Views
1 week ago

GAZETA DIARIO 504

10 Cidade Foz do

10 Cidade Foz do Iguaçu, 10 a 13 de fevereiro de 2018 OPORTUNIDADE Idgar Dias Junior Bom dia, leitor! 'Carpe diem!' - Hoje, sábado, dia 10 de fevereiro, é comemorado o 'Dia do Atleta Profissional'; - História: foi nesta data, em 1972, que ocorreu a primeira transmissão de TV a cores no Brasil: a Festa da Uva, em Caxias do Sul (RS). PT, Marx e a baixa produtividade brasileira O artigo que segue é de autoria do espetacular Stephen Kanitz, um sábio brasileiro. Confira: "A produtividade das empresas brasileiras tem despencado ano após ano desde 1973, primeiro ano que passei a tabular essa estatística publicada ano após ano pela revista Exame. A preocupação de quase todos os nossos governos foi mais para "melhorar" a distribuição da renda que tínhamos, do que aumentar nossa produtividade ano após ano. Aumentando impostos, onerando as empresas mais produtivas, dando maiores benefícios aos trabalhadores chão de fábrica independentemente do quanto produziam. Isso devido à análise equivocada de Karl Marx, que estudou duas únicas variáveis, produtividade e lucro no século XIX. Marx percebeu que o aumento da produtividade, gerada pelos engenheiros têxteis que inventaram os teares manuais, gerou um lucro incrível para esses inventores, e nada para os trabalhadores chão de fábrica que continuavam a ganhar o seu salário mensal. Marx, economista limitado que era, não conseguiu incorporar as demais variáveis necessárias antes de sair pregando a luta armada e a divisão de classes. Marx não incorporou o efeito da produtividade nos preços dos produtos. O aumento de produtividade logo exigiu uma diminuição nos preços pela metade, depois para 75%, e assim por diante. Vejam o exemplo do computador, do celular, da televisão. Mesmo os trabalhadores ganhando a mesma coisa, graças à industrialização capitalista, todos passaram a comprar o dobro, depois o quádruplo, pela queda brutal dos preços. Mas influenciados por Marx, o PT, o PSDB, o MDB, o PTB e seus economistas de esquerda adotaram políticas públicas visando aumentar constantemente os salários, em vez de aumentar a produtividade das empresas brasileiras. Graças à Marx e esses economistas brasileiros, temos hoje a mão de obra mais cara do mundo, os impostos mais elevados do mundo, e a pior produtividade do mundo. Na Administração Responsável das Nações ensinamos que o aumento constante de salários sem aumento de produtividade é inflacionário e gera pobreza. No nosso mundo ideal, todos ganhariam sempre o mesmo salário, portanto zero inflação e juros baixos, e nosso bem estar dependeria de uma preocupação coletiva com o aumento de produtividade, vendendo mais por menos". WhatsApp "Triste é o futuro de um país onde 92% da população tem renda abaixo do auxílio-moradia de um juiz". A propósito Para além do lado moral a implicar na questão do auxílio-moradia de nossos magistrados, há ainda fatos muito comentados na semana, como os dos juízes federais Sérgio Moro e Marcelo Bretas, ambos ícones da Lava Jato, que têm residência e ainda assim recebem o tal auxílio. Mas tem ainda os jatinhos da FAB, que conduzem nossos ilustres legisladores e magistrados pelos céus do Brasil, não é? O signatário deixa aqui uma pergunta que não quer calar: você acha, caro leitor, que os congressistas e magistrados da Suprema Corte americana usam os jatinhos da U.S. Air Force? É sábado, leitor! Tenha você e sua família um excelente final de semana, ok? Sorte e saúde sempre a todos! IFPR Campus Foz do Iguaçu oferta 72 vagas por meio de sorteio público São disponibilizadas 24 vagas para o curso Técnico em Aquicultura, 31 vagas para o curso superior de Engenharia de Aquicultura e 17 vagas para o curso superior de Licenciatura em Física Da assessoria Reportagem O Instituto Federal do Paraná — Campus Foz do Iguaçu está ofertando, por meio de sorteio público, 72 vagas para diferentes cursos dos níveis técnico e superior. O sorteio será no dia 19 de fevereiro, às 19 horas, no saguão do bloco administrativo do campus. As inscrições para participação no sorteio serão efetuadas no ato. Qualquer pessoa, mesmo que não tenha participado do Processo Seletivo IFPR 2018, poderá concorrer a uma vaga, desde que sejam atendidas as exigências previstas no edital. Os interessados menores de 18 anos deverão estar acompanhados de seus pais ou de seus responsáveis. Nesse primeiro momento, são disponibilizadas 24 vagas para o curso Técnico em Aquicultura, com horário integral; 31 vagas para o curso superior de Engenharia de Aquicultura, também integral; e 17 vagas para o curso superior de Licenciatura em Física, ofertado no turno da noite. Para participar da sessão, os candidatos deverão apresentar originais e cópias dos seguintes documentos: cédula de identidade (RG) ou passaporte ou Carteira Nacional de Habilitação (com fotografia); Registro Nacional de Estrangeiro — RNE (para estrangeiros); CPF ou documento oficial que contenha o número do CPF; certidão de nascimento ou de casamento; via impressa da certidão de quitação eleitoral (para maiores de 16 anos que já possuam título eleitoral); comprovante de quitação com o serviço militar (para homens com idade entre 18 e 45 anos); comprovante de residência (preferencialmente fatura de energia elétrica ou, na falta desta, água ou telefone); uma foto 3x4 colorida recente; histórico escolar do Ensino Fundamental ou equivalente certificado de PTI trabalha com instituição portuguesa na construção de protótipo de estação de carregamento para veículos elétricos A montagem dos equipamentos de um protótipo de eletroposto, que é uma estação de carregamento para veículos elétricos, foi iniciada nesta semana, no Parque Tecnológico Itaipu (PTI). O sistema está sendo desenvolvido em uma parceria entre o parque e o Centro de Excelência para a Inovação da Indústria Automóvel (CEIIA) — por meio de sua subsidiária brasileira, Mind Brasil —, e a intenção é torná-lo adaptável para o uso em outros locais, além da Usina Hidrelétrica de Itaipu. Os representantes do CEIIA, de Portugal, fizeram visita técnica ao PTI entre 5 e 9 de fevereiro. A equipe, composta por técnicos do Centro de Mobilidade Sustentável (Mob-i) e do O campus do IFPR em Foz do Iguaçu está localizado na Avenida Araucária, 780 Laboratório de Automação e Simulação de Sistemas Elétricos (Lasse) — iniciativas do parque — e CEIIA, trabalhou ao longo da semana na montagem do protótipo, interligando sua estrutura aos sistemas eletrônicos e elétricos, além da aplicação de testes de segurança. O projeto possui duas vertentes principais, conforme pontuou o gestor por conclusão do Ensino Fundamental para candidatos aos cursos de nível médio; declaração de conclusão de curso ou histórico escolar do Ensino Médio ou equivalente para candidatos aos cursos de nível superior. Para saber mais, acesse o site http://foz.ifpr.edu.br. parte do CEIIA, Tiago Luis da Silva Marcelino. "A primeira remete à parte de desenvolvimento de sistemas e veículos elétricos, realizados pelo PTI, e a outra refere-se à construção do eletroposto em si, sua estrutura e a implementação do sistema elétrico para que seja capaz de abastecer veículos de uma maneira eficiente e segura", comentou. (Da assessoria)

Foz do Iguaçu, 10 a 13 de fevereiro de 2018 ANO LETIVO Cidade 11 Unila se prepara para receber mais de 1.400 alunos do primeiro semestre Os novos discentes do Brasil e do exterior começam a chegar à instituição no dia 19 de fevereiro Da redação com assessoria Reportagem A comunidade acadêmica da Unila está mobilizando-se para receber os novos estudantes. Para o primeiro semestre de 2018, a universidade ofertou 1.415 vagas, para alunos brasileiros e estrangeiros. Os novos discentes começam a chegar à instituição no dia 19 de fevereiro, quando se iniciam as matrículas dos aprovados no Sistema de Os novos discentes começam a chegar no dia 19 de fevereiro, quando iniciam as matrículas dos aprovados no Sisu Seleção Unificada (Sisu), que segue até 21 de fevereiro. Já os ingressantes estrangeiros matriculamse de 27 de fevereiro a 2 de março. As atividades acadêmicas têm início no dia 5 de março — apenas para os veteranos do curso de Medicina as aulas começam no dia 19 de fevereiro. Parte dos novos discentes, sobretudo os que não residem em Foz do Iguaçu, tem buscado informações com os acadêmicos veteranos antes de desembarcar na cidade. Nesse contexto, estudantes da Unila têm se mobilizado para apoiar os calouros com informações sobre os cursos, sobre a cidade, hospedagem solidária, repúblicas e matrícula. A comunidade acadêmica também mobiliza-se com a preparação da semana dos calouros, oficinas e promoção de projetos de acolhimento aos ingressantes. Um desses projetos de acolhimento, escolhido por meio de um edital, está sendo coordenado pela estudante de Arquitetura e Urbanismo Nicole Garay. A partir da experiência de trabalho em imobiliárias, no Chile, a discente decidiu repassar esses conhecimentos aos ingressantes que buscam alugar imóvel pela primeira vez. "Minha ideia é organizar ofertas de aluguel de propriedades, nas quais estejam claras as condições de pagamento. Para isso criamos um site onde pode ser encontrada oferta de aluguéis, além de assessoria para assinatura e tradução de contratos", explicou. O site pode ser acessado pelo link http:// tinyurl.com/yc5kwxzx. Nessa mesma página, a acadêmica está organizando uma lista de estudantes veteranos que estão disponibilizando hospedagem solidária — cada caso, com ofertas específicas em relação ao período e condições dos anfitriões. As vagas dessas hospedagens também estão sen- do publicadas nas mídias sociais. "Além disso, minha ideia é trabalhar com estudantes de Arquitetura para oferecer assessoria técnica de melhorias dentro das repúblicas dos estudantes. Também pretendo, por meio da extensão, trabalhar com conhecimentos dos estudantes de Arquitetura e Drusa [curso de Desenvolvimento Rural e Segurança Alimentar], para realizar hortas nas casas e ajudar na economia do estudante", apontou Nicole. Organizar e trocar informações que esclareçam dúvidas dos ingressantes são outras ações promovidas pelos discentes, para que os calouros tenham condições de permanecer na universidade. O projeto, intitulado Abraço Capivara, é coordenado pelo estudante de Engenharia Civil de Infraestrutura Fernando Calegari, que já desenvolve voluntariamente, desde 2012, um trabalho de apoio aos calouros. Calegari criou a página Mobilização Estudantil: http://tinyurl.com/y7bxn5jm. Bem-Vindos A estudante de Medicina da Unila Caroline Sousa desenvolve o projeto Bem-Vindos. A proposta busca, entre outras ações, esclarecer aos novos estudantes sobre os procedimentos em relação ao Sistema Único de Saúde (SUS), que pode ser acionado em caso de emergência. "Um dos objetivos específicos é proporcionar oficinas para conhecer o SUS, falar sobre o RCP [reanimação cardiorrespiratória] e sobre a importância de um socorro adequado no caso de acidentes", propôs a acadêmica. Acolhimento e tutoria O evento oficial de recepção dos novos estudantes será a Semana de Acolhimento Estudantil, agendada para os dias 5 e 9 de março. Na ocasião, além da recepção por parte dos institutos, haverá uma mesaredonda com o objetivo de prestar esclarecimentos sobre os serviços que a Unila oferta para o bem-estar do estudante, bem como a apresentação do Ciclo Comum — composto pelos eixos "Línguas, Epistemologia e Metodologia" e "Fundamentos da América Latina". Na semana também ocorrerá apresentação dos serviços públicos do município de Foz do Iguaçu, uma aula inaugural no dia 8 e atividades organizadas pelos estudantes. Confira a programação em https:// www.unila.edu.br/eventos/acolhimento.