CLUBE PALADAR_ED_35

g.estadao53847

SP, fevereiro de 2020

Drinks perfeitos

para curtir no

Carnaval de rua

Cachaça gelada

3 opções que combinam com

as altas temperaturas do Brasil

Auroras boreais

no céu da Noruega

Carnaval

Conheça a tradição

em diversos lugares


A política tem deixado

você confuso?

O BR Político traz conteúdo exclusivo, com notas em tempo real, newsletter, análises,

relatórios, lives e podcasts. Tudo para você ficar por dentro de verdade.

Newsletter diária, enviada por e-mail

no início da noite, com as principais

notícias do dia.

Podcast com os colunistas Vera Magalhães

e Marcelo de Moraes, toda quarta, dia em

que acontecem as principais votações

e debates no Congresso e no Supremo.

Um relatório completo, enviado nas manhãs

de segunda, com informações, análises

e infográficos sobre o cenário político,

além de agenda política comentada.

Os colunistas Vera Magalhães e Marcelo

de Moraes passam a limpo a semana política

e respondem perguntas dos assinantes,

ao vivo, toda sexta, na TV Estadão.

Com Vera Magalhães e Marcelo de Moraes

Saiba mais:

brpolitico.com.br


SUMÁRIO

4receitas

Como apreciar cervejas

da maneira correta

6VINHOS

Drinks perfeitos para

o Carnaval de rua

22

VIAGENS

Curta a folia enquanto

aproveita os melhores

locais para comer

/clubepaladar

@clubepaladar

clubepaladar

ComitêExecutivoClubePaladar

Paulo Pessoa e Luciano Kleiman

DiretorClubePaladar

Anderson GarciaAlves

ProjetoGráfico

EditoradeArte

Carolina Perazzoli

Revisão

Debora Capella

Juliana Fortunato

Colaboraramnestaedição

Alex Fernandes do Nascimento

Aléxis Cerqueira Góis

Camila Lima Canabarro

Gabriela Freire Petry

10

MOMENTOS

ÚNICOS

Cachaça gelada pode? Deve!

12

viagens

Carnaval: conheça a tradição

em diversos lugares

24

ACONTECE

3 receitas para evitar a

ressaca no Carnaval

30

RECEITAS

3 aperitivos perfeitos para

harmonizar com o verão

João Guitton

Gabrielle de PaivaJáccomo

Leandro Dantas Faustino

ConsultordeVinhos

Guilherme Haas

DiretordeProjetosEspeciais

Luis Fernando Bovo

EditoraResponsável

Marina Geronazzo

MTB - 0012200/PR

JoãoAlmeida

Johnny Mazzilli

Pedro Paulo Corrêa de Freitas

Robinson SamulakAlves

Victor Henrique de Oliveira Nicolli

Soares

Fotodacapa

Robert Mandel/ShutterStock

16

VIAGENS

Auroras boreais no

céu da Noruega

clubepaladar.com.br | 3


RECEITAS

COMOapreciar

CERVEJAS DA MANEIRA CORRETA

Se você está dando os primeiros passos nesse universo, confira

dicas essenciais para saborear a bebida

POR GABRIELLE DE PAIVA JÁCCOMO

Degustar é realmente aproveitar o momento.

Um aroma que traz lembranças também pode

desbloquear sabores no paladar. Observar e

sentir, ao contrário de somente consumir,traz alma à

prática, e isso não se aplica somente à culinária.Assim

como no mundo dos vinhos, as cervejas podem proporcionar

experiências incríveis se bem degustadas.

Os diversos tipos existentes oferecem combinações

de aromas e sabores, sensações e histórias para

serem apreciadas. Saber receber o melhor que essa

bebida pode trazer o prepara para entender e fazer

avaliações e possibilita um momento mais agradável.

Existem cervejas para todos os gostos. Mesmo!

Começar a procura pela sua não vai ser difícil;

e considerando que beber é o ato principal, vai ser

bem divertido. Mas como escolher? Saber a ocasião

realmente pode ajudar. Cervejas com teor alcoólico e

corpo mais baixos, buscando refrescância, acabam

sendo melhores para dias mais quentes e para serem

consumidas em maiorquantidade. Cervejas mais “pesadas”

e alcoólicas tendem a ser preferidas no frio e

com consumo mais moderado.

Conectar seu gosto com tipos de cerveja pode ser

útil. Por exemplo, se você gosta de frutas vermelhas,

buscar uma Fruit Beer com morango pode ser certeiro;

se prefere chocolate, o melhor é procurar uma

Stout com cacau. Dar pontapés iniciais e estar aberto

a experimentarcoisasnovasé o mais importantepara

se aventurar no mundo cervejeiro. Além dos fatores

externos, entram as indicações: se você é novo no

mundo cervejeiro e não sabe por onde começar, uma

indicação de qualidade pode ser uma boa ajuda.

Buscar avaliações online ou opiniões de amigos

com gostos parecidos pode auxiliar a achar não somente

uma cerveja agradável, mastambém o melhor

custo-benefício. Ainda, vale se atentar a realmente

ler os rótulos, pois neles estão todas as informações

necessárias, como índice de amargor, teor alcoólico,

estilo,temperaturaindicadaparaoconsumoe, muitas

vezes, a história da cerveja e outros detalhes fornecidos

pela cervejaria. Após escolher sua bebida, é a

hora de apreciá-la; e para isso você tem que dedicar

um pouco do seutempo. Sinta-se livre para anotarem

cadernos ou no celular, dar avaliações e até mesmo

“só” aproveitar.

LOVE THE WIND/SHUTTERSTOCK

4 | clubepaladar.com.br


AS ANOTAÇÕES PODEM SER ÚTEIS NO FUTURO, PARA OBSERVAR A EVOLUÇÃO

DO SEU PRÓPRIO PALADAR, COMPARAR RÓTULOS OU A MESMA CERVEJA

DE ANOS ATRÁS, SEMPRE SEGUINDO QUATRO ANÁLISES:

1

234

ꨲisual olfativa gustativa pessoa

SERHII BOBYK/SHUTTERSTOCK

Existemtrês coisas a serem observadas

em uma cerveja: a cor, a transparência

e a espuma. A cor pode ser referência

dos maltes ou adicionais utilizados na

cerveja. Ser cristalina ou turva sinaliza

a filtragem da bebida. E a espuma é o

famoso “colarinho”, o qual, pormais que

muitas pessoas não aprovem, pode ser

umbomindicativodaqualidadedabebida

dentro de cada estilo evariarem cor,

cremosidade, duração, aroma e gosto.

O sabor é um conjunto de aroma e paladar,

porisso esse passo étão importante.

Duas análises devem serfeitas: uma

logo aoservireumaantes debeber, pois

alguns aromas podem sumir assim que

o líquido é retirado da garrafa. A lista

do que sentir aqui é imensa e dependente

do seu referencial. Uma cerveja

oxidada pode ser indicada com cheiro

deferroou desangue, porexemplo.Vale

dedicaratenção a esse momento. O aroma

pode trazer cereais, lúpulos, notas

fl orais, herbais, frutados etc. que logo

se encaixam no paladar. O formato da

abertura do copo de acordo com o estilo

dacervejatambéméumdosfatoresque

podem auxiliar nesse processo.

O conjunto da obra. Coloque a cerveja

na boca, mas não engula de imediato.

Sinta. Procure os sabores principais do

paladar (amargo, azedo, doce, salgado

e umami) e tente perceber o que se conectaaoaromaequeoutrasnotasestão

ali. Sinta a textura, como é o corpo da

cerveja (leve como água ou mais densa

como leite), o grau de carbonatação (a

sensação “gaseificada”) ou a sensação

aveludada—essessãoconhecidoscomo

tato. Só então engula e perceba o sabor

fi nal e o retrogosto (o que permanece na

boca após beber).

O primeiro fato importante a se destacar

aqui é: não compare a sua avaliação

com a de outras pessoas. Existem definiçõesdeestilos,

como devemserfeitas,

e competições, mas o que você sentiu

só depende de você e o que você tem

de referencial. As avaliações devem ser

um feedback disso. Aqui você fi ca livre.

Achou refrescante? Doce? Interessante?

O gosto lembrou cheiro de chuva ou

o aroma trouxe o gosto de bolo de vó?

Então deve ser isso mesmo.

Cervejas artesanais trazem um oceano

de opções de estilos e experiências

para cada um e cada ocasião.Adiversão

está em descobrir tudo isso.

clubepaladar.com.br | 5




VINHOS

Vinh

UMA ÓTIMA OPÇÃO PARA DEGUSTAR NO CARNAVAL

Delicie-se com combinações práticas para os dias de folia

LAIMA GRI/SHUTTERSTOCK

POR ALÉXIS CERQUEIRA GÓIS

Entre blocos de rua e bailes de clube, na montanha ou na praia, não importa

como você vai comemorar: existe sempre um vinho para uma perfeita harmonização

com o momento. E até quem vai fi car em casa e aproveitar o feriado

para descansaro corpo e a mente pode degustaro néctardos deuses nos festejos

carnavalescos. Entre na roda e confira essas sugestões que vão deixar a sua folia

ainda mais alegre.

Espumante

O Espumante Escorihuela Gascón Extra Brut Rosé é um Pinot Noir com origem

na região argentina de Mendoza. O rótulo versátil tem borbulhas delicadas com

aromas de morango, cereja e rosas e um toque defumado. No paladar, apresenta

um delicioso frescor e sabor frutado. O espumante tem taninos leves e é bem

encorpado, deixando uma sensação agradável ao fi m da degustação, ideal para

festas e comemorações com maior duração.

Syra

Há quem prefira uma festa mais tranquila, com temperaturas amenas, como

um baile de máscaras em uma região montanhosa, como Campos do Jordão

(São Paulo). A harmonização ideal para esse momento festivo é o Vinho Tinto

Errazuriz Estate Series Shiraz Reserva 2016. Produzido no Vale de Aconcágua,

no Chile, esse rótulo mescla o aroma de frutas negras com baunilha e um sutil

toque terroso. O rótulo é equilibrado e elegante, com boa acidez, corpo médio,

além de álcool e madeira integrados de forma orgânica. Pode ser servido com

pratos condimentados, mas nãomuitopesados,como cuscuz marroquino,frango

ou carne, refeições ideais para ter energia para aproveitar a festa.

Tempranillo

Quemvai aproveitaros dias de feriado para fi car em casatambém pode apreciaruma

deliciosa degustação devinho para acompanhar uma boa gastronomia.

OVinhoTintoAlceoTempranillo é uma ótima opção, fácil de bebere harmonizar.

Produzido na região de La Mancha, na Espanha, é extremamente frutado, com

paladar típico da uva Tempranillo, mas sem o grande aporte de madeira típico

de Ribera del Duero e Rioja. O Alceo tem aromas de complexidade de ervas balsâmicas

e toques minerais.

O Carnaval acontece no meio do verão, quando o calor pede brisa e um bom banho

de mar. Caso sua opção seja passaroferiado na praia, degustando uma bebida

refrescante, a harmonização sugerida é com uma garrafa de Vinho Branco La Flor

de Pulenta Sauvignon Blanc 2017. A bebida tem notas cítricas de abacaxi, limão

siciliano e maracujá e deixa refrescantes notas de hortelã ao fi nal. La Flor Pulenta

conta com a tradição familiar de mais de 100 anos de vitivinicultura. Com origem

italiana, a família Pulenta se estabeleceu na província argentina de Mendoza e há

três gerações cuida da produção com paixão.

Quasetodobrasileiroéfã dechurrasco, masvocê sabiaqueelepodefi carainda

melhor acompanhado de um vinho? Um bom admirador de parrilla, uruguaia ou

argentina, sabe que os hermanos costumam apreciar cortes de carne bovina

em harmonização com bons rótulos. A sugestão de elegância e sofisticação

para o seu churrasco nesse feriado é o Vinho Tinto Pizzorno Primo 2011, para

acompanhar carnes selecionadas, como picanha uruguaia, bife angosto, colita

de cuadril, entre outros.

O rótuloéelaborado com asmelhoresparcelas deTannat,CabernetSauvignon

e Merlot da vinícola uruguaia Pizzorno, de origem italiana. Todas as uvas são colhidas

manualmente, e a bebida é produzida de forma artesanal para expressar

com a máximafi delidade o potencial doterroiruruguaio. Com aromas complexos

em equilíbrio com a madeira, Pizzorno Primotem bom corpo, comtaninos doces

e redondos que dão grande harmonia.

8 | clubepaladar.com.br



MOMENTOS ÚNICOS

MAKSYM FESENKO/SHUTTERSTOCK

CACHAÇA GELADA PODE?

DEVE!

3 maneiras de aproveitar o verão baixando a temperatura

da cachaça e se divertindo com os amigos

POR JOÃO ALMEIDA

JORNALISTA E SOMMELIER DE CACHAÇA

10 | clubepaladar.com.br


Em nossas mídias sociais, principalmente entre os alunos

do curso online Sommelier de Cachaça, uma das

perguntas que mais recebemos é: pode-se tomar cachaça

gelada ou com gelo?

Existe um mito de que cachaça é uma bebida para se tomar

pura, mas, na verdade, trata-se apenas de mais uma das

lendas que cercam o destilado nacional. É verdade que a boa

cachaça, produzida em alambiques de cobre e envelhecida

cuidadosamente em tonéis de madeira, é uma verdadeira

festa sensorial.

Basta dizer que é a única bebida destilada do mundo que

temtantadiversidadedemadeirasparamaturarearredondar

o produto fi nal. Então, apreciá-la em sua forma in natura é

mesmo uma excelente experiência. Porém,vamos combinar:

moramos em um país tropical e, principalmente no verão,

a demanda por gelo explode no Brasil. E por que isso seria

diferente com a cachaça?

A ideia de usar gelo em uma bebida destilada está muito

associada ao famoso on the rocks e, de certa forma, muitos

apreciadores resistem a adicionaro gelo em outros destilados

que não o de origem escocesa, mas hoje nós vamos quebrar

esse tabu.

GELADA

Pode ser considerada cachaça gelada a bebida servida entre 8 °C e 12 °C.

RESFRIADA

Bebida submetida ao congelador da geladeira. Lembrando que a cachaça não congela, por

conta do álcool; para isso acontecer, a temperatura teria que ser de -20 °C para baixo.

COM GELO

Aquela que recebe pedras de gelo, mas sem excesso, para não haver perda de álcool

e sabores da bebida.

COM ÁGUA GELADA

Prefira água com gás.

O primeiro detalhe a ser observado é que a cachaça, pela

Legislação,só podeserclassifi cadacomotalsetiverentre 38%

e 48% de volume alcoólico. Caso a escolha seja a graduação

mais alta, o gelo servirá para diminuir o impacto alcoólico,

fazendo com que a percepção sensorial se concentre principalmente

em elementos que vão garantir melhores sabores.

Para a empresária Katia Alves Espírito Santo, produtora

da Cachaça da Quinta, há outro detalhe que deve ser observado

quandovocê estivermigrando de costume ou buscando

novas experiências: “A cachaça resfriada é tão aprazível que

devemos alertaro apreciadorque, ao ingeriro destilado dessa

maneira,elepode seiludir, comsensação dequeestábebendo

menos álcool, o que não é verdade”.

Para melhorar sua experiência com cachaça gelada no verão, darei três receitas que vão

refrescar o seu paladar.

CACHAÇA COM GELO DE COCO

Dica: prefira cachaça envelhecida em tonéis de carvalho americano.

Ingredientes

• 1 dose (50 ml) de cachaça

• 4 pedras de gelo de água de coco

Preparo

Coloque a cachaça em um copo modelo on the rocks com o gelo e sirva.

CarlosAlbertoMattos,proprietáriodaCachaçaSebastiana,

também se rendeu aos encantos sensoriais da bebida gelada.

“Noverão, o que pode sermelhorque uma cachacinha gelada

para acompanhar um peixe ou um prato à base de frutos do

mar?”, provoca.

Já para o sócio-proprietário da Middas Cachaça, Leandro

Dias, o destilado nacional gelado “merece serdescoberto pelo

apreciador”. Ele afirma que surpreende os amigos no churrasco

sempre que sugere a adição de água com gás à bebida.

“No começo, o pessoal torce o nariz, mas ao provar ninguém

fi ca indiferente. Por conta da alta graduação, a cachaça pode

provocar um susto em quem não está acostumado, mas

quando eu faço a experiência de colocar água com gás, todos

se rendem”, afirma o empresário. “As mulheres são as que

bebem a maior parte”, fi naliza.

Para melhorarseu conhecimento sobre a cachaça a baixas

temperaturas, recorri a um dos módulos de meu curso de

sommelierde cachaça parafazeruma espécie de classificação

do destilado gelado.

CACHAÇA RESFRIADA

Dica: prefira cachaça envelhecida em tonéis de amburana.

Preparo

Coloqueumagarrafadecachaçanocongeladorporpelomenos2dias:aoservir, vocêteráumabebida

extremamente licorosa. Os aromas primários praticamente desaparecerão, mas a experiência da

cachaça congelada será algo incrível. Harmonize com chocolate meio amargo.

CACHAÇA COM ÁGUA GELADA

Ingredientes

• 50 ml de cachaça extra premium envelhecida em tonéis de carvalho

• 100 ml de água com gás gelada

Preparo

Em uma taça alongada, como as usadas para apreciar champagne, coloque uma dose de cachaça,

complete com água com gás bem gelada e sirva.

Essas são apenas sugestões, mas, tratando-se de cachaça, o importante é convidar os amigos,

preparar uma boa mesa, oferecer a bebida gelada e soltar a imaginação.

clubepaladar.com.br | 11


VIAGENS

CAR NAVAL

CONHEÇA A TRADIÇÃO EM DIVERSOS LUGARES

Festa comum no Brasil acontece também em vários pontos do planeta

POR VICTOR HENRIQUE DE OLIVEIRA NICOLLI SOARES

OCarnaval é uma das principais festas do Brasil. Das clássicasescolasdesambaatéosblocosderua,atradiçãono

País é de muita festa e diversão, trazendo o melhor do povo: a

alegria. Porém, o evento não acontece somente por aqui e em

cada lugar do mundo tem suas particularidades.

BRASIL

Por mais que as pessoas conheçam a fundo a atual forma

do Carnaval, pouca gente sabe que originariamente a festa

tinha o nome de intrudo, lá nos idos do século 17, dado pelos

portugueses. Só a partir do século 19 é que o vocábulo carnaval

foi introduzido no País como forma de dar um ar mais

moderno à tradição.

O modelo atual de desfiles nas ruas surgiu no início do

século 20, quando a Revolução de 1930 aumentou o poder

do Estado e começou a diminuiras manifestações populares.

A partir de então, houve uma espécie de burocratização das

apresentações, servindocomo instrumentoparaacriaçãodas

escolas de samba como as conhecemos hoje.

ESTADOS

UNIDOS

Mardi Gras é a festa de Carnaval que ocorre na cidade de

Nova Orleans, no estado de Luisiana, e é tida como uma das

mais famosas do mundo. A festa, baseada em celebrações

pagãs vindas de Roma e Veneza, foi exportada pelo exploradorJean-Baptiste

Le Moyne Sieurde Bienville, que chegou às

terras norte-americanas em 1699.

O eventotem desfiles de carros alegóricos e muitas fantasias

e máscaras. Assim como em todo mundo, a festa é muito

colorida e divertida, sendo o jazz o estilo musical maistocado;

afinal, é solo estadunidense. É possível encontrar Mardi Gras

em outras cidades, mas a de Nova Orleans é a mais famosa e,

consequentemente, a que tem maior público.

12 | clubepaladar.com.br


CANADÁ

O frio país da América do Norte também tem folia, mesmo

ocorrendo em um período bastante gelado. A cidade de

Québec tem o maior Carnaval de inverno do mundo, que

ocorre todo ano na primeira metade de fevereiro. A diversão

é toda relaciona da à neve, então entre as atividades estão

patinação no gelo, descida de trenó e hóquei. Além disso, o

destaque da festa fi ca por conta de um palácio de gelo construído

em homenagem ao mascote do evento, o boneco de

neve Bonhomme. A festa é uma forma de trazer mais calor

ao inverno e proporcionar diversão a moradores e turistas.

SERKAN SENTURK/SHUTTERSTOCK

ITÁLIA

AcidadedeVenezatemumadasprincipaisfestasdeCarnaval

do mundo. Assim como ocorre com os blocos e carros das

escolas de samba por aqui, os barcos de lá fi cam enfeitados e

fazem a alegria dos moradores e, principalmente, dosturistas.

Osfoliões usam máscaras e gostam de sefantasiarpara curtir

a festa, e o evento reúne várias atividades, como concursos,

jogos e apresentações musicais e artísticas.

SAMOT/SHUTTERSTOCK

COLÔMBIA

Acidade de Barranquillatem umafesta quevirou patrimônio

cultural da humanidade pela Organização das Nações Unidas

para a Educação, a Ciência e a Cultura (Unesco) em 2003.

Acomemoraçãotrazvários elementos da cultura colombiana,

apresentando fantasias repletas de cores e muita música, em

especial no ritmo conhecido como cúmbia. Durante a época,

toda a cidade entra no clima alegre e festivo.

GARY C. TOGNONI/SHUTTERSTOCK

ILHAS

CANÁRIAS

O Carnaval de Tenerife é um dos mais famosos do mundo,

só perdendo para o do Rio deJaneiro.Afesta é extremamente

colorida e alegre, cheia de fantasias extravagantes e muita

música nas ruas. A celebração dura 9 dias oficialmente, mas,

assim como no Brasil, muitasvezes se estende portodo o mês

defevereiro.Alémdosagrupamentos,chamadosderondallas,

murgas ou comparsas, a festa conta com a eleição de uma

Rainha do Carnaval.

ALDISTOOME/SHUTTERSTOCK

clubepaladar.com.br | 13





M

inha primeira viagem à Noruega foi no inverno de

2002. Eu fui seguir uma corrida de trenós no Ártico,

a segunda mais longa competição detrenós puxados

por cães do mundo. A Finnmarkslopet percorre um trajeto

de pouco mais de 1 mil quilômetros entre colinas, planícies,

vales e rios congelados na região de Finnmark, no extremo

norte do país.

Após a corrida,fui conhecer um lugarsobre o qual eu havia

lidoaindanainfância,nacélebreaventura deJúlioVerne,Vinte

Mil Léguas Submarinas; nela o submarino Nautilus, do Capitão

Nemo, a certa altura emerge nas águas frias do distante

arquipélago de Lofoten. Essa viagem foi o início de um forte

vínculo que criei com a Noruega e que me faz retornaràs ilhas

sempre que posso.

Desde então, estive 20 vezes nesse país maravilhoso, visitando

repetidasvezes o arquipélago, bem como umavariedade

de outros destinos na Escandinávia.

Lugar remotamente conhecido há alguns anos, as ilhas

Lofoten se tornaram um dos destinos mais cobiçados por

viajantes do mundo inteiro, atraídos por sua incrível beleza

cênica, sua geografia dramática, pelos fenômenos naturais

da região e porseus aspectos culturais. Lofoten é um destino

para aqueles que jáviajaram pelo mundo e anseiam pornovos

cenários e horizontes.

As ilhas são o berço da pesca do bacalhau. Seus primeiros

habitantes, os vikings, que desconheciam o sal, secavam o

pescado há mais de 1 mil anos exatamente como ainda se faz

hoje: pendurando-o ao ar livre, exposto ao vento frio, o que

faz com que o peixe seque e endureça como uma madeira,

preservando suas qualidades nutricionais porvários anos.

Situada na elevada latitude 67°, Lofoten é palco de belíssimos

fenômenos da natureza, como o Sol da meia-noite,

quando nos meses de verão o arquipélago tem luz solar 24

horas por dia. Também é incrível a temporada sombria de

Dark Season, quando, no auge do inverno, em dezembro, o

sol desaparece e só retorna 1 mês depois, deixando as ilhas

em uma penumbra com breves luzes contrastadas e longas

horas de escuridão.

clubepaladar.com.br | 17


NOS MESES DO LONGO INVERNO

NORUEGUÊS, ENTRE NOVEMBRO E

MARÇO, AS FASCINANTES LUZES

DO NORTE DANÇAM NA ESCURIDÃO

DA NOITE, ENCANTANDO OS

VIAJANTES QUE SE AVENTURAM

POR AQUELAS PARAGENS.

Mas nenhum fenômeno, por mais exótico, compara-se

em grandiosidade e beleza à misteriosa aurora boreal, com

sua dança de luzes bruxuleantes nas noites polares. Ela tem

origem no vento solar, formado por uma massa de elétrons,

prótons e uma infinidade de partículas radioativas expelidas

por gigantescas erupções solares. Atravessando os 148,5

milhões de quilômetros que nos separam do Sol, eleviaja por

2 a 3 dias pelo espaço até chegar às proximidades da Terra,

quando, atraído pelo magnetismo dos polos, colide com os

gases na alta atmosfera terrestre e libera energia luminosa.

Geralmente se apresenta em tons de verde, com franjas

rosadas e, mais raramente, quando as tempestades solares

são mais intensas, em lindostons avermelhados, maisvisíveis

nas fotografias do que a olho nu.

Antes de a ciência esclarecer o fenômeno, muito já se especulou

sobre as suas origens. Durante séculos, diferentes

povos primitivos que habitam vastas regiões ao norte do

planeta faziam as suas próprias interpretações para explicar

esse espantoso fenômeno: aparições dos antepassados que

vinham aconselhar, divindades da natureza alertando sobre

tempos de bonança ou de dificuldades, espíritos malignos

prenunciando tragédias ou conflitos…

Por muitos anos, visitei o arquipélago e produzi artigos

para revistas e jornais sobre a pesca do bacalhau, a aurora

boreal, a cultura viking ou a deliciosa gastronomia do Ártico,

cujo ingrediente principal é, é claro, o bacalhau, além devários

outros pescados do Mar do Norte, como halibute, um primo

gigante do nosso linguado, arenque, salmão, caranguejos

gigantes e carne de rena e de alce.

A observação da aurora boreal exige certa experiência,

como o conhecimento do terreno e das condições climáticas,

além de uma boa dose de determinação e paciência. Isso porque

ela nem sempre acontece comodamente no céu imediatamente

acima de nossa cabeça.

18 | clubepaladar.com.br


A luz das vilas e cidades atrapalha

muito a visualização, então é preciso

caçá-la, dirigindo noite adentro, na escuridão,

para procuraros melhores momentos

e lugares para observá-la. Links

de institutos de pesquisas com previsão

deaurorasboreaiseaplicativosauxiliam

natarefadesaberquaissãoosmelhores

locaisehorários,pormeiodocruzamento

das probabilidades de sua ocorrência

com as condições climáticas imediatas.

Às vezes, ela está acontecendo, mas

o tempo está nublado, portanto não

é possível vê-la; ou então o céu está

aberto, mas ela não aparece. Por isso, é

preciso ter paciência e constante mobilidade

para procurá-la, noite após noite,

percorrendooscenárioselidandocomo

clima, que abre ou fechavezes seguidas

durante algumas noites.

As auroras podem durar poucos minutos

ou várias horas. Podem se manifestar

de modo exuberante, colorida e

em movimento, dançando no céu e mudandodeformasetonsconstantemente

ou podem permanecer pouco tempo,

estáticas e sutis. Desaparecem rápida

ou lentamente de um lugare ressurgem

em outro, a poucos ou muitos quilômetros

de distância.

Após 20viagens fotografando auroras

boreais, adquiri experiência, conheci

mais lugares para a sua observação

no arquipélago e explorei novas áreas,

como o arquipélago de Vesteralen e a

maravilhosa ilha Senja, a segunda maior

da Noruega, mais selvagem e menos habitada,

situada um pouco mais ao norte

de Lofoten.

Além das auroras, as paisagens da

região são espetaculares, formadas

por uma geografia caprichada, repleta

de canais, istmos, baías, montanhas

abruptas e pontiagudas, fiordes e uma

infinidade de ilhas onde luzes contrastadas

iluminam cenários surreais de

forma única.As ilhas têm, ainda, outros

atrativosencantadores, como safárisde

águias marinhas, galerias de arte, museuserestaurantesexcelentes.Durante

o dia, a contemplação e a diversão são

garantidas e, à noite, as expectativas se

voltam para a Dama da Noite.

Durante 16 anos, fotografei as auroras

sozinho, explorando meticulosamente

as regiões selvagens e publicando

artigos. Foi então que comecei

a levar viajantes para compartilharem

comigo esse encantamento. Durante 9

dias, percorremos alguns meandros nas

vastidões do norte da Noruega.

clubepaladar.com.br | 19


*Válido somente para assinatura digital completa ou impresso (fins de semana e todos os dias). Imagens meramente ilustrativas.

Aviagem começa semprenalinda cidade de Tromso,com

uma lúdica experiênciadedog sledding, na qual cadaviajante

pilota umtrenó puxadoporcães pelas colinas suaves ao redor

da cidade. De lá, seguimos paraodestino principal: as ilhas

Lofoten.

Baseados na pequena cidade de Svolvaer,acapital das

ilhas, saímos todos os dias paravisitar lugares efazer atividades,

como oincrível safári de águias marinhas no fiordede

Raftsundet. Visitamos Henningsvaer,uma das mais lindas

vilas pesqueiras do arquipélago, na qual vivem cercade550

pessoas.

Seguimos paraoextremo sul das ilhas, na bucólica vila

pesqueira, onde se encontram os cenários mais grandiosos.

De Lofoten,seguimosrumo ao norte,paraamaravilhosa

ilha Senja, mais remota emenos habitada. Todasasnoites,

perscrutamos pacientemente océu, aguardando aaparição

da grande Dama da Noite.

QUEM LEVA

Latitudes Viagens de Conhecimento

De 23 de fevereiroa8de março

(grupo acompanhado pessoalmente porJohnnyMazzilli)

(11) 3045-774|www.latitudes.com.br

VITRINE PALADAR

LIGUE E ANUNCIE (11)3855-2001 / 0800-055-2001

anunciar.classificados@estadao.com

As sextas-feiras do Estadão

turbinadas com um super caderno

O Sextou! traz uma curadoria

completa de cultura, gastronomia,

decoração e turismo para inspirar

o fim de semana dos leitores.

Assim, o Estadão também

atrai maior diversidade de público

e multiplica a visibilidade

do novo produto.

BRÁS

Misto, 275[m2] ac, 2 pavim.

Excelente localização,

Travessa Rangel Pestana.

Locação junto ou separada.

Ac prop. Dir prop

(11) 93321-5724

As melhores

cachaças

e destilados

do Brasil atacado e

varejo.

Mais de 1000 rotulos cachaças

O caderno Sextou!, toda sexta.

casa

divirta-se

paladar

viagem

Bora sextar com o Estadão!

Vantagens para

você presentear

e viver as melhores

experiências

O clube que paga a sua assinatura oferece

DESCONTOS EXCLUSIVOS DE ATÉ 70% EM:

Cinemas, parques, farmácias, restaurantes, lojas, bem-estar,

cursos e muito mais!

Tudo isso em mais de 200 parceiros.

Confira o regulamento completo em clube.estadao.com.br ou no app do Clube+Estadão

Campinas /SP (19) 3258-4726

www.amburana.com

Ainda não faz parte do Clube+Estadão?

Acesse: assine.estadao.com.br/clubemais1 ou ligue 0800 770 2166 e faça sua assinatura*

20 | clubepaladar.com.br


RECEITAS

PAULO VILELA/SHUTTERSTOCK

ESTILOS DE CERVEJA PARA

HARMONIZAR COM SALMÃO

A combinação perfeita entre leveza e refrescância

POR GABRIELLE DE PAIVA JÁCCOMO

H

armonização é um assunto muito comentado no

meio dos vinhos, mas vale descobrir como ela pode

seraplicada à degustação de cervejas. Para os novatosnoassunto,podeserdifícilescolheramelhoropçãoentre

as inúmeras possibilidades de combinações e contrastes.

Apercepção de sabores depende de muitos fatores, mas os

principais são malte, corpo e teor alcoólico. Outro aspecto

importante é a carbonatação característica das cervejas,

que pode estimular as papilas gustativas e ajudar a limpar

o paladar em casos de pratos com muita gordura.

Com o verão chegando ao seu ápice, a busca por refrescância

se torna uma constante. Por isso, que tal se deliciar

com uma receita leve e saborosa de salmão ao molho de

maracujá, perfeita para harmonizar com cervejas?

Ingredientes

Para os fi lés

• 1 kg de fi lés de salmão com pele

• 100 g de manteiga com sal

• Suco de 2 limões

• Sal (a gosto)

Para o molho

• 1 maracujá azedo grande

• 2 colheres (sopa) de açúcar

• 1 colher (sobremesa) de amido de milho

Preparo

Em um recipiente, coloque os fi lés, o suco de limão, o sal

e a manteiga derretida. Se quiser, adicione temperos que o

agradem, como coentro. Deixe a marinada descansando por

pelo menos 1 hora.Após isso, aqueça bem uma frigideira (de

preferência antiaderente, para não correro risco de grudar)

e coloque osfi lés com a pele para baixo. Grelheaté a pelefi car

bem dourada e vire.

Coloque a polpa do maracujá no liquidificador com um

copo de água. Bata levemente, o suficiente para ambos se

misturarem, tomando cuidado para não quebrar muito as

sementes. Coe o suco em uma peneira. Adicione o açúcar e

o amido de milho e misture bem antes de levar ao fogo para

engrossar.Sequiser, separealgumassementesparaenfeitar.

Sirva o molho gelado.

A receita rende seis porções e tem preparo rápido, além

de permitir algumas modificações, como no tempero ou na

quantidade de açúcar na calda, para fi car no ponto perfeito.

A ambição agora é acompanhar a leveza e os sabores do

prato. Para os iniciantes nas cervejas artesanais e acostumados

com as lagers comerciais, fi ca a recomendação de uma

pilsner. A qualidade superior será perceptível, instigando a

curiosidade no mundo cervejeiro. As pilsners são carbonatadas

e fi ltradas, de aparência dourada e "limpa", ponto que já

favorece nalimpezadopaladar,principalmenteconsiderando

o sabor característico do salmão. Elas são equilibradas, com

baixo amargoreteoralcoólico. Sua base maltadatraz o sabor

decereaiscomnotasmaisfl oraisouherbais,dependendodas

variações (tcheca ou alemã, por exemplo).

Para os fãs de cervejas de trigo, nesse

cenário entra a belgawitbier. Leve, refrescante

e com baixo amargor, é produzida

com trigo, malte de cevada e, tradicionalmente,

casca de laranja e sementes de

coentro. Elatem um saborcaracterístico e

carbonataçãomédia/alta,quepodetrazer

uma leve picância ao fi m do gole. Um bom

par para essa receita.

Aos que tendem a gostar do amargor,

algumas indian pale lagers, as famosas

IPAs, podem se encaixar também. Com o

do gole cítrico/frutado ao herbal e o fi m

amargo, pode oferecer uma boa experiência.

Atualmente, existem IPAs extremamentevariáveis,comdiversasadições,

atédecafé.Valeadicadelerorótuloantes

de comprar para conhecer o perfil da que

você está levando.

Algumas indicações

• Pilsner Urquell: 4,4% ABV

• Tupiniquim Ligera Pils: 5% ABV

• Hoegaarden Wit Blanche: 4,9% ABV

• Bastards Jean Le Blanc: 4,9% ABV

• 2Cabeças MaracujIPA: 6,8% ABV

• Tupiniquim Polimango: 9,5% ABV

clubepaladar.com.br | 21


VIAGENS

CURTA A FOLIA

ENQUANTO APROVEITA OS MELHORES LOCAIS PARA COMER

Veja alguns restaurantes para aproveitar o Carnaval de barriga cheia em todo o País

POR ALEX FERNANDES DO NASCIMENTO

Além da diversidade cultural e da festança que

são características do Carnaval, o Brasil não fi ca para

trás no quesito gastronomia. Entre uma folia e outra,

não dá para fi car de estômago vazio, certo? Por isso,

diversos restaurantes abrem em dias de bloquinhos

e desfiles nas principais localidades do País.

Da agitada capital de São Paulo até Recife, cada

região tem seus pratos mais pedidos, para todos os

gostos de turistas e locais. E é importante não se esquecerdahidrataçãoedaalimentaçãonessaépocado

ano,entãonadamelhordoqueuniroútilaoagradável.

JIQUITAIA

Sequiserhonrarastradiçõesbrasileiraseconsumir

um bom prato nacional, o Jiquitaia é uma boa opção

em São Paulo. Lávocê encontra comidas apetitosas e

drinks variados, ideal para quem vai pular o Carnaval

nos bloquinhos da região central.

Endereço: Rua Antônio Carlos, 268 — Consolação

(São Paulo)

FACEBOOK JIQUITAIA

FAMIGLIA

MANCINI

Caso queira experimentarsabores italianos, muito

famosos em São Paulo, vá ao restaurante Famiglia

Mancini, também localizado no centro da capital. Os

pratos são conhecidamente "exagerados" e oferecem

todo tipo de massa, então deixe para visitar quando

já tiver terminado de dançar.

Endereço: RuaAvanhandava, 81 — BelaVista (São

Paulo)

WIKIPÉDIA

MOCOTÓ

Se a folia da Zona Norte é a sua cara, não deixe de

passar no Mocotó, especialista em comida sertaneja.

Um dos maiores sucessos do local é a carne de sol

na chapa, mas você provavelmente ouvirá falar dos

famosos dadinhos de tapioca — experimente-os!

Endereço: Avenida Nossa Sra. do Loreto, 1.100 —

Vila Medeiros (São Paulo)

MOCOTO.COM.BR

ACONCHEGO

CARIOCA

Aconchego Carioca é um nome que promete bastante,

não é? O restaurante já foi premiado como o

melhor de comida brasileira da cidade e tem como

um de seus maiores sucessos o bolinho de feijoada.

Endereço: Rua Barão de Iguatemi, 245 — Praça da

Bandeira (Rio de Janeiro)

WWW.BARASTOR.COM.BR FACEBOOK ACONCHEGO CARIOCA

BAR ASTOR

Apesar da origem paulistana e de ainda ter fi liais

em SP, o Bar Astor ganhou enorme visibilidade na

Cidade Maravilhosa. Para uma cerveja gelada e uma

variedade de aperitivos populares, faça sua pausa

por lá.

Endereço: Avenida Vieira Souto, 110 — Ipanema

(Rio de Janeiro)

22 | clubepaladar.com.br


ZAZÁ BISTRÔ

Também em Ipanema,você encontra o Zazá Bistrô,

local perfeito para casais e turistas que buscam uma

experiência imersiva, já que a decoração é o ponto

alto em cada cômodo. A comida e os drinks, é claro,

não fi cam para trás. Se você gostar bastante, pode

se aventurar e descobrir outra faceta da casa: o Zazá

Café, no Leblon.

Endereço: RuaJoanaAngélica, 40 — Ipanema (Rio

de Janeiro)

OFICINA

DO SABOR

O restaurante Oficina do Saboré um dos mais inovadores

quando falamos sobre comida no Carnaval.

O local fi cou famoso por oferecer um serviço de day

use em Olinda — praticamente um camarote para

os foliões. Open bar, buffet especialmente assinado

pelos chefs da casa e até massagens já fi zeram parte

do pacote. Vale a pena conferir.

Endereço: Rua doAmparo, 335 —Amparo (Olinda)

TEMPERO DE RITA

Quem estiver atrás de uma boa feijoada não pode

perder o Tempero de Rita. O prato é tão popular que

foi necessário ofertar delivery! Verifique os horários

de atendimento durante o Carnaval (normalmente,

apenas no almoço) e aproveite.

Endereço: Rua Otávio Mangabeira, 3471 — Flat

Jardim Alah (Orla)

ZAZABISTRO.COM.BR

ARENA

GASTRONÔMICA

É impossível falar de Carnaval no Recife sem mencionar

a Arena Gastronômica, iniciativa da prefeitura

comcoordenaçãodaAssociaçãodeBareseRestaurantes

de Pernambuco. Lávocê encontra pratosvariados,

especialmente para quem está curtindo a folia e só

precisa de uma energia no meio do dia.As delíciasvão

desde pastéis e coxinhas até almoços completos e açaí

para a sobremesa.

Endereço: Rua do Observatório (entre a rua do

Brum e o Cais do Apolo) — Recife

MARIA DA VILLA

Comer na Bahia já é uma experiência deliciosa;

imagine, então, enquanto curte a folia de Salvador.

Experimentevisitaro restaurante Maria daVilla para

saborearpratos autorais e observara melhorvista da

Praia do RioVermelho. Não deixe de experimentaras

moquecas!

Endereço:RuaMonteConselho(antigoMercadode

Peixe), quiosque 1 — Vila Caramuru (Salvador)

clubepaladar.com.br | 23


ACONTECE

3

RECEITAS

PARA EVITAR A

RESSACA NO CARNAVAL

Dicas saudáveis e saborosas para ajudar o corpo a evitar ou curar a ressaca

POR ALÉXIS CERQUEIRA GÓIS

C

arnaval é um momento de festa e êxtase que leva muitas

pessoas a cometerem excessos, e o organismo, algumas

vezes, é implacável em cobrar a conta no dia

seguinte,comumaforteressaca.Essareaçãoacontece porque

a bebida desidrata o corpo e faz com que o fígado fi que sobrecarregado

ao processar o álcool, então o melhor jeito de

fugir do mal-estar é se hidratar e fornecer energia para que

seu corpo possa trabalhar para se desintoxicar. Se a ideia é

cair na folia e escapar da ressaca, confira três receitas para

serem saboreadas antes ou depois dadiversão, com umtoque

de bom gosto e classe.

SMOOTHIE DE BANANA

COM MORANGO E

ÁGUA DE COCO

A banana é rica em potássio, um dos principais minerais

que são eliminados quando se bebe álcool. A fruta também

tem vitaminas do complexo B e fi bras solúveis, o que auxilia

a recuperação dos sistemas nervoso e muscular, além de

melhorar o sistema digestivo, evitando náuseas e diarreia.

A água de coco é milagrosa. Isotônico natural, o sódio e o

potássio da fruta ajudam a regularizar as reações químicas

do corpo. O morango auxilia a proteger o estômago contra o

álcool e dá um sabor especial ao smoothie.

Ingredientes

• 5 morangos

• 2 bananas em rodelas

• 2 xícaras de água de coco

Preparo

Leve tudo para o freezer. Quando os ingredientes estiverem

congelados, bata-os no liquidificador e sirva em seguida.

PILIPPHOTO/SHUTTERSTOCK

24 | clubepaladar.com.br


ACONTECE

CREME DE MANGA

COM IOGURTE E

GENGIBRE

Com ação anti-inflamatória e desintoxicante, o gengibre

acelera o metabolismo e ajuda o organismo a digeriro álcool.

A manga entra como um adoçante natural, fornecendo a frutose,

que oferece energia. O iogurte é rico em vitamina B5 e

minerais e dá uma consistência cremosa para a receita.

Ingredientes

• 3 mangas maduras picadas

• 500 ml de iogurte

• 1 colher (sopa) de gengibre fresco ralado

Preparo

Bata todos os ingredientes no liquidificador. Leve ao congelador

por cerca de 1 hora para conseguir uma textura mais

semelhante à de sorvete. Para deixar um visual mais bonito,

reserve meia xícara de iogurte para colocar em volta de um

copo transparente e 3 ou 4 cubinhos de manga para decorar,

além de folhas de hortelã.

P.STUDIO66/SHUTTERSTOCK

CREME DE ABÓBORA

COM CAMARÃO

Aabóbora é uma ótimafonte de carboidratos etem altoteorde

magnésio e potássio. O camarão é rico em zinco, mineral

importante no processamento do álcool pelo organismo. Essa

receita dá disposição, evita o cansaço e o desânimo, além de

ser uma deliciosa forma de escapar da ressaca.

Ingredientes

• 500 g de abóbora

• 1 cebola (picada)

• 2 dentes de alho

• 200 g de camarão-rosa

• Salsinha

• Raspas de limão-siciliano

KSENIJA TOYECHKINA/SHUTTERSTOCK

Preparo

Em meio litro de água, cozinhe a abóbora e uma cebola picada

e depois bata no liquidificador para fazer um creme. Em uma

frigideira aquecida, refogue dois dentes de alho em azeite até

dourare, em seguida, acrescente o camarão sem casca e sem

cabeça. Por último, coloque a salsinha picada e as raspas de

limão-siciliano.

clubepaladar.com.br | 25





VOCÊ, UM VINHO E...

SABORES DO MUNDO

DOCUMENTÁRIOS

GASTRONÔMICOS

Descubra como é preparado um dos melhores sushis do mundo e como um chef utilizou

restos de comida para elaborar pratos sofi sticados para pessoas em situação de rua

POR ROBINSON SAMULAK ALVES

S

abe-se que a culinária de cada país está intimamente

relacionada à sua cultura. Devido a isso, muitos documentáriosbuscamencontrarrespostasparaperguntas

como "você sabe como um restaurante com espaço para

10 pessoas se tornou um dos mais disputados do mundo?"

e "qual é a relação de um general do século 19 com um dos

pratos mais clássicos da culinária chinesa?".

Essas obras têm uma capacidade única de mudar nossa

percepção sobre o que comemos, além de nos permitir conhecernovasformasdeenxergarascoisas.Porisso,selecionamos

10 documentários que mostram detalhes, segredos

e sabores de todo o mundo.

O SUSHI DOS SONHOS DE JIRO

O documentário conta a história de Jiro Ono, um dos

maiores nomes da gastronomia japonesa. Dono de um pequeno

restaurante com capacidade para dez pessoas, ele se

tornou célebre porfazerum dos melhores sushis do mundo.

A obratambém mostra como seu fi lho,Yoshikazu, enfrenta

a pressão para assumir o lugar do pai.

THE MIND OF A CHEF

Misturando viagem, história e ciência, essa série documentaltem

o chefAnthonyBourdain mostrando diferentes

culinárias. Ele também apresenta alguns dos principais

nomes da gastronomia mundial e como eles se tornaram

tão importantes.

CHEF'S TABLE

O documentário entra na vida e na cozinha de seis dos

chefs mais renomados do mundo. Cada episódio se concentra

em um único profissional, para mostrarcomo a culinária

se relaciona com a vida pessoal deles.

COOKED

O documentário utiliza os quatro elementos da

natureza para explicar como a nossa espécie evoluiu

com a culinária. Mostra como o fogo permitiu

que nossos antepassados assassem a carne das

caças, como aprenderam a colocar alimentos na

água para cozinhá-los, qual é a importância dos

processos de fermentação do pão e quanto os micróbios

contribuíram para a evolução da culinária

moderna.

THE SEARCH FOR

GENERAL TSO

Misturando história e gastronomia, The Search

for GeneralTso apresenta a história do GeneralTso,

queviveu no século 19 durante a dinastia Qing. Com

esse personagem, o documentário conta a origem

do prato feito com frango que leva seu nome ao

mesmo tempo que explica um pouco da imigração

chinesa para os Estados Unidos.

KING GEORGES

Um dos restaurantes mais renomados da Filadélfia

está prestes a fechar as portas, e o chef

francês Georges Perriercorre para tentarsalvá-lo.

Enquanto isso acontece, é possívelvercomo otempo

traz mudanças que nem um importante nome

da gastronomia consegue evitar — e, às vezes, a

tradição precisa dar espaço à modernidade.

ANTHONY BOURDAIN:

SEM RESERVAS

Apresentado pelo chef e escritor francês Anthony

Bourdain, essa série mostra alguns pratos

diferenciados de diversos países. Passando por

Macau,Uzbequistão,HongKongeBrasil,eleexplica

comoculinária eculturaestão intimamente ligadas.

JEREMIAH TOWER:

THE LAST MAGNIFICENT

Jeremiah Tower foi um dos responsáveis pela

consolidação da culinária moderna dos Estados

Unidos. O documentário conta a trajetória do chef,

que semprefoi apaixonado porcomida, mas aprendeu

a cozinhar na prática, sem nunca ter estudado

Gastronomia. Outros nomes influentes da culinária

dão depoimentos sobre o papel decisivo dele para

a gastronomia do país.

MASSIMO BOTTURA:

TEATRO DA VIDA

O documentário conta a história do Refettorio

Ambrosiano, uma das atrações da Expo 2015,

que tinha como objetivo preparar refeições para

pessoas carentes. Organizado pelo chef Massimo

Bottura,comcolaboraçãode40dosmelhoreschefs

do mundo, como FerranAdria, René Redzepi,Alain

Ducasse e Daniel Humm, toda a comida servida

foi feita com o desperdício de alimentos de feiras.

Ofi lmetambémcontaahistóriadeváriosrefugiados

e pessoas em situação de rua que o projeto serviu.

SOMEBODY FEED PHILL

Outra série documental que explora a relação

entre cultura e culinária, Somebody Feed Phillviaja

o mundo com o produtor de TV Phil Rosenthal para

explorar o que há de melhor nos mais variados

países. De Tel Aviv a Bangkok, é possível conhecer

pratosdeliciososdoslugaresmaisincríveisdaTerra.

clubepaladar.com.br | 29


RECEITAS

3 aperitivo

perfeitos para harmonizar

com o verão

POR PEDRO PAULO CORRÊA DE FREITAS

LGCTR/SHUTTERSTOCK

Com o sol brilhando mais forte do que em qualquer outro

momento do ano, o verão é perfeito para quem gosta de

aproveitar o calor em um almoço com boas companhias

enquanto aproveita a piscina. E todos os encontros entre

amigos se tornam ainda mais especiais quando envolvem comida.

Comotoda deliciosa refeição começa poraperitivos que

combinamcomaocasião,noverãoissonãopodeserdiferente,

nãoémesmo?Porisso,nósescolhemostrêsentradasparaque

você e seus amigos aproveitem as altas temperaturas do ano

com o melhor da culinária para a estação.

Ȃolinho de costela bovin

Bolinho de costela é uma receitatradicional dos

botecos brasileiros, e nada é mais verão do que

comer um aperitivo enquanto toma uma cerveja

gelada para refrescaro dia. Portanto, essa receita

é ideal para quem quer experimentar um clássico

da culinária nacional.

Ingredientes

• 500 g de costela desfiada

• 1 xícara (chá) de purê de mandioca

• 1 cebola picada em cubos

• 1 colher (sopa) de alho picado

• 3 colheres (sopa) de salsinha picada

• 2 colheres (sopa) de óleo

• 1 xícara (chá) de farinha de trigo

• 1 xícara de (chá) de farinha de rosca

• 4 ovos

• Sal (a gosto)

Preparo

A costela deve ser cozida em uma panela de pressão

por, aproximadamente, 1 hora. Após essa

etapa, espere a peça esfriar um pouco e desfie.

Refogue a cebola e o alho em uma panela com óleo

até que murchem. Acrescente a costela e o restante

dos ingredientes e adicione sal e salsinha a

gosto. Para empanar o bolinho, junte o refogado

ao purê de mandioca até criar uma mistura bem

homogênea.Façabolinhasesigaaseguinteordem:

empane na farinha de trigo, depois no ovo, e, por

fi m, na farinha de rosca. Então é só fritaraté que o

bolinho fi que dourado.

30 | clubepaladar.com.br



SUAS MELHORES

DECISÕES

DEPENDEM

DE INFORMAÇÃO

DE QUALIDADE

Quem assina um jornal de credibilidade,

com cobertura política e econômica

de destaque, sai na frente na hora de

investir e empreender.

E tem mais:

Notícias em tempo real

Grandes colunistas

Acervo Histórico

Aplicativo exclusivo e sem publicidade

Clube+Estadão: descontos

e benefícios em mais de 200 parceiros

ASSINE O ESTADÃO

E SINTA A DIFERENÇA

NO SEU DIA A DIA

Faça sua assinatura:

assine.estadao.com.br

ou ligue 0800 770 2166

More magazines by this user
Similar magazines