17.11.2022 Views

Celulose_58Web

Create successful ePaper yourself

Turn your PDF publications into a flip-book with our unique Google optimized e-Paper software.

Márcio Nappo, apresenta ações de sustentabilidade da Bracell

VEM AÍ!

E D I Ç Ã O

A N O S

Prêmio REFERÊNCIA

Conheça os vencedores

da edição de 2022

Avanços e Tecnologia

A nanocelulose na aplicação

de fertilizantes

Estruturando o futuro

A importância da engenharia

para o crescimento

da indústria de celulose

Structuring the future

The importance of engineering for

the growth of the Pulp Sector


www.bremer.com.br

H. Bremer, Há mais de

75 anos gerando energia térmica

para o mundo, com equipamentos de

alto padrão tecnológico.

bremer@bremer.com.br

Fax: (47) 3525-1975 | Tel: (47) 3531-9000

R. Lilly Bremer, 322 - Bairro Navegantes

Rio do Sul - Santa Catarina

A natureza

agradece


CALDEIRAS

EQUIPAMENTOS

INDUSTRIAIS

AQUECEDORES DE

FLUÍDO TÉRMICO


S U M Á R I O

50 Sustentabilidade

Pensando no futuro

Thinking about the future

22 Principal

Estrutura e inovação

Structure and innovation

54 Feira

Congresso ABTCP 2022

2022 ABTCP Congress

04 Sumário

06 Editorial

08 Cartas

10 Novidades

28 Avanços e tecnologia

Por um mundo melhor

For a better world

32 Prêmio REFERÊNCIA

Conheça os vencedores da vigésima edição

Meet the winners of the twentieth edition

44 Artigo

Filmes de celulose

Cellulose films

62 Entrevista

Márcio Nappo

72 Calendário

04


+

Sistemas de Câmeras Papertech

para Controle da Qualidade

DEWATERING

DEWATERING

Software de Monitoramento de

Quebras e Inspeção, câmeras, e

iluminação

Fornecedor preferido na indústria de Papel & Celulose

por mais de 25 anos

A Papertech é o fornecedor líder do setor de sistemas de monitoramento de máquina

Papertech, combinando captura de eventos de quebra (WMS) e inspeção da folha (WIS),

ajuda os fabricantes de papel e tissue em todo o mundo a otimizar a qualidade do papel

Seus Benefícios:

encontra rapidamente a causa raiz de quebras e defeitos

reduz o tempo de inatividade da máquina devido à quebras de folha

manutenção fácil com componentes comuns do mercado

iluminação WebLED de alta eficiência para todas as aplicações

sistemas escaláveis para todas as aplicações de papel e tissue

Energia & Performance

Sistemas de Desaguamento

Guias de Tecidos & Tensores

Raspadores & Chuveiros

Produtos Especiais

Consumíveis de Engenharia

Serviços Tecnológicos

Para mais informações:

IBS do Brasil Tecnologia em Papel Ltda.

+55-19-99820-1055 • c.toledo@ibs-ppg.com.br

www.ibs-ppg.com • www.papertech.ca


E D I T O R I A L

REFERÊNCIA

Celulose & Papel

REFERÊNCIA Celulose & Papel

Celebração das conquistas

O ano de 2022 deu continuidade ao crescimento

do setor de celulose e papel, que se mostrou

forte diante da pandemia que afetou o mundo

nos dois anos anteriores. Os números continuaram

positivos, e isso constatou a força do segmento,

tanto no cotidiano das pessoas, como na geração

de empregos. Chegar ao final de 2022 ainda mais

forte do que se iniciou o ano é motivo de celebração

e festa. Nessa edição, o Leitor fica por dentro

do trabalho da MSE Engenharia, uma empresa

especializada na construção de indústrias para o

setor de celulose. Saiba, ainda, sobre as novidades

de ciência e tecnologia, os vencedores do Prêmio

REFERÊNCIA 2022, além de uma entrevista

exclusiva com Márcio Nappo, vice-presidente de

comunicação e sustentabilidade da Bracell, que

apresenta os planos para o crescimento sustentável

da empresa. A preparação para o próximo ano já

começou e a Revista REFERÊNCIA estará sempre

junto com o setor para o que der e vier, informando

e trabalhando para um segmento ainda mais

pujante e relevante. Boas festas e feliz 2023!

Celebration of Achievements

The growth of the Pulp and Paper Sector continued

in 2022. The growth was strong in the face of

the pandemic that affected the world in the previous

two years. As such, the numbers remained positive,

demonstrating the segment’s strength in people’s daily

lives and in the generation of jobs. So that by the end

of 2022, the Sector was even more robust than that at

the beginning of the year. This is cause for celebration.

In this issue, the reader learns about the work of MSE

Engenharia, a company specializing in mill construction

in the Pulp Sector. Also, read about the news

in science and technology, the winners of the 2022

REFERENCIA Award, and an exclusive interview with

Marcio Nappo, Vice President of Communication and

Sustainability of Bracell, who presents the plans for the

sustainable growth of his Company. The preparation

for next year has already begun, and Revista REFEREN-

CIA will always be together with the Sector for what

comes and goes, informing and working towards an

even stronger and more relevant Sector. Happy holidays

and a happy 2023!

EXPEDIENTE

JOTA EDITORA

Diretor Comercial / Commercial Director: Fábio Alexandre Machado (fabiomachado@revistareferencia.com.br) • Diretor Executivo / Executive Director:

Pedro Bartoski Jr (bartoski@revistareferencia.com.br) • Redação / Writing: Vinicius Santos - (jornalismo@revistareferencia.com.br) • Dep. de Criação

/ Graphic Design: Fabiana Tokarski - Supervisão, Crislaine Briatori Ferreira, Me Hua Bernardi - (criacao@revistareferencia.com.br) • Midias Sociais

/ Social Media: Andrew Holanda, Cainan Lucas • Tradução / Translation: John Wood Moore • Dep. Comercial / Sales Departament: Gerson Penkal,

Carlos Felde (comercial@revistareferencia.com.br) • Fone: +55 (41) 3333-1023 • Representante Comercial: Dash7 Comunicação - Joseane Cristina

Knop • Depto. de Assinaturas: Cristiane Baduy (assinatura@revistareferencia.com.br)

A Revista REFERÊNCIA CELULOSE & PAPEL é uma publicação da JOTA EDITORA

Rua Maranhão, 502 Água Verde - Cep: 80610-000 - Curitiba (PR) - Brasil

Fone/Fax: +55 (41) 3333-1023

www.jotaeditora.com.br

ASSINATURAS

0800 600 2038

Publicações Técnicas da JOTA EDITORA

06

Veículo filiado a:

A Revista REFERÊNCIA CELULOSE & PAPEL é uma publicação trimestral

e independente, dirigida aos produtores e consumidores de bens e serviços

em celulose e papel, instituições de pesquisa, estudantes universitários, orgãos

governamentais, ONG’s, entidades de classe e demais públicos, direta e/ou

indiretamente ligados ao segmento. A Revista REFERÊNCIA CELULOSE & PAPEL

não se responsabiliza por conceitos emitidos em matérias, artigos ou colunas

assinadas, por entender serem estes materiais de responsabilidade de seus autores.

A utilização, reprodução, apropriação, armazenamento de banco de dados,

sob qualquer forma ou meio, dos textos, fotos e outras criações intelectuais da

Revista REFERÊNCIA CELULOSE & PAPEL são terminantemente proibidos sem

autorização escrita dos titulares dos direitos autorais, exceto para fins didáticos.

Revista REFERÊNCIA CELULOSE & PAPEL is a quarterly and an independent publication

directed at the producers and consumers of the good and services of the pulp and paper industry,

research institutions, university students, governmental agencies, NGO’s, class and other entities

directly and/or indirectly linked to the segment. Revista REFERÊNCIA CELULOSE & PAPEL does not

hold itself responsible for the concepts contained in the material, articles or columns signed by

others. These are the exclusive responsibility of the authors, themselves. The use, reproduction,

appropriation and databank storage under any form or means of the texts, photographs and

other intellectual property in each publication of Revista REFERÊNCIA CELULOSE & PAPEL is

expressly prohibited without the written authorization of the holders of the authorial rights.


SOLUÇÕES

FLEXÍVEIS DE

TRANSPORTE E

LOGÍSTICA

Com uma longa experiência no transporte de produtos de pasta, papel e florestais em todo

o mundo, a MSC é o parceiro ideal para o seu negócio. Pode confiar nas nossas soluções

personalizadas de transporte e logística que combinam o transporte ferroviário, rodoviário e

marítimo. As nossas equipas dedicadas fornecer-lhe-ão aconselhamento especializado para

satisfazer as suas necessidades de uma cadeia de abastecimento flexível e sustentável.

msc.com/forestry

MOVING THE WORLD, TOGETHER.


Filme de celulose é

solução para conservar

alimentos

C A R T A S

Mauricio Harger, diretor geral da CMPC, é o entrevistado da edição

A Revista da Indústria de Celulose e Papel www.celulosepapel.com.br

Ano XV - nº 57 - 2022

Energia e eficiência

Caldeira industrial mescla tecnologia

de ponta e personalização para

garantir alto desempenho

Energy and

efficiency

Industrial boiler merges

cutting-edge technology

and customization to

ensure high performance

Tecnologia aplicada

Sustentabilidade

Resíduos da produção de

celulose são utilizados na

fabricação de tijolos

Capa da Edição 57 da

Revista CELULOSE & PAPEL

Imagem: reprodução Imagem: reprodução

CAPA

Por Aldair Rosa, Campinas (SP)

É muito bonito ver a participação das empresas no crescimento e história

do setor. Esse foco no desenvolvimento do segmento faz toda diferença e é

imprescindível para o sucesso.

TECNOLOGIA APLICADA

Por Marcela Azevedo, Três Lagoas (MS)

Os nossos pesquisadores são muito importantes para abrir novas possibilidades

de negócio e soluções para melhorar a produção de celulose.

ENTREVISTA

Por Marcio Godoy, Telêmaco Borba (PR)

Liderar uma empresa desse tamanho é um grande desafio. Isso é visto na

entrevista do gestor da empresa sobre as ações que estão levando a CMPC

a um caminho duradouro.

AVANÇOS E TECNOLOGIA

Por Rodrigo Mattos, Itabuna (BA)

A celulose é o futuro! Não há como negar a importância desse material

para garantir a sustentabilidade para a sociedade e soluções mais

baratas e acessíveis.

Imagem: reprodução Imagem: reprodução

Leitor, participe de nossas pesquisas online respondendo os e-mails enviados por nossa equipe de jornalismo.

As melhores respostas serão publicadas em CARTAS. Sua opinião é fundamental para a Revista REFERÊNCIA CELULOSE & PAPEL.

revistareferencia@revistareferencia.com.br

08


N O V I D A D E S

Qualidade

nacional

O Open House promovido pela HERGEN em

outubro foi considerado um enorme sucesso pela

empresa. Convidados do Brasil e exterior prestigiaram

em primeira mão o mais novo desenvolvimento

tecnológico da HERGEN: a Prensa de Sapata SMART

SHOE. Este evento foi uma oportunidade ímpar para

o mercado de máquinas de embalagem conhecer o

novo equipamento: um componente que emprega

tecnologia de alta performance e que foi desenvolvida

100% pela equipe da HERGEN.

O constante emprego de inovações tecnológicas e

o foco no cliente é o que credencia a HERGEN a ser

a única fabricante de Prensa de Sapata da América

Latina. A Prensa de Sapata SMART SHOE é um produto

inovador, robusto e preciso, no qual a HERGEN

priorizou: aumento de performance, entregando

maior teor seco, otimização energética, reduzindo o

consumo de vapor e minimização do uso de fibra

com a manutenção do volume e da estrutura da

folha.

A relevância do evento foi ainda maior por se

tratar da única Prensa de Sapata produzida no Brasil

e que também estava montada e em funcionamento

para demonstrações, criando uma oportunidade

única para todos conhecerem de perto este grande

projeto em todos os seus detalhes. Durante o evento,

os convidados foram recepcionados para um bate-

-papo com o pessoal técnico/comercial da HERGEN,

além de terem a possibilidade de realizar uma visita

ao parque industrial da empresa, conhecendo, entre

outras coisas, a maior linha de fabricação de Cilindros

das Américas.

As principais características de operação da Prensa

de Sapata são: total automatização, facilitando a

operação; contra rolo sem sistema de compensação,

resultando em um projeto mais econômico e

diminuindo a necessidade de manutenção; sistemas

idealizados para necessitarem de um mínimo de manutenção,

com baixo custo e projeto compacto, facilitando,

ainda, a instalação em máquinas existentes.

Foto: divulgação

10


N O V I D A D E S

Operação em alta

A Suzano, referência global na fabricação de bioprodutos

desenvolvidos a partir do cultivo de eucalipto,

divulga o balanço referente ao terceiro trimestre de

2022 (3T22) com uma geração de caixa operacional

recorde de R$ 7,2 bilhões, elevação de 37% em relação

ao terceiro trimestre de 2021 (3T21). O EBITDA

ajustado totalizou R$ 8,6 bilhões, também recorde

histórico e 36% acima em igual base de comparação.

No acumulado de 12 meses entre outubro de 2021

e setembro de 2022, a geração de caixa operacional

somou R$ 20,9 bilhões e o EBITDA ajustado, R$ 26,4

bilhões.

A comercialização de celulose totalizou 2,8 milhões

de toneladas, alta de 5% em relação ao terceiro

trimestre de 2021. Já as vendas de papéis encolheram

2% na mesma base de comparação, para um total de

331 mil toneladas. Com o câmbio favorável, a elevação

de preços e o forte volume de vendas, a receita líquida

trimestral atingiu patamar recorde de R$ 14,2 bilhões,

alta de 32% sobre o terceiro trimestre de 2021. O

custo caixa sem paradas, por sua vez, teve elevação de

3% na comparação com o segundo trimestre deste ano

e atingiu R$ 883 por tonelada.

Diante da maior capacidade de geração de caixa,

a alavancagem da Suzano em dólar caiu de 2,3 vezes

a relação entre dívida líquida e EBITDA ajustado no

segundo trimestre para 2,1 vezes no terceiro trimestre.

Na última linha do balanço, a Suzano registrou resultado

líquido positivo de R$ 5,4 bilhões. “Os números

do trimestre refletem o ambiente externo favorável,

o aumento do volume de vendas, a alta dos preços e

nossos fortes indicadores operacionais”, afirma o presidente

da Suzano, Walter Schalka. “Diante do patamar

histórico de geração de caixa, pudemos avançar em

nossa agenda estratégica e nas discussões de alocação

de capital”, complementa Walter.

A Suzano planeja investir R$ 16,1 bilhões em 2022,

dos quais R$ 11,2 bilhões foram desembolsados entre

janeiro e setembro, ritmo de investimento condizente

com a disciplina financeira da empresa. Adicionalmente,

a companhia acaba de lançar um terceiro programa

de recompra de ações e anunciar a aquisição do negócio

de Tissue no Brasil da Kimberly-Clark.

Foto: divulgação

12


http


or


N O V I D A D E S

Novidade no mercado

A Klabin anunciou o lançamento da PineFluff eXcel, uma celulose fluff produzida a partir do mix de

fibras, curta de eucalipto e longa de pinus, que tem como foco o mercado de produtos de higiene (fraldas

infantis e adultas, absorventes femininos, tapetes higiênicos para pets, entre outros). Pioneira no mundo na

combinação no mix de fibras de pinus e eucalipto, a solução amplia alternativas de designs diferenciados,

melhorando aspectos de retenção e distribuição de líquidos, bem como maciez ao produto final que chega

ao consumidor.

Em laboratório, observou-se também grande potencial do material desfibrado, fator que traz uma percepção

maior de maciez ao tato e conforto no uso do produto final. Existem, ainda, vantagens competitivas

associadas à distribuição logística, otimização de embalagem e menor consumo de energia na produção.

Alexandre Nicolini, diretor do Negócio Celulose da Klabin, explica que a Companhia investe constantemente

em pesquisa e inovação, a fim de ampliar as possibilidades de uso da madeira e, por consequência,

as soluções oferecidas ao mercado. “O desenvolvimento de soluções a partir do mix de fibras faz parte

do nosso roadmap, em especial por ser uma forma de potencializar o uso de cada fibra, entregando um

produto otimizado às necessidades do cliente e que combine o desempenho operacional tradicional às

propriedades diferenciadas de aplicação”, explicou Alexandre.

Em linha com os esforços da companhia em prol da inovação, a PineFluff eXcel é resultado de cerca de

cinco anos de trabalho, ocorridos no Centro de Tecnologia da Klabin, em Telêmaco Borba (PR), com apoio

das áreas comercial, P&D, industrial e serviços técnicos a clientes. A empresa já avaliava, de acordo com o

pipeline de projetos, a produção do mix fibras em um único produto e identificou no mercado a demanda

por alternativas complementares a celulose 100% fibra longa, que entregassem boa performance às aplicações.

O produto está disponível para os mercados interno e externo.

14

Foto: divulgação


ENROLADEIRA

Enrola o papel produzido pela máquina em forma de bobina semiacabada (rolo jumbo),

pronta para ser convertida em bobina de papel acabado ou em produtos comerciais.

Descrição:

Fornecidas nas versões hidráulicas ou pneumáticas;

Possibilidade de fornecimento em módulos:

Módulo básico;

Magazine de alimentação de bobinas;

Trilhos estendidos;

Retorno automático de estangas;

Sistema de pesagem de bobinas.

www.metalservice.ind.br

@metalservice.maquinas

(47) 3520-1500 comercial@metalservice.ind.br

Rua Jacó Finardi, 1700 - 89163-041 – Rio do Sul – SC


N O V I D A D E S

Cuidado com

a educação

Foto: divulgação

Fortemente afetada pela pandemia de Covid-19, especialmente entre 2020 e 2021, a rede pública

de educação de todo o país precisou se reinventar para cumprir seus objetivos neste período. No

litoral norte e agreste da Bahia não foi diferente e, em 2021, os nove municípios participantes do

projeto: Educação Continuada (Acajutiba, Alagoinhas, Araçás, Aramari, Cardeal da Silva, Conde,

Entre Rios, Esplanada e Inhambupe); também se adaptaram para manter as atividades formativas de

educadores e levar o ensino aos alunos em suas próprias casas.

Além da formação continuada de educadores e gestores da rede, o plano de trabalho desenvolvido

por intermédio do projeto contemplou encontros remotos com familiares e estudantes e trocas de

experiências entre os municípios.

Mouana Fonseca, gerente de relações institucionais e responsabilidade social da Bracell, explica

que empresa contribuiu para a criação de planos de educação emergenciais, de estratégias de enfrentamento

e de continuidade de atividades, apoiando na manutenção dos vínculos entre docentes

e discentes. “A Bracell, como realizadora do projeto e tendo o ICEP (Instituto Chapada de Educação

e Pesquisa) como parceiro técnico, deu suporte aos profissionais de educação e, indiretamente, aos

estudantes, com ações que fortaleceram as redes de ensino”, destaca Mouana.

Dos municípios atualmente contemplados pelo projeto, que este ano incorporou a cidade de

Santo Amaro, cinco melhoraram o IDEB (Índice de Desenvolvimento da Educação Básica), indicador

que afere a taxa de aprovação e de aprendizado dos alunos. Entretanto, para o IDEB de 2021, o CNE

(Conselho Nacional de Educação) orientou, devido às implicações do contexto pandêmico, a não reprovação

dos estudantes. Assim, a taxa de aprovação foi igual ou próxima de 100%, dificultando uma

análise aprofundada do cenário nos dois últimos anos.

16


N O V I D A D E S

Desafio lançado

A Suzano lançou o primeiro desafio do seu Programa de Inovabilidade na Cadeia de Valor, iniciativa da

companhia que visa estimular ideias e soluções inovadoras para a construção de um futuro mais sustentável.

O desafio é voltado à cadeia de fornecedores da companhia e a potenciais novos parceiros interessados em

desenvolver soluções para reduzir o consumo de filme plástico nas atividades de transporte da empresa.

O objetivo da companhia é tornar mais sustentável o material utilizado atualmente para envolver e garantir

proteção a bobinas de papel e paletes de seus produtos acabados, facilitando assim o transporte de grandes

volumes. O desafio está alinhado à visão estratégica da Suzano de estimular a redução do uso de plástico de

uso único no mundo. Um dos compromissos para renovar a vida, programa de meta estabelecido pela companhia

é oferecer 10 milhões de toneladas de produtos de origem renovável, desenvolvidos a partir da biomassa,

para substituir plásticos e outros derivados do petróleo.

Serão três etapas principais durante o processo: inscrição, seleção e validação. Na primeira, as empresas

devem cadastrar suas ideias em uma plataforma desenvolvida para esse programa. Na sequência, as empresas

com as soluções mais aderentes terão a oportunidade de apresentá-las à equipe técnica responsável pelo

projeto e ao time de suprimentos da Suzano, e logo após, será realizada uma seleção das melhores ideias. A

última etapa consiste no estabelecimento de parceria com a empresa selecionada para validação da solução

proposta. Fernando Bertolucci, Diretor Executivo de Tecnologia e Inovação da Suzano, comenta que esse

projeto reforça a nossa conexão com parceiros que, assim como nós, acreditam no que chamamos de inovabilidade,

ou seja, a inovação a serviço da sustentabilidade. “Esse conceito faz parte da estratégia da Suzano e

está presente em todas as tomadas de decisão da companhia e como o novo desafio, buscamos nos aproximar

ainda mais de fornecedores e startups para que possamos contribuir para um futuro cada vez mais sustentável”,

garante Fernando.

Foto: divulgação

18


INOX CONEXÕES com grande história e tradição, atua há 26 anos no

segmento de conexões, tubos, válvulas e acessórios em aço inoxidável,

aço carbono e ligas de aço. Localizada em São Paulo, tem como objetivo

atender a toda e qualquer necessidade de seus clientes nos mais diversos

segmentos: Indústria química, alimentícia, farmacêutica, papel e celulose, óleo e

gás. Composta por profissionais qualificados, trabalhamos visando a satisfação de

nossos clientes. Dispomos de um sistema de gestão conforme norma ISO 9001, e somos

qualificados no sistema CRC da Petrobras.

R. Ijucapirama, 98 Jardim Santa Teresinha | São Paulo - SP

(11) 2723 2020 | contato@inoxconexoes.com.br

www.inoxconexoes.com


N O V I D A D E S

Decisão tomada

A Paper Excellence, uma das maiores produtoras de papel e celulose do mundo,

obteve mais uma vitória na justiça pelo controle integral da Eldorado Brasil Celulose, da

qual já detinha 49,41% do capital. Na decisão divulgada recentemente, o desembargador

Francisco de Godoi, da 1ª Câmara Reservada de Direito Empresarial do Tribunal de

Justiça de São Paulo, reverteu uma decisão anterior e permitiu a transferência de 100%

para a Paper, da fábrica de Três Lagoas (MS).

O tribunal arbitral, conduzido entre 2018 e 2021 pela ICC (Câmara de Comércio

Internacional), reconheceu a razão e a boa-fé da Paper Excellence ao longo da negociação,

decidindo por unanimidade (3 votos a 0) o direito da empresa de assumir o

controle e, consequentemente, a gestão da Eldorado. Na época, o negócio de R$ 15

bilhões não foi finalizado, já que a J&F decidiu questionar o resultado da arbitragem na

justiça. Em julho deste ano, a juíza Renata Maciel, da 2ª Vara Empresarial e Conflitos

de Arbitragem, considerou improcedente a ação anulatória iniciada pela J&F e manteve

a decisão arbitral a favor da Paper Excellence. A nova decisão do desembargador

Francisco de Godoi, permite que a Paper Excellence dê continuidade à transferência do

restante das ações da produtora de celulose brasileira. No entendimento de Godoi, a

liminar anterior que suspendeu a transferência, concedida pelo falecido desembargador

Araldo Telles, visava permitir a produção da prova na primeira instância e a decisão da

sentença, o que se daria no prazo estimado de quatro meses. Proferida a sentença de

improcedência da ação, julgamento de cognição plena, resta afastado um dos requisitos

para a concessão da tutela antecipada, qual seja o fumus boni iuris. E mais, a jurisdição

de caráter provisório não poderá suplantar aquela de cunho exauriente realizada pela

juíza ao julgar o mérito da ação!

Foto: divulgação

20


engenharia

São mais de 43 anos com

projetos, produção e

montagens para as

maiores indústrias do

país.

Ano após ano estamos expandindo nossas operações e investindo em tecnologia,

com soluções para atender obras industriais, corporativas e de infraestrutura.

Acesse nosso site e entre em contato com nossa equipe de engenharia.

mse.com.br


P R I N C I P A L

ESTRUTURA E

INOVAÇÃO

EMPRESA UNE INOVAÇÃO,

TECNOLOGIA E KNOW-HOW

PARA SE MANTER COMO

REFERÊNCIA NO SEGMENTO

22


Construir uma reputação e se destacar

no setor de engenharia nacional é um

trabalho árduo e que requer grande

esforço. A construção civil brasileira

é reconhecida mundialmente. São

mais de 200 mil empresas aptas a

trabalhar no segmento, segundo dados do Confea/

Crea (Conselho Federal de Engenharia e Agronomia).

Em um mercado tão grande, ganhar destaque

é missão que poucos conseguem concluir.

Para se manter no topo é preciso apresentar

diferenciais que conquistem os clientes e mostrem

superioridade em comparação à concorrência.

Qualidade do serviço prestado, atendimento, preços

e cumprimento de prazos são peças essenciais

na construção de um vínculo de confiança e segurança

entre empresa, cliente e mercado. Essas são

as características principais da MSE Engenharia,

empresa paranaense fundada em 1979. Nessas

mais de quatro décadas a companhia construiu

um verdadeiro legado de excelência e modernidade

em suas obras.

A MSE Engenharia, que tem grande conhecimento

no setor de celulose e papel, oferece soluções

personalizadas e de alto padrão para seus

clientes. Com esforço e investimento contínuo na

construção de uma organização sólida em todos

os sentidos, a sede da empresa possui mais de 36

mil m² (metros quadrados).

A mentalidade moderna da MSE é vista em

todos os seus projetos que são baseados nas tecnologias

BIM e PDMS (Plant Design Management

System). Essas ferramentas de elaboração e gerenciamento

de projetos executivos, permitem a

compatibilização de todas as disciplinas envolvidas

em uma construção, sejam tubulações e equipamentos

industriais, sistemas de condicionamento

de ar, combate a incêndio, sistemas elétricos

ou de automação de maneira mais rápida e assertiva.

O projeto é feito do início ao fim em um

processo colaborativo com participação de todos

os stakeholders.

Esse investimento em alta tecnologia e profissionais

capacitados gera resultado de alto padrão

na execução das obras. A combinação de planejamento

estratégico, metodologias práticas e desenvolvimento

conjunto de projetos abre o caminho

para a industrialização e pré-fabricação das peças.

Structure and

innovation

A COMPANY BRINGS TOGETHER

INNOVATION, TECHNOLOGY, AND

KNOW-HOW TO KEEP ITSELF AS A

REFERENCE IN THE SECTOR

B

uilding a reputation and excelling in the

Brazilian Engineering Sector is hard work

that requires a lot of effort. Building construction

in Brazil is recognized worldwide,

with more than two hundred thousand companies

working in the Sector, according to data from the Federal

Council of Engineering and Agronomy (Confea/

Crea). In such a large market, gaining prominence is a

mission few can complete.

To stay on top, it is necessary to demonstrate differentials

that win clients and show superiority compared

to the competition. Quality of service provided,

price, and meeting deadlines are essential to building

a bond of trust and security between a company

and its client. These are the main characteristics of

MSE Engenharia, a company from the State of Paraná

founded in 1979. In over four decades, the Company

has built a true legacy of excellence and modernity in

its work.

MSE Engenharia, which is well acquainted with

the Pulp and Paper Sector, offers customized and high-

-standard solutions to its clients. With effort and continuous

investment in constructing a solid organization

in every way, the Company’s headquarters occupy

more than 36 thousand m².

The MSE modern mindset is seen in all its projects

based on BIM and Plant Design Management System

(Pdms) technologies. These executive project design

and management tools lead to the compatibilization

of all disciplines involved in a construction, be

it industrial pipes and equipment, air conditioning,

firefighting, electrical, or automation systems in a

faster and more assertive way. The project is carried

23


P R I N C I P A L

Parque Industrial MSE Engenharia

TRABALHO PESADO

No parque industrial da MSE é feita a pré-fabricação

e a industrialização de spools, pipe racks

recheados com tubulações, eletrocalhas e leitos,

em inox ou aço carbono, PRFV, PEAD, ferro fundido

ou no material exigido para cada projeto. Na

estrutura da sede da empresa são fabricados os

sistemas de combate a incêndio, preparo de tubulações

com ranhuras, skids de bombeamento,

jateamento e pintura, através de um sistema semiautomático,

que permite ganhos elevados de

produtividade e qualidade nos acabamentos dos

projetos.

Para garantir o alto padrão do trabalho, a MSE

conta com uma divisão específica para a montagem

e fabricação de eletrocentros, data centers e

equipamentos como painéis elétricos de média

tensão, CCMs (Centro de Controle de Motores),

out from start to finish in a collaborative process with

the participation of all stakeholders.

Investing in high technology and skilled professionals

generates high-standard results in the execution

of any job. The combination of strategic planning,

practical methodologies, and joint project development

paves the way for industrialization and the

prefabrication of parts.

HEAVY WORK

In the MSE industrial park, prefabrication and

manufacture of spools, pipe-filled racks, electric ducts,

and beds in stainless steel or carbon steel, Prfv, Pead,

cast iron, or in the material required for each project

are manufactured or prepared. In the Company’s

facilities, firefighting systems, preparation of pipes

with grooves, pumping skids, blasting, and painting

through a semi-automatic system, which allows high

24


painéis de proteção e de automação, com a certificação

TTA (Totalmente testado a arco). Por meio

do Data Center Modular e em um Eletrocentro

com estrutura pré-fabricada, os componentes já

saem da fábrica testados e ajustados às necessidades

de cada projeto, com todo o sistema de

climatização, iluminação, detecção e combate a

incêndio, controle e automação. Isso tudo integrado

na mesma solução, pronto para ser energizado

in loco.

Rafael Spagnuolo, CEO da MSE, destaca que a

empresa tem como foco a antecipação de necessidades

do mercado, por isso, desenvolve novas

soluções para situações já existentes, valorizando

o investimento feito por seus clientes. “Enquanto a

construção civil avança, antecipamos a fabricação

e a pré-montagem de tudo o que é possível, garantindo

prazos de entrega reduzidos. A industrialização

e a padronização dos processos garantem

também a redução dos custos com o aumento da

qualidade e da segurança, atingindo o compromisso

de entrega MSE”, enaltece Rafael.

DO COMEÇO AO FIM

Dentro da MSE, o processo de industrialização

é possibilitado pela estrutura completa, com

fábrica, área de pré-montagem, máquinas e frota

própria de guindastes, muncks, plataformas, empilhadeiras

e caminhões. Essa estrutura garante

aos profissionais as condições perfeitas para o desenvolvimento

do trabalho.

Isso não é apenas suprir necessidades, é uma filosofia

estratégica da MSE. E os resultados podem

ser vistos nos canteiros de obras onde a MSE está

presente, com padrões de segurança elevados e

cuidado com o meio ambiente. Esse planejamento

e execução iniciados diretamente na sede da

empresa, diminui o esforço e a mobilização para a

productivity gains and quality in the finishes of the

project, are carried out.

To ensure a high standard of work, MSE has a

specific division for the assembly and manufacture of

Electrocenters, Data Centers, Motor Control Centers

(MCCs), and equipment such as medium voltage

electrical, protection, and automation panels, with

totally arc-tested certification (TTA). For a Modular

Data Center and an Electrocenter with a prefabricated

structure, the components already leave the factory

tested and adjusted to the needs of each project, with

the entire air conditioning, lighting, fire detection,

firefighting, and control and automation systems. This

is all integrated into the same solution, ready to be

energized on-site.

Rafael Spagnuolo, Managing Director of MSE,

points out that the Company focuses on anticipating

market needs, so it develops new solutions for existing

situations, valuing the investment made by its clients.

“As construction progresses, we anticipate manufacturing

and pre-assembling everything possible, ensuring

reduced delivery times. The industrialization and

standardization of processes also ensure the reduction

of costs with increasing quality and safety, achieving

the MSE delivery commitment,” states Spagnuolo.

FROM START TO FINISH

Within MSE, the industrialization process is made

possible by the complete structure, with a factory,

pre-assembly area, machinery, and its own fleet of

truck and tractor-mounted cranes, platforms, forklifts,

and trucks. This structure guarantees professionals the

perfect conditions for the development of any job.

This is not just meeting needs but part of the

strategic philosophy of MSE. And the results can be

seen on the construction sites where MSE is present,

with high safety standards and care for the environment.

This planning and execution begin directly at

25


P R I N C I P A L

realização da obra no local da construção.

Esse trabalho vem sendo reconhecido e, apenas

dentro do setor de celulose, a MSE está realizando

dois grandes projetos de destaque internacional

que, uma vez prontos, ajudarão a alavancar

esse segmento da indústria de base florestal. O

diretor responsável pela obra, Wellingthon Silva,

fala sobre a importância dessa empreitada para

a MSE. “É um grande desafio estar participando

da construção de um dos maiores e mais ousados

empreendimentos de celulose do mundo, que

alcançará uma capacidade de produção de 2,55

milhões de toneladas de celulose de eucalipto por

ano”, orgulha-se Wellingthon.

the Company’s headquarters decreasing the effort and

mobilization to carry out the job on the construction

site.

This work is well recognized. Just within the Pulp

Sector, MSE is carrying out two major projects of

international prominence that, once ready, will help

leverage this Forest-based Sector segment. Wellingthon

Silva, the Director responsible for the work, talks

about the importance of this project for MSE. “It is a

great challenge to participate in the construction of

one of the largest and most daring pulp enterprises in

the world, which should have a production capacity

of 2.55 million tons of eucalyptus pulp per year,” Silva

boasts.

PORTAL DO CLIENTE E SUPRIMENTOS

Para garantir maior agilidade e organização ao

acesso às informações da obra, a MSE desenvolveu

um portal de relacionamento entre obra e cliente.

Nesse portal, as informações da obra são atualizadas

diariamente com relatórios, cronogramas e controle

total do andamento do trabalho. Isso agiliza e deixa

ainda mais transparente o atendimento, facilitando a

conexão entre as partes.

A MSE oferece para os clientes um software dedicado

para o controle do andamento da obra. Acessado

pela obra e por todos os envolvidos, o processo

de gestão de suprimentos é controlado. Em uma obra

padrão, são mais de 5 mil itens diferentes presentes

para a execução, entre materiais e consumíveis, são

gerenciados do momento que entram no canteiro,

até a sua utilização. Isso garante controle logístico de

material de ponta a ponta na obra e facilita a gestão

de compras.

CLIENT AND SUPPLY PORTAL

To ensure greater agility and organization for access

to information about the work being carried out,

MSE has developed a relationship portal between

job and client. In this portal, the information on the

job is updated daily with reports, schedules, and full

control of the progress of the work. This speeds up

and makes service even more transparent, facilitating

the connection between the parties.

MSE offers clients dedicated software to control

the progress of the job. The supply management

process is controlled by the job and available to all

involved. In a standard job, more than 5 thousand

different items are used in the execution, between

materials and consumables, and managed from

the moment they enter the construction site until

their use. This ensures end-to-end logistic control

of material in the work and facilitates purchasing

management.

26


SEGURANÇA

Para a MSE, a segurança é um item essencial. Por

isso, todo o corpo de colaboradores passa por treinamentos

periódicos e capacitações focados em segurança,

saúde e meio ambiente. Além deles, os cursos

de boas práticas e procedimentos de montagem e

5S, metodologia focada na mobilização, motivação e

conscientização de toda a empresa, que tem como

mote: Qualidade total; através da organização e disciplina

no ambiente de trabalho. A MSE exige que os

colaboradores tenham pleno conhecimento de diversas

NRs (Normas Regulamentadoras), como NR-18,

NR-12, NR-10, NR-35, NR-06 e NR-05.

SAFETY

For MSE, safety is essential, so the entire employee

staff undergoes periodic training focused on

safety, health, and the environment. In addition to

this, there are courses on good practices, assembly

procedures, and 5S, a methodology focused on the

mobilization, motivation, and awareness of the whole

Company, which has as its motto: total quality through

organization and discipline in the workplace. MSE

requires employees to have full knowledge of several

Regulatory Standards (NRs), such as NR-18, NR-12,

NR-10, NR-35, NR-06, and NR-05.

Dener Sugayama, diretor industrial da MSE, explica

que a empresa está sempre atenta às demandas

do consumidor, e isso é o que garante maior

assertividade na entrega dos serviços oferecidos

pela MSE. “Os clientes necessitam e demandam

projetos com reduzido tempo de execução, excelente

custo-benefício, segurança do trabalho,

cuidado com o meio ambiente, gestão apurada e

garantia de performance”, alerta Dener.

Presente em todo o Brasil, a MSE Engenharia,

segue executando obras , projetos e levando seus

serviços com a excelência já reconhecida pelo

mercado. A aplicação do know-how da empresa

está presente de maneira completa, com soluções

de engenharia e todas as disciplinas necessárias,

para garantir que o projeto completo seja executado

e entregue de acordo com as necessidades do

cliente, atendendo ao mercado por meio de contratações

EPC, EPCM ou Turn-key (chave na mão).

Dener Sugayama, Industrial Director of MSE,

explains that the Company is always attentive to client

demands, which ensures greater assertiveness in the

delivery of services offered by MSE. “Clients need and

demand projects with reduced execution time, excellent

cost-benefit, job safety, care for the environment,

accurate management, and performance assurance,”

cautions Sugayama.

Present throughout Brazil, MSE Engenharia continues

to manage jobs and projects and performs its

services with excellence already recognized by the

market. The application of the Company’s know-how

is present in a complete way, with engineering solutions

and all necessary disciplines, to ensure that the

complete project is executed and delivered according

to the client’s needs, serving the market through EPC,

Epcm, or Turn-key contracts.

EXPERIÊNCIA EM SOLUÇÕES DE ENGENHARIA

A MSE se orgulha de ser completa em soluções

para construção, montagem industrial, elétrica e automação,

segurança contra incêndio e climatização

industrial. Isso só é possível graças ao grande conhecimento

de todas essas áreas, adquiridos por todo o

time da MSE. Cada uma dessas áreas tem equipes

especializadas e multidisciplinares e também times

prontos para a fabricação e montagem industrial de

equipamentos de ponta. Tudo isso credencia a MSE

para atender os mais diversos projetos, por mais complexos

ou exigentes, com a mesma excelência, agilidade,

segurança e confiabilidade.

EXPERIENCE IN ENGINEERING SOLUTIONS

MSE is proud to be able to offer complete solutions

for construction, industrial assembly, electrical

and automation, fire safety, and industrial air conditioning.

This is only possible thanks to the knowledge

of all these areas acquired by the entire MSE team.

Each of these areas has specialized and multidisciplinary

teams and teams ready for the manufacture and

industrial assembly of state-of-the-art equipment. All

this accredits MSE to meet the most diverse projects,

however complex or demanding, with the same

excellence, agility, safety, and reliability.

27


A V A N Ç O S E T E C N O L O G I A

Por um

mundo melhor

Acelulose é o polímero do futuro e, pode-se dizer que está se tornando cada

vez mais presente. As pesquisas apresentam novidades que superam expectativas

e trazem resultados surpreendentes nas mais variadas áreas da

atividade humana. São soluções que promovem desenvolvimento, economia

e sustentabilidade para todos os envolvidos nas mais diversas cadeias produtivas.

A celulose ocupa espaço de protagonista e isso deve impulsionar todo o

segmento produtor de celulose, de ponta a ponta. Confira um pouco do trabalho de pesquisadores

brasileiros que desenvolveram um sistemas de vasos com celulose que oferece

controle automático de dispersão de fertilizantes e também uma solução para a substituição

de plásticos e materiais a base de petróleo, utilizando fibras nano-celulose, que são

maleáveis para vários formatos e até podem superar a resistência do aço.

For a better world

C

ellulose is the polymer of the future, and it can be said that, more and more, it is

becoming that of the present. Research has presented novelties that exceed expectations

and have yielded surprising results in the most varied areas of human activity.

These solutions have promoted development, savings, and sustainability for

all those involved in the most diverse production chains. Cellulose pulp occupies

a protagonist space in its most varied applications and should boost the entire pulp-producing

segment, end to end. Check out the work of Brazilian scientists who have developed a system of

vessels from pulp that offers automatic control of fertilizer dispersion. Also, read about a solution

for replacing plastics and petroleum-based materials, using nano-cellulose fibers, which are malleable

in various formats and can even exceed the resistance of steel.

28


Fertilizantes alto aplicáveis

Uma equipe de pesquisa afiliada ao Laboratório

de Materiais Poliméricos e Biossorventes da

UFSCAR (Universidade Federal de São Carlos)

em Araras (SP), está testando materiais à base de

celulose para fertilizantes de maior eficiência para

melhorar o fornecimento de nutrientes para as

culturas e reduzir a liberação de produtos químicos

não biodegradáveis no ecossistema.

Os estudos foram liderados por Roselena Faez,

professora do CCA-USFSCAR (Centro de Ciências

Agrárias) e que coordena a Pesquisa de Materiais

Poliméricos e Biossorventes Grupo na UFSCar

Araras. Os resultados foram recentemente relatados

em duas publicações. Uma delas é um artigo

publicado na Carbohydrate Polymers, com Débora

França como primeira autora. Aqui os pesquisadores

descrevem como usaram nanocelulose modificada

para descarregar no solo os nutrientes contidos

no fertilizante de forma lenta e controlada, já

que nitrogênio, fósforo e potássio são altamente

solúveis.

A pesquisadora explica que o potássio é rapidamente

levado pela chuva devido à sua alta mobilidade

iônica e é o mais difícil de liberar de maneira

controlada sua aplicação. “O nitrogênio pode ser

obtido de várias fontes, como nitratos, amônia e

uréia, mas as plantas obtêm o nitrogênio de que

precisam mais facilmente do nitrato, que também

é facilmente lavado e não permanece no solo por

muito tempo. O fósforo [como fosfato] é um íon

muito grande e menos móvel que os demais macronutrientes”,

exemplifica Roselena.

Produtos de liberação controlada estão disponíveis

no mercado, acrescentou ela, mas a maioria

é feita de polímeros sintéticos, que não são biodegradáveis.

“Os grãos de fertilizante são do tamanho

de grãos de sal marinho grosso. Para garantir que

os nutrientes sejam liberados lentamente, eles são

revestidos com camadas de polímero que duram

cerca de dois meses cada. Então o fabricante aplica

duas, três ou quatro demãos, de acordo com

ao tempo desejado para liberação controlada”,

explicou Roselena, observando que os polímeros

em questão são plásticos e permanecem no solo,

eventualmente se degradando em micropartículas

que duram virtualmente para sempre.

High application fertilizers

A team of scientists affiliated with the Laboratory of Polymeric

and Biosorbent Materials at the Federal University of São Carlos

(Ufscar) in Araras (SP) is testing cellulose-based materials for greater

efficiency fertilizer release to improve the supply of nutrients to

crops and reduce the release of non-biodegradable chemicals into

the ecosystem.

The studies are led by Roselena Faez, Professor at the Center

for Agrarian Sciences (CCA-Usfscar) and who coordinates the Research

of Polymeric and Biosorbent Materials Group at Ufscar Araras.

The results were recently reported in two publications. One is

an article published in Carbohydrate Polymers, with Débora França

as the primary author. Here the scientists describe how they used

modified nanocellulose to discharge the nutrients contained in the

fertilizer into the soil in a slow and controlled way since nitrogen,

phosphorus, and potassium are highly soluble.

The scientist explains that potassium is quickly carried away by

rain due to its high ionic mobility and is the most difficult to release

its application in a controlled manner. “Nitrogen is obtained

from various sources such as nitrates, ammonia, and urea, but

plants get the nitrogen they need most easily from nitrates, which

are also easily washed away and do not remain in the soil for long.

On the other hand, phosphorus (as phosphate) is a very large and

less mobile ion than other macronutrients,” explains Faez.

She added that controlled-release products are available on

the market, but most are made of synthetic polymers, which are

not biodegradable. “Fertilizer pellets are the size of coarse sea salt.

To ensure that nutrients are released slowly, they are coated with

polymer layers that last about two months each. So the manufacturers

apply two, three, or four coats, according to the desired time

for controlled release,” Faez explains, noting that the polymers

being used are plastic and remain in the soil, eventually degrading

into microparticles that last virtually forever.

Foto: divulgação


A V A N Ç O S E T E C N O L O G I A

Alternativa ao plástico

Os plásticos descartáveis salvaram muitas vidas ao

melhorar o saneamento nos cuidados de saúde. No

entanto, a enorme quantidade de resíduos plásticos –

que pode levar de dezenas a centenas de anos para se

decompor – é um flagelo global da poluição. Entretanto,

em um estudo publicado recentemente na ACS

Nano, pesquisadores do SANKEN (Instituto de Pesquisa

Científica e Industrial) da Universidade de Osaka no

Japão e parceiros colaboradores desenvolveram hidrogéis

e moldes excepcionalmente versáteis que podem

substituir os plásticos convencionais.

A escala global de resíduos plásticos requer soluções

urgentes e está sendo abordada de diversas perspectivas.

Por exemplo, em agosto de 2022, a National

Geographic publicou um artigo sobre reciclagem e

reaproveitamento de resíduos plásticos. Takaaki Kasuga,

profissional que lidera as pesquisas, comenta que

a única solução de longo prazo é desenvolver alternativas

baratas, de alto desempenho e semelhantes a

plásticos que não persistam no meio ambiente. “Esta é

uma área ativa de pesquisa, mas as alternativas propostas

até o momento não atenderam às necessidades da

sociedade”, destaca Takaaki.

Ao pesquisar a necessidade global de um substituto

do plástico, Takaaki e colegas de trabalho se inspiraram

nas nanofibras de celulose. Por exemplo, essas fibras

ultrapequenas ajudam as plantas a manter estruturas

rígidas e leves. Na verdade, em uma base de libra por

libra, as nanofibras de celulose ajudam a madeira a

ser – por algumas métricas – mais forte que o aço. A

capacidade de adequar a natureza hierárquica dessas

nanofibras as tornam uma área ativa de pesquisa em

tecidos sintéticos e outros contextos de bioengenharia.

Várias técnicas estão atualmente disponíveis para

moldar nanofibras em uma orientação controlada; isto

é, para exibir anisotropia. No entanto, uma técnica

simples que permite moldar nanofibras de celulose

da escala nano para macroscópica, em vários eixos

espaciais, não está disponível há muito tempo. Para

atender a essa necessidade, os pesquisadores usaram

deposição eletroforética para

fabricar hidrogéis e moldes à

base de nanofibras de celulose

anisotrópicas.

Alternative to plastic

Disposable plastics have saved many lives by improving

sanitation in health care. However, the vast amount of plastic

waste – which can take tens to hundreds of years to decompose

– is a global scourge of pollution. But now, in a study

recently published in ACS Nano, scientists at Osaka University’s

Institute for Scientific and Industrial Research (Sanken) in

Japan and collaborating partners have developed exceptionally

versatile hydrogels and molds that can replace conventional

plastics.

The global scale of plastic waste requires urgent solutions

and is being addressed from various perspectives. For example,

in August 2022, National Geographic published an article on

the recycling and reuse of plastic waste. However, Takaaki

Kasuga, a research scientist, says the only long-term solution is

to develop cheap, high-performance, plastic-like alternatives

that do not remain in the environment. “This is an active area

of research, but the alternatives proposed so far have not met

the needs of society,” highlights Kasuga.

Kasuga and his co-workers were inspired by cellulose

nanofibers when researching the global need for a plastic

substitute. For example, these ultra-small fibers help plants

maintain rigid and lightweight structures. In fact, on a poundfor-pound

basis, cellulose nanofibers help the wood to be – by

some metrics – more robust than steel. In addition, the ability

to adapt the hierarchical nature of these nanofibers made

them an active area of research in synthetic tissues and other

bioengineering contexts.

Several techniques are currently available to shape nanofibers

in a controlled orientation, i.e., to exhibit anisotropy.

However, in various spatial axes, a simple process that allows

shaping cellulose nanofibers from the nanoscale to the macroscopic

scale has not been available for a long time. Therefore,

scientists use the electrophoretic deposition method to manufacture

hydrogels and molds based on anisotropic cellulose

nanofibers to meet this need.

30

Foto: divulgação


Implementos Rodoviários

QUALIDADE,

CONFIABILIDADE E

FUNCIONALIDADE

Fabricamos seu caminhão pipa sob medida!

•ASPERSORES | LATERAIS E TRASEIROS

•CANHÃO | COMBATE INCÊNDIO

•PIPA | 8 A 25 MIL LITROS

•LAVA PISTA

ASPERSORES LATERAIS

ESGUICHOS TRASEIROS

flamarltda.com.br (31) 9.9988-1806

| (31) 3822-7989

@Flamarltda | R. Laguna, 495 | Veneza, Ipatinga - MG


P R Ê M I O R E F E R Ê N C I A

Foto: Emanoel Caldeira

Conheça os vencedores da vigésima

edição da maior premiação do setor

de base florestal do Brasil

32

Meet the winners of the twentieth year

of the most significant award in the

Forest-based Sector in Brazil


OPrêmio REFERÊNCIA chega à sua vigésima

edição e vai contemplar excepcionalmente

vinte representantes

do setor que mais se destacaram no

ano, em uma celebração especial

pelos 20 anos do prêmio. A premiação

organizada pela JOTA Editora, responsável pela

publicação das revistas: REFERÊNCIA FLORESTAL,

REFERÊNCIA INDUSTRIAL, REFERÊNCIA CELULOSE

& PAPEL, REFERÊNCIA PRODUTOS DE MADEIRA e

REFERÊNCIA BIOMAIS, já se tornou um marco para o

segmento e atrai a cada ano mais indicados e interesse

do público em relação aos vencedores.

Os critérios para a seleção dos vencedores são

bastante exigentes, desde as indicações recebidas por

clientes, parceiros, anunciantes e personalidades do

setor, passando por pesquisas e avaliações realizadas

internamente pelos membros da organização do

evento. Muito além do prêmio, o objetivo é valorizar

quem mais trabalhou para o fortalecimento e crescimento

da indústria de base florestal e industrial. É um

reconhecimento dado para empresas ou associações,

mas que reflete no trabalho de todos os que fazem

o setor mais forte e representativo para a economia

nacional.

Fábio Alexandre Machado, diretor comercial da

JOTA Editora, celebra o grande número de indicações

recebidas e a importância que o setor demonstra

em relação a premiação. “Chegar a vinte edições

do prêmio demonstra o fortalecimento do setor e é

um grande orgulho poder realizar essa cerimônia”,

celebra Fábio.

T

he REFERÊNCIA Award reaches its twentieth

year and will exceptionally contemplate

twenty representatives of the Sector that

stood out in 2022 in a special celebration for

the 20 years of the Award. The Award was organized

by JOTA Editora, responsible for the publication of

the magazines: REFERÊNCIA FLORESTAL, REFERÊNCIA

INDUSTRIAL, REFERÊNCIA CELULOSE & PAPEL, REFE-

RÊNCIA PRODUTOS DE MADEIRA, and REFERÊNCIA

BIOMAIS, and has already become a milestone for the

segment and, each year, attracts more nominees and

public interest as to the winners.

The criteria for selecting winners are very demanding,

from the nominations received from customers,

partners, advertisers, and personalities in the Sector

through surveys and evaluations carried out internally

by the members of the event organization. Far beyond

the Award, the goal is to value those who have

worked the most to strengthen and grow the forest

and industrial-based industry. It is the recognition

given to a company or association, but it also reflects

on the work of all who make the Sector stronger and

more representative within the national economy.

Fábio Alexandre Machado, Commercial Director of

Jota Editora, celebrates the large number of nominations

received and the importance that the Sector

has demonstrated concerning the awards. “Reaching

twenty years of the Award demonstrates the strengthening

of the Sector, and it is with great pride to be able

to perform this ceremony,” celebrates Machado.

33


P R Ê M I O R E F E R Ê N C I A

ABAF

A ABAF (Associação Baiana das Empresas de Base Florestal) é uma das premiadas deste ano pelo trabalho

feito para o fortalecimento do setor florestal baiano. Além dos eventos e cursos promovidos pela associação,

neste ano a ABAF ajudou a produzir o Plano Bahia Florestal 2023-2033, que tem como foco atrair novos

investimentos para ampliar e fortalecer a cadeia produtiva de florestas plantadas no Estado, intensificando o

que já é feito e buscando a maior inclusão dos pequenos e médios produtores e processadores de madeira

na Bahia nessa próxima década.

The State of Bahia Association of Forest-base Companies (Abaf - Associação Baiana das Empresas de Base Florestal) is

one of this year’s winners chosen for strengthening the State of Bahia Forest-based Sector. In addition to the events and

courses promoted by the Association, Abaf helped produce the 2023-2033 Bahia Forest-based Plan this year. This plan

focuses on attracting new investments to expand and strengthen the production chain of planted forests in the State,

intensifying what is already being carried out and seeking greater inclusion of small and medium-sized timber producers

and processors in the State of Bahia in the next decade.

ABIMCI

A Abimci (Associação Brasileira da Indústria de Madeira Processada Mecanicamente) comemora 50

anos em 2022 e, como reconhecimento pelo extenso trabalho em prol da indústria madeireira e defesa dos

interesses do setor, é uma das empresas que irá receber o Prêmio REFERÊNCIA. A entidade é a principal

fonte de informações para organismos governamentais brasileiros e estrangeiros, referencial para a imprensa,

universidades e entidades setoriais.

The Brazilian Association of Mechanically Processed Wood Industry (Abimci - Associação Brasileira da Indústria de

Madeira Processada Mecanicamente) celebrates 50 years in 2022. In recognition of the extensive work for the Forest-based

Sector and defense of the interests of the Sector, it is one of the companies that will receive the REFERÊNCIA Award.

In addition, the entity has become the primary source of information for Brazilian and foreign government agencies and a

reference for the press, universities, and Sector entities.

ADAMI

Para além do trabalho direto com a madeira, o setor de base florestal é feito de pessoas e a Adami é a

premiada deste ano por uma ação importante realizada na área de recursos humanos. Valorizar profissionais

e trabalhar para gerar um bom ambiente de trabalho é chave para que os colaboradores possam usufruir

de condições favoráveis ao pleno desenvolvimento de suas atividades e, por consequência, gerar resultados

melhores para a empresa.

In addition to the direct work with timber, the Forest-based Sector comprises people, and Adami is this year’s award-

-winner for an important action in human resources. Valuing professionals and working to generate a good work environment

is critical for employees to enjoy favorable conditions for the full development of their activities and, consequently,

create better results for their company.

34


AGROSEPAC

Escolhido para receber o Prêmio REFERÊNCIA 2022, o grupo AGROSEPAC realiza desde os anos 1960 atividades

florestais em Mallet (PR), em uma das melhores e mais importantes regiões do Brasil para o plantio de

pinus e erva-mate. Atualmente, a empresa executa projetos na área de reflorestamento e operações florestais,

com cerca de 2 milhões de mudas de pinus todos os anos, gerando milhares de empregos diretos e indiretos.

Chosen to receive the 2022 REFERÊNCIA Award, the Agrosepac Group has been carrying out forest activities in Mallet

(PR) since the 1960s, in one of the best regions in Brazil for planting pine and yerba mate. Currently, the Company carries

out projects in reforestation and forestry operations, with about 2 million pine seedlings every year.

B2 MADEIRAS

A B2 Madeiras trabalha com as melhores árvores que o Brasil pode oferecer. Madeiras nobres extraídas

através de manejo florestal sustentável são processadas na serraria para produzir produtos de madeira, que

não só valorizam o ambiente onde estão, mas também garantem a continuidade de uma prática tão positiva

como o manejo florestal. A responsabilidade ambiental demonstrada pela B2 Madeiras é uma das chaves

para garantir a floresta em pé para gerações futuras.

B2 Madeiras works with the best trees that Brazil can offer. Noble timbers extracted through sustainable forest management

are processed in the sawmill to produce wood products, which value the environment where they are installed

and ensure the continuity of a positive practice such as forest management. The environmental responsibility demonstrated

by B2 Madeiras is one of the keys to ensuring that the forest stands for future generations.

CMPC

A multinacional chilena CMPC é uma das premiadas deste ano pelos projetos voltados ao fomento

econômico e sustentável no Rio Grande do Sul: o BioCMPC e o RS+Renda. O BioCMPC trata do segundo

maior investimento privado da história do Rio Grande do Sul e o maior em termos de sustentabilidade. Já

o RS+Renda é um programa de fomento florestal promovido pela CMPC. Para o ano de 2022, a empresa

possui a meta de ampliar a base florestal em 15 mil ha (hectares) no Estado e atingir a produção de 350 mil

toneladas de celulose ao ano.

The Chilean multinational Cmpc is one of the winners of this year’s award for projects aimed at economic and sustainable

development in the State of Rio Grande do Sul: BioCmpc and RS+Renda. BioCmpc is the second-largest private

investment in the history of Rio Grande do Sul and the largest in terms of sustainability. RS+Renda is a forest outgrower

program promoted by Cmpc. For 2022, the Company has the goal of expanding its forest base by 15 thousand hectares

in the State and reaching the production of 350 thousand tons of pulp per year.

35


P R Ê M I O R E F E R Ê N C I A

DEMUNER

A Demuner Marcenaria trabalha há mais de 30 anos com o objetivo de agregar o máximo de valor em

cada projeto realizado. Sediada no Espírito Santo, a Demuner tem como objetivo criar soluções exclusivas

em marcenaria, superando desafios e surpreendendo seus clientes para a realização do trabalho. A excelência

na entrega de projetos únicos e inovadores faz da Demuner um dos destaques desse ano, pois a empresa

leva a madeira, em suas formas mais variadas e criativas para dentro das casas com muito estilo e valorização

da mesma como protagonista.

Demuner Marcenaria has worked for more than 30 years, aiming to add maximum value to each project. Headquartered

in Espírito Santo, Demuner aims to create unique solutions in woodworking, overcoming challenges and surprising

its customers with its work. The excellence in delivering unique and innovative projects makes Demuner one of the

highlights of this year because the Company takes timber, in its most varied and creative forms, into homes with a lot of

style and appreciation as a protagonist.

ENEBRA ENERGIA

A Enebra Energia atua no fornecimento de biomassa de eucalipto e supressão nativa em todas as suas

formas, oferecendo uma fonte de energia sustentável às indústrias por meio de florestas próprias certificadas.

É uma das empresas premiadas nesta edição pelo notável trabalho desenvolvido em 2022, além do crescimento

no setor de cavaco para biomassa, na região centro oeste do país. Trabalhar pelo esforço de gerar

energia limpa, junto com a preocupação da sustentabilidade em seus processos perfazem a matemática

perfeita para um futuro do planeta mais equilibrado.

Enebra Energia supplies eucalyptus biomass and native suppression in all its forms, offering a sustainable energy source

to companies through its certified forests. It is one of the companies awarded this year for the remarkable work carried

out in 2022, in addition to contributing to the growth in the Biomass Chip Sector in the Midwest Region of the Country.

Working through the effort to generate clean energy, along with the concern of sustainability in its processes, make the

perfect mathematics for a more balanced future for the planet.

GCM

Os produtos madeireiros nacionais têm sido cada vez mais reconhecidos e valorizados no mercado

externo e o trabalho da GCM Trade tem grande valor nesse processo. A empresa sediada em Curitiba (PR)

trabalha continuamente para levar o melhor para os clientes ao redor do mundo. A GCM, há mais de 10

anos, exporta madeira de reflorestamento em tábuas, chapas, placas, pisos e muito mais, com o objetivo

de fomentar nossa economia e valorizar a produção de madeira nacional. Tudo adequado com o mais alto

grau de exigência que o mercado internacional necessita. Afinal, manter uma década de fornecimento de

produtos brasileiros para o mercado externo é no mínimo desafiador e mostra o grau de qualificação que a

empresa dispõe.

Domestic forest products have been increasingly recognized and valued in the foreign market, and GCM Trade’s work

has been of great value in this process. The Company based in Curitiba (PR) works continuously to bring the best it produces

to customers worldwide. GCM, for more than ten years, has been exporting reforestation timber as boards, sheets,

panels, flooring, and more, all aiming to foster our economy and value domestic timber production. All products meet the

standards that the international market demands. After all, maintaining a decade of supply of Brazilian products to the

foreign market is at the least challenging and shows the degree of qualification the Company offers.

36


GRUPO AC HENRIQUES

Pariri, Garapeira, Cambará, Peroba e tantas outras árvores nobres são as matérias-primas dos produtos

oferecidos pelo Grupo AC Henriques. Localizada em Sinop (MT), um polo para o manejo florestal sustentável

do Estado e do país, indústria madeireira que processa e manufatura madeira nacional de alto padrão

para levar o que de melhor há no Brasil para todos os cantos do mundo, de maneira sustentável e que

mantém a floresta em pé.

Pariri, Garapeira, Cambará, Peroba, and many other noble trees are the raw materials of the products offered by the

AC Henriques Group. Located in Sinop (MT), a hub for sustainable forest management in the State and the Country, the

forest-based company processes and manufactures high-standard domestic forest products in a sustainable way that

keeps the forest standing, exporting the products to all corners of the world.

GRUPO PALUDO

Produzir e preservar, essas são as chaves do trabalho do Grupo Paludo. Através da Serraria Pérola, onde

o trabalho é realizado, a madeira nativa é cortada através de métodos de manejo sustentável. Assim, produz

produtos de madeira que são vendidos para todo o Brasil e também para o exterior. O trabalho realizado

pelo Grupo Paludo tem grande importância para a comunidade local e para a preservação da floresta amazônica,

um dos maiores patrimônios nacionais.

Producing and preserving are the keys to the work of the Paludo Group. Through the Serraria Pérola sawmill, where

the work is carried out, native wood is cut through sustainable management methods. Thus, it produces timber products

that are sold throughout Brazil and abroad. The work carried out by the Paludo Group is of great importance for the local

community and for preserving the Amazon rainforest, one of the largest national heritage sites.

HAAS MADEIRAS

Com início da operação de uma fábrica própria de pellets em 2022, uma moderna unidade fabril de 50

mil m² de área construída em Venâncio Aires (RS), a Haas Madeiras é uma das premiadas do Prêmio REFE-

RÊNCIA. A estrutura tem capacidade para produzir 2,5 mil t (toneladas) de pellets por mês e também abriga

o depósito dessa biomassa, fonte de energia renovável que a Haas Madeiras vem investindo nos últimos

anos.

With the beginning of its pellet plant in 2022, a modern manufacturing unit of 50 thousand m², constructed in

Venâncio Aires (RS), Haas Madeiras is one of the REFERÊNCIA Award winners. The structure can produce 2.5 thousand

tons of pellets per month and houses a deposit for this biomass, a renewable energy source that Haas Madeiras has been

investing in over recent years.

37


P R Ê M I O R E F E R Ê N C I A

MARINI COMPENSADOS

Fundada em 2004, na cidade de Palmas (PR), a Marini Indústria de Compensados produz painéis e placas

de madeira de alta qualidade e desempenho para o mercado externo e interno, com um parque fabril

de 17 mil m² de área construída, com investimentos constantes em busca de aprimorar a fabricação de seus

produtos. Certificados de qualidade como Teco Tested, dos EUA (Estados Unidos da América), atestam a

empresa como uma das premiadas desta edição.

Founded in 2004 in Palmas (PR), Marini Indústria de Compensados produces high-quality, high-performance wood

panels and sheets for the national and international markets, with a factory park of 17 thousand m² of constructed area,

with constant investments to improve the manufacture of its products. Quality certificates, such as Teco Tested, from the

USA, attest to the Company as one of this year’s winners.

MIP FLORESTAL

Especialista em manejo fitossanitário no mercado florestal, a MIP Florestal contribui de forma significativa

em inovações metodológicas na área de Manejo Integrado de Pragas. Com banco de dados único de pragas,

doenças e manejo assertivo, a MIP Florestal auxilia nas tomadas de decisões do ciclo da cultura, do viveiro

ao campo, tornando o investimento mais rentável e seguro. Dessa forma, a MIP Florestal é reconhecida no

vigésimo Prêmio REFERÊNCIA.

Specialist in phytosanitary management in the forest market, MIP Florestal contributes significantly to methodological

innovations in Integrated Pest Control. With a unique pest, disease, and assertive control database, MIP Florestal assists in

the decision-making within the crop cycle, from nursery to field, making investment more profitable and surer. Thus, MIP

Florestal is recognized in the twentieth REFERÊNCIA Award.

PIOMADE

Soluções sustentáveis são chave para o desenvolvimento do setor e da sociedade, por isso a Piomade

alcançou lugar de destaque em 2022. O ano foi marcado pela inauguração da nova fábrica de pellets da

empresa. As soluções de biomassa se tornaram essenciais para vários segmentos, além do próprio setor florestal.

Trabalhar por um mundo mais sustentável e por uma produção mais limpa permeiam as diretrizes da

Piomade no seu dia a dia. A nova fábrica é um exemplo prático da busca incessante da excelência em seus

processos.

Sustainable solutions are key to the development of the Sector and Society. As such, Piomade attained a prominent

place in 2022. The year was marked by the inauguration of the Company’s new pellet factory. Biomass solutions have

become essential for various segments and the Forest-based Sector itself. Working for a more sustainable world and cleaner

production permeates Piomade’s daily guidelines. The new factory is a practical example of the unceasing pursuit of

excellence in its processes.

38


DURABILIDADE E RESISTÊNCIA

Há 12 anos atendemos os mais diversos segmentos do

mercado. Fabricamos polias especiais e padrões nos mais

diferenciados modelos, medidas e necessidades. Priorizamos

sempre em atender com eficiência e credibilidade nossos

clientes.

POLIAS PARA:

DESPOLPADORES BOMBAS DE VÁCUO ENROLADORES

AGITADORES DESAGREGADORES EQUIPAMENTOS PARA

CELULOSE E PAPEL

CONTATE-NOS

VENDAS@SCPOLIAS.COM.BR

WWW.SCPOLIAS.COM.BR

@SCPOLIAS

(48) 3476-0975

(48) 3476-0380

RUA JOSEFINA SACHET MILANEZ, 139,

DISTRITO INDUSTRIAL JERÔNIMO SPILLERE,

BAIRRO CARAVÁGGIO, NOVA VENEZA/SC


P R Ê M I O R E F E R Ê N C I A

REDE MULHER FLORESTAL

A conquista de espaços pelas mulheres no setor florestal é contínua. Elas estão em todas as áreas e a

Rede Mulher Florestal tem atuado no fortalecimento de políticas e na quebra de paradigmas sobre a presença

feminina no setor florestal. Valorizar as mulheres no segmento florestal é uma realidade e essa representatividade

ganha força a cada ano, sobretudo quando o assunto são as boas práticas de ESG, tão em voga hoje

em dia.

The conquest of space by women in the Forestry Sector is continuous. They now occupy positions in all areas. The

Rede Mulher Florestal (Forestry Women Network) has been working on strengthening policies and breaking paradigms

about the female presence in the Forest-based Sector. Therefore, valuing women in the forest segment has become a

reality. Moreover, this representation is gaining strength yearly, especially regarding good ESG practices, which are so in

vogue today.

RELVAPLAC

Com quase 30 anos de história no segmento de compensados multilaminados, a RELVAPLAC tem como

mercado principal a exportação, presente em mais de 40 países, além de atender o mercado nacional nos

setores industrial, da construção civil e moveleiro. A empresa conta ainda com mais de 2 milhões de árvores

reflorestadas, o que confirma a RELVAPLAC como a ganhadora do Prêmio REFERÊNCIA em 2022.

With almost 30 years of history in the multilaminate plywood segment, Relvaplac has as its primary market the export

market, present in more than 40 countries, in addition to serving the domestic market in the Industrial, Building Construction,

and Furniture Sectors. The Company also has more than 2 million reforested trees, which confirms Relvaplac as

the winner of the REFERÊNCIA Award in 2022.

SANTA MARIA CELULOSE

Com 60 anos de história, a Santa Maria Celulose é uma tradicional empresa paranaense. A Santa Maria

Celulose é um exemplo de boas práticas e busca por melhorias para o próprio negócio e também para o

desenvolvimento regional. O trabalho, que gera resultados para toda a comunidade no entorno em que a

indústria se localiza é a principal característica de atuação da empresa. A realização do trabalho e os investimentos

feitos pela empresa servem como parâmetro para todo o segmento de celulose.

With 60 years of history, Santa Maria Celulose is a traditional State of Paraná company. Santa Maria Celulose is an

example of good practices and seeks improvements for its own business and regional development. The work, which

generates results for the entire community in which the Company is located, is the main characteristic of the Company’s

performance. All the work and investments made by the Company serve as a parameter for the entire pulp segment.

40


0800 180 3000

www.unibras.com.br


P R Ê M I O R E F E R Ê N C I A

SENBRA COMPENSADOS

A SENBRA Compensados, Indústria e Comércio de Madeiras, é destaque no setor em 2022 em sua missão de

fomentar a industrialização de produtos especializados e de alta performance para diversos mercados e demandas.

A fabricação sustentável de lâminas e compensados de madeira replantada, na planta instalada na cidade de

Sengés (PR), confere à SENBRA um lugar entre os vencedores do ano de 2022 do Prêmio REFERÊNCIA.

Senbra Compensados, a company operating in the production and sale of timber products, is a highlight in the Sector in

2022 in its mission to promote the industrialization of specialized and high-performance products for various markets and demands.

Furthermore, the sustainable manufacture of plies and plywood from replanted forests in a plant installed in Sengés (PR)

gives Senbra a place among the winners of the 2022 REFERÊNCIA Award.

VETORIAL

Com ampla experiência no mercado desde 1969, o Grupo Vetorial atua no setor minério-siderúrgico, produzindo

carvão vegetal e ferro gusa, além de extração de minério de ferro. No setor de energia renovável, produz

carvão vegetal com sustentabilidade, exclusivamente de florestas plantadas renováveis, com aproveitamento de

material lenhoso para a produção do Ferro Gusa Verde, razão pela qual a Vetorial é uma das premiadas nesta

20ª edição do Prêmio REFERÊNCIA. Entre os destaques da empresa, está a verticalização do seu processo de

produção.

With extensive experience in the market since 1969, the Vetorial Group operates in the Iron Ore/Steel Making Sector, producing

charcoal and pig iron in addition to extracting iron ore. In the Renewable Energy Sector, the Company produces charcoal

with sustainability, exclusively from renewable planted forests, using the forest material to produce Green Pig Iron. Vetorial is one

of the winners of the 20th REFERÊNCIA Award. Among the Company’s highlights is the verticalization of its production process.

PRÊMIO REFERÊNCIA 2022

Data: 29/11/2022

Horário: 19h (horas)

Local: Restaurante Porta Romana - Curitiba (PR)

Informações e ingressos para o evento:

comercial@revistareferencia.com.br ou +55 (41) 99968-4617

42


A R T I G O

Produção e caracterização

de filmes de celulose

nanofibrilada e microcristalina

Fotos: divulgação e próprio autor

Production and Analysis

of Nanofibrillated and

Microcrystalline Cellulose Films

44


Carmen Fuenmayor

UFPR (Universidade Federal do Paraná)

Federal University of Paraná

RESUMO

Ouso de materiais nanoestruturados

para diversos usos vem

apresentando grande destaque e,

no âmbito de compostos renováveis,

as nanoceluloses, tem se

posicionado como promissores

alternativos para produção de diferentes materiais

industrializados. Este polímero natural tem

recebido grande atenção nos últimos anos devido

às destacadas propriedades oferecidas pela sua

estrutura cristalina de natureza orgânica produzida

através de fontes renováveis. Este trabalho teve

como objetivo caracterizar filmes produzidos com

ABSTRACT

T

he use of nanostructured materials for

various uses has been highlighted, and

in the context of renewable compounds,

nanocelluloses have been positioned as

promising alternatives for producing different industrialized

materials. This natural polymer has received

significant attention in recent years due to the outstanding

properties offered by the organic nature of its

crystalline structure and is produced using renewable

sources. This work aims to analyze films produced with

suspensions of nanofibrillated cellulose (NFC) with the

addition of microcrystalline cellulose (MCC) at different

concentrations (5%, 10%, 15%, 20%, 25%, and

45


A R T I G O

suspensões de CNF (celulose nanofibrilada) com

adição de CMC (celulose microcristalina) em diferentes

concentrações (5%, 10%, 15%, 20%, 25%

e 30% m:m). Os filmes produzidos passaram por

caracterização para determinação das propriedades

morfológicas, físicas, químicas, térmicas e mecânicas.

Os resultados indicam o aumento no índice

de cristalinidade de acordo com o aumento

da incorporação da CMC, passando de um valor

em S0 de 76,91% a S30 de 82,98%, equivalente

a um ganho porcentual de 7%. A análise estatística

mostrou uma alta correlação positiva entre o

aumento do índice de cristalinidade com o aumento

do potencial Zeta, a estabilidade térmica,

o ângulo de contato, a rugosidade, a microdureza

e o módulo de elasticidade. Houve também uma

correlação negativa com a taxa de desgaste e o

arrebentamento. Através da MET (análise morfológica)

se expôs aumento nos diâmetros das

estruturas nas suspensões quando as proporções

de CMC foram aumentadas. A análise MEV exibiu

filmes de estrutura compacta com formação de

pontos aglomerados. A espessura dos filmes foi

incrementada com a adição de CMC, contrário às

densidades que diminuíram em filmes com presença

de microcristais. A análise de potencial Zeta

nas suspensões evidenciou que as amostras S20,

S25 e S30 podem ser consideradas moderadamente

estáveis. A estabilidade térmica dos filmes

incrementou de acordo as quantidades de CMC

adicionadas na matriz CNF. Os filmes nanoestruturados

apresentaram destacado comportamento

tribológico contra o desgaste em condições secas

quando comparados a filmes de origem sintético.

A rugosidade superficial média foi influenciada

diretamente pelas concentrações de CMC nos filmes,

atingindo valores até três vezes maiores em

concentrações de 30% de CMC em comparação

com a amostra testemunha. A taxa de desgaste

específico dos filmes foi inversamente proporcional

às concentrações de CMC, observando-se que

para baixas concentrações de CMC (5%), a redução

do desgaste foi de 7% em relação à amostra

testemunha e ao passar para a maior concentração

a redução do desgaste foi ainda mais significativa

(até 95% menor o desgaste). Evidenciaram-

-se valores relacionados com materiais isolantes

Dessa forma, o

estudo de polímeros

naturais para potenciais

aplicações industriais

como uma alternativa

aos polímeros sintéticos

têm provocado avanços

no desenvolvimento de

novas tecnologias

30% m/m). The films produced underwent various

analyses to determine the morphological, physical,

chemical, thermal, and mechanical properties. According

to the increase in MCC incorporation, results

indicate an increase in the crystallinity index from (S0)

76.91% to (S30) 82.98%, equivalent to a percentage

gain of 7%. Statistical analysis showed a high positive

correlation between the increase in the crystallinity

index with the increase in zeta potential, thermal

stability, contact angle, roughness, microhardness,

and elasticity modulus. There was also a negative

correlation between wear and burst rates. Through

the morphological analysis using transmission electron

microscopy (TEM), an increase in the diameter

of the structures in suspensions was exhibited when

proportions of MCC were increased. The scanning

electron microscope (SEM) analysis showed films

of compact structure with the formation of clustered

points. The films’ thickness was increased with

the addition of MCC, contrary to the densities that

decreased in films with the presence of microcrystals.

The zeta potential analysis in the suspensions showed

that samples S20, S25, and S30 could be considered

moderately stable. The thermal stability of the films

increased according to the amounts of MCC added

to the NFC matrix. The nanostructured films showed

outstanding tribological behavior against wear in dry

conditions compared to films of synthetic origin. The

average surface roughness was directly influenced

by MCC concentrations in the films, reaching values

46


no estudo da condutividade elétrica. A concentração

da carga cristalina influenciou a produção de

filmes com valores elevados nas propriedades de

módulo de elasticidade e microdureza, evidenciando

a importância de entender a fragilidade

dos filmes. Os resultados obtidos demostraram

que os filmes podem ser utilizados como revestimentos

de reforço sobre diferentes materiais.

INTRODUÇÃO

Em uma sociedade em permanente crescimento

e com demandas progressivas por produtos

de consumo, é imprescindível desenvolver

materiais com características que, além de garantir

sua qualidade, garantam sua biocompatibilidade

com o meio ambiente, pois o uso extensivo

de polímeros sintéticos tem predominado na

maioria das aplicações, sendo causa de grandes

danos ambientais. Por exemplo, tendo em vista

que a maioria dos bens de consumo precisam ser

up to three times higher at concentrations of 30% of

MCC compared to the control sample. The specific

wear rate of the films was inversely proportional to

the concentrations of MCC, noting that for low concentrations

of MCC (5%), the wear reduction was 7%

less than the control sample. When moving to the

highest concentration, the wear reduction was even

more significant (up to 95% less wear). Values related

to insulating materials were evidenced in the study

of electrical conductivity. The concentration of the

crystalline charge influenced the production of films

with high values in the properties of modulus of elasticity

and microhardness, evidencing the importance

of understanding the fragility of the films. The results

showed that the films could be used as reinforcement

coatings on different materials.

INTRODUCTION

In a society in permanent growth and with

progressive demands for consumer products, it is

PEQUENO DETALHE

GRANDE EFICIÊNCIA

Especializada em Manutenção de Sopradores de

fuligem, a empresa Process é formada por uma

Equipe Técnica com mais de 20 anos de

experiência, onde garante toda eficiência,

qualidade e confiabilidade em serviços.

Atendimentos personalizados, onde é realizado

uma avaliação completa do processo de

sopragem.

Fornecimento de peças , para todas as

marcas e modelos.

Agende uma Visita

vendas@process.ind.br

(16) 3524-3265


A R T I G O

A

Celulose

nanofibrilada

B

Celulose

microcristalina

Nanofibrillated

cellulose

Microcrystalline

cellulose

embalados para ser protegidos, destaca-se o uso

de LDPE (polietileno de baixa densidade) e HDPE

(polietileno de alta densidade) como principais

componentes de grande parte dos recobrimentos

comercializados (Wang; Wang, 2017).

A pesquisa e o desenvolvimento de novos materiais

de base biológica e ambientalmente menos

agressivos são objetivo de grandes corporações,

centros de pesquisas e universidades, que buscam

a substituição, total ou parcial, dos materiais de

origem petrolífera (Teck et al., 2013). Dessa forma,

o estudo de polímeros naturais para potenciais

aplicações industriais como uma alternativa

aos polímeros sintéticos têm provocado avanços

no desenvolvimento de novas tecnologias.

Destaca-se o termo biomassa lignocelulósica

para se referir a matéria vegetal, cujas características

e composição tem sido amplamente discutida

como uma alternativa a produtos químicos ao

longo de vários anos. Esta matéria-prima é caracterizada

por uma arquitetura complexa, composta

basicamente por três polímeros, celulose, hemiceluloses

e lignina (Galkin; Samec, 2016).

Pode-se dizer que a celulose é o elemento

estrutural vegetal mais importante, é um polissacarídeo

linear de unidades β-D-glicose (D-glucopiranose),

β (1 → 4) ligadas entre si formando

longas cadeias (Parize et al., 2017), constitui uma

fonte de matéria-prima polimérica renovável

diante de uma demanda crescente por produtos

menos danosos ao médio ambiente que também

possuem características potenciais para múltiplas

aplicações (Kim et al., 2015).

Hubbe et al. (2017) afirmaram que a utilização

de filmes ou revestimentos com nanocelulose em

produtos de embalagens proporciona importantes

benefícios à saúde humana e ambiental devido às

essential to develop materials with characteristics

that, in addition to ensuring their quality, ensure

their biocompatibility with the environment

because the extensive use of synthetic polymers has

predominated in most applications, causing great

environmental damage. For example, considering

that most consumer goods need to be packaged to

be protected, low-density polyethylene (Ldpe) and

high-density polyethylene (Hdpe) are the main components

of much of the packaging marketed (Wang;

Wang, 2017).

The research and development of new biologically

based and environmentally less aggressive

materials are the objectives of large corporations,

research centers, and universities, which seek the

substitution, in whole or in part, of petroleum-origin

materials (Teck et al., 2013). Thus, studying natural

polymers for potential industrial applications as an

alternative to synthetic polymers has led to advances

in developing new technologies.

The term lignocellulosic biomass stands out

for referring to plant matter, whose characteristics

and composition have been widely discussed as an

alternative to chemical products for several years.

This raw material is characterized by a complex

architecture, composed basically of three polymers,

cellulose, hemicellulose, and lignin (Galkin; Samec,

2016).

It can be said that cellulose is the most essential

plant structural element. It is a linear polysaccharide

of β-D-glucose units (D-glucopyranose), β (1 → 4)

connected to each other forming long chains (Parize

et al., 2017), constituting a source of renewable

polymeric raw material in the face of a growing demand

for products less harmful to the environment

that also have potential characteristics for multiple

applications (Kim et al., 2015).

48


suas características de processamento.

A este respeito Lengowski et al., 2020 relataram

que o uso da nanocelulose pode ser considerado

um excelente material em aplicações de

embalagens de alimentos devido às propriedades

associadas às suas características de resistência

proporcionadas pelas conexões interfibras das

zonas amorfas e pelas zonas cristalinas. É de salientar

que essa fase cristalina pode se quantificar

através de diferentes técnicas, sendo o índice de

cristalinidade o principal parâmetro para a interpretação

das modificações estruturais da celulose

(Santos et al., 2020).

Hubbe et al. (2017) stated that using films or

coatings with nanocellulose in packaging products

provides important benefits to human and environmental

health due to their processing characteristics.

In this regard, Lengowski et al., 2020 reported

that the use of nanocellulose can be considered an

excellent material in food packaging applications due

to the properties associated with its resistance characteristics

provided by the inter-fiber connections of

amorphous and crystalline zones. It should be noted

that this crystalline phase can be quantified through

different techniques, and the crystalline index is the

main parameter for interpreting structural changes in

cellulose (Santos et al., 2020).

Essa é uma versão parcial do artigo, o conteúdo completo pode ser acessado através do

link: https://www.acervodigital.ufpr.br/handle/1884/78713

This is only a partial version; the full version can be accessed through the following link:

https://www.acervodigital.ufpr.br/handle/1884/78713


S U S T E N T A B I L I D A D E

Pensando no futuro

Planejamento sustentável dá a tônica dos próximos

passos de fabricante de papel e embalagens

Fotos: Nova Ibema

Thinking about the future

Sustainable planning is the tonic for the next

steps of a paper and packaging manufacturer

50


Em evento realizado em São Paulo (SP) a Ibema

apresentou uma série de planos e metas

relacionados à sustentabilidade que guiarão

a empresa nos próximos anos. O evento

intitulado Nova Ibema, contou com a presença

do corpo diretor da empresa, grandes

nomes do mercado e também do economista e ex-

-ministro da fazenda Joaquim Levy e Paulo Hartung,

presidente da IBÁ(Industria Brasileira de Árvores). O

foco em desenvolvimento sustentável, crescimento

contínuo da produção e fortalecimento no mercado

foi o que ditou o ritmo das apresentações.

A primeira ação apresentada foi relacionada ao

plantio de florestas. Irlene Demeneck, diretora de

Supply Chain da Ibema, anunciou que a empresa

iniciará a plantação massiva de árvores de reflorestamento

no interior do Paraná. “O reflorestamento

de árvores de eucalipto e pinus ficou estagnado nos

últimos anos. Por isso, inauguramos a Ibema Florestal,

que nasce com o propósito de preservar e fomentar

essas espécies no Estado”, explicou Irlene.

Para a companhia esse é um grande passo, não só

por fornecer um importante insumo para a região de

Turvo (PR), mas especialmente por se tratar de uma

iniciativa significativa de recuperação econômica da

atividade florestal na região. “O Paraná tem potencial

e terras em abundância para conviver em harmonia

com os diversos setores do agronegócio, além de

garantir o equilíbrio ambiental e sustentável para a

economia local”, apontou Irlene.

A primeira área destinada para esse fim foi adquirida

em maio de 2022. São 2,2 mil ha (hectares), onde

serão plantadas 1,9 milhão de mudas, próximo ao

município de Turvo. Trata-se de uma fazenda de pasto,

cujo solo foi recuperado e adaptado para o plantio

de árvores, iniciado em setembro. Foram necessários

ainda investimentos em infraestrutura para o preparo

das estradas e do solo. “Além de sermos certificados

pelo FSC, temos um profundo respeito pela natureza

e seu impacto nos setores sociais, ambientais e econômicos”,

completou Irlene.

Além do investimento já realizado, a Ibema planeja

trabalhar também com o sistema silvipastoril, que

combina o uso estratégico de árvores, pastagens e

gado, um cultivo que já é praticado na região em perfeita

harmonia com a mata nativa da fazenda e que

tem trazido ótimos resultados.

A plantação de pinus, eucalipto e outras espécies

gera cerca de US$ 10,3 bilhões para o saldo da

A

t an event held in São Paulo (SP), Ibema

presented a series of plans and goals

related to sustainability that will guide

the Company in the coming years. The

event, entitled Nova Ibema, was attended by the

Company’s management and big names in the

market, such as Joaquim Levy, Economist and former

Finance Minister, and Paulo Hartung, President of the

Brazilian Tree Industry (IBÁ). The focus on sustainable

development, continuous production growth,

and market strengthening dictated the presentations’

pace.

The first action presented was related to the

planting of forests. Irlene Demeneck, Supply Chain

Director for Ibema, announced that the Company

would begin massive planting of trees in the interior

of Paraná. “The reforestation of eucalyptus and pine

trees has been stagnant in recent years. That is why

we inaugurated Ibema Florestal, which aims to preserve

and foster these species in the State,” explains

Demeneck.

For the Company, this is a big step, not only because

it provides an important input for the Region

of Turvo (PR) but mainly because it is a significant

initiative for the economic recovery of the forest-based

activity in the Region. “Paraná has the potential

and abundant lands to live in harmony with the

various Agribusiness Sectors, in addition to ensuring

environmental and sustainable balance for the local

economy,” says Demeneck.

The first area for this purpose was acquired in

May 2022. There are 22 hundred hectares, where

1.9 million seedlings will be planted, near the municipality

of Turvo. It is a former pasture whose soil has

to be recovered and adapted for tree planting, which

started in September. Infrastructure investments

were also needed to prepare roads and the soil. “In

addition to being FSC certified, the Company deeply

respects nature and its impact on the social, environmental,

and economic areas,” adds Demeneck.

In addition to the investment already made, Ibema

also plans to work with the silvopastoral system,

which combines the strategic use of trees, pastures,

and cattle, typical farming practiced in the region in

perfect harmony with the native forest of the farm

and that has led to good results.

According to IBÁ, planting pine, eucalyptus, and

other species contributed about US$ 10.3 billion to

the Brazilian trade balance (2019). In addition, the

51


S U S T E N T A B I L I D A D E

balança comercial brasileira (2019), de acordo com a

IBÁ. Além disso, o setor de árvores plantadas absorve

cerca de 1,88 bilhão de toneladas de CO 2

(gás carbônico)

da atmosfera todos os anos, contribuindo para a

mitigação do aquecimento global.

AÇÕES PRÁTICAS

Tratando diretamente para ações relacionadas à

sustentabilidade, foram definidos cinco passos práticos

para o desenvolvimento dessas práticas. Em seu Relatório

de Sustentabilidade lançado em 2022, a Ibema

traz cinco compromissos de médio e longo prazo

alinhados ao seu propósito, valores, objetivos estratégicos

ESG e à Agenda 2030 da ONU para o desenvolvimento

sustentável.

Economia de água - A Ibema já tem resultados

acima do padrão do mercado no uso da água. E com

o compromisso de gerenciar de forma sustentável esse

recurso em todos os seus processos industriais, coloca

a meta de reduzir em 25% o consumo específico de

água na planta de Turvo, entre 2021 e 2024.

Aterro negativo - Depois de se tornar uma empresa

aterro zero, em que todo resíduo gerado pelo

processo produtivo recebe destinação correta, sem

envio aos aterros, a Ibema quer reciclar 20 mil toneladas

de aparas pós-consumo até 2025. Isso é feito de

forma controlada, por meio de parcerias com startups

inovadoras que resgatam as embalagens onde elas

estiverem e trazem de volta ao processo produtivo,

fechando o ciclo da logística reversa.

Planted Tree Sector absorbs about 1.88 billion tons

of CO 2

from the atmosphere annually, contributing

to mitigating global warming.

PRACTICAL ACTIONS

Actions related to sustainability are directly dealt

with in the five practical steps defined for developing

these practices. For this, in its Sustainability Report

launched in 2022, Ibema lists five medium and long-

-term commitments aligned with its purpose, values,

ESG strategic objectives, and the UN 2030 Agenda

for Sustainable Development.

Water savings - Ibema already has above-the-

-market results in water use. And with the commitment

to sustainably, the Company manages

this resource in all its industrial processes. It has set

the goal of a 25% reduction in the specific water

consumption at the Turvo plant between 2021 and

2024.

Negative landfill - After becoming a Zero

Landfill Company, where all waste generated by the

production process receives the correct disposal without

sending it to landfills, Ibema wants to recycle

20 thousand tons of post-consumption waste by

2025. This is done in a controlled manner through

partnerships with innovative startups that salvage

the packaging used and return it to the production

process, closing the reverse logistics cycle.

Fewer gas emissions - To reduce the impacts

52


Menos emissões de gases - Para reduzir os impactos

nas mudanças climáticas em áreas de atuação

da Ibema, a empresa pretende reduzir suas emissões

de CO 2

em 70% por tonelada de produção até 2030,

tendo como ano-base o ano de 2020.

Educação financeira - Queremos melhorar o

desempenho da educação básica nas regiões onde

temos planta fabril. Para isso, vamos promover oportunidades

de aprendizagem até 2024 para 100% dos

nossos colaboradores com ensino fundamental e médio

incompletos. Além disso, por meio do Programa

de Educação Ibema, vamos levar educação de qualidade

para três mil alunos e profissionais da educação

de Turvo até 2030.

Diversidade - Com o objetivo de contribuir para

um mercado mais inclusivo e diverso, nossa meta é

aumentar em 30% o total de profissionais mulheres na

Ibema, inclusive em posições de liderança.

of climate change in Ibema’s areas of operation, the

Company intends to reduce its CO 2

emissions by

70% per ton of production by 2030, compared to

the 2020 base year.

Education financing - We want to improve

basic education performance in the regions where

we have manufacturing facilities. To this end, we will

promote learning opportunities by 2024 for 100%

of our employees with incomplete primary and

secondary education. In addition, through the Ibema

Education Program, we will provide quality education

to 3 thousand students and education professionals

from Turvo by 2030.

Diversity - To contribute to a more inclusive

and diverse market, our goal is to increase by 30%

the total number of women professionals in Ibema,

including in leadership positions.

PROJETOS E EQUIPAMENTOS PARA O

TRATAMENTO DE ÁGUAS E EFLUENTES

Abrandadores

Reuso e Polimento

Estações de Tratamento

ETAs

Flotadores

HÁ 27 ANOS

A SOLUÇÃO CERTA

PARA SUA

NECESSIDADE

Contatos:

tecnosan@tecnosan.com.br

+55 (47) 3327-2108

(47) 99983-8331

Sistema de Aeração

CONFIRA OUTROS EQUIPAMENTOS: www.tecnosan.com.br


F E I R A

CONGRESSO

ABTCP

2022

EVENTO REÚNE EMPRESAS NACIONAIS E INTERNACIONAIS

PARA DEBATER SOBRE O CENÁRIO DO COMÉRCIO DE

CELULOSE E PAPEL PARA OS PRÓXIMOS ANOS

Fotos: Gladstone Campos

54


2022 ABTCP CONGRESS

THE EVENT BRINGS TOGETHER NATIONAL AND

INTERNATIONAL COMPANIES TO DISCUSS THE SCENARIO

OF THE PULP AND PAPER MARKET FOR THE COMING YEARS

55


F E I R A

Alinhado às demandas de uma sociedade

cada vez mais consciente sobre a

necessidade de priorizar produtos advindos

de cadeias sustentáveis, o setor

de árvores cultivadas apresenta uma

carteira de R$ 60,4 bilhões de investimentos

em curso. De acordo com o levantamento

da IBÁ (Indústria Brasileira de Árvores), o montante

será direcionado a plantios florestais, novas fábricas,

expansões de capacidade, ciência e tecnologia ao

longo deste e dos próximos 6 anos.

Atenta ao cenário atual e ao amplo potencial da

indústria de celulose e papel no contexto da economia

circular, a ABTCP (Associação Brasileira Técnica

de Celulose e Papel) promoveu o LIV Congresso e

Exposição Internacional de Celulose e Papel, entre

os dias 4 e 6 de outubro. Realizado no Transamérica

Expo Center, em São Paulo (SP). O evento apresentou

como pauta central o tema Celulose e Papel:

Meio Ambiente, Sociedade, Governança e Inovação;

convidando profissionais que atuam na indústria

de celulose para debater sobre o assunto.

Darcio Berni, diretor executivo da ABTCP, associação

organizadora do evento, valorizou a importância

do retorno presencial e de como esse contato

entre membros do segmento é importante para

fortalecer parcerias e negócios. “Desde a sessão de

abertura, montamos uma programação relevante,

à altura das particularidades que vêm sendo vivenciadas

pela indústria de base florestal e de todo o

potencial futuro que os desdobramentos atuais vêm

nos revelando”, destacou Darcio.

A

ligned with the demands of an

increasingly conscious society

about the need to prioritize

products from sustainable chains,

the Planted Tree Sector has a backlog of R$ 60.4

billion in investments. According to the survey of

the Brazilian Tree Industry (IBÁ), the amount will

be directed to forest plantations, new factories,

capacity expansions, and science and technology

throughout this year and the next six.

Attentive to the current scenario and the

broad potential of the Pulp and Paper Sector in

the context of a circular economy, the Brazilian

Pulp and Paper Technical Association promoted

the LIV International Pulp and Paper Exhibition

and Congress held between October 4 and 6 at

the Transamerica Expo Center in São Paulo (SP).

The event had as its central theme, Pulp and

Paper: Environment, Society, Governance, and

Innovation, inviting professionals working in the

pulp industry.

Darcio Berni, Executive Director of AB-

TCP, the association that organized the event,

commented on the importance of the return

to a face-to-face event and how this contact

between members of the Sector is important to

strengthen partnerships and business. “Starting

with the Opening Session, we set up a relevant

program compatible with the level of the particularities

experienced by the forest-based industry

and all the future potential that the current

developments have revealed to us,” says Berni.

ABTCP

Desde a sessão de abertura, montamos uma programação

relevante, à altura das particularidades que vêm sendo

vivenciadas pela indústria de base florestal e de todo o potencial

futuro que os desdobramentos atuais vêm nos revelando

56


C L I C K

Confira alguns momentos do Congresso ABTCP 2022!

Foto: Gladstone Campos

Foto: Gladstone Campos

57


F E I R A

AQUAMEC

A Aquamec levou para a feira ABTCP equipamentos

que são comumente utilizados pelas indústrias de papel e

celulose nos setores de tratamentos de águas e efluentes,

tais como: bombas de Arquimedes, aeradores mecânicos

para introdução de oxigênio em tanques e lagoas, sistemas

de aeração através de difusores, sistemas de desidratação

e secagem de lodo por baixa temperatura. Renato

Romão, coordenador comercial, destacou que a novidade

foi o sistema de secagem de lodo por baixa temperatura.

“Diferentemente de outros equipamentos concorrentes,

o nosso sistema trabalha com temperaturas máximas de

45 o C (graus Celsius) e, com esta característica, o sistema

de secagem apresenta baixo consumo energético e custos

operacionais de 50% a 70% inferiores em relação aos

secadores de alta temperatura”, comparou Renato.

Foto: REFERÊNCIA

Aquamec exhibited equipment at the Abtcp Fair that the pulp and paper companies

commonly use for water and effluent treatment, such as the Archimedes Pumps, mechanical

aerators for introducing oxygen into tanks and ponds, aeration systems through diffusers,

dewatering systems, and low-temperature sludge drying. Renato Romão, Sales Coordinator

for the Company, pointed out that the novelty was the low-temperature sludge drying

system. “Unlike other competing equipment, our system works with the maximum temperature

of 45ºC and with this characteristic, the drying system has low energy consumption

and operating costs 50% to 70% lower than high temperature dryers”, values Romão.

AXCHEM

“Esse é o grande objetivo da feira, não necessariamente

fazer negócios, mas se reaproximar dos clientes

e diminuir distâncias que o digital não consegue fazer”,

destaca Armin Marx, diretor da Axchem Brasil. A

Axchem é especialista no ramo de químicos de papel

e celulose, buscou na feira alinhar a comunicação com

os clientes, estreitando os vínculos de relacionamento.

“Trabalhamos muito para criar um ambiente agradável

e aberto, para que os clientes se sentissem bem vindos

em nosso espaço”, completou Armin.

Foto: REFERÊNCIA

58

“The main goal of the Fair is not necessarily doing

business, but to reconnect with customers and reduce distances

that digital meetings cannot do,” says Armin Marx,

Managing Director of Axchem Brasil. Axchem specializes

in the chemical field within the Pulp and Paper Sector

and, at the Fair, sought to align communication with

customers, strengthening relationship links. “We worked

hard to create a pleasant and open environment so that

customers would feel welcome in our space,” Armin adds.


CONTECH

“O foco da Contech é o controle de contaminantes

de processos industriais”, assim resume

Ricardo Barreto, diretor de Tecnologia & Industrial

da Contech, sobre o objetivo principal da

empresa ao expor na feira. A Contech atua no

setor de tecnologia, especializada na detecção

de resíduos presentes nos processos industriais,

que são muito importantes no segmento de

celulose. “Trouxemos para a ABTCP duas novas

soluções para atacar na causa, detectando os

resíduos no começo, diminuindo a contaminação

no começo do processo e aumentando a

produtividade. Utilizamos de tecnologia para

aumentar a produtividade a favor da sustentabilidade

na indústria”, destacou Ricardo.

Foto: REFERÊNCIA

“Contech’s focus was on contaminant control in industrial processes,” summarizes

Ricardo Barreto, Director of Industrial Technology for Contech, about the

primary goal of his Company. Contech operates in the technology segment specializing

in detecting waste present in industrial processes, which is particularly

important in the pulp segment. “At Abtcp, we are exhibiting two new solutions to

attack the problem, detecting waste in the beginning, reducing contamination at

the beginning of the process, and increasing productivity,” highlights Barreto.

DUJUA

Com 32 anos de experiência, a Dujua apresentou

suas soluções e tecnologias para biomassa ao mercado

de celulose. Altair Kloppel, diretor-presidente da Dujua,

apontou que depois de alguns anos ausente de feiras e

eventos, a Dujua escolheu a ABTCP para esse retorno,

pelo potencial do mercado de celulose. “Passamos um

tempo sem expor, mas agora voltamos com força, o

mercado está muito atrativo e as empresas têm buscado

evoluir seus parques fabris”, ressaltou Altair.

Foto: REFERÊNCIA

With 32 years of experience, Dujua exhibited its biomass

and energy solutions for the pulp market at Abtcp. Altair

Kloppel, Managing Director of Dujua, pointed out that after

a few years of not participating in this type of event and fair,

Dujua chose Abtcp for its return due to the potential of the

pulp market. “We spent time not participating in outsidecompany

events, but now we have come back in force. The

market is extremely attractive, and companies have sought to

develop their manufacturing facilities further,” Kloppel says.

59


F E I R A

HERGEN

A Catarinense Hergen, sediada em Rio do Sul,

aproveitou a feira para expor toda sua expertise e

reconhecimento no setor de papéis. Vilmar Sasse,

comercial da Hergen, comentou que a empresa

aproveitou a ABTCP para promover a marca, seus

produtos e para promover também outro evento:

“Aproveitamos para convidar o público presente a nos

visitar em nosso open house, onde foi apresentada a

primeira Prensa de Sapata Smart Shoe, com tecnologia

desenvolvida pela Hergen no Brasil”, ressaltou Vilmar.

Também aproveitou a ocasião para destacar e agradecer

pelo reconhecimento do setor com a premiação

recebida como: Destaque na Categoria de Fabricante

de Equipamentos e Acessórios para a Produção Tissue,

Conversão e Acabamento no ano de 2022.

Foto: REFERÊNCIA

The company from the State of Santa Catarina, Hergen, based in Rio do Sul, took

advantage of the Fair to exhibit all its expertise and recognition in the Paper Sector.

Vilmar Sasse, Sales Representative for Hergen, commented that his Company took

advantage of Abtcp to promote the Company, its products, and another event. “We

took the opportunity to invite the public present to visit us in our Open House, where

the first Smart Shoe Press was presented, with technology developed by Hergen in

Brazil,” said Sasse. He also took the opportunity to highlight and thank the Sector’s

recognition with the award received as Highlight in the Category of Manufacturer of

Equipment and Accessories for Tissue Production, Conversion, and Finishing in 2022.

H. BREMER

A H. Bremer foi a capa da revista que circulou na feira. A tradicional empresa catarinense

levou toda sua expertise para o estande e pode colher resultados positivos

durante os três dias de evento. Marcio Braatz, comercial da H. Bremer, valorizou o

reencontro com os clientes e a importância da realização do evento presencial. “É

uma feira importante para o segmento de papel e celulose, muito forte e está em

crescimento constante. Para nós foi muito positivo esse retorno”, destacou Marcio.

Foto: REFERÊNCIA

H. Bremer was the cover story of the

REFERENCIA magazine that circulated at

the Fair. The traditional company from

Santa Catarina took all its expertise to the

stand and reaped positive results during

the event’s three days. Marcio Braatz, Sales

Representative for H. Bremer, valued being

able to meet with the customers and the

importance of holding the event in person.

“It is an important fair for the pulp and

paper segment, very strong and in constant

growth, and for us, the return was very positive,”

says Braatz.

60


KADANT

A Kadant marcou presença na exposição

com um estande moderno e

interativo, que dava muita liberdade para

os visitantes e apresentava os diferenciais

da marca de maneira simples e direta. Luiz

Carlos Corrêa, marketing na Kadant, valorizou

o reencontro com clientes e como a

exposição é um ótimo ponto de encontro e

negócios. “Conseguimos unificar o reencontro

com os clientes, muito melhor agora

no presencial, com a parte comercial, que

era o principal objetivo de nossa participação

como patrocinadores e expositores do

evento”, destacou Luiz.

Foto: REFERÊNCIA

Kadant was present at the Fair with a modern and interactive booth, allowing

visitors to see our brand’s differentials simply and directly. Luiz Carlos Corrêa,

Marketing Director at Kadant, valued being able to meet with customers and how

the exhibition is an excellent point for meetings and business. “We were able to

communicate much better with our customers, now face-to-face, which was the

main objective of our participation as event sponsors and exhibitors,” says Corrêa.

GRUPO PROCESS

O Grupo Process levou para a feira uma

tecnologia desenvolvida especialmente para

o segmento de papel e celulose. A válvula

de pressão para o soprador de fuligem com

fluxo variável, que é uma exclusividade da

empresa. Alexandre Júnior, CEO do Grupo

Process, valorizou os diferenciais da empresa

e como a feira é uma ótima vitrine para ser

visto e conhecido pelo mercado. “Somos uma

empresa 100% nacional, que busca oferecer

o melhor para nossos clientes, com toda a

qualidade que ele espera e com preços muito

mais competitivos”, concluiu Alexandre.

Foto: REFERÊNCIA

At the Fair, the Process Group exhibited a technology developed

especially for the pulp and paper segment. The pressure valve or the variable

flow soot blower is an exclusive product of the Company. Alexandre

Júnior, Managing Director of the Process Group, valued the Company”s

differentials and how the Fair is a great showcase to be seen and known

by the market. “We are a 100% Brazilian company that seeks to offer the

best to our customers, with all the quality that they expect, but at much

more competitive prices,” concludes Alexandre Júnior.

61


E N T R E V I S T A

Sustentabilidade

que faz

crescer

Foto: divulgação

Márcio Nappo

Sustainability that

creates growth

Graduado em Filosofia pela Universidade de Sorocaba, Economia pela Universidade de São Paulo e,

mestre em Economia pela Fundação Getúlio Vargas. Com mais de 20 anos de experiência profissional

em sustentabilidade, questões ESG e assuntos corporativos, incluindo cargos executivos em empresas

globais de alimentos e comércio nos setores de grãos, óleos vegetais, cana-de-açúcar, biocombustíveis

e proteína animal. Atuou também nas principais associações da indústria do agronegócio no Brasil,

sendo responsável por desenvolver e modernizar a agenda de sustentabilidade para todo o setor.

Graduate degrees in Philosophy from the University of Sorocaba and Economics from the University of São Paulo,

and a master’s degree in Economics from the Getúlio Vargas Foundation. With over 20 years of professional experience

in sustainability, ESG issues, and corporate affairs, including executive positions in global food processing

companies in the grain, vegetable oil, sugarcane, biofuel, and animal protein segments. He has also worked in

the leading agribusiness industry associations in Brazil, responsible for developing and modernizing the sustainability

agenda for the entire Sector.

Aindústria de celulose se destaca como

uma das mais sustentáveis do mundo,

por aproveitar tudo que produz dentro

de seu ciclo de operação e ainda retirar

toneladas de carbono da atmosfera

durante seus processos. Em um mercado

cada vez mais voltado para a economia verde,

o setor de celulose e papel tem recebido atenção

e investimentos. Marcio Nappo, vice-presidente de

comunicação e sustentabilidade da Bracell, comenta

sobre o momento atual da empresa e os planos para

uma produção ainda mais sustentável.

T

he Pulp Sector stands out as one of the

most sustainable in the world by taking

advantage of everything it produces

within its operating cycle and still

removing tons of carbon from the atmosphere

during its processes. As a result, the Pulp and

Paper Sector has received more attention and

investments in a market increasingly focused on

the green economy. Marcio Nappo, Vice-president

of Communications and Sustainability for Bracell,

comments on his Company’s current activities

and plans for even more sustainable production.

62


Celulose: Como foi sua caminhada profissional

até a vice-presidência de comunicação e

sustentabilidade da Bracell?

Márcio: Cheguei na Bracell em maio deste ano

como vice-presidente de comunicação e sustentabilidade

para o Brasil e passei a responder

pelas áreas de comunicação, sustentabilidade e

questões ligadas à agenda ESG. Atuo há mais de

20 anos em empresas nacionais e multinacionais,

como a JBS, UNICA - União da Indústria

de Cana-de-Açúcar, Archer Daniels Midland

Company, ABIOVE - Associação Brasileira das

Indústrias de Óleos Vegetais e ZF Group. Agora

na Bracell tenho como desafio desenvolver um

papel estratégico para o crescimento dos negócios

da companhia e posicionar a Bracell como

referência em sustentabilidade na indústria de

papel e celulose.

Celulose: Como avalia o momento da empresa?

Márcio: O nosso principal investimento, sem

dúvida, é com a sustentabilidade que é a

palavra-chave do nosso negócio. Investimos na

construção da fábrica de Lençóis Paulista (SP),

que entrou em operação em setembro de 2021

e se tornou a maior e mais sustentável planta

de celulose solúvel do mundo. Este ano, lançamos

uma iniciativa sustentável inédita, que é o

Compromisso Um-Para-Um, que explico mais

para frente os detalhes desta grande ação. Além

disso, a minha chegada na Bracell endossa o

quanto a companhia mantém a sustentabilidade

dentro da sua premissa e das estratégias de

negócio.

Celulose: A pandemia afetou o setor de celulose?

Márcio: De acordo com a IBÁ (Indústria Brasileira

de Árvores), que faz esse monitoramento

do setor, mesmo com a eclosão da pandemia

do Covid-19, a produção de celulose no Brasil

apresentou um crescimento em 2020 de 6,6%

em relação à 2019, configurando o setor como

um que rapidamente se organizou para atender

Celulose: How did you become Vice-president

of Bracell?

Márcio: I arrived at Bracell in May of this

year as Vice-president of Communication

and Sustainability for Brasil and started to

answer for the areas of communication,

sustainability, and issues related to the ESG

agenda. I worked for more than 20 years in

national and multinational companies, such

as JBS, Unica - União da Indústria de Cana-

-de-Açúcar, Archer Daniels Midland, the Brazilian

Association of Vegetable Oil Industries

(Abiove), and the ZF Group. Now, at Bracell,

I have the challenge of developing a strategic

role for the growth of the Company’s business

and positioning Bracell as a reference in

sustainability in the Pulp and Paper Sector.

Celulose: How do you see the Company

now?

Márcio: Our primary investment, without

a doubt, is sustainability, a keyword in our

business. We invested in constructing the

Lençóis Paulista (SP) plant, which went into

operation in September 2021 and became

the world’s largest and most sustainable

dissolving pulp plant. This year, we launched

an unprecedented sustainable initiative, the

One-to-One Commitment, and I explain further

the details of this great action below. In

addition, my arrival at Bracell endorses how

much the Company considers sustainability

within its premise and business strategies.

Celulose: Has the Pandemic affected the

Pulp Sector?

Márcio: According to the Brazilian Tree Industry

(IBÁ), which monitors the Sector, even

with the outbreak of the Covid-19 Pandemic,

pulp production in Brazil increased by 6.6%

in 2020 compared to 2019, configuring the

Sector as one that quickly organized itself to

meet the demands of the new consumption

format of the various economic sectors, including

families. Brazil remained the second

63


E N T R E V I S T A

as demandas do novo formato de consumo dos

diversos setores econômicos, incluindo as famílias.

O Brasil se manteve como segundo maior

produtor mundial, atingindo 21 milhões de t

(toneladas) fabricadas, ficando atrás apenas dos

EUA (Estados Unidos da América). Tais números

reforçam o potencial do país, que é reconhecido

pela qualidade e origem sustentável e certificada

da sua celulose. Este fato contribuiu para manter

a indústria nacional como uma grande referência

no mundo. É importante mencionar, também,

que a celulose kraft e a celulose solúvel

são matérias-primas para fabricação de produtos

essenciais como máscaras cirúrgicas, vestimentas,

colchões, entre outros.

Celulose: Quais investimentos a empresa tem

feito para ampliar sua capacidade de produção?

Márcio: A Bracell investiu na construção da

maior e mais verde fábrica de celulose do

mundo, localizada em Lençóis Paulista (SP). O

Projeto Star foi um marco na história da Bracell

e permanecerá sendo lembrado como o maior

investimento privado do Estado de São Paulo

dos últimos 20 anos, foram R$ 15 bilhões para

a viabilização do projeto. A nova planta faz

parte de um ambicioso projeto de expansão da

companhia em São Paulo, que tem capacidade

de produzir 1,5 milhão de t de celulose solúvel

e até 3 milhões de t de celulose kraft por ano.

Com o início das operações da nova fábrica

em setembro de 2021, a Bracell passou a ser a

maior produtora de celulose solúvel do mundo.

Recentemente, anunciamos a ampliação dos

negócios em Lençóis Paulista, a construção de

uma nova fábrica de tissue. Atenta ao crescimento

dos mercados, sobretudo na América

largest producer in the world, reaching 21

million tons manufactured, second only to

the USA. These figures reinforce the potential

of the Country, recognized for its quality and

sustainable and certified origin of its pulp.

This fact contributed to maintaining the

domestic industry as a significant global reference.

It is also important to mention that

kraft and dissolving pulp are raw materials

for manufacturing essential products such

as surgical masks, clothing, and mattresses,

among others.

Celulose: What investments has the

Company made to expand its production

capacity?

Márcio: Bracell invested in constructing the

world’s largest and greenest pulp mill in

Lençóis Paulista (SP). The Star Project was

a milestone in Bracell’s history, and it will

remain remembered as the most significant

private investment in the State of São

Paulo in the last 20 years. R$ 15 billion

was invested in the project’s viability. The

new plant is part of an ambitious expansion

project of the Company in the State of São

Paulo, which can produce 1.5 million tons

of dissolving pulp and up to 3 million tons of

kraft pulp annually. With the start of operations

of the new plant in September 2021,

Bracell became the world’s largest dissolving

pulp producer. Recently, we announced the

expansion of the business in Lençóis Paulista

with the construction of a new tissue factory.

Attentive to the growth of markets, especially

in Latin America, Bracell evaluated some product

opportunities that can add value to its

pulp. As a result of these studies, the Com-

A utilização da celulose como matéria-prima de florestas

plantadas, vem ao encontro à tendência crescente e à preferência

dos clientes pelo uso de produtos sustentáveis

64


Latina, a Bracell avaliou algumas oportunidades

de produtos que possam agregar valor à sua

celulose. Como resultado desses estudos, a

empresa decidiu realizar este novo investimento,

com capacidade produtiva de 240 mil t por ano.

O projeto prevê a geração de mais de 2 mil empregos

durante sua fase de construção e mais de

300 empregos permanentes após sua conclusão,

prevista para 2024.

Celulose: Quais os principais produtos produzidos

pela Bracell?

Márcio: Nossas operações estão baseadas no

cultivo sustentável de eucalipto, na gestão de

recursos naturais e em fábricas de última geração.

A Bracell produz celulose, matéria-prima

renovável, de alta qualidade, para produtos

biodegradáveis que estão presentes no dia a dia

das pessoas. A celulose kraft é utilizada para a

fabricação de todos os tipos de papéis, como

de impressão, escrita e embalagens. Celulose

solúvel e celulose especial estão entre as principais

matérias-primas usadas para criar uma

ampla gama de produtos, como por exemplo,

têxteis (viscose), lenços umedecidos e produtos

farmacêuticos, esponjas de viscose e papel celofane,

além de produtos industriais, como cabos

de pneus de alto desempenho. A utilização da

celulose como matéria-prima de florestas plantadas,

vem ao encontro à tendência crescente e

à preferência dos clientes pelo uso de produtos

sustentáveis.

Celulose: O setor têxtil tem voltado seus

olhos para a utilização de celulose. A Bracell

vê nesse movimento uma oportunidade de

mercado?

Márcio: É notória a mobilização das empresas

do setor têxtil na busca por iniciativas que reduzam

o impacto de suas operações. A seleção de

matérias-primas sustentáveis vem se tornando

uma alternativa relevante, por isso o setor têxtil

está cada vez mais interessado em tecidos à base

matéria-prima de fonte renovável, pois torna a

cadeia mais sustentável. A Bracell produz celulose

solúvel, que é matéria-prima na produção de

pany decided to make this new investment,

with a production capacity of 240 thousand

tons of tissue annually. The project foresees

the generation of more than 2 thousand jobs

during its construction phase and more than

300 permanent jobs after its completion,

scheduled for 2024.

Celulose: What are the main products

produced by Bracell?

Márcio: Our operations use sustainable

eucalyptus-planted forests, natural resource

management, and state-of-the-art factories.

Bracell produces high-quality pulp using

renewable raw materials for biodegradable

products in people’s everyday lives. Kraft

pulp is used to manufacture all types of paper,

such as printing, writing, and packaging.

Dissolving and special pulps are among the

primary raw materials used to create a wide

range of products, such as textiles (rayon),

wet tissues, pharmaceutical products,

sponges, and cellophane paper, as well as

industrial products such as high-performance

tire cables. The use of cellulose as a raw

material from planted forests is in line with

the growing trend and customer preference

for sustainable products.

Celulose: The Textile Sector has started

looking to use pulp. Does Bracell see this

movement as a market opportunity?

Márcio: The mobilization of companies in

the Textile Sector is noteworthy in its search

for initiatives that reduce the impact of their

operations. The selection of sustainable raw

materials has become a relevant alternative,

so the Textile Sector has become increasingly

interested in fabrics based on raw materials

from renewable sources, as it makes the

chain more sustainable. Bracell produces

dissolving pulp, which is a raw material in

the production of fabrics such as rayon and

Lyocell fibers, used in delicate fabrics for

the manufacture of women’s underwear, for

example. Cellulose is a product that is in our

65


E N T R E V I S T A

tecidos como viscose e fibras Lyocell, utilizados

em tecidos delicados para fabricação de roupas

íntimas femininas, por exemplo. A celulose é um

produto que está no nosso dia a dia, desde o

desenvolvimento de papel até roupas, e no mercado

têxtil não seria diferente. Por se tratar de

um produto sustentável, as empresas que estão

cada vez mais focadas na sustentabilidade, estão

investindo muito nessa linha de produção. É um

mercado que segue crescendo e em constante

evolução.

Celulose: As práticas de ESG que tem ligação

direta com a sua atuação, já fazem parte das

estruturas empresariais. Quais as principais

ações da Bracell neste campo?

Márcio: A governança ambiental, social e

corporativa, está no DNA da Bracell. Somos

signatários do Pacto Global da ONU no qual

nos comprometemos voluntariamente com os

ODS (Objetivos do Desenvolvimento Sustentável).

Faz parte da nossa filosofia de que tudo o

que fazemos deve ser bom para a comunidade,

bom para o país, bom para o clima e bom para

os clientes e assim, será bom para a empresa.

Nosso compromisso é com o desenvolvimento

sustentável em todas as nossas operações, processos

e atividades e, para isso, temos investido

tempo e recursos em melhoria contínua, buscando

a adoção das melhores práticas socioambientais

e éticas. Desde 2021, a companhia

é associada ao CEBDS (Conselho Empresarial

Brasileiro para o Desenvolvimento Sustentável),

representante no Brasil da rede do WBCSD

(World Business Council for Sustainable Development),

uma organização global, liderada por

CEOs de mais de 200 empresas que trabalham

juntas para acelerar a transição para um mundo

sustentável. Além disso, assinamos com a SEMA

(Secretaria de Meio Ambiente da Bahia), um termo

de cooperação mútua para executar ações

conjuntas voltadas à proteção da biodiversidade

em UCs (Unidades de Conservação) de Mata

Atlântica no Estado, como os Cânions do Subaé

e a bacia do rio Subaúma. O objetivo é atuar

daily life, from the development of paper to

clothing, and in the textile market, it is no

different. Because it is a sustainable product,

companies that are increasingly focused on

sustainability are investing a lot in this production

line. It is a market that continues to

grow and constantly evolve.

Celulose: ESG practices that are linked to

performance are already part of business

structures. What are Bracell’s main actions

in this field?

Márcio: Environmental, social, and corporate

governance are in Bracell’s DNA. We

are signatories to the UN Global Compact in

which we voluntarily commit to the Sustainable

Development Goals (SDGs). This is

part of our philosophy that everything we do

should be good for the community, good for

the Country, good for the climate, and good

for customers, and so, it will be good for the

Company. Our commitment is to sustainable

development in all our operations, processes,

and activities. For this, we have invested time

and resources in continuous improvement,

seeking to adopt the best socio-environmental

and ethical practices. Since 2021, the

Company has been associated with the Brazilian

Business Council for Sustainable Development

(Cebds), a representative in Brazil of

the World Business Council for Sustainable

Development network (Wbcsd), a global

organization led by Executives from more

than 200 companies working together to accelerate

the transition to a sustainable world.

In addition, we signed a mutual cooperation

agreement with the State of Bahia Secretary

of the Environment (Sema) to implement

joint actions aimed at protecting biodiversity

in Atlantic Forest Conservation Units (CUs)

in the State, such as the Subaé Canyons and

the Subaúma River basin. The objective is

to act in partnerships that contribute to the

conservation and maintenance of CUs and

safeguard the natural heritage, protecting en-

66


em parcerias que contribuam para a conservação

e a manutenção das UCs e salvaguardem o

patrimônio natural, protegendo espécies endêmicas,

raras e ameaçadas de extinção da fauna

e da flora, e os recursos hídricos, garantidos

pelas formações florestas. A companhia planeja

suas operações florestais com equilíbrio entre as

necessidades econômicas e sociais, garantindo a

renovação dos recursos naturais.

Celulose: Como foi o desenvolvimento e construção

da fábrica em Lençóis Paulista?

Márcio: A conclusão do Projeto Star é um marco

na história da empresa e permanecerá marcada

como o maior investimento realizado pela

iniciativa privada no Estado de São Paulo nos

últimos 20 anos. Temos muito orgulho de sermos

pioneiros na construção de uma fábrica de

celulose de nova geração, que fornece produtos

flexíveis e biodegradáveis usando a mais avançada

tecnologia. Temos relevantes diferenciais do

projeto construtivo, que destaco na sequência. A

fábrica conta com a maior e mais limpa caldeira

de recuperação do mundo e tem o maior

gaseificador de biomassa da América para dar

suporte à operação do forno de cal. Além disso,

a planta de gaseificação usa biomassa 100%

renovável como matéria-prima para a produção

de biogás. As árvores são cultivadas em áreas

que antes eram ocupadas por pastagens ou

estavam degradadas, o que ajuda a absorver o

dióxido de carbono da atmosfera, contribuindo

para o clima. Somos autossuficientes em energia

para as operações da planta e o excedente de

energia elétrica limpa gerado é distribuído para

a rede nacional. Como o processo de produção

demic, rare and endangered species of fauna

and flora, and water resources guaranteed

by forest formations. The Company plans its

forestry operations to balance economic and

social needs, ensuring the renewal of natural

resources.

Celulose: How was the development and

construction of the factory in Lençóis

Paulista?

Márcio: Completing the Star Project is a

milestone in the Company’s history and will

remain the largest investment made by the

Private Sector in the State of São Paulo in the

last 20 years. We are proud to be pioneers in

constructing a new-generation pulp mill that

provides flexible and biodegradable products

using the most advanced technology. There

are relevant differentials in the construction

project, which I outline as follows. The plant

has the largest and cleanest recovery boiler

in the world and has the largest biomass

aerator in America to support the operation

of the lime oven. In addition, the gasification

plant uses 100% renewable biomass as a

raw material for biogas production. Trees

are grown in areas that were once occupied

by pastures or were degraded, which helps

absorb carbon dioxide from the atmosphere,

contributing to the climate. We are self-

-sufficient in energy for the plant operations

and the surplus of clean electricity generated

is distributed to the national grid. As the pulp

production process generates by-products

that can be reused, the Company made the

strategic decision to invest in state-of-the-art

Além da conservação de áreas nativas existentes nas

áreas de produção da Bracell, o compromisso vai apoiar

a conservação em áreas públicas e a recuperação de áreas

degradadas por meio de parcerias com governos e

outras instituições

67


E N T R E V I S T A

de celulose gera subprodutos que podem ser

reaproveitados, a companhia tomou a decisão

estratégica de investir em equipamentos de última

geração e em alta tecnologia nos seus ciclos

de processos. A Bracell construiu uma nova

subestação de 440 kV (quilovolts) conectada à

rede de transmissão com tecnologia GIS (Gás

Insuflado). A capacidade instalada é de 409 MW

(Megawatts), movidos por três turbogeradores

que são suficientes para atender a demanda da

fábrica e permitir a exportação para a rede SIN

(Sistema Interligado Nacional) de cerca de 150

MW a 180 MW excedentes de energia de fontes

renováveis, sem emissões de GEE (Gases de Efeito

Estufa), capazes de atender 750 mil residências

ou cerca de 3 milhões de pessoas.

Celulose: A sustentabilidade na produção e

nos produtos é chave para os planos para o

futuro da empresa?

Márcio: A sustentabilidade está sempre presente

no dia a dia. Já nascemos uma empresa sustentável

e como mencionei, faz parte de todas

as nossas operações. Mas, gostaria de destacar

o lançamento de uma iniciativa ambiciosa. Se

trata do: Compromisso Um-Para-Um; inédito no

setor de celulose brasileiro, que contribuirá com

a conservação das áreas de vegetação nativa em

tamanho igual às áreas de plantio. Para cada

um hectare plantado de eucalipto, a Bracell se

compromete com a conservação de um hectare

de área nativa. A meta será alcançada até o final

de 2025. É um passo importante da Bracell em

sua estratégia de sustentabilidade e está totalmente

alinhado com os valores da companhia.

Atualmente, a proporção entre áreas cultivadas

da companhia e áreas de conservação é de

equipment and high technology in its process

cycles. Bracell has built a new 440 kV substation

connected to the transmission network

with Inflated Gas Technology (IGT). The installed

capacity is 409 MW, powered by three

turbogenerators that are sufficient to meet

the factory demands and allow the export to

the National Interconnected System (SIN) of

about 150 MW to 180 MW surplus energy

from renewable sources without Greenhouse

Gas Emissions, capable of serving 750 thousand

homes or about 3 million people.

Celulose: Is sustainability in production

and products key to the Company’s future

plans?

Márcio: Sustainability is always present in

our day-to-day. We were born a sustainable

company; as I mentioned, it is present in all

our operations. But I would like to highlight

the launch of an ambitious initiative. It is

about the One-to-One Commitment, unique

in the Brazilian Pulp Sector, which will contribute

to the preservation of native vegetation

in size equal to planted areas. For each hectare

planted with eucalyptus, Bracell is committed

to the preservation of one hectare of

native forest area. The target will be reached

by the end of 2025. It is an important step

by Bracell in its sustainability strategy and

is fully aligned with the Company’s values.

Currently, the ratio between conservation

areas and the Company’s planted areas is

0.56. This initiative is important because it

expands the Company’s scope of activity in

biodiversity conservation beyond our areas

of operation. We have adopted this commit-

Usamos as melhores tecnologias laboratoriais e industriais

disponíveis, o setor realiza testagem de madeira nos laboratórios, com

o intuito de identificar o insumo mais apropriado, além de otimizar

a produção fabril e identificar novas oportunidades de produtos

68


0,56. Esta iniciativa é importante porque amplia

a área de atuação da empresa na conservação

da biodiversidade para além das nossas áreas

de operação. Adotamos esse compromisso de

forma permanente. Além da conservação de

áreas nativas existentes nas áreas de produção

da Bracell, o compromisso vai apoiar a conservação

em áreas públicas e a recuperação de

áreas degradadas por meio de parcerias com

governos e outras instituições. Também vai atuar

na prevenção e combate a incêndios florestais,

ao desmatamento e furto de madeira nativa,

caça ilegal e captura de animais silvestres.

Celulose: Como funcionam os investimentos

em pesquisa da Bracell?

Márcio: A Bracell possui duas áreas bem consistentes

relacionadas à pesquisa. Primeiro, menciono

a área de Pesquisa e Desenvolvimento

Florestal, que promove estudos sobre o melhoramento

genético clássico do eucalipto, além

de tecnologias de manejo florestal sustentável.

Dentro desta área, há uma estrutura de Extensão

Florestal, dedicada à transferência de tecnologia

para as operações florestais. Assim, garantimos

uma melhor produtividade florestal e qualidade

da madeira para produção de celulose, com

menor custo e mínimo impacto ambiental. A

outra área é a de Pesquisa e Desenvolvimento

Industrial, na qual nossos especialistas têm como

objetivo ampliar a produtividade e a excelência

em qualidade dos produtos para atender às necessidades

de clientes de diferentes segmentos

do mercado de celulose. Usamos as melhores

tecnologias laboratoriais e industriais disponíveis,

o setor realiza testagem de madeira nos laboratórios,

com o intuito de identificar o insumo

mais apropriado, além de otimizar a produção

fabril e identificar novas oportunidades de produtos.

Celulose: Os investimentos em logística,

como o Terminal Intermodal de Pederneiras,

são essenciais para o crescimento das operações?

Márcio: O terminal foi construído por meio

ment permanently. In addition to preserving

existing native sites in Bracell’s production

areas, the commitment will support conservation

in public areas and the recovery of

degraded areas through partnerships with

governments and other institutions. It will

also act in the prevention and fight against

forest fires, deforestation, theft of native

timber, and the illegal hunting and capture of

wild animals

Celulose: How do Bracell research investments

work?

Márcio: Bracell has two very consistent areas

related to research. First, I mention the Forest

Research and Development Area, which

promotes studies on the classical genetic

improvement of eucalyptus and sustainable

forest management technologies. This area

has a Forest Extension structure dedicated to

transferring technology to forest operations.

Thus, we guarantee better forest productivity

and timber quality for pulp production,

with lower costs and minimal environmental

impact. The other area is Industrial Research

and Development. Our experts aim to increase

productivity and excellence in product

quality to meet the needs of customers

from different segments of the pulp market.

We use the best available laboratory and

industrial technologies. The sector performs

testing in laboratories to identify the most

appropriate inputs, optimize manufacturing

production, and identify new product opportunities.

Celulose: Are investments in logistics, such

as the Pederneiras Intermodal Terminal,

essential for the growth of operations?

Márcio: The terminal was built with an

important partnership with MRS, with an

investment of R$ 58.5 million considering

the railway extension and the terminal. It

became an important milestone for the

national logistics system. We took on this

significant challenge and constructed, from

69


E N T R E V I S T A

de uma importante parceria com a MRS, com

investimento de R$ 58,5 milhões considerando

o ramal ferroviário e o terminal e se tornou um

importante marco para o sistema logístico nacional.

Assumimos um desafio de grande porte e

fizemos, do zero, um pátio e um terminal exclusivo

para celulose em apenas sete meses. Sem

dúvida, este foi mais um grande investimento da

Bracell que contribui para o desenvolvimento do

sistema logístico nacional. Este ano, atingimos

a marca de 1 milhão de toneladas de celulose

transportada no Terminal Intermodal de Pederneiras

e essa foi uma conquista com apenas oito

meses de funcionamento do terminal, indicando

que a operação de celulose está cada vez mais

eficiente.

Celulose: Segundo nota divulgada, os resultados

dos viveiros de mudas foram acima do esperado.

A Bracell produz todas as mudas que

utiliza em seus plantios? A empresa fornece

mudas para plantios de terceiros?

Márcio: Atualmente, a Bracell possui quatro

viveiros, sendo dois no Estado da Bahia e dois

em São Paulo, com capacidade de produção de

mais de 80 milhões de mudas por ano. As mudas

produzidas que apresentam características

ideais para cultivo são levadas ao campo para

plantio. A empresa está ampliando seus viveiros

e o volume excedente terá como destino áreas

de plantio em São Paulo e também em Mato

Grosso do Sul. Para fazer frente ao aumento da

capacidade de mudas dos viveiros, a empresa

está ampliando o efetivo pessoal, gerando novas

oportunidades de emprego. A fim de garantir

a sustentabilidade em toda a cadeia produtiva,

a companhia utiliza tecnologia de ponta. Um

scratch, a patio and an exclusive pulp terminal

in just seven months. Undoubtedly, this

was another significant investment by Bracell

that contributed to developing the national

logistics system. This year, we reached the

mark of 1 million tons of pulp shipped at the

Pederneiras Intermodal Terminal. This was

achieved in only eight months of terminal

operation, indicating that the pulp operation

is increasingly efficient.

Celulose: According to a statement released,

the results of seedling nurseries

were higher than expected. Does Bracell

produce all the seedlings it uses in its

plantations? Does the Company provide

seedlings for third-party plantations?

Márcio: Currently, Bracell has four nurseries,

two in the State of Bahia and two in the State

of São Paulo, with a production capacity of

more than 80 million seedlings annually. The

seedlings produced that have ideal characteristics

for cultivation are taken to the field

for planting. The Company is expanding its

nurseries, and the surplus volume will be

destined for planting areas in the State of

São Paulo and the State of Mato Grosso do

Sul. To face the increased seedling capacity

of nurseries, the Company is expanding staff

and generating new job opportunities. To

ensure sustainability throughout the production

chain, the Company uses state-of-the-art

technology. An example is the automation of

nurseries in the Company’s unit in Lençóis

Paulista (SP), with the adoption of modern

production and control techniques, such as

automated irrigation and nutrition systems,

Faz parte da nossa filosofia de que tudo o que fazemos

deve ser bom para a comunidade, bom para o país, bom

para o clima e bom para os clientes e assim, será bom

para a empresa

70


exemplo é a automatização dos viveiros na unidade

da empresa em Lençóis Paulista (SP), com

a adoção de modernas técnicas de produção

e controle como, por exemplo, os sistemas de

irrigação e nutrição automatizados, com canais

individualizados que realizam a injeção de fertilizante

conforme a necessidade nutricional das

mudas e que podem ser controlados remotamente,

em cada etapa do processo. Outro destaque

no quesito de sustentabilidade é o reuso

da água. Na operação de São Paulo, por exemplo,

a água excedente da irrigação é reaproveitada

no viveiro. Ao cair no solo, é direcionada por

tubulações a um reservatório e reutilizada na

fase final da produção de mudas. Na Bahia, toda

a água utilizada na irrigação do viveiro, lançada

por meio dos irrigadores e aspersores, é drenada

por um sistema subterrâneo que devolve a água

ao lençol freático.

Celulose: O mercado de celulose brasileiro

pode se tornar o maior do mundo?

Márcio: Segundo dados da IBÁ no Brasil as duas

principais fontes de madeira utilizadas para a

produção de celulose são as árvores plantadas

de pinus e de eucalipto, responsáveis por mais

de 98% do volume produzido. O país ocupa o

segundo lugar no ranking dos países produtores

de celulose. Comparando o primeiro trimestre

deste ano com 2021, o número de produção

aumentou 6,0% e de exportações cresceu

14,4%. Com isso, vemos que é um importante

setor, que influencia diretamente o mercado

mundial e está em constante evolução.

with individualized channels that perform

fertilizer injection according to the nutritional

needs of seedlings and that can be controlled

remotely, at each stage of the process. Another

highlight in the sustainability area is the

reuse of water. In the São Paulo Operation,

surplus irrigation water is reused in the nursery.

When it falls into the ground, it is directed

by pipes to a reservoir and reused in the

final phase of seedling production. In Bahia,

all the water used in the nursery’s irrigation,

released through irrigators and sprinklers,

is drained by an underground system that

returns the water to the water table.

Celulose: Can the Brazilian pulp market

become the largest in the world?

Márcio: According to the data from IBÁ in

Brazil, the two main sources of timber used

for pulp production are pine and eucalyptus

trees, which account for more than 98% of

the timber volume produced. The Country

ranks second in the ranking of pulp-producing

countries. Comparing the results in the

first quarter of this year with those of 2021,

production increased by 6.0%, and exports

grew by 14.4%. With this, we see that it is an

important sector that directly influences the

world market and is constantly evolving.

PRODUTOS INOVADORES

PARA A INDÚSTRIA PAPELEIRA

APTOS À INDÚSTRIA 4.0

®

(47) 3520-4300 (47) 99944-0911

WWW.RIOAR.IND.BR

71


C A L E N D Á R I O

NOVEMBRO 2022

LATAM PAPER

Data: 16 a 18

Local: Lima (Peru)

Informações: www.latampaper.com/

FEVEREIRO 2023

PAPERWORLD

Data: 03 a 07

Local: Frankfurt (Alemanha)

Informações: https://paperworld.messefrankfurt.

com/frankfurt/en.html

PAPEREX SOUTH INDIA

Data: 23 a 25

Local: Nandambakkam Chennai (Índia)

Informações: https://southindia.paperex.in/en-GB

LABELEXPO SOUTHEAST ASIA 2023

Data: 09 a 11

Local: Bangkok (Tailândia )

Informações: https://www.labelexpo-seasia.com/

ALL 4 PACK PARIS

Data: 23 a 26

Local: Paris (França)

Informações: https://www.all4pack.com/

PULP WEEK

Data: 22 a 24

Local: Dubai (Emirados Árabes Unidos)

Informações: https://paperoneshow.net/menapulp-week-2023/

DEZEMBRO 2022

LABELEXPO

Data: 07 a 10

Local: Shangai (China)

Informações: https://www.labelexpo-asia.com/

MARÇO 2023

TISSUE WORLD

Data: 28 a 30

Local: Dusseldorf (Alemanha)

Informações: https://www.tissueworld.com/

dusseldorf/en/home.html

ASSINE AS PRINCIPAIS

REVISTAS DO SETOR

E FIQUE POR DENTRO

DAS NOVIDADES!

FLORESTAL

PRODUTOS

INDUSTRIAL

BIOMAIS

INFORMAÇÃO

A ALMA DO NEGÓCIO!

LIGUE AGORA PARA NOSSA

CENTRAL DE ATENDIMENTO

0800 600 2038

Pagamento nos Cartões de Crédito

em até 3X sem juros

CELULOSE


29 DE NOVEMBRO

ÀS 19 HORAS

E D I Ç Ã O

VEM AÍ!

A N O S

Gostaria de participar do jantar do PRÊMIO REFERÊNCIA 2022?

Compre seu ingresso antecipado pelo whats: (41) 99968-4617 ou

pelo e-mail: comercial@revistareferencia.com.br

Últimas unidades

Transmissão ao vivo em nosso canal:

@revistareferencia

PATROCINADORES:

ASSOCIAÇÃO DO COMÉRCIO E INDÚSTRIA DE

MADEIRAS E DERIVADOS DO ESTADO DO RIO DE JANEIRO

SERRAS E FACAS INDUSTRIAIS

www

revistareferencia.com.br

comercial@revistareferencia.com.br


ACESSÓRIOS PARA

MÁQUINA DE PAPEL

Com mais de 30 anos de experiência, a Looking é

referência no mercado papeleiro no Brasil e

reconhecida por sua completa linha de acessórios de

alta qualidade, performance e inovação constante em

sua linha de produtos.

LK-5100

Chuveiro de corte de

folha transversal


SISTEMA DE DESAGUAMENTO

Caixas e tubos de sucção / Tampas / Réguas

SISTEMA DE RASPAGEM

Raspadores / Porta-lâminas / Lâminas

SISTEMA DE FILTRAGEM

De linha / By-pass / Gravitacional

SISTEMA DE LIMPEZA

Chuveiros / Osciladores / Bicos

AFIADORAS

Lâminas / Facas

(19) 3936.7800

looking@looking.com.br

www.looking.com.br

Hooray! Your file is uploaded and ready to be published.

Saved successfully!

Ooh no, something went wrong!