clipping adimb

adimb.com.br

clipping adimb

global de US$ 40 por MWh. Com a redução anunciada pelo governo em setembro do ano passado, de28%, o valor chegaria perto de US$ 45. No entanto, empresários calculam que o corte deve ficarpróximo de 11% e, neste momento, tentam conseguir mais.Para os preços, as perspectivas nos próximos anos não são animadoras. Naopinião do presidente da Alcoa, a cotação não vai subir neste ano. "O volume de estoques continuasubindo, e a China continua aumentando sua produção. Muitas das fábricas chinesas são estatais e émais difícil de serem fechadas", afirma Feder.Analistas que acompanham o metal também não preveem altas expressivas. Briggs, do BNPParibas, calcula um preço de US$ 2.200 por tonelada neste ano, pouco acima dos US$ 2.100 atuais. Omesmo preço foi projetado pelo Bank of America Merrill Lynch, que cortou em dezembro suaprevisão em 4%. O banco australiano Macquire, por sua vez, reduziu em 2,9% sua estimativa para ometal em 2013 na semana passada, para US$ 2.075 por tonelada. Na mesma linha, a agência de riscoStandard & Poor’s disse em relatório recente que o mercado global de alumínio continua desafiador.Fonte: Valor EconômicoData: 17/01/2013A DIFÍCIL TAREFA DE CUTIFANI PARA RECUPERAR A ANGLO AMERICAN"Sou um engenheiro de minas - tenho de seguir o princípio da simplicidade", disse MarkCutifani, ao declarar sua ambição de tornar a Anglo American a melhor mineradora do mundo.Embora Cutifani possa ser uma pessoa que valorize a simplicidade, a tarefa com que sedefronta será tudo, menos simples.A Anglo American, cujo comando Cutifani assumirá no início de abril, enfrenta desafios quevão desde os mais corriqueiros até os de ordem existencial.Cutifani - um australiano que se esforçou ao máximo para conquistar um bom grau decredibilidade na África do Sul - terá de fazer frente a todos eles. Precisará recuperar o que foi descritopor analistas do Deutsche Bank como "elo perdido" entre a direção da Anglo e suas divisões, dar umasolução para o problemático projeto Minas-Rio no Brasil e enfrentar as difíceis relações que a Anglomantém com a África do Sul, onde a empresa foi fundada.A Anglo enfrenta dificuldades para concorrer no cenário mundial desde que transferiu seuregistro principal da bolsa de Johannesburgo para a de Londres, em 1999, ficando bem atrás doslíderes mundiais do setor - a BHP Billiton e a Rio Tinto - em termos de capitalização de mercado.A Cynthia Carroll, que anunciou que deixaria o cargo de principal executiva em outubropassado, foi atribuído o mérito de ter melhorado as relações da empresa com as autoridades sulafricanas.Mas as violentas greves ocorridas no país no ano passado e a perspectiva de novas tensões

More magazines by this user
Similar magazines