdiçada ou ejaculada

pelo organismo, mobiliza energias astrais e mentais, formando um cone energético que se

direciona para baixo, rumo aos infernos atômicos.

Na parte inferior da lâmina destaca-se a imagem alegórica da LEI, de Geburah (veja o

Arcano 5).

O Dr. Samael Aun Weor, em seu livro "CURSO ESOTÉRICO DE CABALA", diz o

seguinte sobre o Arcano 15:

“Vamos estudar agora o Arcano 15 do Tarot, o Bode de Mendes, Tifão Bafometo, o Diabo.

16 VOPPUS STELLA MARIS


LIVRO DE THOT LIÇÃO 06

“O alquimista deve roubar o fogo do diabo.

“Quando trabalhamos com o Arcano AZF, roubamos o fogo do diabo e nos convertemos em deuses.

“Na testa do Bode de Mendes resplandece o Pentagrama Esotérico. O Caduceu de Mercúrio substitui os

órgãos sexuais. Em síntese, podemos dizer que este Caduceu de Mercúrio representa os órgãos sexuais.

“Todo alquimista necessita trabalhar com o Caduceu de Mercúrio. Este trabalho realiza-se com a

transmutação. Resplandece a Estrela de Cinco Pontas quando roubamos o fogo do diabo.

“Temos de desenvolver o Kundalini e dissolver o Eu porque somente assim alcançaremos a liberdade.

TRABALHO COM O DEMÔNIO

“Os Iniciados do quarto caminho, o Caminho do Homem Astuto, denominam Trabalho com Diabo o processo

de dissolução do Eu.

“Os tenebrosos sabem atacar violentamente. Todo aquele que trabalha na dissolução do Eu, mesmo não

sendo demônio, vê-se rodeado de demônios. Quando os clarividentes não Iniciados vêem um homem assim,

julgam-no equivocadamente, caluniando-o como demônio.

“Os Iniciados do Caminho do Homem Astuto se tornam enigmáticos. Os discípulos da senda costumam ficar

confusos ao contemplar velas negras nos altares desses Iniciados e os julgam equivocadamente.

TÉCNICAS DA DISSOLUÇÃO DO EU

“O Eu exerce controle sobre os cinco centros inferiores da máquina humana. Os cinco centros são:

PENSAMENTO, SENTIMENTO, MOVIMENTO, INSTINTO e SEXO.

“A Mente Superior e a Emoção Superior são os dois centros superiores do ser humano que não podem ser

controlados pelo Eu. Se queremos dissolver o Eu, devemos estudá-lo nos cinco centros inferiores.

“Precisamos de compreensão. Urge compreender as ações e reações de cada um dos centros inferiores da

máquina humana. O Eu trabalha com eles e somente compreendendo a fundo a atividade de cada um desses

centros inferiores nos colocamos a caminho para a dissolução do Eu.

“Duas pessoas reagem de forma diferente ante uma representação. O que surge como agradável para uma

pode ser desagradável para a outra. A diferença está, muitas vezes, que uma delas pode julgar e ver com a

mente e a outra pode ser tocada em seus sentimentos. Aprendamos a diferenciar a mente do sentimento.

“Uma coisa é a mente e outra o sentimento. Na mente existe todo um jogo de ações e reações que deve ser

cuidadosamente compreendido. No sentimento existem afetos que devem ser crucificados e emoções que

devem ser estudadas. Em geral, todo um mecanismo de ações e reações que facilmente se confundem com

as atividades da mente.

MOVIMENTO

“Precisamos nos auto-descobrir e compreender a fundo nossos hábitos. Não permitamos que nossa vida siga

desenvolvendo-se mecanicamente. Parece incrível que nós, vivendo dentro dos moldes dos hábitos, não

conheçamos estes moldes que condicionam nossa vida. Precisamos estudar e compreender nossos hábitos.

“Necessitamos nos auto-observar na maneira de falar, vestir, andar, etc.

“Os hábitos pertencem ao centro do movimento. Os jogos de futebol, tênis e todos os esportes em geral

pertencem a este centro.

“Quando a mente interfere, obstrui e danifica este centro, por ser ela muito lenta e o centro do movimento

muito rápido. Quando um datilógrafo trabalha com o centro do movimento, pode se equivocar de tecla se a

mente chegar a intervir. Um homem dirigindo um automóvel, poderia sofrer um acidente se a sua mente

chegasse a intervir.

http://www.voppus.com.br 17


TAROT EGÍPCIO LIÇÃO 06

INSTINTO

“Há várias espécies de instinto: Instinto de Conservação, Instinto Sexual, etc. Há também muitas perversões

do instinto.

“Existem forças subumanas instintivas em todo ser humano que paralisam o verdadeiro espírito de amor e

caridade. Essas forças demoníacas devem ser primeiro compreendidas para depois serem submetidas e

eliminadas. São forças instintivas, criminosas, bestiais: luxúria, covardia, medo, etc. Precisamos compreender

e submeter essas forças bestiais antes de poder dissolvê-las.

SEXO

“O sexo é o quarto poder do ser humano. O sexo pode libertar ou escravizar o homem.

“Ninguém pode chegar ao Ser Íntegro, ninguém pode se realizar a fundo sem a força sexual. O SEXO é o

poder da alma. O ser humano íntegro se consegue somente com a fusão absoluta dos pólos masculino e

feminino da alma.

“A força sexual desenvolve-se, progride e evolui em sete níveis, os sete níveis da alma. Neste mundo físico, o

sexo é uma força cega de atração mútua. No astral, a atração sexual se fundamenta na afinidade dos tipos

segundo suas polaridades e essências. No mental, a atração sexual realiza-se de acordo com as leis da

polaridade e da afinidade mentais. No causal, a atração sexual fundamenta-se na vontade consciente.

“No mundo das Causas Naturais, realiza-se conscientemente a plena unificação da alma. De fato, ninguém

chega à glória plena do estado matrimonial sem antes haver alcançado o quarto grau de Integração Humana.

“Precisamos aprender a fundo o problema sexual. Necessitamos transcender a mecanicidade do sexo para

sabermos procriar filhos de sabedoria.

“As essências humanas estão completamente abertas a todas as classes de influências no instante supremo

da concepção. O estado de pureza dos pais e a força de vontade para não derramar o Vaso de Hermes são

as únicas coisas que podem nos proteger contra o terrível perigo de que se infiltrem no zoosperma e no

óvulo, substâncias subumanas de almas bestiais que querem se reencarnar.

“As essências humanas estão completamente

abertas a todas as classes de influências no

instante supremo da concepção. O estado de

pureza dos pais e a força de vontade para não

derramar o Vaso de Hermes são as únicas coisas

que podem nos proteger contra o terrível perigo

de que se infiltrem no zoosperma e no óvulo,

substâncias subumanas de almas bestiais que

querem se reencarnar.

“Sendo a mulher o elemento passivo, recolhe e armazena os resultados do ato sexual de todos os homens

que adulteram com ela. Esses resultados são substâncias atômicas dos homens com os quais efetuou o ato

sexual. Quando o homem tem relações sexuais com uma mulher que haja sido de outro homem, ou de outros

homens, recolhe as essências atômicas desses outros homens e com elas se auto-envenena.

“Este é um problema gravíssimo para aqueles que estão dissolvendo o Eu. Sucede a esses irmãos que,

doravante, não só terão que lutar contra os próprios defeitos como também contra os erros e defeitos dos

outros homens com quem teve a mulher contato sexual.

18 VOPPUS STELLA MARIS


LIVRO DE THOT LIÇÃO 06

MORTE DE SATANÁS

“Compreendendo as íntimas atividades de cada um dos cinco centros inferiores, descobrimos todo o processo

do Eu. O resultado deste auto-descobrimento é a morte absoluta do Bafometo ou Satã, o tenebroso Eu Lunar

ou Adão do pecado.

“Precisamos ser íntegros e a integração tem sete etapas perfeitamente definidas.

“Primeira etapa - Estado mineral, domínio do corpo físico e de seus cinco centros inferiores.

“Segunda etapa - Estado vegetal, controle sobre seus chacras, discos ou rodas magnéticas. O veículo astral

representa o estado vegetal.

“Terceira etapa - humanização do corpo mental. Comumente, o corpo mental e fantasmal de todo ser humano

tem aspecto e cara de animal. Está animalizado. Quando a matéria mental transforma-se na Mente Cristo,

conseguimos a humanização mental. Atualmente, de humano o homem tem apenas a aparência. No fundo,

ainda é animal. Cada um tem, no mental, a figura animal que corresponde ao seu caráter humano. A mente

representa o animal humano. O assento básico da alma é a função sexual. Aquele que transmuta suas

energias sexuais tem o direito de encarnar sua alma.

“Quarta etapa - O grau de integração do corpo da consciência.

“Quinta etapa - O quinto grau de integração representa todo o ser humano.

“Sexta etapa - O grau de compaixão universal infinita.

“Sétima etapa - A sétima e definitiva etapa só é possível para homens-deuses. Esses são os Super-Homens.

O MISTÉRIO DO BAFOMETO

“É realmente verdadeiro e de toda verdade que o mistério do Bafometo é a alquimia sexual.

“À base de transmutação sexual e de rigorosa compreensão, transformamos o chumbo da personalidade no

ouro do Espírito e então aniquilamos o Eu.

“A rosa elabora seu perfume com o lodo da terra. O perfume da rosa é lodo transmutado.

“O sexo é a porta do Éden. O guardião está na porta. Ele é a esfinge assíria, a esfinge egípcia, o touro de

Moisés com a espada entre as mãos.

“O guardião do Éden é o Ego Psicológico, o Bafometo, que com sua espada afasta do umbral a todos que

não estão preparados. O inimigo está dentro de nós.

“Necessitamos trabalhar com o demônio para dissolvê-lo. Precisamos roubar o fogo do diabo".

Até aqui as palavras do Dr. Samael.

Planeta: Netuno

Signo: Leão

Letra hebraica: Samech

Axioma Transcendente: " Fizeram-me guarda de vinhas; e minha vinha, que era minha, não guardei".

Elementos de predição: promete controvérsias, paixões, fatalidades, prosperidade pelas vias da

legalidade e da fatalidade, afetos nocivos aos que os sentem e ao que é objeto deles. Ânsias

veementes e situações violentas.

http://www.voppus.com.br 19


TAROT EGÍPCIO LIÇÃO 06

ARCANO 16 - A FRAGILIDADE

O termo fragilidade origina-se do latim "fragile",

que significa frágil, fraco, quebradiço, fácil de se

partir ou destruir. O nome tradicional deste

Arcano é TURRIS DESTRUCTA ou TURRIS

FULGARATA, isto é, Torre Destruída ou Torre

Fulminada.

Na parte superior da lâmina surge o potente

raio da justiça cósmica. O relâmpago e o raio

estão associados ao poder supremo. Os heróis e

deuses gregos menores tinham pavor dos raios,

que se projetavam de Zeus ou Júpiter. No

Cristianismo, muitas vezes os artistas

representavam o Espírito Santo na forma de uma

chama originada do céu.

Na antiga Grécia, o sábio Plutarco qualificou o

relâmpago como originador de toda a vida. Ele o

via como um PHALO cósmico fertilizando as

águas genésicas com sua energia primitiva.

Dizem os cientistas atuais que a visão de

Plutarco está em perfeita harmonia com as

descobertas mais recentes no campo da origem

da vida.

Ao raio tem sido sempre atribuído o símbolo da energia divina, força mágica emanada

de Deus. Representa o poder, a luz em sua forma mais primitiva e original.

Ai daquele que desafia os princípios celestes. Será fulminado pelo raio da justiça

celestial e nada poderá impedir isso. O raio passa a ser o agente que tem o poder de

reequilibrar as forças dinâmicas do universo (veja Arcanos 4 e 8).

Na parte central da lâmina há a imagem de uma torre, atingida por um potente raio.

Duas criaturas são lançadas à terra de cabeça para baixo.

A torre alegoriza toda e qualquer edificação feita pelo homem ou pela mulher no curso

de sua existência. Se a torre não for suficientemente sólida e seguir os parâmetros

cósmicos será violentamente fulminada.

O resultado do fracasso, ou a TORRE FULMINADA, passa, inequivocamente, pelos

Arcanos 5 (a LEI), 8 (a JUSTIÇA) e, por fim, à execução da Justiça (Arcano 16). Qualquer

fracasso em nossa vida pode ser representado pelo Arcano 16.

Na parte inferior da lâmina vemos o báculo do poder (ao centro), o bastão de mando

(à direita) e o látego (à esquerda). Estes três arquétipos, representados na parte inferior,

significam a fragilidade ou perda do poder.

As serpentes laterais indicam que o fracasso está ligado, direta ou indiretamente, à

energia sexual.

O Dr. Samael Aun Weor, filósofo, esoterista e escritor contemporâneo, em seu livro

"CURSO ESOTÉRICO DE CABALA", diz o seguinte sobre o Arcano 16:

20 VOPPUS STELLA MARIS


LIVRO DE THOT LIÇÃO 06

“O Arcano 16 do Tarot é o Arcano da Torre Fulminada, a Torre de Babel. Dois personagens são precipitados

para o fundo do abismo. Um deles, ao cair com a cabeça para baixo e as pernas e braços abertos para a

esquerda e direita, representa o Pentagrama Invertido. Muitos são os Iniciados que caem. Muitas são as

torres fulminadas.

“Todo Iniciado que derrama o Vaso de Hermes cai inevitavelmente.

“A lenda dos Anjos Caídos repete-se sempre e seguirá repetindo-se eternamente. Atualmente, há no mundo

muitos deuses caídos, e agora disfarçam-se com corpos de homens.

O ESPECTRO HUMANO

“O homem atual é um desalmado. Quando chega a morte, continua apenas o espectro humano. O embrião de

alma escapa deste espectro.

“Os estados 'post mortem' mencionados pelos ocultistas correspondem ao embrião de alma. Regressa ele

para seu verdadeiro Ser que, normalmente, vive no mundo causal.

“Uma análise profunda leva-nos à conclusão de ser o espectro humano guarida de demônios imundos.

“O ser humano tornou-se legião de demônios que continua. Realmente, a pessoa humana morre. O homem

ainda não é imortal. O homem crê ser imortal e poderoso. Isto é o cúmulo da soberba. O raio da morte o

fulmina, lançando-o do alto da torre de Babel para o abismo. Eis a fatalidade.

ASTRAL CRISTO E MENTAL CRISTO

“O homem tem dois centros que ainda não usa. A Mente Superior e a Emoção Superior são dois centros

divinos, os verdadeiros instrumentos do imperecedor e eterno homem com alma. Podemos estudar

profundamente os grandes mistérios da vida e da morte com os dois centros superiores. Disseram-nos que

com estes dois centros superiores podemos penetrar dentro da Grande Realidade que se acha além da

eternidade e do tempo.

“O homem tem dois centros que ainda não usa. A Mente Superior e a Emoção Superior são dois

centros divinos, os verdadeiros instrumentos do imperecedor e eterno homem com alma.

http://www.voppus.com.br 21


TAROT EGÍPCIO LIÇÃO 06

“Quem acredita usar estes dois centros sem haver criado os veículos da Mente Cristo e do Astral Cristo, está

totalmente equivocado.

“É necessário engendrar antes estes dois veículos para depois vestir a Emoção Superior e a Mente Superior.

Apenas com o Arcano AZF engendramos estes dois veículos superiores.

“O Astral Cristo nasce na terceira Iniciação de Mistérios Maiores e o Mental Cristo nasce na quarta Iniciação

de Mistérios maiores. Os corpos astral e mental, estudados pelos ocultistas e dos quais fala tanto a Teosofia,

são somente miseráveis espectros da morte que deverão ser fulminados pelo raio terrível da Justiça Cósmica.

Assim, cairá a Torre de Babel e Satã afundará no abismo.

IMORTALIDADE

“Todo aquele que possuir os corpos Mental Cristo e Astral Cristo faz-se absolutamente imortal.

“Quando estudamos os veículos crísticos e os comparamos com os corpos astral e mental que usam os

defuntos, achamos as seguintes diferenças:

“ASTRAL CRISTO - Brilha maravilhosamente.

ASTRAL MORTAL - Não resplandece. Trata-se de uma sombra fatal.

“MENTAL CRISTO - Brilha gloriosamente.

MENTAL MORTAL - Não resplandece.

“ASTRAL CRISTO - Está limpo de paixões.

ASTRAL MORTAL - Eis o veículo das paixões animais.

“MENTAL CRISTO - Possui aspecto angélico e divino.

MENTAL MORTAL - Tem aparência animal.

“ASTRAL CRISTO - Tem o Kundalini desperto e os chacras em atividade.

ASTRAL MORTAL - Não tem o Kundalini ativo e se, por acaso, despertou os chacras mediante algum gênero

ou disciplina esotérica, eles brilham como fogos fátuos nas trevas no abismo.

“RESUMO: O homem crístico é imortal enquanto que o homem terrenal não o é. O homem terrenal é uma

sombra enquanto que o homem crístico resplandece como o Sol.

O HOMEM CRÍSTICO É UM SER REALIZADO

“Os estudantes de ocultismo que praticam os exercícios esotéricos sem trabalhar com o Arcano da magia

Sexual assemelham-se ao homem que edifica sobre a areia. Sua construção rolará rumo ao abismo.

“Edifiquemos sobre a Pedra Viva, o sexo.

“Quem desenvolve os chacras no espectro da morte cairá no abismo. O seu templo será uma Torre

Fulminada. Quem fabrica seus corpos crísticos com o Arcano AZF e trabalha no desenvolvimento de seus

chacras converte-se em um Cristo Vivo.

O DESPERTAR DA CONSCIÊNCIA

“É necessário despertar a consciência para não cairmos no abismo da perdição. Atualmente, existem muitos

chefes de grupos esotéricos com a consciência profundamente adormecida. CEGOS GUIAS DE CEGOS

CAIRÃO TODOS NO ABISMO. Esta é a lei.

“Os seres humanos vivem adormecidos.

“Por exemplo, se um grupo de jogadores de futebol despertasse a consciência durante a partida,

seguramente esta não terminaria porque os jogadores, envergonhados, fugiriam do campo de imediato. A

22 VOPPUS STELLA MARIS


LIVRO DE THOT LIÇÃO 06

causa fundamental do sonho profundo em que vive a humanidade chama-se FASCINAÇÃO. Os jogadores de

futebol estão profundamente fascinados pelo jogo e jogam sonhando. Aparentemente estão despertos, mas

na realidade estão sonhando.

“O Ego viaja fora do corpo físico, muitas vezes a remotíssimas distâncias, enquanto o corpo dorme na cama

nas horas de repouso; mas o Ego vive sonhando. De fato, o Ego leva seus sonhos para os mundos suprasensíveis.

Nos mundos internos, os carpinteiros estão na carpintaria sonhando com tudo aquilo que fazem no

mundo físico. O ferreiro na sua ferraria, o policial cuidando das ruas, o alfaiate na sua alfaiataria, o ébrio na

sua taberna, etc. Todos sonham. Todos levam seus sonhos para os mundos supra-sensíveis.

“Depois da morte, repete-se a mesma coisa. O Ego continua seu sonho. Realmente, o Ego carrega os seus

sonhos durante o sono ordinário e depois da morte.

TÉCNICA PARA DESPERTAR A CONSCIÊNCIA

“A técnica para despertar a consciência se baseia na recordação de si próprio. Todo ser humano acha-se

fascinado por distintas coisas, como já foi dito no parágrafo precedente. Quando uma determinada

representação nos fascina, esquecemo-nos de nós mesmos e sonhamos. Já se viu gente lançar-se à

violência durante uma manifestação pública. Cavalheiros que em seu são juízo seriam incapazes de

pronunciar uma má palavra, nestas situações insultam e apedrejam, misturados com a multidão.

“Eis o poder de fascinação. Qualquer um se esquece de si mesmo e sonha, então sonhando faz coisas

muitas vezes absurdas. Depois que passa o sonho vem a vergonha e os problemas. O estudante gnóstico

não deve se deixar fascinar por nada.

“Todo aquele que desperta a consciência vive

completamente acordado nos mundos

superiores durante o sono do corpo. Quem

desperta a consciência faz-se clarividente.

“O estudante deve se recordar de si mesmo na presença de toda representação interessante. Deve fazer

sempre a si próprio as seguintes perguntas:

“Onde estou?

“Que estou fazendo aqui?

“Estarei fora de meu corpo físico?

“Depois, observe cuidadosamente tudo aquilo que o está rodeando. olhe bem para o céu com olhos

esquadrinhadores. um jogo de estranhas cores, algum animal raro, a sombra querida de um ser falecido...

enfim qualquer detalhe dos mundos internos servirá para confirmar que se acha fora do corpo físico e sua

consciência despertará.

“Resulta também muito útil, nesses instantes de reflexão e auto-observação de si próprio, dar um pequeno

salto com a intenção de flutuar no ambiente circundante. Logicamente, se flutuarmos é porque nos

encontraremos fora do corpo físico.

“Se todos os adormecidos fizessem semelhantes perguntas reflexivas durante o sono, despertariam a

consciência. Se o Ego fizesse semelhantes perguntas depois da morte, na presença de qualquer

http://www.voppus.com.br 23


TAROT EGÍPCIO LIÇÃO 06

representação, despertaria instantaneamente. Infelizmente, não ocorre ao Ego semelhantes perguntas porque

jamais na vida teve o costume de fazê-las. É necessário adquirir este costume e vivê-lo intensamente,

somente assim pode ocorrer a idéia de se fazer tais perguntas durante o sono e após a morte. O resultado

desta prática será o despertar da consciência.

“Todo aquele que desperta a consciência vive completamente acordado nos mundos superiores durante o

sono do corpo. Quem desperta a consciência faz-se clarividente.

“Os grandes Mestres não sonham. Os grandes Mestres são cidadãos conscientes dos mundos suprasensíveis.

Eles trabalham durante o sono do corpo nos mundos superiores.

“Urge despertar a consciência para não se andar às cegas porque os cegos podem cair no abismo. O Arcano

16 é muito perigoso.

MEMÓRIA

“Toda a memória encontra-se depositada no subconsciente.

“Muitos iniciados trabalham conscientemente nos mundos superiores durante o sono normal, porém,

infelizmente, no mundo físico o ignoram porque não têm boa memória.

“Aprendamos a manejar o subconsciente. No instante em que estamos despertando do sono, devemos

ordenar ao subconsciente assim:

“Subconsciente, informa-me de tudo o que eu vi e escutei fora do corpo físico.

“Após, pratiquem um exercício retrospectivo para recordar tudo o que foi feito fora do corpo.

“Obriguem o subconsciente a trabalhar. Dêem-lhe ordens imperativas para obrigá-lo a informar.

“Pratiquem este exercício durante o sopor (dormência) do sono, no instante mesmo em que estão

despertando".

Até aqui as palavras do Dr. Samael.

Planeta: Mercúrio

Signo: Virgem

Letra hebraica: Ain

Axioma Transcendente: " Luz do amanhecer, luz do meio-dia, luz do entardecer. O que importa é que seja

luz".

Elementos de predição: promete acidentes, imprevistos, tempestades, comoções, mortes,

necessidades, benefícios por conceito de circunstâncias boas e más, reciprocidade no amor e no

ódio, na indiferença e no ciúmes, na traição e na lealdade.

24 VOPPUS STELLA MARIS


LIVRO DE THOT LIÇÃO 06

TAROPRAXIS 6

Acreditamos que a esta altura sua concentração já deve ter dado bons passos. Se

você não praticou os exercícios cremos que deveria pô-los em ação imediatamente. Se

houve um ou outro dia em que falhou, não tem importância. A chave fundamental do êxito

nestas práticas é a PERSEVERANÇA. Ao desenvolver sua concentração você estará se

capacitando a viver melhor, ser um melhor profissional, além de adquirir maior confiança

no conhecimento dos Arcanos do Tarot, condição indispensável para consultas claras e

objetivas.

Antes de começar, providencie para que os Módulos 1 e 2 deste curso, ou o baralho,

estejam ao alcance de suas mãos, sem que você precise se levantar.

CONCENTRAÇÃO II

1) A concentração II é uma continuidade do Taropraxis 5, portanto releia os itens 1 e 2

da Lição 5;

2) Abra os olhos e pegue o Arcano 7, procedendo conforme já explicado na

Concentração I;

3) Feche os olhos e procure relembrar, por cerca de

2 minutos, de todos os elementos observados no

Arcano 7;

4) Repita o mesmo procedimento para o Arcano 8;

5) Idem para o Arcano 9;

6) Idem para o Arcano 10;

7) Idem para o Arcano 11;

8) Idem para o Arcano 12;

9) Esta prática deve durar, no mínimo, 35 minutos;

10) OUTPRAXIS (veja Relax I, Lição 1);

11) Aqui termina o TAROPRAXIS 6.

Fraternalmente,

SEU INSTRUTOR DE CLASSE.

http://www.voppus.com.br 25


Curso de Tarologia - Tarot Egípcio

O autor, para elaborar este curso valeu-se, através do tempo, de seus estudos,

pesquisas, exames minuciosos de cerca da 10500 (dez mil e quinhentas) obras de acervo

pessoal, em bibliotecas públicas e particulares, e em livrarias de obras novas e usadas,

de todas as especialidades, editadas em diferentes, idiomas, versando sobre os mais

diversos temas básicos associados, direta ou indiretamente com o Tarot. Para esta

Bibliografia foram selecionados 93 autores e 153 obras significativas. Os títulos

mencionados correspondem ao curso completo.

AUN WEOR, Samael ‐ O MATRIMÔNIO PERFEITO, Sol Nascente, São Paulo,1982. MEDICINA

OCULTA, Ed. Gnose, Porto Alegre, 1983. TRATADO DE PSICOLOGIA REVOLUCIONÁRIA, Ageacac,

Belo Horizonte, 1982. TAROT Y CABALA, Sol Nascente, São Paulo, s.d. ZODÍACO HUMANO, Ed.

Gnose, Porto Alegre, 1983. ALQUIMIA SEXUAL, Ed. Gnose, Porto Alegre, 1978. TEURGIA E MAGIA

PRÁTICA, Ed. Gnose, Porto Alegre, 1984. GRANDE REBELIÃO, Ageacac, Belo Horizonte, s.d. LA

REVOLUCION DE LA DIALETICA, Ed. Alcione, Barcelona, 1986. ROSA ÍGNEA, Ed. Gnose, Porto

Alegre, 1981. AS TRÊS MONTANHAS, Ed. Gnose, Porto Alegre, 1980. A DOUTRINA SECRETA DE

ANAHUAC, Sol Nascente, São Paulo, 1992. OS MISTÉRIOS DO FOGO, Ed. Gnose, Porto Alegre, 1982.

A NOITE DOS SÉCULOS, Ed. Gnose, Porto Alegre, 1981. TRATADO ESOTÉRICO DE

ENDOCRINOLOGIA, Sol Nascente, São Paulo, s.d. O ENIGMA DO APOCALIPSE DECIFRADO, Sol

Nascente, São Paulo, s.d. CARIDADE UNIVERSAL, Sol Nascente, São Paulo, s.d. MISTÉRIOS MAIAS,

Sol Nascente, São Paulo, s.d. KUNDALINI‐YOGA (O LIVRO AMARELO), Sol Nascente, São Paulo,

1992. EDUCAÇÃO FUNDAMENTAL, Ed. Gnose, Porto Alegre, s.d. EL PISTIS SOPHIA DEVELADO, Sol

Nascente, São Paulo, s.d. MAGIA DAS RUNAS, Ed. Gnose, Porto Alegre, 1984. DIALÉTICA DA RAZÃO

OBJETIVA, Ed. Gnose, Porto Alegre, 1984. O MISTÉRIO DO ÁUREO FLORESCER, Sol Nascente, São

Paulo, s.d. MEDICINA OCULTA, Ed. Gnose, Porto Alegre, 1983. O PARSIVAL DEVELADO, Sol

Nascente, São Paulo, s.d. MAGIA CRÍSTICA ASTECA, Ed. Gnose, Porto Alegre, 1979. CURSO

ESOTÉRICO DE CABALA, Ed. Gnose, Porto Alegre, 1978. EL PODER DE LOS MANTRANS, Sol

Nascente, São Paulo, 1987. LOGOS, MANTRAM E TEURGIA, Ed. Gnose, Porto Alegre, 1987.

MISTÉRIOS DA MÚSICA, Sol Nascente, São Paulo, s.d.

ADOUM, J. A SARSA DE OREB, FEEU, Porto Alegre, 1987. O PODER DO VERBO, Pensamento, São

Paulo, 1985. AS CHAVES DO REINO INTERNO, Pensamento, São Paulo, 1985. DO SEXO À

DIVINDADE, Pensamento, São Paulo, s.d.

ALEGHIERI, D. A DIVINA COMÉDIA, Edigraf, São Paulo, 1958.

ARGUELLES, J. O FATOR MAIA: UM CAMINHO ALÉM DA TECNOLOGIA, Cultrix, São Paulo, 1987.

AROCHI, L.E. LA PIRAMIDE DE KUKULKAN: SU SIMBOLISMO SOLAR, Panorama, Cidade do México,

1981.

AVALOM, A. THE SERPENT POWER, Ganesh & Lo., Madras, 1958.

AGUS, J.B. LA EVOLUCION DEL PENSAMIENTO JUDIO, Paidos, Buenos Aires, 1969.


ALPHERAT TRATADO DE ASTROLOGIA, Kier, Buenos Aires, 1981.

ANO ZERO (Revista), Ed. Ano Zero, Rio de Janeiro CASUALIDADE OU CAUSALIDADE? ‐ no. 1, Maio

de 1991 NUMEROLOGIA: SETE VEZES MÁGICO ‐ no.7, Novembro de 1991. A MENSAGEM SOCIAL

DOS NÚMEROS ‐ no.8, Dezembro de 1991. TARÔ: CARTAS PARA FALAR COM A VIDA ‐ no.16,

Agosto de 1992. CORPO E ALMA NAS CARTAS DO TARÔ ‐ no.17, Setembro de 1992.

BERGIER, J. e PAUWELS, L. O DESPERTAR DOS MÁGICOS, Difel, São Paulo, 1980.

BARRET, F. THE MAGUS, University Books Inc., EUA, 1967.

BARON, E. LA ENIGMATICA CULTURA EGIPCIA, Ed. Alcione, México, 1982.

BERNARD, J.L. AS ORIGENS DO EGITO, Bertrand, Lisboa, 1978.

BRUNTON, P. L'EGYPTE SECRETE, Paris, 1947.

BESANT, A. UM ESTUDO SOBRE O KARMA, Pensamento, São Paulo, 1991. KARMA, Pensamento,

São Paulo, 1989. DHARMA, Pensamento, São Paulo, 1989.

BUDGE, E.A.W. O LIVRO EGÍPCIO DOS MORTOS, Pensamento, São Paulo, 1990.

BOWRA, C.M. LA HERENCIA DEL SIMBOLISMO, Buenos Aires, 1951.

BREMOND, P.M. O LIVRO DO CASAL, Publicações Europa‐América, Portugal, s.d.

BENOITES, L. EL ESOTERISMO, Buenos Aires, 1969.

BANZHAF, H. MANUAL DO TARÔ, Pensamento, São Paulo, 1991.

CAPRA, F. O TAO DA FÍSICA, Cultrix, São Paulo, 1988.

CIRLOT, J. DICCIONARIO DE SIMBOLOS, Ed. Labor, Barcelona, 1969.

COUSTÉ, A O TAROT O U A MÁQUINA DE IMAGINAR, Ed. Labor do Brasil, 1978.

CAVENDISH, R. THE TAROT, Michael Josefh, Londres, 1975.

CROWLEY, A. ADIVINACIÓN DEL TAROT, Humanitas, Barcelona, 1986.

CAMARGO, P. INICIAÇÃO AO TAROT, Record, Rio de Janeiro, 1992.

DAVIDSON, J. ENERGIA SUTIL, Pensamento, São Paulo, 1987.

DOUGLAS, A. THE TAROT, Londres, 1983.

DEE, N. COMO LER A SORTE PELAS CARTAS, Harmonia, São Paulo, 1991.

DOANE, D. C. e KEYES, K. O TARÔ DO ANTIGO EGITO, Pensamento, São Paulo, 1991.

ELLITO SMITH, G. e DAWSON, W.R. EGYPTIAN MUMMIES, Londres, 1924.

EVANS‐WENTZ, W.Y. O LIVRO TIBETANO DOS MORTOS, Pensamento, São Paulo, 1988.

ELIADE, M. TRATADO DE HISTÓRIA DE LAS RELIGIONES, Madrid, 1954.

EVOLA, J.A. METAFÍSICA DO SEXO, Ed. Afrodite, s.d.

EINSTEIN, A. O PENSAMENTO VIVO DE EINSTEIN, Martin Claret, São Paulo, 1986. COMO VEJO O

MUNDO, Nova Fronteira, Rio de Janeiro, 1983. EDIOURO S/A ‐ Rio de Janeiro COMO TIRAR A

SORTE PELAS CARTAS

FORTUNE, D. AUTO‐DEFESA PSÍQUICA, Pensamento, São Paulo, 1988.A CABALA MÍSTICA,

Pensamento, São Paulo, 1988.

FRICHET, H. LE TAROT DIVINATOIRE ET LE LIVRE DE THOT, Paris, 1924.

GALLENKAMP, C. LOS MAYAS: MISTERIO Y REDESCUBRIMIENTO DE UNA CIVILIZACION PERDIDA,

Ed. Diana, México, 1976.

GOVINDA, A. (Lama) FUNDAMENTO DO MISTICISMO TIBETANO, Pensamento, São Paulo, s.d.

GHYKA, M. C. EL NUMERO DE ORO, 2 volumes, Ed. Poseidon, Buenos Aires, 1968.

GEBELIN, C. de MONDE PRIMITIF, 1781.

GETTINGS, F. THE BOOK OF TAROT, Itália, 1973.

GANEM, E. CURSO DE TAROT, Objetiva, Rio de Janeiro, 1992.

HALEVI, Z.B.S. UNIVERSO KABBALISTICO, Siciliano, São Paulo, 1992. CABALA E PSICOLOGIA,

Siciliano, São Paulo, 1990. ADÃO E A ÁRVORE KABBALISTICA, Imago, Rio de Janeiro, 1990.

HUSON, P. EL TAROT EXPLICADO, Ed. Dédalo, Buenos Aires, 1976.

HAICH, E. SAGESSE DU TAROT, René Gaillard, 1972.


HADES CARTAS E DESTINO, Edições 70, Portugal, 1976.

HOELLER, S.A. OS ARCANOS MAIORES DO TAROT E A CABALA, Pensamento, São Paulo, 1989.

JUNG, C.G. O SEGREDO DA FLOR DE OURO, Vozes, Petrópolis, 1971. PSICOLOGIA E ALQUIMIA,

Vozes, Petrópolis, 1991. SINCRONICIDADE, Vozes, Petrópolis, 1990.

JINARAJADASA, C. FUNDAMENTOS DE TEOSOFIA, Pensamento, São Paulo, s.d.

JANEIRO, I. LA ARCANA DE LOS NUMEROS, Ed. Kier, Buenos Aires, 1967.

JANEIRO, J.I. LA CABALA DE PREDICCION, Kier, Buenos Aires, 1984.

KASTERBERGER, F. EL SAGRADO NOMBRE DE DIOS, Ed. Manas, Buenos Aires, 1967.

KAHN, F. AMOR E FELICIDADE NO CASAMENTO, Hemus, São Paulo, s.d.

KAPLAN, S.R. TARÔ CLÁSSICO, Pensamento, São Paulo, 1992.

LANDMANN, J. AS MEDICINAS ALTERNATIVAS: MITO, CIÊNCIA OU EMBUSTE?, Ed. Guanabara, Rio

de Janeiro, 1989.

LE SHAN, L. HOW MEDITATE GUIDE TO SELF DISCOVERY, Litle Brown, Boston, 1974.

LEVI, E. THE BOOK OF SPENDOURS, The Aquarian Press, Inglaterra, 1973. GRANDE ARCANO,

Pensamento, São Paulo, s.d. MISTÉRIO DA CABALA, Pensamento, São Paulo, 1989. OS PARADOXOS

DA SABEDORIA OCULTA, Pensamento, São Paulo, 1986. A CIÊNCIA DOS ESPÍRITOS, Pensamento,

São Paulo, 1985. DOGMA E RITUAL DE ALTA MAGIA, Pensamento, São Paulo, 1988.

LORENTZ, F.V. NOÇÕES ELEMENTARES DE CABALA, Pensamento, São Paulo, 1967.

LIMA, N. de P. CARTOMANCIA: O FUTURO REVELADO, Ícone, São Paulo, 1990.

M. (Mestre) DIOSES ATÓMICOS, Kier, Buenos Aires, 1989.

MOODY JR., R. (Dr.) VIDA APÓS A VIDA, Edibolso, São Paulo, 1977.

MEN, H. TZOL EK: ASTROLOGIA MAYA, Ed.Juarez, Cidade do México, 1983.

MEDIZ BOLIO, A. EL LIBRO DE CHILAM BALAM DE CHUMAYEL, Unam, México, 1952.

MONNIER, A. SYMBOLISME DES CARTES À JOUER, Paris, 1921.

MEZZOMO, J.C. e EL‐KHATIB, F. SEXO, AMOR E FAMÍLIA, Grafipar, Curitiba, s.d.

MARTEAU, P. TARÔ DE MARSELHA, Objetiva, Rio de Janeiro, 1991.

MERTZ, B.A. O TARÔ EGÍPCIO, Pensamento, São Paulo, s.d.

MEBES, G.O. OS ARCANOS MAIORES DO TARÔ, Pensamento, São Paulo, 1991.

MANGALO, B. A ESSÊNCIA DA MEDITAÇÃO BUDISTA, Pensamento, São Paulo, 1970.

NARANJO, C. e ORNSTEIN, R. ON THE PSYCHOLOGY OF MEDITATION, Viking Press, Nova York,

1971.

OUSPENSKY, P.D. PSICOLOGIA DA EVOLUÇÃO POSSÍVEL AO HOMEM, Pensamento, São Paulo, s.d.

FRAGMENTOS DE UM ENSINAMENTO DESCONHECIDO, Pensamento, São Paulo, s.d. A NEW

MODEL OF THE UNIVERSE, Routledge & Kegan Paulo, Londres, 1978.

OLIVEIRA, N. de TARÔ: A MAGIA DOS CIGANOS, Palas, Rio de Janeiro, s.d.

PATEL, C. e NORTH, W.R.S. ‐ LANCET, 2,93,1975 E PATEL, C ‐ LACET, 1,62,1975.

PAPUS (pseudônimo de Gerard Encause) TARÔ DOS BOÊMIOS, Martins Fontes, São Paulo, 1992.

PLANETA (Revista) ‐ Ed. Três, São Paulo. PLANETA EXTRA ‐ MANTRA YOGA 1986. “O TARÔ

EXPLICADO PELA CABALA", no. 238, Julho/92. “USE SUA INTUIÇÃO PARA O SUCESSO", no. 251,

Agosto/93. “A SABEDORIA POR TRÁS DOS ORÁCULOS", no. 252, Setembro/93. “TARÔ", no. 127B,

Abril/83.

REPOLLÉS, J. EL TAROT, Bruguera, Espanha, 1981.

SOUZA FILHO, C. INTRODUÇÃO À PSICOLOGIA TIBETANA, Vozes, Petrópolis, 1982.

SUSUKI, A.T. e MARTINHO, R. ZEN BUDISMO E PSICANÁLISE, Cultrix, São Paulo, 1960.

SIVANANDA (Swami) CONCENTRAÇÃO E MEDITAÇÃO, Pensamento, São Paulo, s.d. KUNDALINI‐

YOGA, Kier, Buenos Aires, 1986.

SELEÇÕES DO READER'S DIGEST FRONTEIRAS DO DESCONHECIDO, Sarl, Lisboa, 1983.

SADHU, M. O TARÔ, Siciliano, São Paulo, 1993.


SHOLEN, G.G. LES ORIGENES DE LA KABBALE, Paris, 1966.

SILVEIRA, N. da JUNG: VIDA E OBRA, Paz e Terra, Rio de Janeiro, 1981.

SHARMAN‐BURKE, J. e GREENE, L. TARÔ MITOLÓGICO, Siciliano, São Paulo, s.d.

STEINER‐GERINGER, M. TARO E AUTO‐CONHECIMENTO, Pensamento, São Paulo, 1990.

VAN RIJNEBERK, G. LE TAROT: HISTOIRE, ICONOGRAPHIE, ÉSOTÉRISME, Paul Derain, Lyon, 1947.

WALLIS BUDGE, E.A. O LIVROS DOS MORTOS, Pensamento, São Paulo, 1990.

WIRTH, O. LE TAROT DES IMAGIERS DU MOYEN AGE, Tchou Ed. Paris, 1966.

ZERUS, A. OS NÚMEROS DA SORTE, Ediouro, Rio de Janeiro, s.d.

Hooray! Your file is uploaded and ready to be published.

Saved successfully!

Ooh no, something went wrong!