Economia & Mercado Setembro 2020

online.magazines

observação

Mali, Agosto de 2020

O espectro de uma

crise que tarda

a cessar

A junta militar que tomou o poder no

Mali a 18 de Agosto passado, por via

de um golpe de Estado, veio agudizar

uma instabilidade que se arrasta desde

2012, e com repercussões alarmantes

sobre a economia, dada a prolongada

estagnação económica e os elevados

índices de corrupção naquele país da

África Ocidental.

Mais grave ainda é a persistente ausência

de sinais para a reconquista da paz e

tranquilidade, mesmo com a intervenção

de instituições multilaterais como a ONU.

Na mais recente crise, por exemplo,

a junta militar que tomou o poder e a

Comunidade Económica dos Estados da

África Ocidental (CEDEAO) tentaram uma

série de negociações que se arrastaram

por vários dias, mas que não resultaram

em qualquer acordo para a transferência

de poder para os civis. As duas partes

chegaram a afastar, nessas negociações,

a reintegração do ex-presidente, Ibrahim

Boubacar Keita, depois de este ter dito

aos representantes da CEDEAO que já

não queria governar, contrariando uma

das exigências iniciais da organização

regional e tornando ainda mais difícil o

alcance de consensos.

fotografia D.R

6

www.economiaemercado.co.mz | Setembro 2020

More magazines by this user
Similar magazines