Views
2 months ago

Rolf Neubarth Dissertacao Defesa FINAL REVISADO

56 1. Identificar se as

56 1. Identificar se as empresas possuem Gestão de Continuidade de Negócios. Gestão de Continuidade de Negócios AA A organização possui um mapeamento de conexão de entidades externas (B2B)? Essas entidades externas (B2B) possuem classificação de criticidade? As entidades externas participam de testes de continuidade de negócios? Sim ou não? Como isso ocorre? 3. Estabelecer um comparativo quanto à existência de uma gestão de continuidade de negócios nas empresas da indústria financeira com a NBR ISO/IEC 22301. Identificar as empresas que possuem Gestão de Continuidade de Negócios. Guindani (2011), Alevate (2014), ITIL, COBIT, Manoel, (2014). Fonte: o autor, com dados baseado em Bardin (1977). 3.4 Instrumentos de pesquisa e procedimentos de análise de dados Para um estudo aprofundado que permita um nível de detalhamento dos procedimentos adotados, proporcionando se estabelecer uma coleta de dados, os instrumentos de pesquisa utilizados na etapa empírica deste estudo foram: Entrevistas abertas com os gestores de riscos operacionais das instituições que compõem a amostra. Entrevista com os gestores de Segurança da Informação ou Gestão de Continuidade de Negócios. Entrevista com os gestores de Tecnologia da Informação. Entrevistas com especialistas nas disciplinas de Risco Operacional e Gestão de Continuidade de Negócios. Utilização de dados secundários. Análise de documentos de auditoria Business Impact Aanalysis (Análise de Impacto do Negócio) Planos de Recuperação de Desastres ou continuidade de negócios. Processos de gerência de versões de mudança no ambiente de tecnologia, ou análise de documentos, que evidencie o controle do ambiente de versões técnicas. Análise de resultado de testes de Plano de Continuidade de Negócios. Políticas de Gestão de Continuidade de Negócios. Documentos de governança, políticas, procedimentos e memorandos.

57 Um teste do instrumento de entrevista foi realizado com uma das unidades-caso que foram usadas como amostra para este estudo. O critério utilizado para a escolha da unidadecaso como um piloto foi a proximidade geográfica e a conveniência da empresa, levando-se em consideração a disponibilidade do profissional para uma maior flexibilidade de aprofundamento no feedback. Houve uma adesão inicial ao roteiro de entrevista, mas por ser uma entrevista qualitativa, houve uma interação bidirecional muito forte entre o pesquisador e o entrevistado e certa exigência sistemática em ouvir e compreender o respondente foi observada, para que os temas pudessem ser concluídos. A ideia de abrangência foi bem comportada pelo instrumento de entrevista e permitiu a elaboração de um roteiro com observações sistemáticas e focadas nos pontos. O entrelace de eventos relacionados aos aspectos de gestão de continuidade de negócios e as perguntas realizadas em campo foram bem-sucedidas no teste. A entrevista teste foi realizada em dezembro de 2016. O desenvolvimento dessa investigação possibilitou o entendimento de cada um dos itens, de forma individualizada, proporcionou, adicionalmente, a homogeneidade dos dados coletados, para o atendimento dos objetivos desta dissertação.

07_07_2011 - Protocolo Hepatite C Final Jun 2011 revisado Jorge e ...
DEFESA DO CONSUMIDOR - ACRA
DEFESA DO CONSUMIDOR - ACRA
DEFESA DO CONSUMIDOR - ACRA
Defesas do Hospedeiro - ufrgs
Defesa da Marca Maryjuana Café
DEFESA DO CONSUMIDOR - ACRA
Defesa Contra as Artes Negras: Artes Ténebres e Defesa Elementar
Trabalhar na Assistência Social em Defesa dos - CFESS
Dissertação Zimmermann, T.G. 2011 - UFSC
Estratégia Nacional de Defesa - Escola de Comando e Estado ...
Núcleo de Defesa da Mulher e do Fórum Leal Fagundes
47 A BASE INDUSTRIAL DE DEFESA BRASILEIRA José Carlos ...
Plano Municipal de Defesa da Floresta Contra Incêndios - Câmara ...