e-book-gratuito-tendencias-marketing-digital-2019

socialinfluencers.pt

1 INTRODUÇÃO

2 SOBRE MIM

3 ESTRATÉGIA DIGITAL

6 MARCA PESSOAL

8 SOCIAL SELLING

10 E-COMMERCE - O QUE ESPERAR?

14 DROPSHIPPING

17 MARKETPLACES

20 WEB ANALYTICS

24 SEGURANÇA ONLINE

28 S.E.O - SEARCH ENGINE OTIMIZATION

30 CHATBOTS: O FUTURO, AGORA

34 SOCIAL MEDIA ADVERTISING

38 GOOGLE ADS

42 VÍDEO MARKETING

48 CONCLUSÃO


T E N D Ê N C I A S M A R K E T I N G D I G I T A L - 2 0 1 9

INTRODUÇÃO

O Marketing Digital como um todo, é uma área em constante evolução.

Todos os meses, assistimos a alterações nas mais diversas plataformas e

canais, e como tal, qualquer prossional de Marketing Digital, mais tarde ou

mais cedo, vai-se deparar com uma sensação terrível de desconforto...

Este sentimento, nasce da tomada de consciência de que não sabemos

tudo, que por muito que dominemos a nossa área de especialização, existe

sempre algo que ficou por saber, actualizar ou reciclar.

Há que aceitar estes factos e encarar como algo positivo nas nossas vidas,

porque se você gostar de aprender, o céu é o limite!

Como estamos a chegar ao nal de mais um ano, este é o momento certo

para fazer um balanço e começar a preparar o novo ano que se aproxima.

Assim sendo, decidi produzir um E-Book Gratuito juntamente com outros

amigos e colegas de prossão, de forma a partilhar a nossa visão sobre as

principais Tendências de Marketing Digital para 2019.

Os textos que se seguem, contaram com total liberdade criativa , sendo o

seu conteúdo, responsabilidade do autor que o assina.

Poderá encontrar mais informação na author box, no nal de cada artigo,

bem como os seus contactos.

Espero que desfrute desta leitura e aproveite para conhecer a opinião de

alguns dos melhores prossionais de Marketing Digital em Portugal, das mais

diversas áreas, desde marca pessoal até S.E.O - Search Engine Otimization.

Boa Leitura!

Um Abraço,

Helder Pinto

https://helderricardopinto.com Pág. 1


TENDÊNCIAS MARKETING DIGITAL - 2019

SOBRE MIM

O meu nome é Helder Pinto e Digital

Marketing Strategist, CRO e

Consultor de Marketing Digital.

Ao longo do meu percurso

profissional trabalhei com empresas

de diferentes areas e dimensões,

desde €500K até empresas com

volume de negócios superiores a

€25M.

Considero-me um T-Shape Marketeer

com forte componente em Estratégia

de Marketing e tenho um enorme

prazer em partilhar conteúdo com as

pessoas que me seguem,desde

tutoriais e experiência relacionada

com Marketing Digital e Negócios

Online.

Academicamente, sou licenciado em

Gestão de Empresas e tenho um

Mestrado em Marketing Digital.

Atualmente, encontro-me no Grupo

Clever Advertising onde desenvolvo

estratégias de Marketing Digital e

C.R.O - Conversion Rate Otimization,

em projectos nacionais e

internacionais.

Sou casado (e bom rapaz), Pai

orgulhoso de 4 filhos que enchem o

meu coração :-)

https://helderricardopinto.com Pág. 2


TENDÊNCIAS MARKETING DIGITAL - 2019

ESTRATÉGIA DIGITAL

O Marketing Digital é algo relativamente recente no mundo dos negócios. Ao

olharmos para um passado recente, percebemos que empresa como a Google,

têm apenas 20 anos de existência ou até o Facebook que em fevereiro deste

ano, celebrou 14 anos.

Não há dúvidas, que a forma como comunicamos mudou vertiginosamente nas

últimas duas décadas, muito devido ao avanço tecnológico incessante que

assistimos, ano após ano.

Em Portugal, uma parte signicativa das empresas, encontra-se a dar os

primeiros passos no Digital e como tal, decidem quase sempre começar pelos

canais que comportam menos risco, como é o caso das redes sociais.

Segundo o INE, em 2016, em Portugal apenas 64% das empresas armaram ter

website e cerca de 45% das empresas com 10 ou mais pessoas ao serviço,

conrma utilizar as redes sociais como estratégia de ligação a clientes,

fornecedores ou parceiros de negócio.

Estas e outras ações, normalmente isoladas, representam os primeiros passos

no Marketing Digital para a maioria das pessoas que querem alavancar os

negócios na internet.

https://helderricardopinto.com Pág. 3


TENDÊNCIAS MARKETING DIGITAL - 2019

Contudo, na maioria dos casos,

passado algum tempo, o sentimento

de frustração começa a surgir,

motivado pela ausência de resultados.

Esta situação, apesar de não ser

agradável, é importante para o

desenvolvimento da empresa, pois

com a frustração vem a perceção do

erro e da insuficiência.

Este despertar de necessidades é

muitas vezes o "click" para a mudança

e procura de novas soluções.

Muitas empresas já zeram as

primeiras tentativas e já perceberam

que o desenvolvimento de uma

presença digital prossional é algo

incontornável para os seus negócios, e

que tal, só irá acontecer se denirem

um rumo, ou seja, um plano

estratégico de comunicação.

Apesar de parecer um pouco formal,

um plano não tem que ser uma coisa

complicada, dito isto, passo para

algumas recomendações básicas e

transversais…

Em 2019, foque as suas energias e

recursos na geração de tráfego

qualificado para o seu website e/ou

Landing Pages. Pode usar estratégias

de curto prazo, como campanhas

patrocinadas ( Facebook e Google

Ads) e estratégias de médio/longo

prazo como S.E.O, que tem objetivo

atrair pessoas qualicadas de forma

orgânica, através de técnicas de

otimização para motores de busca.

Por essa razão, entendo que uma das

tendências de Marketing Digital para

2019, prende-se com a denição de

u m plano estratégico de Marketing

Digital.

Atrair tráfego é apenas uma parte do

processo… De nada vale atrair

potenciais clientes para o seu website

se depois não consegue estabelecer

um diálogo com essas pessoas.

https://helderricardopinto.com Pág. 4


TENDÊNCIAS MARKETING DIGITAL - 2019

Por essa razão, é importante apostar no desenvolvimento de conteúdos, que

seduzam os seus visitantes ao ponto de deixarem os seus contactos para

obterem um determinado conteúdo.

Se está a ler este e-book, é porque em algum momento visitou a landing page

de lançamento e se sentiu compelido a deixar os seus dados em troca deste

valioso conteúdo.

Estas são as duas fases fundamentais, primeiro atrair tráfego qualicado e

depois converter esse tráfego em Leads ou vendas.

Depois do visitante subscrever a sua base de dados, tem a oportunidade de

iniciar um diálogo, que com tempo e os passos certos, o levará a novos

negócios e vendas.

Espero que tenha um excelente 2019, cheio de energia positiva e muitos

desafios superados!

Até breve.

Digital Marketing Strategist, CRO e Consultor de

Marketing Digital

Como prossional de Marketing Digital o meu objectivo

passa por ajudar as empresas a atingirem os seus

objectivos, impactando os seus negócios de forma

positiva.

Helder Pinto

Adicionalmente, procuro contribuir para o

desenvolvimento de prossionais de marketing

desenvolvendo e partilhando conteúdos sobre

Marketing Digital.

Website | Facebook | Linkedin | Youtube

https://helderricardopinto.com Pág. 5


TENDÊNCIAS MARKETING DIGITAL - 2019

MARCA PESSOAL

Para mim, uma das tendências do marketing digital para 2019, em Portugal, será

a Marca Pessoal, um enorme activo para dar maior visibilidade e credibilidade a

um projeto pessoal.

Os principais benefícios de uma estratégia de Marca Pessoal eficaz são:

Distinguir-se do resto da sua concorrência;

Posicionar-se como um especialista no seu setor;

Humanizar a nossa marca junto dos nossos seguidores;

Obter novas oportunidades de emprego;

Gerar credibilidade, refletindo-se num crescimento de comunidade e

atração de novos clientes

Posicionar-se como uma referência na sua área de atuação;

Melhorar o Networking com outros profissionais;

Aumentar a visibilidade do seu projeto na Internet;

Criar uma comunidade sólida de seguidores,aumentando o conhecimento

sobre a sua audiência

Estes são apenas alguns benefícios, pois muitos outros podem surgir, através de

uma Marca Pessoal de sucesso.

Por essa razão, acredito que será uma das tendências a serem levadas em

conta em 2019. Já se fala muito sobre marca pessoal e Personal Branding,

https://helderricardopinto.com Pág. 6


TENDÊNCIAS MARKETING DIGITAL - 2019

Quantos prossionais ou marcas estão realmente trabalhando bem e

conseguindo resultados com a sua marca pessoal ou branding?

Uma marca pessoal não é apenas o aspecto visual. Vai muito além disso.

Você tem que saber como criar uma estratégia pessoal com metas a alcançar e

saber quais estratégias a implementar para atingir esses objetivos.

No nosso país vizinho (Espanha), é uma das tendências de marketing mais

implementadas nos últimos anos e com excelentes resultados, a nível pessoal e

profissional.

Em Portugal é hora de começar a aproveitar mais o Personal Branding, e 2019

será um bom ano para começar a destacar com a nossa marca pessoal!

Claudio Inacio é Blogger, Professor e Consultor de

Estrategia Pessoal, Blogging e Redes Sociais.

O meu objetivo é ajudarte a dar valor à tu marca

personal através de estrategias de Personal Branding

baseadas em blog, redes sociais e networking.

https://claudioinacio.com

Claudio Inácio

Facebook | Twitter | Youtube | Linkedin | Instagram

https://helderricardopinto.com Pág. 7


TENDÊNCIAS MARKETING DIGITAL - 2019

SOCIAL SELLING

O B2B e B2C serão, cada vez mais, H2H (Human 2 Human).

Em 2019 vai-se acentuar a valorização das relações humanas, mesmo sendo

uma era completamente tecnológica e digital. Há uma preocupação crescente

na valorização das pessoas e na opinião do consumidor.

Se há muitos anos atrás eram as marcas que ditavam as tendências de

consumo, hoje passou a ser o contrário, o consumidor tem uma voz ativa e as

marcas escutam atentamente para ir ao encontro das suas expetativas.

Fruto desta voz ativa dos consumidores, eles hoje também estão muito mais

informados e isso provoca um ciclo de venda mais curto, ou seja, existem cada

vez menos intermediários no processo de compra, até mesmo no B2B.

São já muitos os casos que é o consumidor nal a comprar diretamente na

fábrica, tendência essa que se vai manter em 2019.

https://helderricardopinto.com Pág. 8


TENDÊNCIAS MARKETING DIGITAL - 2019

As marcas e os seus prossionais já

perceberam que o a forma de

comprar mudou, portanto, o processo

de venda também necessita de mudar

e aqui surge o Linkedin como

ferramenta essencial para os

prossionais B2B, a estratégia de

Social Selling começa a ganhar

terreno no mercado português e o

número de utilizadores ativos nesta

rede não pára de aumentar.

Sou abordado constantemente por

prossionais que se pretendem

posicionar no Linkedin, ou seja, 2019

vai ser fantástico para os prossionais

mostrarem todas as suas valências no

Linkedin e se tornarem mais

competitivos.

Destaco de forma mais sucinta as

tendências que julgo tornarem-se

cada vez mais relevantes para 2019:

H2H;

Employer Branding;

Social Selling, Linkedin a grande

arma das equipas de marketing e

vendas;

Pesquisa por voz;

Marketing Automation;

Conteúdo de valor (SEO e

Inbound Marketing)

Head of Marketing & Communications Grupel S.A.

Licenciado em Marketing e Especialista em Marketing

Digital, tem sido responsável por dinamizar a indústria B2B

no que respeita a comunicação digital e implementar

estratégias de Social Selling. É também docente e

formador na área do marketing digital em diversas

entidades, em cadeiras como Social Media, Social Selling e

Inbound Marketing.

https://joaopintado.pt

Linkedin | Telefone

João Pintado

https://helderricardopinto.com Pág. 9


TENDÊNCIAS MARKETING DIGITAL - 2019

E-COMMERCE - O QUE ESPERAR?

Comprar produtos ou serviços online é cada vez mais comum entre os

portugueses. Em Portugal, os próximos anos vão ser muito promissores nesta

área. A expetativa do crescimento anual do volume de negócio e-commerce

em Portugal manter-se-á nos dois dígitos, pelo menos até 2020! Isto será com

certeza um bom indicador para todos os empresários portugueses que estejam

a pensar entrar no mercado digital. Embora isto implique necessariamente ter

uma presença online e, sobretudo, ter uma estratégia integrada de

comunicação digita

Contudo, apesar dos indicadores serem favoráveis, somos essencialmente

importadores de comércio eletrónico, na medida em ocupamos o segundo país

da Europa com mais compras cross-border (compra online em websites

estrangeiros), sendo apenas 13% das compras feitas exclusivamente no

mercado doméstico. Esta caraterística deve-se sobretudo à falta de oferta de

retalho e-commerce no mercado interno, contrariamente ao que acontece, por

exemplo, em Espanha, onde a maioria dos ebuyers (52%) compra apenas no seu

mercado interno, face à existência de grandes players de retalho online.

Aliás, metade das empresas nacionais nem sequer tem presença digital, o

que signica que, na verdade, continuamos fechados na nossa economia e a

deixar as portas abertas para países como Espanha, China ou UK. Então como é

possível alterar este padrão?

https://helderricardopinto.com Pág. 10


TENDÊNCIAS MARKETING DIGITAL - 2019

As mudanças terão de passar

necessariamente pela aposta na

formação de prossionais, algo que já

aconteceu na nossa vizinha Espanha.

Porém, isto terá de ser acompanhado

por uma alteração de mentalidades. É

que na verdade não será suciente

entrar no mercado digital e acreditar

que basta ter uma simples loja online

para vender.

Torna-se fundamental compreender

que a tecnologia é apenas uma das

muitas peças que fazem e devem

fazer parte de uma boa estratégia de

e-commerce. Não se pense que ter a

melhor plataforma garantirá à partida

vendas.

Não! Quando enfrentamos uma

Amazon ou um ebay, dicilmente se

conseguirá ganhar uma guerra apenas

pelas armas da tecnologia ou até

mesmo do preço.

Hoje, mais do que nunca, é

importante acrescentar valor à

marca, vender qualidade de serviço

e trabalhar a experiência do cliente,

percebendo que, nos últimos anos, a

sua jornada mudou!

Fomos habituados a dominar o funil

do marketing - uma jornada linear dos

consumidores - desde o

conhecimento da marca até à

consideração e à aquisição.

Contudo, este modelo de alguma

forma esgotou-se ou pelo menos

deixou de estar de acordo com aquilo

que é a jornada do consumidor atual e

que, segundo a Google, é variável de

consumidor para consumidor. Na

maior parte dos casos, estas jornadas

em pouco ou nada se assemelham a

um funil.

A Google descreve-as antes como

pirâmides, diamantes ou ampulhetas

únicas, em que cada consumidor

procura respostas imediatas e à

medida das suas necessidades. As

intenções de compra são assim

responsáveis pelo constante

redesenhar do tradicional funil de

marketing. O que signica que os

departamentos de marketing têm pela

frente grandes desaos, uma vez não

podem planear uma jornada linear. A

compra de um simples shampoo pode

dar início a uma longa jornada de

compra que se perpétua durante

semanas, período durante o qual o

consumidor procura informações

relevantes, reviews sobre o produto e

sobre a loja, vídeos, até que a

conversão seja uma realidade.

https://helderricardopinto.com Pág. 11


TENDÊNCIAS MARKETING DIGITAL - 2019

Quando o consumidor inicia esta sua aventura de compra pelo e-commerce

está sozinho e indeciso. Por isso, as marcas que conseguirem, com a estratégia

adequada, posicionar-se ao lado deste consumidor, acompanhando-o e

respondendo às suas necessidades, serão de certo as vencedoras destes novos

caminhos digitais.

Hoje, e cada vez mais, montar um projeto de e-commerce obriga à

contratação de recursos humanos especializados no contexto digital, que

saibam denir estratégias ecazes e adequadas às novas jornadas dos

consumidores. Prossionais difíceis de encontrar e que custam muito

dinheiro.

Além disso, é importante pensar na escalabilidade do negócio e não pensar

apenas nos resultados a curto prazo. Muitas vezes os projetos cam

comprometidos desde o início porque, na sua base, foram trabalhados sem

estratégia de comunicação, mas apenas orientados em função do preço baixo.

Não libertar margens para investir numa comunicação ecaz e estruturada é

seguir por um caminho que dicilmente levará a empresa a cruzar-se com o

consumidor que converterá a pesquisa em compra e que se manterá el a uma

marca.

https://helderricardopinto.com Pág. 12


TENDÊNCIAS MARKETING DIGITAL - 2019

Quando o consumidor inicia esta sua aventura de compra pelo e-commerce

está sozinho e indeciso. Por isso, as marcas que conseguirem, com a estratégia

adequada, posicionar-se ao lado deste consumidor, acompanhando-o e

respondendo às suas necessidades, serão de certo as vencedoras destes novos

caminhos digitais.

Nas compras online, o desao continuará por diminuir os prazos de entrega –

de preferência entregas em menos de 24h - o que obriga a verdadeiros

desafios de logística.

Digital Marketing Strategist

Licenciado em Novas Tecnologias da Comunicação, pela

Universidade de Aveiro; pós-graduado em Marketing

Digital, pelo IPAM; mestrando em Marketing na

Universidade de Aveiro, Pedro Costa é consultor, formador

e professor no ensino superior na área do Marketing Digital.

É ainda empresário e Digital Marketing Strategist em

projetos de ecommerce.

Pedro Costa

Linkedin

https://helderricardopinto.com Pág. 13


TENDÊNCIAS MARKETING DIGITAL - 2019

DROPSHIPPING

Dissecando a palavra DROPSHIPPING, obtemos estas duas palavras, “Drop” e

“Shipping”.

“Drop” é uma palavra de língua inglesa que significa “largar”.

“Shipping” significa “envio” e também é uma palavra inglesa.

A junção destas duas palavras dá algo como “LARGAR ENVÍO” e aqui surge a

magia do Dropshipping, que é nada mais nada menos que deixar o envio por

conta do fornecedor.

As principais vantagens deste método são óbvias, poupamos tempo no

embalamento, registo dos dados do cliente na plataforma da transportadora

etc. mas a grande mais valia deste método é que permite que o caro leitor

possa ter uma maior variedade de produtos na sua loja, sem estar preocupado

com os stocks. Consoante vende, encomenda o produto ao fornecedor e este

envia ao cliente. A grande vantagem deste método é que lhe permite ganhar

TEMPO, o bem mais precioso que ainda não pode ser comprado.

Em 2019 vai existir mais um aumento

signicativo de lojas a utilizar este

método de envio e gestão de

encomendas, porque permite ao

detentor da loja poupar largos

milhares de euros em stocks, cando

com um orçamento superior para

efeitos de marketing digital.

Desengane-se quem achar que para

fazer dinheiro com Dropshipping é só

criar uma loja online e colocar lá os

produtos, tal como um outro negócio,

seja ele online ou oine, é necessário

captar as visitas dos possíveis clientes,

sendo a otimização da loja uma

prioridade absoluta.

Relativamente às margens médias, existem vários fornecedores, com margens

líquidas desde os 10% aos 110%, dependendo do segmento de mercado,

fornecedor etc.

https://helderricardopinto.com Pág. 14


TENDÊNCIAS MARKETING DIGITAL - 2019

Quem quer encontrar um bom fornecedor, deve optar por estabelecer contacto

direito com os diversos fabricantes, retalhistas etc. e evitar usar os tradicionais

marketplaces, como p.ex. a Big Buy, caso contrário o leitor vai encontrar uma

quantidade elevada de sites com os mesmos produtos, preços, descrições etc.,

o que em momento algum implica que não possa ter sucesso.

Ao optar por um Marketplace conhecido, como a Big Buy, recomendo que se

especialize em determinada categoria de produtos.

Este método implica investir algum tempo, perder margem em portes

adicionais, investir em consumíveis etc. mas assegura que o seu fornecedor

não tem acesso aos dados dos clientes, o que perante o Regulamento Geral

para a Proteção de Dados se não existir a devida identicação e consentimento

para a transmissão dos dados a este pode ser um grande problema. Outra das

vantagens é que permite fazer cross-selling com embrulhos, dado que nem

todos os fornecedores disponibilizam esta opção, além que pode incluir yers

com cupões de desconto.

https://helderricardopinto.com Pág. 15


TENDÊNCIAS MARKETING DIGITAL - 2019

Para quem quer investir no seu negócio,

o Dropshipping é provavelmente das

melhores opções. Quando achar que a

margem é baixa, lembre-se que a

necessidade de stock não existe.

Garantidamente se decidir vender p.ex.

leite online, se chegar a um fornecedor

e comprar uma palete de com 1000

pacotes de leite, a margem será

bastante superior em relação ao cliente

que adquire apenas 1 unidade.

Começar é o primeiro passo, otimizar o

negócio é o passo seguinte.

Até breve!

Embaixador português da Prestashop a mais

conceituada plataforma de e-Commerce a nível

mundial. Especialista em vendas e negócios

assumindo a função de Group Sales Coordinator na

cadeia Fitness Hut. Consultor de Marketing Digital

de várias multinacionais.

João Coelho

Linkedin | Facebook

https://helderricardopinto.com Pág. 16


TENDÊNCIAS MARKETING DIGITAL - 2019

MARKETPLACES

Nos últimos anos temos assistido a um crescimento exponencial tanto do

número de utilizadores como das vendas online. Este facto aliado à

possibilidade de o utilizador ter milhares de artigos de diferentes marcas no

mesmo site, comparar preços e ter uma experiência de compra personalizada,

tem vindo a tornar os marketplaces em plataformas de venda com um papel

cada vez mais relevante, tornando-se muito atrativo tanto para potenciais

compradores como para vendedores.

As vantagens de vender em

marketplaces são inúmeras. Num

estudo realizado este ano (2018), pela

Statista nos Estados Unidos da

América, 75% dos prossionais de

marketing inquiridos acreditam que

estar presente onde os potenciais

clientes preferem comprar é a

principal mais-valia dos marketplaces.

Seguindo-se o aumento do alcance

da marca e a possibilidade de estar

posicionado na mesma plataforma

que a concorrência.

50% DAS VENDAS

GERADAS EM RETALHO

SÃO GERADAS EM

MARKETPLACES

+1,2 MILHÕES DE

VENDEDORES ADERIRAM

À AMAZON

Segundo relatório da yStats em 2017 as vendas geradas pelos marketplaces de

e-commerce representaram 50% do total das vendas online do sector do

retalho, e já no decorrer deste ano, cerca de 1,2 milhões de vendedores

começaram a comercializar os seus produtos na Amazon. Em 2019, é

expectável que os marketplaces continuem a crescer de forma expressiva ,

assumindo cada vez mais importância na estratégia comercial de pequenas e

médias empresas com orçamentos reduzidos.

https://helderricardopinto.com Pág. 17


TENDÊNCIAS MARKETING DIGITAL - 2019

A conança na plataforma e a

conveniência continuarão a ser as

principais razões que levam os

consumidores a um determinado

marketplace, existindo uma série de

boas práticas ao nível da experiência

de compra do utilizador que poderão

fazer a diferença no momento de

escolha. Neste contexto, a

inteligência articial e o machine

learning irão ser determinantes para

oferecer a informação desejada e no

tempo correto a um potencial

comprador.

Amazon

Ebay

Allegro

Cdiscount

Otto

Rakuten PriceMinister

Bol.com

Spartoo

Zalando

De entre os Marketplaces de E-

Commerce com maior relevância na

Europa, salientam--se os seguintes:

https://helderricardopinto.com Pág. 18


TENDÊNCIAS MARKETING DIGITAL - 2019

Em suma, nenhum indicador aponta para uma diminuição da utilização dos

marketplaces de e-commerce, bem pelo contrário, é expectável que durante

os próximos anos, a conança e a utilização deste tipo de plataformas seja

massificada, aumentando cada vez mais a quota de mercado deste modelo de

negócio no total das vendas online.

PPC Manager | Performance Marketing

Com experiência acumulada nos últimos anos na área de

e-commerce, desempenha presentemente funções como

profissional de Performance Marketing na Prozis, focando o

seu trabalho nas ferramentas Google Ads, Facebook e no

Marketplace Amazon.

Nuno Leite

Linkedin ​| E-mail

https://helderricardopinto.com Pág. 19


TENDÊNCIAS MARKETING DIGITAL - 2019

WEB ANALYTICS

Vamos começar por definir o que é o Data-driven Marketing, ou seja, a

utilização dos dados para tirar conclusões que melhoram os resultados dos

investimentos em marketing.

O “Data driven Marketing” veio para ficar, quem ainda não o faz, perde

competitividade, pois ter a informação bem recolhida e disponibilizada em

todas as áreas da empresa é fundamental, como por exemplo área de vendas,

marketing, suporte ao cliente e inovação. Por outro lado, se as empresas

mantem as “quintinhas”, vão passar ao lado das organizações que partilham

conhecimento na área dos dados e insights. A formação é essencial que seja

“top-down” para permitir o conhecimento em toda a organização.

O “Martech” veio revolucionar o modo

como o marketeer tem vindo a gerir a

multiplicidade de canais de

comunicações com diferentes

contextos. Cada vez mais o marketeer

tem sido “empurrado” a socorrer-se da

tecnologia. Pois tem havido uma

explosão em número e

funcionalidades.

Figura 1 - Caminho do Marketeer

Por outro lado, a interligação destas plataformas de “Martech” usadas, diz-me o

que utilizas e para que utilizas e direi qual o desempenho das tuas campanhas

de marketing. (SEM, Social Ads e Analytics)

https://helderricardopinto.com Pág. 20


TENDÊNCIAS MARKETING DIGITAL - 2019

O “martech” são as tecnologias usadas no ecossistema digital e de interação

com o cliente. exemplos como:

(1) - Google Ads,

Facebook Ads, outros

(2) – Evolução do CRM

(3) – Google Analytics,

entre outras ferramentas

(4) – Segurança dos

dados pessoais, assim

como a gestão do

consentimento dos

utilizadores assim como

a transparência na

utilização dos dados.

https://helderricardopinto.com Pág. 21


TENDÊNCIAS MARKETING DIGITAL - 2019

INTELIGÊNCIA ARTIFICIAL

Esta é uma buzz word, mas que é

muito mais do que isso, permite a

utilização de dados de uma forma

mais ecaz e direcionada, deixo-vos o

exemplo do Google Analytics, que

permite criar segmentos através da

qualidade da sessão e criar lista de

remarketing, com grande

probabilidade de ter uma conversão

altíssima.

(1) - Qualidade do Segmento | (2) - Criar Segmento

https://helderricardopinto.com Pág. 22


TENDÊNCIAS MARKETING DIGITAL - 2019

Por m deixo a minha experiência pessoal!! Aliás costumo usar o meu próprio

exemplo no que toca á medição da performance, eu que fazia umas corridas,

mas nunca controlava a minha corrida, fazia 30 minutos e quando comecei a

usar a medição, veriquei que corria 2,5 km em 30 minutos, foi então que

comecei a treinar e a controlar a distância e o tempo e veriquei que podia fazer

melhor. Passado 2 anos com o treino controlado, o meu registo melhorou

imenso fazendo em 28 minutos 5 km.

Fundador e Senior Partner da IT Tech BuZ, consultora

especializada em projetos e prestação de serviços de

otimização com base em Corporate Analytics & Metrics

relacionados com a indústria digital.

Possui uma extensa experiência na formação, consultoria e

implementação de projetos associados à componente de

otimização e análise do Marketing Digital.

Graduado pela University of British Columbia com o

diploma de "Achieving Award of Web Analytics “é ainda

certicado pela Google Analytics Academy em “Analytics

Individual Certified” em 2010/2012.

Jorge Cunha

Orador convidado em vários seminários, conferências e

workshops na abordagem do tema especíco da medição

do Marketing Digital e melhores práticas de análise e

performance.

Nos seus mais recentes projetos nesta área, tem vindo a

liderar e partilhar conhecimento com diversas empresas,

marcas e organizações, nomeadamente: ANACOM, Brisa,

Via Verde, Media Capital Digital, BMW, Montepio Crédito,

Prosegur, entre outras.

Linkedin ​| Facebook | Twitter | Website

https://helderricardopinto.com Pág. 23


TENDÊNCIAS MARKETING DIGITAL - 2019

SEGURANÇA ONLINE

Estamos verdadeiramente seguros? Em 2019 vamos pelo menos estar um

pouco mais.

Não é “só por acaso” que a segurança tem sido cada vez mais uma

preocupação de todos nós. Não é por acaso que o Facebook está a atacar as

fake news. 2019 vai ser um ano de viragem.

Com o culminar de mais um ano, pretendo fazer uma retrospetiva do que

passou mas sobretudo do que espero que venha aí. E vou dividir isso por quatro

tópicos simples.

1 – Websites e transparência

O fenómeno fake news anda na “moda”. São muitas as páginas que

praticam esta “arte” e que as fazem de forma obvia. O Facebook tem criado

alguns sistemas de transparência que ajudam a identicar estas páginas:

indicação de quem gere a página, formas de denunciar fake news,

possibilidade de ver nomes antigos de páginas, etc.

Embora isto seja bom para a transparência, é mau para o “marketing

barato”. Ninguém quer saber se a tua página é gerida pelos tipos da Índia

ou de outro país, pois se forem fora de Portugal vai ser possível “ver” isso

nas páginas. E isso vai-te obrigar a contratares no nosso país quem faça

essa gestão.

Também não vais querer denúncias de fake news pelos teus leitores, por

isso, especialmente para quem tem sites de informação, vamos

provavelmente ver um aumento do rigor na informação, porque até

mesmo um erro numa notícia pode fazer com que toda a gente caia em

cima de ti.

E lembra-te: a Internet não perdoa.

https://helderricardopinto.com Pág. 24


TENDÊNCIAS MARKETING DIGITAL - 2019

2 – Redes sociais e privacidade

Continuamos a ver mecanismos de proteção de redes sociais a serem cada vez

mais usados para garantir uma conta segura: segundo fator de autenticação,

possibilidade de associar e-mails alternativos, e-mails encriptados, etc.

Se ainda não tens a conta da tua rede social preferida em segurança, ou nunca

lhe zeste um “checkup”, visita as denições da conta e procura as opções de

segurança mencionadas em cima.

Algo que vou passar a recomendar, por estar cada vez mais fácil de utilizar, é o

uso de um e-mail encriptado para login nas redes sociais. Neste caso, substituir

o teu Gmail ou Hotmail para te ligares ao Facebook com um e-mail do

ProtonMail ou Tutanota. Aproveita e regista-te: o e-mail é encriptado e… grátis!

https://helderricardopinto.com Pág. 25


TENDÊNCIAS MARKETING DIGITAL - 2019

4 – Sê vigilante e pró-ativo: supera-te a ti mesmo

Quando há umas semanas escrevi que o meu site era mais seguro que o site

de um banco, reparei que não foi difícil fazer isto. Isto porque o pessoal da

banca em termos de segurança é um bocado bronco (e digo isto pelos

resultados que obtive), mas também porque o que eu z não é nada de difícil e

qualquer um o pode fazer – até tu! O facto de teres um certicado SSL não

significa nada se não o configurares corretamente.

Usa ferramentas como o LastPass (que é grátis) para auditar as tuas passwords,

para as guardares num “cofre” e desta forma só te lembrares de uma única

password para tudo. Obviamente que essa password tem que ser difícil e usada

em conjugação com o já falado segundo fator de autenticação. Com o LastPass

podes ainda auditar as passwords e vericares se as mesmas foram

comprometidas.

https://helderricardopinto.com Pág. 26


TENDÊNCIAS MARKETING DIGITAL - 2019

Se tens um site corre um scan de segurança gratuito que te avisa se o teu site

está ou não inseguro.

E em cada e-mail que tens e usas, passa-o neste site para ver se alguns dos

teus dados pessoais ficaram expostos na net. E se ficaram, muda a password

desses serviços imediatamente.

Conclusões: Em 2019 o foco é segurança, tanto a tua como a das pessoas que

te visitam num website teu. O lema é encriptação. Devemos também estar

atentos à censura, nomeadamente à aprovação do Artigo 13 e dos males que

vai trazer aos criadores de conteúdos. E acima de tudo não te deixes enganar

por pessoas que enumeram coisas e passam do 2 para o 4 sem te aperceberes

(ou fazem algo de “mau” para ti).

Já agora, foste pró-ativo e reparaste nisto? :)

Diretor de informação do órgão de comunicação social

Tugaleaks.

Orador em conferências sobre segurança.

Geek.

Rui Cruz

Facebook | About Me | Website | E-mail

https://helderricardopinto.com Pág. 27


TENDÊNCIAS MARKETING DIGITAL - 2019

S.E.O - SEARCH ENGINE OTIMIZATION

Mais um ano que passa e mais uma vez lá vamos nós às tendências para o ano

seguinte que neste caso será o de 2019.

Como prossional de SEO, vou partilhar aqui a minha opinião/tendência para

2019.

Uma vez mais digo que o Search Engine Optimization em Portugal ainda tem

um longo caminho a percorrer, e qual o motivo?

Pela minha experiência e contacto com a realidade das PMEs Portuguesas

posso armar que ainda há muito a ideia na mente dos empresários e

decisores que o SEO é a prática de posicionar umas keywords nos primeiros

lugares do Google e já está!

Como todos sabemos (aqueles que trabalham em SEO), esta não é a realidade!

Então cabe-nos a nós prossionais educar o mercado e não andarmos aqui com

blá, blá, blás…

Poderia estar aqui perfeitamente a falar de que a Inteligência Articial é que é o

futuro, que as pesquisas de voz é que está a dar nos próximos anos, etc.

https://helderricardopinto.com Pág. 28


TENDÊNCIAS MARKETING DIGITAL - 2019

Prero falar da nossa realidade e do nosso mercado! Para quem pensa que o

SEO em 2019 em Portugal, as pesquisas de voz é que vai ser o grande Boom,

engana-se ou então está um pouco à frente da realidade Portuguesa.

Quando ainda temos uma grande percentagem de empresas que nem um

website está optimizado para mobile, lojas online cheias de erros e sem

estratégias, não olham para os dados do Analytics onde a principal aposta do

digital é o Facebook e o Instagram esquecendo outros canais, tais como o

email marketing, seo, etc e para juntar a tudo isto não há uma estratégia

pensada para o digital, acho que estar aqui a falar das pesquisas por voz, no

mínimo seria estar a enganar e não corresponder à realidade.

Portanto, neste sentido, na minha opinião a tendência do SEO para 2019 em

Portugal será uma possível melhoria no entendimento daquilo que é o SEO e

o seu ecossistema, principalmente perceber as grandes vantagens na aposta do

SEO como estratégia a médio/longo prazo.

Assim o espero.

É o fundador e SEO specialist da SEOlabs. É também

palestrante convidado para diversos eventos ligados ao

Marketing Digital em Portugal e Espanha. É tutor em várias

entidades e professor(de SEM & SEO) da Pós Graduação

em Marketing Digital da Aveiro Digital School.

Desde 2009 que o seu foco principal no digital é o Search

Engine Optimization e que atualmente gere vários

blogs/sites em Portugal, Espanha e Brasil onde

implementa e testa estratégias de SEO.

Miguel Brandão

Facebook | Twitter

https://helderricardopinto.com Pág. 29


TENDÊNCIAS MARKETING DIGITAL - 2019

CHATBOTS: O FUTURO, AGORA

Como sociedade, estamos aos poucos

e poucos, a afastar-nos dos emails,

SMS, e telefonemas. Cada vez mais as

pessoas usam apps como o Facebook

Messenger, WhatsApp, e outros para

se manterem em contacto com

amigos, família e marcas.

O uso de texto em mensagens é o

método favorito de comunicação¹ nas

pessoas entre 18-44, ou seja, a futura e

presente geração de consumidores.

Esta estatística é de 2017².

É a maneira mais fácil, rápida e

conveniente de comunicar com

alguém. É por isso que o Messenger

Marketing vai-se tornar no melhor, e

principal, canal de marketing nos

próximos 5 a 6 anos.

Antigamente quando as pessoas

comunicavam através de cartas,

nasceu o direct mail (correio direto).

Quando a adoção do telefone se

tornou comum, nasceu o

telemarketing. O uso do email levou

ao email marketing.

E hoje?

Hoje as pessoas comunicam em apps

de Messenger. Ao longo dos últimos

anos o uso destas apps tem disparado

espetacularmente. Em 2012 pouco

mais de 100 mil pessoas usavam

apps de mensagens, em 2018 temos

3 biliões de utilizadores neste tipo de

apps, ultrapassando os 2.5 biliões das

maiores 4 redes sociais combinadas¹

Na China, 987 milhões de pessoas

usam o WeChat³. Na India, são 200

milhões de pessoas⁴ que usam o

WhatsApp, e no Brasil, perto de 100

milhões⁵. Em Portugal, o Facebook

Messenger é a app mais usada⁶, e no

Brasil, a segunda app mais usada⁷.

https://helderricardopinto.com Pág. 30


TENDÊNCIAS MARKETING DIGITAL - 2019

Em 2018, vimos o nascimento do Messenger Commerce. Hoje as pessoas

compram produtos e serviços diretamente pelo Messenger, com tendência

para crescer cada vez mais.

Então, qual a inuência que os chatbots e o Messenger Marketing vão ter nas

nossas vidas?

Imagine que foi jantar a um restaurante. No dia seguinte recebe uma noticação

no seu telefone do Facebook Messenger. O restaurante enviou-lhe uma

mensagem automática, a perguntar, numa escala de 1-5, como foi o seu jantar.

Se responder com 1-3, o chatbot pergunta-lhe se havia algo de errado e como

podem melhorar. Se reparou que havia uma mosca na sua sopa, o apoio a

cliente (ou o chatbot) oferece-lhe um novo jantar.

Se responder com 4-5, o chatbot agradece e dá-lhe um link para fazer uma

avaliação (ex.: página Facebook, Google). O chatbot também sugere que, daqui

para a frente, pode simplesmente enviar uma mensagem com o dia e hora em

que quer lá ir.

https://helderricardopinto.com Pág. 31


TENDÊNCIAS MARKETING DIGITAL - 2019

Não será isto mais rápido, fácil e conveniente para toda a gente envolvida? É

este tipo de futuro que podemos esperar dos chatbots e do Messenger

Marketing.

Vai poder usar chatbots para enviar uma mensagem automaticamente com

base na última interação que a pessoa teve com a sua marca, quer tenha sido

um vídeo, uma compra, visualizado um produto ou página de serviço no seu

website, etc.

Quando alguém precisar de(a) contactar, não irão ao seu website. Em vez disso,

enviam-lhe uma mensagem pelo Facebook. O Messenger está a tornar-se o

principal ponto de interação com os clientes, o sítio em que eles podem

facilmente comunicar consigo quando têm uma questão, precisam de ajuda, ou

querem comprar.

Então quais as tendências para os chatbots e Messenger marketing em 2019 e

nos próximos anos?

Chatbots vão ficar cada vez mais úteis e inteligentes

Messenger tornar-se-á o principal canal de marketing para marcas

Messenger Marketing proporcionará experiências interativas

Messenger Marketing ultrapassará o email marketing

Quem usar mais cedo os chatbots terá vantagem antes de ficar saturado

https://helderricardopinto.com Pág. 32


TENDÊNCIAS MARKETING DIGITAL - 2019

Já está a usar o poder do Messenger Marketing no seu negócio?


Criei o Chatbot Ninja, cursos que são fáceis de fazer e são bem estruturados

para ajudar-lhe a criar um Bot do Messenger que converta mais subscritores em

clientes. Saiba mais aqui.

¹ https://www.statista.com/statistics/740374/mobile-communicationpreference-usa-age

² https://blog.bufferapp.com/messaging-apps

³ https://expandedramblings.com/index.php/wechat-statistics/

⁴ https://expandedramblings.com/index.php/whatsapp-statistics/

⁵ https://techcrunch.com/2015/12/16/brazils-congress-has-shut-downwhatsapp-tonight-and-the-rest-of-the-social-web-could-be-next/

⁶ https://www.messengerpeople.com/wpcontent/uploads/2018/08/statistik-messenger-apps-top-by-country-enstand-2018-08.png

⁷ https://old.messengerpeople.com/wpcontent/uploads/2018/05/statistic_brazil_-usage-of-selected-mobilemessaging-apps-whatsapp-2017.png

⁸ https://www.inc.com/ben-parr/12-stats-that-show-why-facebookmessenger-is-so-important-to-your-business.html

João Alexandre

João Alexandre ajuda marcas e

marketers que conhecem bem a sua

audiência, mas ainda não têm mão

firme em estratégias digitais.

Ver website ou enviar email.

https://helderricardopinto.com Pág. 33


TENDÊNCIAS MARKETING DIGITAL - 2019

SOCIAL MEDIA ADVERTISING

Se olharmos para o ecossistema –

Facebook, Instagram e WhatsApp,

avizinha-se um ano extremamente

dinâmico.

Uma coisa é certa; vamos continuar a

falar de conteúdos em 2019. O

formato vídeo vai dominar as redes

sociais, os conteúdos fortemente

visuais terão ainda mais relevância e

as stories vão passar a ser o novo

feed.

Por falar em tendências, existe no

meu entender uma que é intemporal:

Fazer o básico bem, e rero-me

particularmente a 3 “pequenos”

passos.

O primeiro passo, é criar uma página

para o seu negócio/marca. Não pode

criar anúncios se não tiver uma página.

Sendo o seu principal ponto de

contacto com a sua comunidade,

dedique tempo a criar uma página ou

perl empresarial no caso do

Instagram, devidamente otimizada e

com uma boa estratégia de

conteúdos. Estes, os conteúdos,

nunca passarão de moda.

O terceiro passo é a criação de uma

conta de anúncios, bem estruturada,

para que possa começar a anunciar e

gerar receitas.

A importância da Publicidade nas

Redes Sociais

Se pretende retirar o máximo partido

do Facebook, Instagram e WhatsApp,

precisa de apostar em publicidade. E

porquê? Simples. Existem cada vez

mais conteúdos produzidos pelas

marcas, o que torna a “corrida” pela

atenção do consumidor mais intensa

que nunca.

Se as pessoas veem menos conteúdo

orgânico isso significa menos cliques,

tráfego, leads, conversões e por

consequência…menos receitas.

O segundo passo, é a criação de uma

conta Business Manager, para uma

gestão mais prossional das suas

campanhas.

https://helderricardopinto.com Pág. 34


TENDÊNCIAS MARKETING DIGITAL - 2019

7 Tendências para 2019

1. Vídeo: Sim. Não é novidade, mas nunca é demais reforçar, até porque os

dados indicam que 80% do conteúdo em 2020, será neste formato. Além disso,

campanhas de Vídeo e remarketing, são uma combinação poderosa. Acredite;

2. Anúncios no IGTV: O Instagram está a sentir algumas diculdades em gerar

tração no IGTV, e como tal, uma das opções pode passar por permitir a criação

de campanhas para este formato de vídeo na vertical. O Youtube já o permite,

por isso acredito que em 2019 tenhamos essa opção também no Instagram;

3. Grupos de Facebook, Facebook Messenger e Direct Messenger no

Instagram como canais de venda: O consumidor prefere cada vez um

atendimento rápido, personalizado e customizado. O Messenger, já permite

campanhas híper segmentadas. Se juntarmos um atendimento ao cliente

integrado com Bots, as conversões podem ser incríveis. Assim, em 2019,

veremos cada vez mais as marcas a apostarem em campanhas de publicidade

neste canal. Por sua vez, as novidades recentes ao nível das páginas de

Facebook e das opções de comunicação diretamente nos grupos, vai em 2019,

criar oportunidades para podermos ter eventualmente, grupos nas opções de

interesse, aquando do setup das campanhas;

4. Facebook Stories Ads: As Stories já tomaram de assalto o Instagram e estão

a crescer no Facebook. Assim, 2019, terá nas Stories do Facebook, um formato a

ter em conta para as suas campanhas;

5. Social Shopping: A mais recente opção de adicionar product Sticker´s às

Stories do Instagram, além das opções já existentes como os Facebook

Collection Ads, demonstra claramente que, vender diretamente no Facebook e

Instagram, será uma tendência em 2019 e que irá merecer uma fatia do seu

orçamento. Particularmente se for uma loja online;

https://helderricardopinto.com Pág. 35


TENDÊNCIAS MARKETING DIGITAL - 2019

6. Publicidade no WhatsApp: Já é possível, via gestor de anúncios, criar

campanhas com opção das mesmas aparecerem no Whatsapp, no entanto, o

lançamento do Whatsapp Business, vai dar enormes oportunidades para as

marcas poderem interagir com os seus clientes, através de campanhas

fortemente segmentadas. Teremos em 2019, formatos muito interessantes a

explorar nesta plataforma;

7. Anúncios de Realidade Aumentada: Este formato, certamente vai dar que

falar em 2019. Estima-se, segundo a Boston Consulting Group, que 80 milhões

de pessoas consomem conteúdo em AR por mês. A possibilidade de

proporcionar uma experiência imersiva com o produto ao nível da

experimentação e disponibilizar um call to action que permite a transição para a

compra direta dentro do Facebook, trará enormes vantagens para as marcas.

https://helderricardopinto.com Pág. 36


TENDÊNCIAS MARKETING DIGITAL - 2019

Essencialmente em 2019, a sugestão que lhe deixo passa por:

Conhecer muito bem o seu consumidor e o seu mercado. É nas pessoas

que se deve focar;

Dominar muito bem as plataformas e o gestor de anúncios, que está

constantemente a evoluir;

Ter uma visão estratégica e orientada para o negócio;

Ser criativo, testar as diversas opções, principalmente as novidades, de

forma a perceber o que resulta e gera receita para o seu negócio e

proporciona uma excelente experiência para o seu cliente

Está a par de outras tendências? Envie-me um email e trocamos ideias.

Sucessos digitais em 2019.

O Márcio é atualmente Digital Marketing Manager da

marca Delta Q – Grupo Nabeiro -.

Márcio Miranda

No seu percurso profissional trabalhou como Account em

agências de publicidade e de meios, passando também

por funções de marketing e marketing digital em empresas

do setor automóvel, formação e centros comerciais. Desde

2011 que é formador de marketing digital com enfoque em

estratégia digital, social media e online advertising,

realizando ainda projetos de marketing digital para PME.

Linkedin | E-mail

https://helderricardopinto.com Pág. 37


TENDÊNCIAS MARKETING DIGITAL - 2019

GOOGLE ADS

Com o nal do ano à porta, é altura de fazer balanço do ano que termina e fazer

projeções para o ano que se avizinha. Neste sentido, trago duas tendências na

compra de anúncios no Google que acredito que valerá a pena explorar em

2019.

Explosão do Google Shopping e do

E-Commerce em Portugal

O ano de 2019 promete ser um ano

quente em Portugal no que toca ao E-

Commerce. O mercado digital está

cada vez mais evangelizado,

proprietários de lojas têm cada vez

mais a noção da importância do canal

online para aumentarem as vendas.

Isto não é apenas um feeling pessoal,

acredito que há um outro

acontecimento que vai acelerar a

curva de interesse na venda de

produtos online: o surgimento, em

força, dos e-marketplaces. Dois

grandes players vão entrar com tudo

no mercado dos e-commerce, com

MarketPlaces: o KuantoKusta e o

Dott, uma Joint Venture da Sonae e

CTT.

A entrada destes players no mercado,

vai aquecer o mercado e acelerar a

compra e venda de produtos pela

internet em Portugal.

Nesse sentido, prevejo uma

inevitável explosão do Google

Shopping por cá.

Não é preciso fazer muitas pesquisas

de produtos para perceber que

acontece o seguinte em Portugal: a

maioria dos anunciantes do Google

Shopping por cá ou são empresas

internacionais que estão a explorar

essa oportunidade ou são grandes

empresas / empresas bem

estabelecidas de Portugal. Poucos

são os casos de empresas

portuguesas de pequeno ou médio

porte a vender por este canal. E

porquê? Essencialmente, falta de

conhecimento e falta de recursos. Por

falta de resultados não será,

seguramente. Com este crescimento

de interesse no e-commerce e com

mais pessoas a comprar pela Internet,

acredito que haverão mais empresas

interessadas em explorar esta

oportunidade do Google Shopping.

https://helderricardopinto.com Pág. 38


TENDÊNCIAS MARKETING DIGITAL - 2019

A minha dica: implementar o Google Shopping não é simples e requer

conhecimento técnico (sobretudo com a criação de um feed de produtos).

Informem-se bem sobre as empresas e prossionais que vos podem ajudar

nessa implementação, vejam os casos de sucesso e os portfólios.

O Youtube como um posicionamento cada vez mais Premium para

colocarmos os nossos anúncios

Não é novidade para ninguém que o Youtube tem cada vez mais audiência que

a televisão. Nas gerações mais novas, televisão é coisa do passado. Os novos

ídolos saem da Internet, as tendências de moda ou compra de produtos

nascem muitas vezes no Youtube e espalham-se de forma incrível.

O Youtube tem sido o canal onde tenho tido resultados mais incríveis para

alguns clientes. E não, desengane-se: não é preciso um grande orçamento para

anunciar lá, muito menos fazer produção de vídeo. Nada disso.

https://helderricardopinto.com Pág. 39


TENDÊNCIAS MARKETING DIGITAL - 2019

Falo da publicidade estática, os banners quadrados que aparecem do lado do

vídeo, ou os banners retangulares que aparecem dentro dos vídeos.

Através da Rede de Display da Google, podemos colocar anúncios

estrategicamente posicionados em vídeos relacionados com a temática do

vídeo que estamos a assistir.

No exemplo acima, estou a assistir a um vídeo sobre Google Ads e recebe um

anúncio para compra de um domínio, que faz todo o sentido para quem está a

investir em Digital. Mas poderia ser de uma ferramenta de criação de relatórios,

ou de otimizações de campanhas, por exemplo.

A minha dica é que façam o seguinte: façam uma listagem de vídeos onde

querem colocar os vossos anúncios e montem uma campanha de Google Ads

em Display a apontar para esses vídeos.

https://helderricardopinto.com Pág. 40


TENDÊNCIAS MARKETING DIGITAL - 2019

Isto terá dois impactos brutais: Primeiro, reforçará o branding da vossa marca,

por estarem sempre a aparecer em vídeos dentro da vossa temática de

especialização (ser top of mind), e segundo, todo o tráfego proveniente desses

vídeos será tráfego altamente relevante e, de certa forma, tráfego com um nível

de conhecimento maior sobre a temática e, portanto, de meio/fundo de funil.

Nas minhas formações de Google Ads, falo bastante sobre isto, e em 2019

andarei por Portugal.

Estas são as minhas apostas para 2019 e o caminho para onde vou continuar a

apontar.

Quem vem comigo?

O meu nome é Roberto Cortez e trabalho com tráfego

pago do Jusbrasil, site #1 mundial na área jurídica. Além

disso, tenho uma empresa própria e dou formação

pontualmente. Tenho 7 anos de experiência com Google

AdWords (agora Google Ads) e geri mais de 3 milhões de

euros de um portfólio de cerca de 50 clientes. Sou

certificado pela Google e já dei formação a mais de 250

pessoas. No meu LinkedIn, recebi mais de 100

recomendações para Google AdWords.

Roberto Cortez

Website

https://helderricardopinto.com Pág. 41


TENDÊNCIAS MARKETING DIGITAL - 2019

VÍDEO MARKETING

Hoje em dia, vemos o video marketing a tornar-se uma arma bastante

poderosa nas diversas estratégias de marketing. A cada dia que passa,

valorizamos mais os conteúdos audiovisuais que os textuais propriamente

ditos. O vídeo marketing é uma ferramenta bastante útil para impulsionar

campanhas online e o Return of Investiment (ROI).

Neste artigo vamos apresentar algumas soluções de vídeo marketing muito

úteis que pode aplicar na sua empresa. Descubra esta fórmula imparável de

alcançar pessoas e parte essencial do marketing na era moderna.

O que é o Video First?

Antigamente para fazer um vídeo era necessário

toda uma equipa prossional e equipamentos de

alta qualidade, entretanto hoje em dia a produção

de um lme está ao alcance de qualquer um. Esta

ideia veio mudar um pouco as mentalidades e a

área dos audiovisuais. O vídeo vê hoje um

crescimento enorme em diferentes redes sociais.

Os vídeos nativos são todos aqueles em que é

feito o upload direto no Youtube, Instagram ou

noutra rede social.

Anal, vivemos uma revolução de conteúdos

enorme e isso está à vista de todos, com os

youtubers, bloggers ou instagrammers desta vida.

O seu sucesso deve-se, sobretudo, aos vídeos

que produzem e à divulgação dos mesmos.

Mas, de que forma essas pessoas podem chegar ao seu público? É fácil, basta

entrar numa rede social, fazer “swipe up” et voilà somos impactados por estes

novos produtores de conteúdos.

https://helderricardopinto.com Pág. 42


TENDÊNCIAS MARKETING DIGITAL - 2019

O que é o Live Video (ou Live Streaming)?

Sabia que recebe sempre uma noticação

quando alguma empresa que segue no

Instagram ou no Facebook inicia um vídeo

em direto? Pois é, esta é uma ferramenta

bastante poderosa, pois além de iniciar um

vídeo em direto, consegue garantir mais

facilmente que o seu público realmente vê

aquele direto.

O mesmo não acontece com outros vídeos, mesmo carregando no seu perl,

poderão não chegar a todos devido ao algoritmo de cada rede social.

Posto isto, e havendo mais probabilidades das pessoas verem o seu vídeo em

direto, é agora necessário que cative, para que a pessoa continue a ver o direto

e, eventualmente, interaja. Certamente não vai querer ter um vídeo em direto

sem qualquer visualização, certo?

Qual o melhor formato para o meu vídeo?

Apesar de ser fácil gravar um vídeo hoje em dia, é necessário ter alguns

cuidados, nomeadamente, na edição do vídeo e na adaptação do formato

mediante a rede social em que pretende partilhar o vídeo. Evite erros como

cortar cabeças, cortar texto ou até mesmo ter um áudio impercetível. Assim, é

necessário ter algumas noções básicas de edição de vídeo e adaptação aos

diferentes formatos disponíveis. Neste artigo poderá descobrir todos os

formatos disponíveis e as respetivas medidas, consulte aqui.

https://helderricardopinto.com Pág. 43


TENDÊNCIAS MARKETING DIGITAL - 2019

De que forma o video marketing atrai mais clientes?

O vídeo é a única forma de mostrar ao cliente, de forma rápida, os seus

produtos, permitindo que este se conecte emocionalmente com a marca. Sabia

que os seres humanos têm um tempo de atenção de cerca de 8 segundos? Se

o seu vídeo não se destacar neste espaço de tempo, provavelmente não terá

impacto na sua audiência.

Desta forma, é necessário chamar a atenção dos peixinhos dourados que são a

sua audiência, dê preferência a um vídeo claro, conciso e com um título

cativante. Estes são alguns dos requisitos obrigatórios para ter sucesso num

vídeo. Tendo um vídeo de sucesso é meio caminho andado para o cliente

conhecer a sua marca, envolver-se emocionalmente, terminando o seu

percurso na compra.

João Pico, lisboeta, 47 anos. Mestrando na ESCS em

Audiovisuais e Multimédia. Com mais de 25 anos de

experiência de produção de vídeo, de composição musical,

e desenvolvimento de projectos audiovisuais, formatação

de programas televisivos, produção, promoção e

distribuição, onde aplica os conhecimentos especializados

em Web Video Marketing

(www.webvideomarketingportugal.com), site que

também criou e alimenta.

João Pico

Desde 1998 na SportTV como senior editor, ganhou 7

prémios de edição de imagem. Antes da SportTV, entre

1994 e 1998, passou pela TVI como editor de vídeo. Tem

ainda o curso de música do Hot Jazz Club, Formação de

Formadores pela Cenjor, Fotografia na ARCO, Logomedia e

3D Studio Max.

E-mail | Telefone

https://helderricardopinto.com Pág. 44


TENDÊNCIAS MARKETING DIGITAL - 2019

LIVE STREAMING

Quando em 2015 pela primeira vez experimentei live streaming, através da

plataforma Blab, onde entre outros, tive a companhia do Helder Pinto, quei

encantado com a experiência e com vontade de continuar. Infelizmente, pouco

tempo depois o Blab fechou, e fiquei apeado.

Mais tarde, o Facebook começou a democratizar o acesso aos videos em

directos para todos os utilizadores e páginas. Depois de algumas tentativas

tímidas, avancei para a minha primeira transmissão em directo preparado há 2

anos, onde fiz as minhas previsões de 2017, acho que acertei em algumas.

Daí para cá, terei seguramente mais de 150 horas em directo e uma quantidade

de videos na mesma ordem de grandeza. Acompanhados por um

reconhecimento, crescimento pessoal e prossional, a criação de uma marca

pessoal que começa a despontar, mais de cem convidados, transmissões em 3

idiomas percorrendo 13 países, até ao momento.

Para 2019, prevejo o crescimento do formato. O video em directo é sinónimo de

interacção, entertenimento, transparência, espotaneidade, criação de

proximidade com a nossa comunidade, e esses factores, serão fundamentais

nas empresas ou profissionais.

https://helderricardopinto.com Pág. 45


TENDÊNCIAS MARKETING DIGITAL - 2019

2019 será um ano onde o branding vai ser ainda mais importante. Cono

naquela marca? que valores me transmite? Que pontos fortes ela tem e de que

forma me pode ajudar?

É aqui que prevejo o formato de vídeo em directo como uma grande mais valia.

Podes perguntar, mas todos vão fazer isso? Será mesmo uma tendência?

Honestamente não sei, aquilo que sei, é que por experiência própria, o vídeo em

directo é das ferramentas mais poderosas de branding.

Como o fazer? Recomendaria que denisses os passos que os teus clientes dão

até comprar algo. Para cada uma dessas etapas, dene um conteúdo ou

conteúdos que possas entregar no formato em directo. Se estás limitado/a de

tempo, enfoca-te na fase de compra.

Apresenta o produto ou serviço que tens,

que benefícios destacarias? Que resolve em

tempo real as objecções e se possível, cria

formas de medir a efectividade de cada

directo e o seu ROI. Cria cupões, códigos ou

links para usar durante ou depois do directo,

para que possas ver quantas vendas te

gerou esse conteúdo.

Se a tua disponibilidade é maior, procura

cobrir todas as fases do processo,

entregando conteúdos de utilidade para os

teus clientes e potenciais clientes.

Que problemas tipo têm os teus clientes, de que forma os podes ajudar, o que

devem fazer, quais as melhores soluções, acompanhadas de prós e contras.

São imensas as possibilidades e se puderes, conta histórias, entretém. No início

pode ser mais complicado, mas com o tempo e a prática, vai ser bem mais fácil

e divertido.

Que mais podes fazer? Entrevistas com prossionais da tua área ou áreas

complementares, não tenhas medo que possam ser concorrentes, preocupa-te

mais em entregar conteúdos de valor à tua comunidade, faz lives de

backstages, gostamos de ver o que acontece por detrás dos panos.

https://helderricardopinto.com Pág. 46


TENDÊNCIAS MARKETING DIGITAL - 2019

Faz demonstrações dos teus produtos, unboxings, webinares, tutoriais, sessões

de perguntas e respostas, e quando estiveres mais confortável podes fazer

programas com vários convidados.

Recomendo-te que antes de começares com convidados, faz bastantes a “solo”,

precisas de ganhar confiança e destreza para dominar a parte todo o processo,

desde a ferramenta que vais usar para o directo, a interacção com o público e

também o(s) tema(s) que vais tratar.

A maioria dos convidados que tive tinham pouca experiência em directo, ou era

a primeira vez, se não lhes transmites confiança e segurança, pode correr

bastante mal. Treina, muito.

Acredito que se usares esta estratégia para 2019, terás resultados muito

interessantes, mantendo, como é evidente uma frequência nas transmissões,

recomendo pelo menos uma vez por semana.

Queres começar? Partilho contigo um link para que possas usufruir um mês de

teste da ferramenta que uso, BeLive, https://belive.tv/marco_novo

Mestrando em criatividade e inovação na UFPLicenciado e

bacharel em marketing pelo ISCAP

Certificação Hubspot em : Inbound Marketing, Content

marketing e Email Marketing

Consultor e formador em Marketing desde 2007

Partner oficial BeLive.TV

Marco Novo

Apaixonado acidental pelo marketing, vai aqui e ali

espalhando a palavra do marketing, pretendendo com isso,

tornar empresas e consumidores, aliados na criação de

relações duradouras, em que ambos fiquem a ganhar.

Ligado à cultura, sendo fundador, membro da direcção e

sócio de duas associações culturais. Apaixonado por teatro

e actor do Auto da Floripes, peça de teatro popular com

mais de 200 anos.

Twitter | Linkedin | Facebook | Youtube | Instagram | Email | Web | Tel

https://helderricardopinto.com Pág. 47


TENDÊNCIAS MARKETING DIGITAL - 2019

CONCLUSÃO

Chegamos ao m deste E-book, espero que tenha gostado e que retire insights

e inspiração para a sua estratégia de Marketing Digital, em 2019.

Uma palavra de agradecimento aos meus amigos e colegas de prossão, que

aceitaram o desao de partilharem o seu conhecimento e visão para 2019, sobre

as suas áreas de atuação.

Recomendo vivamente, uma visita ás redes sociais dos autores, com toda a

certeza vai encontrar conteúdos super relevantes.

Resta-me agradecer o seu interesse e precioso tempo, e já sabe, partilhe a sua

opinião e experiências.

Qualquer dúvida, estou cá para ajudar

Obrigado!

Um abraço,

Helder Pinto

Digital Marketing Strategist & CRO

Consultor de Marketing Digital

https://helderricardopinto.com

info@helderricardopinto.com

https://helderricardopinto.com Pág. 48


OBRIGADO

Similar magazines