20.06.2022 Views

Biomais_51 - OOPS

Create successful ePaper yourself

Turn your PDF publications into a flip-book with our unique Google optimized e-Paper software.

STARTUP

A startup de energia verde Nextron Energia deu início às operações neste mês, ao

mesmo tempo em que anunciou a captação de US$ 2,285 milhões (R$ 11,5 milhões).

O aporte foi liderado pelo Valor Capital Group e com participação da Barn Investimentos,

fundo de capital de risco focado em greentech. O investimento do tipo seed (para

alavancar a empresa) também teve participação de investidores-anjo, family offices,

fudadores e executivos C-level (alto cargo) de diversas concessionárias de energia do

Brasil. O dinheiro será destinado à contratação de pessoas, especialmente nas áreas de

tecnologia e novos negócios, para aumentar a equipe para 50 funcionários até o fim do

ano. A proposta da Nextron — fundada por Ivo O. Pitanguy e Roberto G. Hashioka — é

uberizar a energia verde, isto é, conectar o consumidor de energia residencial e comercial

a um projeto de energia renovável por meio de uma assinatura. "Viemos para unir as duas

pontas e democratizar o acesso à energia renovável no modelo de marketplace'', compara

Pitanguy no comunicado à imprensa. A promessa da empresa é reduzir a conta de luz

em até 20% sem a necessidade de instalar placas solares no telhado. No lançamento do

serviço via site e aplicativo, a Nextron conta com o fornecimento de duas usinas fotovoltaicas:

uma no Mato Grosso do Sul e outra no Rio de Janeiro. A expectativa é que, até o

fim do ano, a Climatech possa oferecer em torno de 200 MW (Megawatts), o suficiente

para abastecer cerca de 36 mil clientes (considerando uma estimativa de consumo médio

de energia elétrica mensal em torno de R$ 1.000).

Foto: divulgação

REVISTA + BIOMASSA + ENERGIA

13

Hooray! Your file is uploaded and ready to be published.

Saved successfully!

Ooh no, something went wrong!