Revista Newslab Edição 164

newslab.analytica

Revista Newslab Edição 164 - Março 2021

MARKETING EM SAÚDE

Além de estar na rede é preciso

também ter um perfil otimizado e

com frequência de publicações. De

nada adianta ter um perfil morto

sem movimentação. O ideal é

pelo menos uma postagem diária

variando no feed nos formatos de

imagem única, carrossel, IGTV ou

reels. E também diariamente postar

no mínimo três Stories e quem sabe

até LIVEs semanais com especialistas

na abordagem de algum tema.

Lembrando é fundamental para a

empatia ter um “alguém” fazendo

vídeos e sendo o “rosto” do laboratório.

Pode ser o dono ou um porta

voz da marca. Não se esconda atrás

de uma logo, tem que ter gente

vendendo pra gente! São os novos

tempos, chega de vergonha e inove

nesse “novo normal” use e abuse

dos vídeos pois eles já representam

80% do tráfego na internet.

A divulgação nas mídias sociais

precisa se tornar um hábito. Leve

para os seus clientes informações

sobre o seu bastidor, o dia a dia

do laboratório, informações sobre

prevenção de doenças e promoção

de saúde com a contextualização

do momento e datas especiais. Isso

gera credibilidade e autoridade na

cabeça da sua audiência e maior

nível de recomendação, captação e

fidelização com os clientes.

Erro 4: Não Investir em Anúncios

Digitais

Aqui está a chave do sucesso e

você está negligenciando há quanto

tempo? Você pode anunciar somente

para mulheres numa campanha

de diabetes ou atingir apenas homens

acima de 40 anos para fazer

um teste de câncer de próstata. Já

imaginou fazer anúncios por interesse,

quem já curtiu sua página,

ex clientes, ou para quem mora a

alguns quilômetros do seu laboratório

e até mesmo para quem está

fazendo aniversário naquele mês e

você lembrar de fazer um check up

anual para a pessoa se cuidar?

As possibilidades são múltiplas

quando você anuncia e o valor é insignificante

frente a quantidade de

pessoas específicas que você pode

atingir. Com uma verba de apenas

10 reais por dia você pode alcançar

mais de 10 mil pessoas.

Que fique bem claro, redes sociais

como o Facebook/Instagram, vivem

de anunciantes. Esse é o negócio

deles e eles mapeiam todos os

comportamentos da rede, para te

entregar a pessoa mais específica

possível, seja o curtidor ou o comprador!

Caso tenha curiosidade entre

no link https://www.facebook.

com/ads/library e digite o nome de

um laboratório que seja seu concorrente

e veja se ele já está anunciando.

E saia na frente!

Repita comigo: “Quem vive de orgânico

é verdureiro!” Se você é um

empresário não pode ficar desper-

0 100

Revista NewsLab | Março 2021

More magazines by this user
Similar magazines