REVISTA ICONIC - Rita Benneditto

rpassessoria08

Revista ICONIC
2/7a Edição - 2021

OBS: errata: na entrevista de Maju Giorgi, Mães pela Diversidade, na pagina 61, a resposta de Cintia com relação ao Thiago Abravanel foi: "no prézinho" e não quando nasceu.
pedimos desculpa pelo erro na edição.

Infelizmente estamos perdendo muitas pessoas, nossos sincerros sentimentos aqueles e aquelas que perderam seus entes queridos.

Somente a vacinação não ajuda, precisamos permanecer com o uso das máscaras, lavando nossas mãos, utilizando máscaras.

Desejo que nossa revista, traga para você e todos da sua família, diversão, conhecimento e entretenimento.
Marilu Gomes
Editora Chefe

I C O N I C

M A I O / J U N H O 2 0 2 1 N O . 0 7

B I M E S T R A L

Entrevista com a

atriz Magali Biff

Mães pela

Diversidade

Majú Giorgio

Matéria sobre

Compositoras

Matéria de Milene Maeda

V A M O S F A L A R D E M Ú S I C A

“A MPB deve muito as religiões de

matriz africana e está provado na

maioria dos compositores bebem

nessa fonte até hoje”

RITA BENNEDITTO


V A M O S N O S C U I D A R !

INSTITUTO

OMINDARÉ

fica a dica!

W W W . I N S T I T U T O O M I N D A R E . O R G . B R




ANIVERSARIANTES

MAIO E JUNHO 2021

ADIANTANDO A FESTA!

NOSSA REVISTA É

BIMESTRAL ENTÃO NÃO

QUERÍAMOS ESQUECER

DE VOCÊ!!!

MAURÍCIO

PETIZ

MAUDE

SALAZAR

JOAO LARA

MESQUITA

GABRIELA

FLORES

NYRCE

LEVIN







Foto Gal Opiddo




"Cantar é uma ato religioso é uma atitude

revolucionária, transgressora, e também

transcendental, eu vejo assim. "

Rita Benneditto




Foto by Thais Gallart





TAMBOR DE

MINA

Tambor de Mina é a

denominação mais difundida no

Maranhão dentre as religiões

de origem afro. O culto que se

originou em São Luís e a partir

daí difundiu-se para outros

estados, tem duas casas

principais: a Casa das Minas,

mais antiga, e a Casa de Nagô,

que deu origem a outros

terreiros na capital.

O nome Mina deriva de Negro-

Mina, como eram chamados os

escravos que, em sua vinda

para o Brasil, partiam da costa

da Mina, na atual Gana.

Essas casas ainda são mantidas

por descendentes africanos e

distanciam-se das formas de

cultos afros praticados pelo

Candomblé na Bahia e no Rio

de Janeiro. Nelas, cultuam-se

entidades chamadas voduns,

que se incorporam durante

rituais discretos, às vezes só

notados por pequenos detalhes

da vestimenta. É comum, nos

terreiros de Mina, a realização

de festas populares e religiosas,

como a Festa do Divino Espírito

Santo e a Festa de São

Benedito. Em dias assim, os

templos abrem suas portas

para convidados.


VOCÊ TEM

1 SEGUNDO

A vida é passageria. Faça o máximo!

Diga NÃO a qualquer tidpo de pré - conceito

Sai dessa..acorda pra vida!!



Arte

em

CERTIFICADO.

INÍCIO 2A QUINZENA

CURSOS COM

DE ABRIL! SAIBA

MAIS ACESSANDO O

SITE:

ação!WWW.OXI8.NET


A PREVENÇÃO É

MELHOR QUE A CURA,

ESPECIALMENTE

QUANDO ALGO AINDA

NÃO TEM CURA.

C O M B A T E A O C O V I D 1 9








Um

projeto

que

pensa o

Bixiga

http://www.osjb.art.br



Nesta edição

teremos mais

fotos do Bixiga

por Heloisa Bortz

"...Bixiga ..em cada janela uma

esperança.."


Oh Achiropita Um lugar que quando você passa sempre quer ficar

Sua festa luxuosa, que arrasta multidão Sua fé que ilumina, e não se

sabe a extensão E que nunca, pois nunca sairá do nosso coração.

Maria Vitória Ap. O. Silva – 5ª C
















Seja

O R Q U E S T R A S I N F Ô N I C A

J O V E M D O B I X I G A

S E R E D U C A D O É M U I T O

I M P O R T A N T E

Educado!

Diga sempre por favor,

obrigado, de nada e

com licença!


sim

você

pode




E

APRESENTADO

POR

IDEALIZADO

JANHO

EDUARDO

ABUMRAD

VOZ

&

EMOÇÃO

DA RÁDIO

Bohêmia e Salomé

Perfume

PROGRAMA

OMINDARÉ

REPRISES DO

https://www.elo7.com.br/

quitandadeomindare

PROGRAMA

http://www.radioomindare.com.br


Tire seu livro da gaveta, do pendrive, do

computador

Nossas edições serão de autores que tenham

obras relacionadas a Música, Canto, Voz, Ópera,

Dança, Fotografia e Coletânea de peças teatrais.

saiba mais acessando:

https://www.institutoomindare.org.br/editora


OAB/SP

421.743

A PALAVRA:

COM

MILENA BONAFÉ

DRA.

E MAUS TRATOS

ABANDONO

ANIMAIS É CRIME

A

que buscam diminuir a transmissão do

medidas

dentre elas, está o isolamento social, as

vírus,

precisaram passar mais tempo em seus

pessoas

muitas delas sozinhas, com essa nova rotina

lares,

um aumento significativo de adoção de

houve

domésticos, aumento esse de 50% no

animais

notícia deveria nos trazer alegria, mas na

Essa

gera preocupação e insegurança aos

verdade

dos animais, já que assim como houve

protetores

das adoções, e mesmo com a quarentena

aumento

sendo necessária, vemos o abandono de

ainda

aumentar.

animais

adoção de cachorros e gatos deve ser feita com

A

responsabilidade, tendo consciência que

muita

animais não são objetos que podem ser

esses

ou abandonados no primeiro obstáculo

devolvidos

ressaltar, que o abandono de animais não é

Cabe

problema recente na sociedade e tão pouco

um

na pandemia, esse cenário sempre esteve

exclusivo

visando assim proteger os animais de

presente,

tratos e de estarem vulneráveis ao abandono,

maus

atos foram criminalizados através da Lei

esses

nº 9.605/98, ou seja, são considerados

Federal

ambientais.

crimes

dos animais

Direitos

à pandemia tivemos que adotar várias

Devido

período da quarentena.

Dra. Milena Bonafé

e-mail milenabonafe@adv.oabsp.org.br

enfrentado.








Rádio

Omindaré

www.radioomindare.com.br

VIVA A VOZ DO ARTISTA

Novos horários

segunda feira às 22hs

quarta feira às 22hs

Patrocínio

MEDITE, SE HARMONIZE

sexta feira às 13hs

e reprise durante a semana














MULHERES

ESPECIAIS







Similar magazines