Views
1 year ago

PUBLICACAO_GENERO_FINAL

6 APRESENTAÇÃO Desde

6 APRESENTAÇÃO Desde 2005, o CDHEP – Centro de Direitos Humanos e Educação Popular do Campo Limpo – oferece cursos em diversas partes do Brasil e do mundo para formar facilitadores em Práticas de Justiça Restaurativa, tendo como objetivos principais interromper o ciclo da reprodução da violência e buscar o potencial transformador dos conflitos. A partir de 2013, as discussões sobre gênero e sexualidade começam a ganhar fôlego na instituição, e a possibilidade de pensar essas problemáticas de forma articulada se mostra um desafio necessário. Esta publicação é resultado da nossa primeira tentativa neste sentido, o trabalho desenvolvido no Projeto Redução da violência de gênero e da cultura punitiva no Sistema de Garantia de Direitos da Criança e do Adolescente: as práticas de justiça restaurativa e a formação em gênero e sexualidade como aportes teórico-metodológicos, subsidiado pela Secretaria de Direitos Humanos da Presidência da República. O objetivo é que, além de apresentar o percurso e os resultados desse projeto, esta publicação também possa ser um subsídio importante para o/a educador/a em sua prática cotidiana.

7 PERCURSO DO PROJETO O Projeto Redução da violência de gênero e da cultura punitiva no Sistema de Garantia de Direitos da Criança e do Adolescente: as práticas de justiça restaurativa e a formação em gênero e sexualidade como aportes teórico-metodológicos teve como principal objetivo fomentar a intersecção na discussão sobre Práticas de Justiça Restaurativa e gênero e sexualidade como possibilidade de enfrentar os conflitos em seus diversos aspectos. As ações aconteceram na região do Jardim Ângela, periferia da cidade de São Paulo. O território foi escolhido com base em dados socioeconômicos que revelam não só a vulnerabilidade social dos/as moradores/as, mas também um recorte de gênero muito claro quanto à violência. Todo o projeto foi norteado por três eixos conectados: capacitação em Práticas de Justiça Restaurativa como forma de lidar com a prevenção e superação da violência; capacitação em gênero e sexualidade como aporte necessário para entender dimensões sociais da violência e articulação em rede do Sistema de Garantia de Direitos da Criança e do Adolescente.

Justiça e Educação em Heliópolis e Guarulhos: parceria
Trabalhando com Mulheres Jovens: Empoderamento ... - Promundo
Questões de Sexualidade - Institute of Development Studies
Da Violência para a Convivência - Promundo
Política, Direitos, Violência e Homossexualidade - Núcleo de ...
Interligações entre Cultura, Violência Baseada no Género ... - SAfAIDS
Gênero e Diversidade na Escola - Portal do Professor - Ministério da ...
Como%20pol%c3%adticas%20do%20orgasmo ... - Riseup
Untitled - Sociedade Brasileira de Estudos em Sexualidade Humana
DIKE final.indd - APAV
A questão de gênero nas decisões dos tribunais penais internacionais
Um Guia para Profissionais. - Global Reporting Initiative
Cerberus Magazine - Edição Zero
Antropologia e sexualidade - Miguel Vale de Almeida.pdf
diretrizes_feminicidio_FINAL
saúde sexual e reprodutiva de mulheres imigrantes africanas e ...
Sexual and Reproductive Health for HIV-Positive ... - EngenderHealth
Manual de Formação de Formadores/as em Igualdade entre ... - Cite
O Empoderamento da Família para enfrentar a Violência Doméstica