GTFAM

Na última década, houve espaços florestais que arderam seis vezes