Views
2 months ago

Revista Apólice #211

especial ciab | csc CSC

especial ciab | csc CSC compra a XChanging e desponta em serviços digitais para seguros O bilionário mercado mundial de seguros acaba de ganhar um reforço em oferta de sistemas e serviços que podem ajudar as seguradoras a oferecer soluções inovadoras a seus segurados. Isto é o que a CSC pretende fazer de forma mais efetiva, a partir da compra da empresa de software e terceirização de serviços de seguros XChanging, anunciada recentemente. Com essa transação, a CSC passou a ter aproximadamente 66 mil funcionários globais, dos quais 18 mil são dedicados exclusivamente a seguros. Para Alexandre Elid, gerente sênior da Área de Seguros da CSC, esse empenho da empresa tem um motivo bastante concreto: “os mercados e o comportamento das pessoas estão mudando e as empresas têm de se adaptar para se destacar. Na era dos smartphones e tablets, os clientes de seguros estão cada vez mais acostumados com opções de serviços sempre disponíveis, mais comuns em outros setores. É natural que eles esperem que seus provedores de seguros também ofereçam essas mesmas conveniências e inovações”, afirma. Elid reforça a importância de as empresas dedicarem uma atenção especial a essa transformação digital desde já, pois as projeções dizem que em 2020 teremos 50 bilhões de dispositivos conectados à internet em todo o mundo e, em 2030, a população urbana mundial deve chegar a 5,3 bilhões de pessoas, com cerca de US$ 200 bilhões de dólares nas mãos de jovens compradores intensivos de tecnologia e mobilidade. O futuro é hoje Independentemente das projeções, o comportamento dos consumidores 28 mudou e mesmo aqueles nascidos antes dessa evolução digital já se sentem muito confortáveis com toda essa tecnologia. As pessoas incorporaram os dispositivos móveis ao cotidiano e as transações eletrônicas em geral passaram a ser cada vez mais comuns. Eles procuram novas aplicações, ideias e experiências que possam ajudá-los a fazer escolhas mais eficazes e rápidas, para dispor de mais tempo livre. E, nesse aspecto, as novas tecnologias como big data, computação em nuvem, mobilidade, redes sociais e, mais recentemente, a “Internet das Coisas” (IoT, do inglês) convergiram para permitir maneiras incríveis de possibilitar uma nova economia digital, que agregue valor às necessidades desses consumidores e amplie as possibilidades de canais de distribuição. Nesse mercado em rápida evolução, as seguradoras precisam criar ofertas personalizadas para seus clientes, disponíveis em diversos canais e que possibilitem múltiplas interações durante o ciclo de relacionamento com o segurado. As soluções da CSC vão exatamente nesse sentido, com programas para completa transformação, aplicativos de última geração e infraestrutura para serviços de processos de negócios, que permitem que qualquer empresa tenha as ferramentas necessárias para competir em um ambiente de cliente em primeiro lugar. “Nesses tempos de transformação digital, aproveitar os micromomentos – que são as pequenas fatias de tempo no mundo digital – é fundamental, otimizar a experiência dos clientes é chave, ou seja, fazer mais com menos, mais rápido, com segurança e sem obstáculos. Interagir com notificações por ’push’, que podem ser usadas para mitigação de riscos com base em dados de localização ou comportamento, conquistar novas vendas ou vendas cruzadas e apresentar campanhas são oportunidades únicas nessas microfatias de tempo, quando conhecemos nosso cliente. As seguradoras já estão em busca desta transformação e a CSC é uma parceira de peso nesta jornada, tornando nossos clientes fortes e fazendo a diferença no mercado”, finaliza Elid.

29

Revista em - Clube Vida em Grupo