Views
4 years ago

Gênero, memória e narrativas ST. 41 Pedro ... - Fazendo Gênero

Gênero, memória e narrativas ST. 41 Pedro ... - Fazendo Gênero

Gênero, memória e narrativas ST. 41 Pedro ... - Fazendo

Gênero, memória e narrativas ST. 41 Pedro Vilarinho castelo Branco UFPI Palavras-chave: Memórias, masculinidades, identidades de gênero. Memórias e identidades masculinas: a construção de masculinidades em Teresina nas primeiras décadas do século XX. A vida moderna que transcorria, principalmente, no mundo urbano, exigia dos homens uma formação mais aprimorada. A preocupação não era só em prepará-los melhor do ponto de vista intelectual, era fundamental que eles fossem saudáveis, que tivessem corpos rijos, livres de doenças, de vícios que poderiam comprometer seu desempenho e utilidade na sociedade, correndo o risco mesmo de contaminar a prole. Era preciso ainda que estivessem moralmente preparados para serem bons cidadãos, pais zelosos, conscientes de seus deveres para com a família e com a pátria. 1 Em síntese, que fossem homens marcados pelo processo de escolarização, pela disciplina, conforme aparece na escrita dos literatos do período. A instrução escolar terá, no caso da nova percepção da masculinidade, papel central. As escolas secundárias e mesmo a superior foram, diante dos novos conhecimentos educacionais direcionadas preferencialmente aos jovens na faixa etária entre os 12 ou 13 anos e os 22, 23 anos de idade. Criava-se a idéia de um adiamento da vida adulta em nome da melhor preparação para a competitiva vida profissional no mundo urbano moderno. Até os anos 80 do século XIX, o ensino secundário era quase inexistente no território piauiense, o que fazia com que os aspirantes ao ensino superior procurassem o ensino secundário em outras cidades próximas a Teresina. Nos anos 1880, a cidade de Teresina passou a contar, além do Liceu Piauiense, com algumas instituições privadas que se dedicavam também ao ensino secundário, merecendo destaque o Colégio Nossa Senhora das Dores. 2 O que nos interessa enfatizar é o crescimento na oferta de oportunidades de acesso ao ensino secundário, com escolas que ofereciam vagas para alunos internos e externos, tornando a cidade um pólo de atração para muitos jovens provenientes do interior do Estado. Esse processo de fortalecimento das instituições de ensino em Teresina ganha impulso no final do século XIX, com a chegada de novos bacharéis, formados fora do Estado e que, em grande medida, tomarão parte nas iniciativas educacionais. Os bacharéis que voltavam de Pernambuco, da Bahia e do Rio de Janeiro, formados em Direito, Medicina, Engenharia e Farmácia tornavam-se exemplos de que o percurso que levava à formatura superior era uma possibilidade real, que

Gênero, memória e narrativas - ST 41 Lucia M. A. ... - Fazendo Gênero
Gênero, memória e narrativas ST. 41 Karine Simoni UFSC Palavras ...
Gênero, Memória e Narrativas – ST 41 Alessandra Rosa Carrijo ...
Gênero, memória e narrativa – ST 41 Amanda Pérez Montañés ...
gênero, idade média e interdisciplinaridade. ST ... - Fazendo Gênero
1 Questões de gênero e educação – ST 58 ... - Fazendo Gênero
Confissões da 'loucura': narrativas de mulheres ... - Fazendo Gênero
Gênero Ciência e Tecnologia. ST 22 Claudia ... - Fazendo Gênero
Gênero e sexualidade nas práticas escolares. ST ... - Fazendo Gênero
Genêro e Religião – ST 24 Maria Cristina Leite ... - Fazendo Gênero
Gênero e sexualidade nas práticas escolares ST ... - Fazendo Gênero
Gênero na Literatura e na Mídia. ST. 4 ... - Fazendo Gênero
gênero, idade média e interdisciplinaridade ST ... - Fazendo Gênero
Gênero e Religião ST. 23 Erica Piovam de Ulhôa ... - Fazendo Gênero
Gênero, Ciência e Tecnologia. ST 22 Maria de ... - Fazendo Gênero
Gênero nas 'ciências naturais e exatas'. ST 25 ... - Fazendo Gênero
1 Gênero , Ciências e Tecnologia. ST. 22 Auri ... - Fazendo Gênero
Gênero e Religião – ST 24 Sônia Cristina Hamid ... - Fazendo Gênero
MEMÓRIA E ORALIDADE: - Fazendo Gênero - UFSC
A MEMÓRIA DE GÊNERO NAS CINEBIOGRAFIAS - Fazendo ...
1 Gênero, raça/etnia e escolarização. ST 23 Ana ... - Fazendo Gênero
Estudos em análise crítica do discurso. ST 2 Ana ... - Fazendo Gênero
- 1 - ST 49 – A Construção dos Corpos: Violência ... - Fazendo Gênero
1 Gênero e Religião ST. 24 Joice Meire ... - Fazendo Gênero
Gênero, violência e segurança pública ST. 39 ... - Fazendo Gênero
Gênero, Ciência e Tecnologia. ST 22 Isabel ... - Fazendo Gênero
Gênero e Religião. ST 24 Clarice Bianchezzi ... - Fazendo Gênero
Relações de gênero e suas representações na ... - Fazendo Gênero
Gênero e Religião – ST 24 Nadia Maria Guariza ... - Fazendo Gênero
História, gênero e trajetórias biográficas – ST 42 - Fazendo Gênero ...