02.01.2023 Views

As50MelhoresCronicasdoLerebomExperimente!Vol.1

You also want an ePaper? Increase the reach of your titles

YUMPU automatically turns print PDFs into web optimized ePapers that Google loves.

Meu diário, minha vida

Autor: Fabio Laé

Eu sou a gordinha mais desejada e admirada por todos os

homens. Se bem que têm algumas mulheres puxando uma

palhinha pra cima de mim.

Ainda não sei bem como lidar com essas garotas. Mulheres

se apaixonando por mim me parece ser uma nova fase, neste

planeta, onde ninguém acha nada de estranho, e tudo é válido

e normal. Elas me elogiam, dizem que me adoram e, ao

mesmo tempo, me batem; mas isso faz parte do jogo.

Outras, ao contrário, são indiferentes. Mas umas e, agora

alguns homens, têm um ciúme terrível de mim. Já ouvi falar

que fui motivo de muitas separações entre casais, pois não

suportaram minha onipotência sobre o seu parceiro.

Ah, me usam e colocam apelidos. É, Rebimboca da

Chapeleta, Gorduchinha, Redonda, Bexiga, Coisa e os mais

ousados, Pelada. Mas, homens são todos iguais mesmo.

Acreditam, vocês mulheres, que eles são capazes de me usar,

abusar e fazer de conta que nem me conhecem? Eles vão me

envolvendo, como se não quisessem nada, conversa daqui,

joga pra lá, pega mais embaixo, recua um pouquinho e,

quando concluem, correm para o abraço com os amigos e

me deixam só.

É terrível vê-los, ao concretizarem sua meta, clamar o nome

de outro, um tal de Gol, que não gosto nem de pronunciar. É

por isso que minha jogada favorita é ir para fora na hora do

pega pra capar. De vez em quando e, sempre que possível,

bato num tal de montinho e desvio, fazendo o que quero.

37

Hooray! Your file is uploaded and ready to be published.

Saved successfully!

Ooh no, something went wrong!