Views
5 years ago

ABL-076 - Sonetos e rimas - L... - Academia Brasileira de Letras

ABL-076 - Sonetos e rimas - L... - Academia Brasileira de Letras

118 � Luís Guimarães

118 � Luís Guimarães Jr. O Derradeiro Olhar que na Agonia... Le douleur de s’en souvenir. A dor de lembrar-se. – CATULLE MENDÈS. O derradeiro olhar que na agonia Me dirigiste, ó mãe, nunca me esquece! E quando os olhos volvo ao céu, parece Que o teu último olhar me aclara e guia. 1872. Se os olhos fecho e a dor que me desola Tento abrandar, aliviar procuro, Vejo em minha alma o raio longo e puro Do teu último olhar que me consola. Bendita sejas, luz do meu deserto: Olha-me sempre, mãe, da etérea altura, Perto dos anjos e das glórias perto; Olha-me sempre, amada criatura! Como tal farol não errarei decerto O caminho da tua sepultura.

Nera Aos sinistros clarões de Roma que se abisma, Nero tange feliz a lira e canta e cisma... A Cidade convulsa é como um rubro oceano Que rastejando lambe a púrpura ao tirano. 187... O tugúrio desaba, o monumento arde, E alegre soa a voz do imperial covarde. O Tibre espavorido encolhe as águas turvas E foge como a serpe em rutilantes curvas. O escravo moribundo ergue os braços trementes Tentando espedaçar do pulso as vis correntes; E, através desse horror, dessa infernal ruína Suspira a mole voz do filho de Agripina. Tranquila como o audaz e feminil tirano, Ó Esfinge de carne, ó belo monstro humano, Tu vês rojar-te aos pés o escravo que te implora, Fria como um rochedo e bela como a Aurora: O soluço da dor ecoa aos teus ouvidos Melhor que de harpa eólia os matinais ruídos; E, ao som da tua voz, indiferente e calma, Lavra o fogo do amor que me ateaste na alma. I II � Sonetos e Rimas 119

Poesia - Academia Brasileira de Letras
Poesia - Academia Brasileira de Letras
Poesia - Academia Brasileira de Letras
Poesia - Academia Brasileira de Letras
Ciclo dos Fundadores da ABL - Academia Brasileira de Letras
Prosa - Academia Brasileira de Letras
Prosa - Academia Brasileira de Letras
prosa - Academia Brasileira de Letras
Guardados da memória - Academia Brasileira de Letras
Poesia - Academia Brasileira de Letras
Prosa - Academia Brasileira de Letras
Prosa - Academia Brasileira de Letras
Poesia - Academia Brasileira de Letras
Prosa - Academia Brasileira de Letras
Prosa - Academia Brasileira de Letras
Centenários - Academia Brasileira de Letras
Poesia Estrangeira - Academia Brasileira de Letras
Poesia - Academia Brasileira de Letras
Poesia - Academia Brasileira de Letras
Poesia - Academia Brasileira de Letras
Prosa - Academia Brasileira de Letras
Prosa - Academia Brasileira de Letras
Prosa 1 - Academia Brasileira de Letras
Poesia - Academia Brasileira de Letras
Prosa - Academia Brasileira de Letras
Prosa - Academia Brasileira de Letras
Prosa - Academia Brasileira de Letras
O estouro da boiada - Academia Brasileira de Letras
Guardados na Memória - Academia Brasileira de Letras
Poesia Estrangeira - Academia Brasileira de Letras